História A companheira do Alpha - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Destino, Lobisomens, Negação, Perigo
Exibições 11
Palavras 817
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural
Avisos: Nudez
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 1 - Na nova cidade


Fanfic / Fanfiction A companheira do Alpha - Capítulo 1 - Na nova cidade

Meu nome é Hâmber, tenho 22 anos, tenho olhos azuis claros, meu cabelo é logo, ondulado e castanho médio. Estou me mudando para uma nova cidade que não é muito conhecida.  Minha família mora no Brasil, já eu, escolhi viver em outro pais para continuar minha carreira com miss, mais não posso continuar, graças a um maluco que me persegue querendo que eu seja sua mulher.

 Odeio quando as pessoas mandam em mim, independente da ordem que me dão, já gerou brigas, e com aquele maloco atras de mim, eu decidi praticar uma arte marcial. Eu luto essa arte marcial há 3 anos e ela é muito rara e se chamada Ninjutsu que também é conhecida como ''a antiga arte marcial dos ninjas'' Eu uso essas artes para minha defesa pessoal e também para fugir daquele maluco, mais eu não me formei em ninja, nem sou gradual. Mais essa não é a unica arte marcial que pratico, pois eu também sou professora Capoeira,  ESSA SOU EU

Finalmente estou a 1 quilometro de uma cidade chamada Nova Pryyme, ela é localizada em reserva na America. Estou me mudando para ela junto com minhas três cachorrinhas: Jade, Suzy e Maria. É eu adoro cães.

Depois de 30 minutos eu finalmente cheguei a cidade, agora é só encontrar um apartamento ou uma pousada para mim. Depois de 10 minutos rondando a cidade eu encontro um apartamento perfeito para mim, estacionei meu carro na garagem do hotel, sai do carro deixando minhas malas e cachorras dentro do caaro. Deixei um pouco de cada vidro aberto, o suficiente para entrar ar para elas, dentro do carro.

Quando eu chego na recepção, pergunto as informações básicas para se hospedar e claro, também pergunto se é permitido animais. 

Como é permitido animais eu me registro e volto com o carregador de malas até meu caro. 

Quando chego no carro, pego a Jade no colo e coloco a Suzy e a Maria em uma coleira e as levo até meu apartamento, com o carregador carregando minhas duas malas atras de mim. Ao chegar no meu apartamento no 3º adar, peço para o carregador deixar minhas malas em um canto do quarto e dou-lhe um gorjeta. Assim que ele sai, vou até o banheiro, coloco água na banheira, tiro minhas roupas e entro na banheira.

Depois de logos 30 minutos de banho relaxante, faço minha higiene pessoal coloco um pijama e me jogo na cama, abraço a Maria que estava mais perto de mim e durmo. Quando do nada eu tenho um sonho muito estranho:

SONHO:

Estou andando por uma cidade. Estava muito escuro e frio, eu não via nada alem da neblina. Tentei vê se escutava alguma coisa, mais não escuto nada alem do som da floresta. Comecei a andar sem rumo, quando escuto passos atrás de mim.

Eu: Quem está ai? - pergunto assustada, mais não tenho nem uma resposta, o único som que escuto é de um graveto quebrando. Em seguida aparece dois olhos vermelhos, a mais ou menos 1 metro e 80 do chão. Era com certeza um animal grande e feroz. 

Sai correndo o mais rápido que pude, só conseguia prestar atenção na minha visão e audição. Alem da minha respiração eu escutava passos atrás de mim e se aproximando rápido. Eu me distrai por um segundo e tropeço em uma raiz de uma árvore e caio morro abaixo.

Eu cai perto de uma margem de uma linda canhoeira, olhei para ela e em centro vi uma estrada de pedra e no meio da estrada de pedra da cachoeira, eu vejo um enorme lobo preto com olhos vermelhos sentado em uma pedra. Sua expressão aparentava que não ia me atacar mesmo assim fiquei assustada. Quando escuto uma voz masculina atras de mim que dizia:

Voz: Você é minha. - nessa hora acordei, comecei a pegar folego enquanto estava deitada na minha cama, comecei a olhar para o teto. Depois de me recuperar do susto eu me deito de lado e me do de cara com aquele lobo preto de olhos vermelhos me olhando, então eu começo a gritar.

Nessa hora eu acordo, mais dessa vez de verdade. Acendo a luz do abajur, me sento na cama e fecho meus olhos enquanto esfrego meu rosto com a mão, como uma tentativa de me acalmar e me acorda. Nessa hora vem a imagem daquele lobo em minha cabeça. Então, imediatamente abro meus olhos.

Eu: Que sonho é esse? - disse eu tentando encontrar uma resposta, mais é em vão. Olhei para o relógio e já era 6:00 da manhã, então eu me levantei, fiz minha higiene pessoal, tomei banho, me vesti, fui até a cozinha, coloquei leite em três tigelas e dei para minha cachorras, em seguida eu sai e fui até a floresta, para correr e me exercitar, enquanto eu me acalmava do susto daquele sonho, e talvez conhecer mais a cidade. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...