História A complicated life - Capítulo 12


Escrita por: ~ e ~Harry

Postado
Categorias Naruto
Personagens Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Kiba Inuzuka, Kushina Uzumaki, Maito Gai, Naruto Uzumaki, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha, Shizune
Tags Incesto, Narusaku, Naruto Uzumaki, Sasuke Uchiha, Sasunaru, Sasusaku, Sasusakunaru
Exibições 65
Palavras 1.929
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Hentai, Lemon, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Gomen, gomen, gomen, gomenasai. Gente me perdoem pela demora, eu estou muitooooo ocupada no serviço, não consegui postar antes. Muitooooo obrigada pelos favoritos novos, estou de olho em vocês! E pelos comentários do capítulo anterior!!!!
Bom esse capítulo tá legal!!! Espero que gostem! Kissus boa leitura! Aaahhhhh próximo capítulo será o último da fase criança deles!
Aproveitem bem o Naruto criança, pois logo vai acabar!
Precisamos apimentar essa fic logo kkkkk
E bota pimenta aí que a história vai ficar boa! Bom chega de spoiler vamos ao capítulo kissus kissus muitos kissus!!!!

Capítulo 12 - Capítulo 12


Capítulo 12


*Antes do acidente*


Pov's Itachi


Era tarde da noite quando meu pai ainda  estava conversando com meu tioo pelo celular. Parecia ser uma conversa importante, pois o semblante dele. Me infiltro em sua sala sem ele perceber.


(Ligação)


*Mas por que não posso confiar nele? Perguntou Fugaku.


*Sabe muito bem que ele quer tomar seu lugar. Ele vai fazer de tudo e o impossível para te tirar dá liderança das empresas Uchiha's Marketing.


*Sei que ele é um cara ambicioso. Mas não acho que seria capaz de fazer algo contra minha família e eu…


*Não tenho tanta certeza disso.


*Sabe de algo que eu não sei Nissan?


*Não, só tome cuidado. Como estão os meninos?


*Estão com saudades de você. Quer dizer o Sasuke ainda nem te conhece. Mas Itachi está com saudades.


*Também sinto saudades. Me desculpe não ter os visitado depois de ter ganho o Sasuke…


*Tudo bem, sei que é um homem ocupado. Afinal você cuida da empresa aí nos EUA.


*Mas assim que possível irei visitar vocês.


*Irmão, minha mulher tá me chamando pra dormir. Acho que vou dar um pouco de atenção a ela. Nos falamos amanhã?


*Sim que horas vai ligar?


*Tarde, amanhã vou levar eles no circo. Sasuke quer conhecer os palhaços.


*Tá bem, divirtam-se. Oyasumi.


*Oyasumi Nissan.


Meu pai desligou o celular e ficou olhando pela janela o céu. Ele parecia tão aéreo, que decidi sair do meu esconderijo.


_ Itachi! O que está fazendo? Estava escutando?


_ Não, otosan. Desculpe. Eu só queria saber se o senhor está bem…


Meu pai se aproxima de mim e bagunça meus cabelos.


_ Amanhã será um dia cansativo, vamos dormir.


Sorrio para meu pai, enquanto ele me acompanha até meu quarto, quer dizer o quarto que divido com Sasuke. Que por sua vez estava dormindo como um anjinho. Agarrado a um ursinho de pelúcia velho que ganhou de uma amiga de mamãe.

Nossas camas são beliches subo minha escadinha fecho os olhos tentando dormir, não foi difícil…


*Depois do acidente*


Pov's ???


Abro meus olhos e estou em um lugar todo fechado e branco, sinto uma dor enorme no peito e minhas​ pernas parecem pesar toneladas. Tento mexer meus braços, mas eles parecem estar amarrados… Tento olhar pro lado e vejo outra cama, e nela estava um cara de cabelos pretos, ele esta dormindo. Com muita dificuldade olho pro outro lado do quarto.

E não há ninguém, nem mesmo falar eu consigo, sinto como se um caminhão tivesse passado por cima de mim. E o mais estranho é que não me lembro do que aconteceu… Na verdade não me lembro de nada…

A porta do quarto é aberta, não consigo ver quem é, pois não dá pra levantar.

Mas escuto a voz da pessoa.


_ Então você acordou?


Tento afirmar que sim, mas então o rosto da pessoa entra em meu campo de visão.

Seus cabelos tão negros como a noite e olhos cor de âmbar. Ele me encara e pergunta.


_ Quer tentar se sentar?


Pisco duas vezes pra ele dizendo que sim quero me sentar. Ele me puxa com delicadeza até minhas costas tocarem a madeira da cama.

