História A Chave Universal - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fairy Tail, Hunter x Hunter, Naruto
Exibições 5
Palavras 1.178
Terminada Não
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 3 - 2


       Aposto que aquele velho não vai concordar com a ideia, porém eu tenho uma carta na manga.

Agora vamos falar com o velhote.

Sai do dormitório feminino e fui na direção da guilda.

Asuna- tadaima.

Todos- hokairy Asuna-chan.

Asuna- onde está o velho eu preciso falar com ele?

Desconhecido- ele ta la no escritório.

Então eu subi as escadas e decidi falar de uma vez pro velhote oque eu sinto sem nenhuma enrolação.

Eu bati na porta três vezes.

Makarov- pode entrar.

Asuna- oi velhote.

Makarov- oi, Asuna Chan deseja alguma coisa.

Asuna- na verdade sim eu desejo.

Makarov- vc está com uma cara seria o que aconteceu?

Asuna- será que nós podemos conversar vovô.

Makarov- eita, quando vc me chama de vovô ou vc vai pedir algo ou tem algo de errado, oq foi?

Asuna- tá bom eu vou falar pro senhor, mas eu não quero que vc surte ou grite.

Makarov- oq é?

Asuna- promete?

Makarov- eu prometo.

Asuna- euqueroviajaromundoeconhecernovostiposdemagiaefazernovosamigos.

Makarov- Asuna sera que vc poderia falar um pouquinho mais devagar pra mim entender.

Asuna- eu quero viajar o mundo e conhecer novos tipos de magia e fazer novos amigos.

Makarov- OQUE?!!!

Asuna- vc disse que não iria gritar.

Makarov- me desculpe, e que a notícia é meio repentina.

Asuna- e também quando eu viajar eu queria que vc forjace a minha morte.

Makarov- será que vc poderia meplicar tudo direito?

Asuna- é que eu quero me tornar a maga mais forte da Fairy tall , mas eu também quero explorar ,viajar,conhecer novas pessoas,fazer novos amigos.

Eu quero algo além ,quero fazer missões impossíveis, e eu queria conseguir fazer tudo isso sozinha.

Makarov- bom se é isso que vc está sentindo, quem sou eu para discordar dos seus sentimentos.

Mas vc tem que me dar algo em troca para mim aceitar a sua partida,e tem que me enviar noticias de vez em quando.

Asuna- eu sabia que o senhor diria isso então eu tive uma ideia.

Que tal se quando eu for eu trazer uns pirralhos novos para a guilda?

Makarov- como assim?

Asuna- no caminho é óbvio que eu vou encontrar amigos , eu posso fazer eles entrarem para a guilda.

Aí quando eles chegarem eles irão trazer as minhas notícias e minhas cartas para o senho que tal?

Makarov- pirralhos novos né?

Makarov- eu aceito, mas pq quer forjar a sua morte.

Asuna- eu não quero que ninguém me atrapalhe ou venha atrás de mim, então se eu morrer quando eu voltar poderei fazer uma entrada triunfal falando que eu voltei dos mortos.

Makarov- bom eu vou dizer que recebi a notícia de que vc morreu fazendo uma missão classe SS.

Asuna- arigatou, velhote- eu disse e abraçei o meu avô.

Eu vou sentir saudades velhote, vê se não morre andes de mim chegar.

Velhote- eu sou velho mais nem tanto.

Asuna- so conta pro Laxus okay?

Velhote- tabom.

Asuna- adeus velhote.

Velhote- adeus,Asuna-chan.

Três meses depois...

Eu havia ido embora da guilda fazia três meses.

Eu estava investigando a torre celestial.

E no final acabei me infiltrando lá dentro.

Eu tinha que trabalhar como escrava todos os dias.

Porem eu tinha que suportar para ajudar na minha investigação.

Um dia eles me mudaram de sela.

Eu acabei parando onde estava cheio de crianças.

