História A chaos in my life - Imagine Cellbit/Rafael. - Capítulo 5


Escrita por: ~

Visualizações 133
Palavras 851
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Festa, Hentai, Musical (Songfic), Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Yaoi, Yuri
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 5 - Minha mente é mó confusão🎶


Fanfic / Fanfiction A chaos in my life - Imagine Cellbit/Rafael. - Capítulo 5 - Minha mente é mó confusão🎶

Acordei com frio e olhei pro lado. Eu transei com ele... É. Melhorou meu dia, levantei da cama e fui pro banheiro. Tomei banho , Me vesti (magina, desci pelada) é desci, já estavam todos na sala.

-que horas são? - felps perguntou

- são 8h30. Sabe o'que EU percebi? Que nos faltamos quase uma semana. - fomos todos correndo para os quartos se trocar.

~5 meses depois~

5 meses se passaram desde o meu acontecimento. Ando indo no psicólogo. E ando melhorando.
Sobre eu e Rafael. Nós nos distanciamos um pouco, ele anda saindo com uma menina, mas isso não me importa. Nem gosto dele t-t.

Felps e gabs estão namorando, Sun TA ENROLANDO, Alan e Maethe estão namorando também, o Lucas tá namorando menos eu. Rafael acho que ele também está namorando, entrou uma nova menina no grupo.

~Flashback on~

Já está na hora do recreio, andei um pouco até chegar no bondinho e abracei o pescoço de Rafael, e ele minha cintura. Até que vi uma menina ruiva sentada sozinha em um canto ( quem será esse ser fofinho?)
, O nome dela é Sasayuri, conhecida como sasa. Sai de meu abraço com Rafael e fui até ela.

-oi, prazer meu nome é (S/n).

-oi  (S/n) - ela disse com uma voz muito fofa, dá pra apertar?

Chamei ela para sentar conosco e ela se internou com todos. Ciuminho -_-

(Gente desculpa de ocorrer alguma merda sem sentido, mas é que eu tô ouvindo Hungria, então...)


Flashback off

Concluindo, eu que trouxe a praga. Eu confiei nela até demais. Falei que achava que gostava do Rafael. E depois disso que ela começou a ficar com ele.

Então nesse tempo, ela também roubou meus amigos, claro que eles ainda falam comigo, mas não é a mesma coisa. Cheguei a conclusão que me isolar seria a melhor opção, porque na verdade ninguém ligou mesmo.

- Amigaaaa - Sasa vinha gritando na minha direção

- oq é? - disse grossa

- NOSSA, eu queria saber se eu poderia dormir na sua casa hoje, porque amanhã eu vou tentar "ter" com o Rafa.

Não a c r e d i t o

- eu não quero você lá - fui pra casa. Certeza que a vagaba vai falar pros outros.

(gente eu não queria tratar ela assim TT, ela é tão amoo)

Estava quase dormindo quando recebo ligação do Alan

-(S/n), porque você tratou a sasa daquele jeito? Ela tava chorando - diz Alan possivelmente irritado.

- cara, até você, e outra, eu não sou obrigada a aturar embuste, tá? Gente falsa eu descarto, pensei que você era meu amigo também. - comecei a chorar

- para de drama (S/n) - isso realmente magoou

Dormi, dormi pensando na minha vida, sendo trocada por todos, o Aruan, meus amigos, só falta agora minha família


~


Acordei de noite e como é fim de semana fui chamar as meninas para dormir aqui em casa.

_chat _

-meninas, querem dormir aqui?

Gabs - nós estamos na casa da Sasa.

-jura? É sério mesmo?

Maithe - é, menos a Sun, pq ela disse que não gosta dela - sorri

Como sou dessas voltei a dormir.

“Meu coração falta uma peça
Por falar em peça você sempre atuou bem
Meu coração faltou uma peça
Nessa sua peça eu fiz papel de refém

Essa dona é bagaceira
Coração puro, mas a mente é maloqueira
Disposição é o que não falta a noite inteira
Por fora é meiga, mas por dentro é traiçoeira
Uh Oh Oh!

Ela me envolve, esse olhar dela
Mata mais que mil revolver
Tá querendo guerra, eu to procurando um love
Se ligo pra ela, ela sempre tá no corre
Uh Oh Oh! (x2)

Eu te liguei mais de mil vezes
Procurando um love, marquei contigo
Às dez e meia mas saiu às nove

De novo foi lost

Eu me julgava sábio
Cai na armadilha quando provei dos teus lábios
Enquanto ela me beija eu sinto um gosto
Forte de cigarro com cerveja
Me deixa estigado depois trata com frieza
Foi tipo xeque mate onde eu fui pego de surpresa

Então deixa eu jogar
Já vi que ela quer treta
eu só jogo pra ganhar, tiro de escopeta
Cupido que vim me acertar
Quer me fazer de bobo
Quer pegar o troféu
sem ter terminado o jogo

Aqui não, aqui não

Ela me envolve, esse olhar dela
Mata mais que mil revolver
Tá querendo guerra, eu to procurando um love
Se ligo pra ela, ela sempre ta no corre
Uh Oh Oh! (x2)

Pow pow, mirou na cabeça e acertou o coração
Tentei sair ileso mas a mina é confusão
Cada beijo é um golpe, mão pro alto tô no chão
chão... chão... chão... chão... chão... chão

Só por hoje, u-ma noi-te, fica comigo
Só pelo prazer amanhã eu prometo
Que eu vou esquecer
Quer ver? 1, 2, 3 não te esqueci
Quero outra vez

Meu coração falta uma peça
Por falar em peça você sempre atuou bem
(Só mais uma vez...)
Meu coração falta uma peça
Nessa sua peça eu fiz papel de refém

Essa dona é bagaceira coração puro
mas a mente é maloqueira
Disposição é o que não falta a noite inteira
Por fora é meiga, mas por dentro é traiçoeira
Uh Oh Oh!

Ela me envolve, esse olhar dela
Mata mais que mil revolver
Tá querendo guerra eu to procurando um love
Se ligo pra ela, ela sempre ta no corre.
Uh Oh Oh! (x2)

Aqui não, aqui não
Aqui não, aqui não
Aqui não, aqui não”


Sabe? Eu acho que eu não aguento mais. Eu vou tentar viajar, tentar esquecer um pouco disso tudo


Notas Finais


Eu não tenho problema nhm com a sasa, amo ela


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...