História A Casa dos Loucos - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Exibições 16
Palavras 1.035
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Mistério, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Mutilação, Sadomasoquismo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Faaaaaala galera! Estou aqui com um capítulo que eu devia ter postado ontem.

Capítulo 8 - Um Novo Aliado?


Fanfic / Fanfiction A Casa dos Loucos - Capítulo 8 - Um Novo Aliado?

~Charlotte Pov's~

Nós (James, Annabelle e eu) olhávamos os cadáveres no chão daquela sala. Eu então olhei pro garoto que sorria de um jeito psicótico.
-E então? Já acabaram de olhar os doutores e as enfermeiras?-ele disse
-quem é você?-eu perguntei
-olha, acho que é uma questão e respeito dizer seu próprio nome antes de perguntar o de alguém.....
-NÃO DIGA BESTEIRAS!-James disse o encarando.
-ain, que garoto irritado! Acordou com o pé esquerdo foi?
-ACORDEI PORQUÊ EU SOU CANHOTO MAS NÃO IMPORTA NO MOMENTO! Agora responda a Charlotte.
-então seu nome é Charlotte
-James você consegue ser muito burro viu!-Annabelle disse acertando um tapa nele
-e o nome do garoto é James. Agora falta só o seu, loirinha.
Annabelle olhou pra ele e depois sorriu
-me chamo Annabelle Campbell.
-Annabelle Campbell? Engraçado, crianças orfãs não costumam ter sobrenomes-ele disse a olhando
-bem, eu sou diferente-ela disse
-e você é....?-eu disse os interrompendo.
-Eu? Ah podem me chamar como quiserem
-então deixe que eu te dou um nome...-James começou
-NÃO-eu e Annabelle gritamos ao mesmo tempo
O garoto riu e então disse
-podem me chamar de Jack. Alguns médicos me chamavam assim. Agora.... podem tirar essa camisa de força de mim? Eles iam fazer uns experimentos comigo e eu ficaria como o cara da boca rasgada mas veio uma criatura e os matou então me ajudem aqui.
-de jeito nenhum-eu disse enquanto James e Annabelle o olhavam surpresos.
O sorriso de Jack desapareceu e ele me olhou de um jeito ameaçador.
-oh? Então está dizendo que vai recusar um pedido meu?-ele disse, se levantou da cadeira e caminhou até mim. Ele não podia mover os braços, mas conseguia mover as pernas. Eu olhei para o pé dele e vi que ele estava preso à uma corrente, dei dois passos pra trás até que ele ficou a pouco centímetros de mim.
-ah.... você é observadora.....-ele disse me olhando.
-pois é, e não tenho medo de você nem do que pode fazer. Não tive medo do cara da boca rasgada que era bem mais perigoso, por que eu teria medo de você?-eu falei o olhando desafiadoramente e colocando bastante ênfase no "você".
Ele se irritou e pegou impulso pra me atacar mas eu simplismente fui pra trás e ele caiu no chão por causa do puxão da corrente. Annabelle e James me olhavam com cara de "você é louca?"
-isso mesmo..... me trate como lixo.....-ele me olhou sorrindo-mas você não é melhor do que eu.

Eu peguei um aparelho pontiagudo e levantei pronta pra tacar aquilo nele. Percebi que James iria me impedir, mas fui mais rápida e acertei aquilo na corrente, quebrando a mesma
-CHARLOTTE O QUE VOCÊ TÁ FAZENDO?!-James gritei desesperado.
Jack se levantou com um sorriso psicótico e veio até mim. Ele ficou bem perto de mim, perto o bastante para eu conseguir sentir a quente respiração dele.
-no que está pensando, garota? Por acaso está com pena de mim?-ele disse
-pena? É claro que não. Eu preciso de alguém do sanatório, parece que vocês não tem medo de morrer. O cara que estava conosco provavelmente morreu.-eu disse olhando ele nos olhos. Consegui perceber de relance que James e Annabelle nos olhavam surpresos.
Jack sorriu
-mesmo que você pareça fria, posso ver em seus olhos que você realmente fica triste com a chance dele estar morto. E ainda sei que não está querendo me controlar, esse claramente não é seu estilo-ele se afastou de mim-por mim tudo bem, vou com vocês. Mas vocês podem tirar essa minha camisa de força?
-não-James, Annabelle e eu falamos ao mesmo tempo
-ain-Jack disse fazendo bico.

~James Pov's~

Nós andamos por um tempo voltando pra sala onde estavam a Sarah e meu irmão, mas quando chegamos lá eles não estavam. Saímos andando e nós estávamos quase jogando o Jack pela janela. Ele reclamava muito!
-AH CALA ESSA BOCA SEU MOLEQUE DE SANATÓRIO CHATO-Annabelle gritou
-depois eu e o John que somos chatos né?-eu disse
-vocês são chatos irritantes, ele é chato chato!
-então eu sou um chato chato?-Jack disse de um jeito infantil-eu não sou um chato legal?
-não-Annabelle disse
-você também não é nada legal sua ratinha de esgoto!
Quando ele disse aquilo, Annabelle não soube responder. Uma coisa eu sabia: ela vinha de família nobre, então não sabia brigar. Meu instinto foi defende-la, mesmo que de um jeito bobo.
-uma barata chamando uma senhorita de rato? Que ridículo-eu disse
-como é que é moleque?-Jack disse indo até mim claramente bravo. Aquilo foi suficiente para irrita-lo.
-não briguem!-Annabelle disse
-BRIIGAAAAA-Charlotte disse animada
-Charlotte! Você não é a certinha da turma?-Annabelle disse a olhando
-sabe de nada....-ela disse sorrindo
-olha aqui moleque, retire o que disse ou...
-ou o que? Vai me socar? Ops, você não pode!-eu disse irritando-o
Jack então acertou um chute na minha canela fazendo eu me ajoelhar. Ele se afastou um pouco e riu.
-eu sempre brigava no sanatório, acha que pode me vencer?
-acho!-eu me levantei e tentei acertar um soco nele, mas ele só desviou.
-já acabou?-ele disse sorrindo
-ainda não-eu acertei uma joelhada na barriga dele, fazendo ele perder o ar e ir pra trás
-parem!-Annabelle disse querendo ir até a briga mas ela foi impedida pela Charlotte.
Para finalizar, eu acertei um chute na cara dele. Foi um chute bem forte. Forte o bastante pra quebrar a máscara ou seja lá o que for aquilo que ele estava usando no rosto. Ele caiu no chão rindo.
-sabe, eu meio que tenho que te agradecer! Isso já estava me incomodando. Agora dá pra tirar minha camisa de força?
-NÃO DESGRAÇA-nós 3 dissemos juntos.
-ain vocês são muito mals.
De repente, John apareceu correndo no corredor. Ele estava com vários ematomas pelos braços e com um corte sangrando na testa.
-John!-eu disse quando ele chegou até nós
-cadê a Sarah?!-Charlotte disse preocupada.
-eles apareceram.... primeiro eram só duas garotas, depois apareceram vários seres..... eram como se fossem Eles mas.... a Sarah disse que não eram porquê eu podia vê-los!
Jack se levantou
-Eles?-ele perguntou interessado.
-os que só a Sarah vê!-John respondeu ofegante. Ele estava desesperado.
-John calma. Cadê a Sarah?-Charlotte disse colocando as mãos nos ombros dele
-aqueles seres a levaram!


Notas Finais


E por enquanto deixo vocês a vontade para pensarem o que aconteceu com a Sarah!
Um beijo, dois abraços e FUUUUUI


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...