Sério agora eles vão brincar de adolleta.

Eles não sabem de quase nada.

Alguns dias se passaram e eu já havia me adaptado ao local.

Eu já tinha até resistência a torturas.

Um dia eu estava descansando até que eu vi um velho com a marca da guilda.

Eu decidi ir até ele para poder perguntar mais sobre esse lugar.

Asuna- vc tá a quanto tempo aqui?

Velho- eu já passei mais de dez anos aqui.

Asuna- só pra avisar a guilda está bem, e todos estão muito feliz.

Velho- como vc sabe?

Asuna- eu tô lá desde sempre.

Velho- entendo.

Asuna- sera que vc poderia me contar mais sobre esse lugar?

Velho- bom eu não sei muito,mas se diz que aqui se precisa de uma grande quantidade de magia,e quando a quantidade for atingida, uma pessoa será o sacrifício para outra poder ressuscitar.

Asuna- entendo.

Velho- vc parece ter a idade da minha neta, quantos anos vc tem?

Asuna- 4 por que?

Velho- vc é muito jovem para estar em um lugar como este, e tb se nos não estivéssemos aqui a minha neta poderia ter entrado para a Fairy tall.

Asuna- bom se quiser eu posso conseguir convencer ela a entra para a guilda.

Velho- eu não sei se ela vai querer.

Asuna- vai ser fácil, mas não pense que é pq estou convencendo ela que quer dizer que eu vá virar amiga dela.

Velho- o nome dela é Erza.

Asuna- tá falou.

Depois dessa conversa eu fui até a garota de cabelos escarlates e decidi conversar com ela.

Eu falei sobre a Fairy tall e sobre a guilda e disse que se ela quisesse entra ela seria bem vinda.

Eu disse que quando ela entrasse na guilda ela poderia falar com o mestre.

E pedi um favor.

Asuna- Erza,se algum dia vc for para a Fairy tall será que vc poderia dizer ao mestre a sós, que a neta dele está bem e que está se divertindo muito com a sua viagem.

Erza- eu prometo,que quando eu entrar a sua mensagem será enviada.

Asuna- obrigada.

Se passaram mais tres meses e eu já havia descobrido coisas suficientes para poder sair da torre celestial.

Asuna- hey erza qual o seu nome todo?

Erza- só erza porque.

Asuna- espera aqui só um minuto.

Eu fui atrás do garoto novo.
Ele parecia gostar da erza,entao eueio que vou dar uma ajuda.

Asuna- hey.

Gerall- o que foi?

Asuna- seu nome é Gerall Fernandes né?

Gerall- sim porque?

Asuna- não é que a minha amiga não tem sobrenome e ela disse que queria a ajuda de alguém para escolher um pra ela então eu escolhi vc

Gerall- pq eu?

Eu me aproximei do ouvido dele e disse.

Asuna- pq a Erza gosta de vc.

Ele ficou tão vermelho que até ficou engraçado.

A Erza vai me matar depois.

Asuna- olha,eu tenho que resolver algumas coisas ali,entao é só vc se apresentar pra ela, perguntar o nome dela é da a ideia que vc tiver de sobrenome na sua cabeça.

Gerall- tá bom eu vou.

Ele foi mesmo, a Erza quando descobrir oq eu falei ela vai ficar uma fera.

Mais eu não vou mais estar aqui.

Depois de uma semana eu já tinha uma rota de fuga.

E essa rota só uma pessoa poderia passar e só poderia ser uma vez.

A erza agora tá toda feliz pq recebeu o sobrenome ezcarlet.

Eu sabia que ela gostava do Gerall.

Era óbvio demais.

Então eu tive que fujir da torre celestial deixando assim um novo membro para a Fairy tall.

Seu nome é Erza ezcarlet.

E ela concerteza viraria uma maga da Fairy tall.

Assim que eu fugi da torre celestial.

Eu continuei a minha viagem, procurando aprender novos tipos de magia.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...