História A Benção dos deuses - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Percy Jackson & os Olimpianos
Tags Percy Jackson
Visualizações 20
Palavras 577
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Luta, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Olá sou a Mrs. Narry
Essa é minha primeira fic e ela ta na gaveta a um tempão pq tinha uma medo imenso de posta-la. A história foi baseada nas aventuras do Percy, mas como eu sou meio doida posso ter fugido do assunto.
Espero que agrade, me desculpa se tiver erros.

Capítulo 1 - Introdução


 

                                         Introdução

Depois da batalha contra Gaia, os Deuses e semideuses relaxaram um pouco. Sem nenhum inimigo em potencial tiveram a oportunidade de se divertirem. Gregos e romanos juntos festejavam pelos acampamentos, e no Monte Olimpo não era diferente. Deuses (maiores e menores) festejam a derrota da mãe terra.

No meio da festa um grupo de deuses resolve fazer um desafio.

- Eu quero mais lutas- disse Apolo após o copo com alguma bebida alaranjada que ao menos sabia qual era- depois que Gaia “dormiu” nada de espetacular acontecer.

-Por acaso você gostaria se ela acordasse? - pergunta Atena.

- Óbvio que não mulher, por acaso está louca? –retruca Apolo pegando a taça de vinho que ela tinha em mãos- só quero que algo aconteça, gosta de assistir as missões dos semideuses mas já imaginaram mortais as cumprindo? Seria legal.

- Claro que seria- diz Ártemis irônica- eles morreriam com o mais fracos dos monstros não é mesmo? - termina de dizer deferindo-lhe um tapa na cabeça.

-Mas é claro que isso só seria possível se eles fossem abençoados, não é? - pergunta Hefesto.

-Claro mas faça isso e seja caçado por Zeus pelos próximos milênios. -diz Hades.

-Isso seria com certeza algo interessante de se assistir. – comenta Ares rindo e sendo acompanhado pelos demais.

Apolo ficou vermelho de raiva “como assim eles ousam zumbar de mim.”, pensou, Nesse momento uma ideia veio em sua mente.

-Háháhá, vocês riem pois não tem coragem de ir até um mortal e abençoa-lo não é mesmo? – fala Apolo debochado. As expressões risonhas se tornam raivosas.

-Como ousa dizer que não tenho coragem? –fala Ares quebrando o copo que tinha em mãos.

-É isso mesmo- continuou Apolo a dizer- nenhum de vocês- diz apontando o dedo nos rostos de cada um- vocês não tem coragem de ir até u, simples morta e abençoa-lo.

-Está louco? -diz Atena- se fizermos isso a ira de Zeus se virará contra nós.

-Medrosa- acusa Apolo-EU desafio vocês a fazerem isso. Vos desafia a ir até um mortal e abençoa-lo.

Dito isto eles começaram a pensar ‘’ Será que devo aceitar?’’ mas ao olharem para Apolo em sua frente os encarando como se eles fossem um bando de medrosos o orgulho falou mais alto e a racionalidade foi para o espaço.

-Eu aceito o vosso desafio- dizem todos ao mesmo tempo exceto por Atena que diz.

-Vocês iram se arrepender.

- Só diz isso pois está com medo não é mesmo queridinha? – debocha Afrodite.

O orgulho de Atena era enorme e ela sabia controla-lo mas quando ouviu Afrodite debochando de si o autocontrole sumiu e ela acabou aceitando o desafio.

-Então daremos um passeio e escolheremos os mortais e ...- Apolo se interrompe e fica encarando alguém atrás do grupo.

-E.. Continua Apolo- diz Circe percebendo que ele se calou com a sua chegada.

- E nada Circe, só estava me despedindo dos meus tios e irmã e estava indo até aquela ninfa. - responde Apolo saindo.

Os outros sabendo que ela se contentaria com aquilo, logo foram arrumando o que fazer. Hades sumiu nas sombras, Ares desafiou Ártemis para um jogo de arco e flecha, Atena saiu dizendo que iria buscar mais bebida e Afrodite agarrou Hefesto que se assustou e ficou sem reação.

Circe sabia que eles apenas fizeram isso para não a contarem sobre o que conversavam então ela apenas se virou e partiu mas daquele momento em diante eles seriam observados de perto. 


Notas Finais


Obrigado a quem leu, me falem se está ruim ou bom
bjs!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...