História A boy like him. - Capítulo 2


Escrita por: ~

Exibições 21
Palavras 290
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi
Avisos: Drogas, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 2 - Sadness...


Narrado por Yu.

No dia seguinte acordei e sorri ao lembrar de Sookkie.

Sua preocupação comigo me senti feliz.

Desci as escadas tomei meu café e lembrei que teria aula....Como iria reagir perto de Jin?

Assim que entrei no colégio Jin me jogou contra alguns armários alguns pararam para ver e outros sorriam vendo a minha desgraça.

Ele começou a jogar todas as minhas coisas no chão.

-Não tem nada de interessante-Resmungou ele jogando minha mochila no chão.

Ele saiu andando com seus ''amigos''.

Comecei a catar as minhas coisas e fui para a minha sala me segurando para não chorar.

--

-Bullying é coisa séria-Falou a professora de artes-se você passa por isso ou vê alguém passando denuncie-Todos olharam para mim rindo.

O sinal tocou e finalmente sai daquela sala exausto fisicamente e emocionalmente.

Quando saia da sala Jin me empurrou me fazendo cair.

-Ótario!-Ele e seus amigos riam.

Comecei a chorar fui direto para o banheiro me tranquei tirei a capa do meu celular e peguei a minha lâmina e comecei a fazer vários cortes no braço enquanto chorava.

Escutei o sinal batendo guardei a lâmina escondi os cortes e segui para a sala ainda chorando.

 

--

O sinal bateu e eu segui para casa cabisbaixo.

Meus pais não estavam em casa então pude ir para o quarto sem perguntar nada.

Liguei o notebook e de cara Sook me ligou.

Aceitei e começamos a conversar.

-Você se cortou hoje?-Perguntou Sook preocupado.

-Não-Menti meio nervoso.

-Diga a verdade-Pediu ele.

-Sim-Mostrei meus cortes e Sook começou a chorar de preocupação.

-D-Desculpa-Me senti muito culpado-não chora eu te amo!

-Eu também te amo!-Falou Sook.

Começamos a falar sobre anime.

-Amanhã mesmo eu irei para ai-Sook sorriu.

-EBA!-Comemorei feliz.

 

--

continua.....

 

 

--

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


Notas Finais


É isso se gostaram comentem e deixa o favorito!beijos e até!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...