Assim que me sento, consigo reparar mais no quarto. O rapaz de cabelos negros ainda permanecia de olhos fechados.


_ Sabe me dizer seu nome?


Balanço a cabeça negativamente, na verdade não é uma mentira, não me lembro de nada…


_ Eu sei, seu nome é Yato, esteve em coma por mais de 5 anos. Você tem 2 filhos.


Como assim? Filhos? Nossa…


_ Não se preocupe, eu irei cuidar de tudo, para que possa voltar para sua família.


Ele se afasta sem falar mais nada, não consegui ver quando ele saiu do quarto. Observo mais uma vez o rapaz de cabelos negros. Tento mexer minha mão, mas é impossível… Tudo dói. O que aconteceu comigo?


Orfanato


Sasuke estava sentado no jardim dos fundos, a cerejeira era realmente linda, mas algo não saia da cabeça do moreno, lindos olhos verdes.

Um sorriso involuntariamente surge em seus lábios ao se lembrar dela.

O menor se assusta quando a porta é aberta. Seus olhos se arregalaram.


_ Hey, o que está fazendo aqui sozinho?


_ Eu estava olhando essa Sakura… Já vou voltar pro quarto.


O moreno se levanta, mas quando estava quase saindo, sente seu braço ser segurado com delicadeza.


_ Calma… Não precisa ir… Pode ficar mais um pouco comigo?


_ Sim…


Os dois sentam-se no banco. Sasuke não sabe o que dizer, afinal ele nunca havia conversado mais do que duas palavras com essa pessoa…


_ Sinto muito pelo o que aconteceu com sua família, sei que você é muito pequeno e não sabe muito bem das coisas. Mas saiba que pode contar comigo para o que precisar.


_ Eh… Arigatou…


Os dois sorriem, Sasuke sente que o que pensava por essa pessoa começa a mudar.


_ Eu estou aqui a um bom tempo. Desde que entrei não fiz muitos amigos… Eu na verdade não fiz muitas coisas boas… Afinal não sou a pessoa mais perfeita do mundo… Mas depois de escutar sua história, eu meio que me identifiquei com você. Perdi meus pais, quando ainda era criança, meu irmão cuidou de mim, mas em um dia normal o conselheiro tutelar bateu na nossa porta para me levar embora, no começo eu achei horrível, eu apanhei muito de uma mulher que hoje não está mais aqui.


_ Quando era criança você veio pra cá?


_ Sim, antigamente quem era dono daqui era um moço muito legal! Ele sempre trazia doces pra mim… Mas sempre pedia pra eu fazer coisas estranhas.


Sasuke não sabe o que falar, a pessoa continua.


_ Eu fazia por medo. Afinal eu tinha poucos amigos aqui, mas eles eram ameaçados por essa pessoa. Infelizmente eu me tornei uma pessoa não muito boa… Por isso acabei fazendo coisas erradas…


_ Você também pede pras outras crianças fazerem coisas estranhas?- Perguntou Sasuke com os olhinhos lacremejantes.


_ … Hai.


Sasuke se levanta do banco de cimento. A pessoa achou que ele iria sair correndo contando seus segredos.


_ Eu não sei de muita coisa, mas okasan custumava me dizer que quando o amor não nos é apresentado… é impossível demonstrarmos. Eu te aceito. Até por que sei que você não irá me mandar fazer coisas erradas não é?


A pessoa se levanta e diz pagando as mãozinhas do menor.


_ Acharia que eu poderia fazer mal a você? Eu estaria dando um tiro nos pés, até por que eu te contaria que sou uma essa ruim? Não mesmo, sabe porque? Por que eu confio em você.


Sasuke sorri para a pessoa e pergunta sentando do lado dela.


_ Qual o seu nome?


_ Shizune. Mas pode me chamar de Shizu.


_Shizu-neechan.


Os dois sorriem, Sasuke finalmente não estava se sentindo tão sozinho.

Enquanto isso, Naruto estava mais uma vez sorrindo olhando pro espelho e vendo seu uniforme pronto. Finalmente iria começar a ir pra escola.

Gaara aparece atrás do loiro e diz abraçando o pequeno ombro do menino.


_ Ficou ótimo! Quando vai começar a ir ?


_ Apartir da semana que vem, Kakashi-sam me garantiu.


_ Sabe quando o uniforme do Sasuke ficará pronto?


Naruto fez uma cara de poucos amigos e disse sem olhar para o ruivo.


_ Não sei.


Gaara pareceu ter percebido o tom de voz bravo do loiro, ele se alegra e diz.


_ Está com ciúmes ?


_ Eu nem sei o que isso significa… Eu só não quero que fique perguntando do Sasuke pra mim, se quer saber dele pergunte a ele.


_ Nossa, ele está mesmo com ciúmes! Naruto eu te amo seu baka!


Naruto cora dos pés a cabeça quando sente Gaara lhe apertar mais. Os dois nem percebem quando Kiba e Lee entram no quarto. E os quatro ficam ali brincando de lutinhas.


_ Hey, vocês sabiam que semana que vem é dia de visitas?


Naruto fica sério, e desvia o olhar de Inuzuka para si.


_Ah… Nenhum parente meu vem me visitar mesmo. Mas acho que seu irmão pode aparecer não é Naruto?


_Quem sabe.


Os três estranharam a maneira de falar do loiro e não percebem quando Sasuke entra no quarto.


_ O que estão fazendo?


_ Estávamos falando que semana que vem é dia de visitas, e estamos pensando quem poderia vir visitar…


_Ahn entendi.


Nenhum dos meninos se olham, Gaara se aproxima de Sasuke aue estava meio cabisbaixo, e os dois sentam-se na cama do ruivo. Naruto fecha as mãos nervoso e diz.


_ Vou tomar banho!


Os quatro garotos se assustam com o anúncio do menor. Gaara ia se aproximar do loiro, mas era tarde.


_ O que o Naruto tem? Ele anda meio estranho de uns tempos pra cá… - Disse Kiba olhando para os amigos.


_ Sim, como se não gostasse quando a gente fala com o Sasuke… - Afirma Lee com a mão no queixo pensativo.


Gaara sorri dizendo.


_ Ah vamos, ele só está bravo por que estamos dando muita atenção ao moreno aqui!


Diz o ruivo fazendo cascudos na cabeça de Sasuke. Kiba olha para Lee e os dois concordam.

Alguns garotos entram no quarto logo após a brincadeira.


(Alguns dias depois)


Pov's Naruto


É hoje, que meus dias na escola começam. Neji está todo feliz pois finalmente conhecerei meus colegas de classe.


_ Mas Neji-sam, todas as crianças da escola são de lugares iguais ao nosso?


_ Não, são crianças de famílias. De outras casas, tem também crianças que vem de abrigos. Mas suas condições são melhores do que muitas por aí.


_ Será que vão gostar de mim?


Antes de Neji responder, Kiba se intromete e diz.


_ Quem não iria gostar de você Naruto?

Sorrio para ele e Kakashi-sam aparece pela porta, ele fica me encarando e diz.


_ Naruto vem aqui! Precisamos repassar algumas informações. Você vai ficar na sala 16, turma 1H seu asento é a carteira número 25.


_ Hai, Kakashi-sam. Já decorei tudo. Mas… Eu não sei como são os números…


_ Não se preocupe a sensei vai te ajudar, e se alguma criança te provocar ou começar a te causar problemas, você avisa a sensei.


Não demorou muito a gente teve que descer pra ir pro portão, pelo menos pude ver Sakura uma vez, ela estava tão bonita, seu uniforme parece com o meu, só que ela usa saia. Neji me cutuca falando pra eu olhar pra frente, atrás dele estava Sasuke olhando pra Sakura… Eh? Espera por que ele está olhando pra ela?

A perua para na frente do portão e em fila entramos nela. Procuro um assento próximo à janela, Gaara me olha e acena pra mim. Caminho até ele e sento do seu lado, Não estou na janela de fato, mas estou longe do Sasuke.


_ O que você tem Naruto?


_ Nada, só estou nervoso, e com medo…


_ Não tenha medo eu estou aqui com você.


Parece que chegamos, a porta da perua é aberta por Kakashi-sam, ele entrega um papel na mão de Sasuke, e um pra mim.

Sasuke me olha e diz.


_ Estou na sala 1H…


Droga na minha sala? Por que ? Dou um sorriso forçado pra ele e olho pra frente, há tantas crianças que nem sei onde vão caber tudo… Várias meninas ficam olhando pro Sasuke, e sorrindo entre si. Que estranho será que não gostaram dele? Coitado. A escola é enorme parece mais um castelo daqueles que Menma desenhava pra mim.

Caminho junto de Kiba, Lee, Neji e Sasuke até a entrada da escola. Na porta uma moça bem arrumada de óculos nos olha sorrindo.


_ Bem vindos, vocês com esse papel nas mãos devem ser Naruto e Sasuke não é?


_ Sim senhora.


_ Podem me acompanhar? O restante pode se dirigir a suas salas, as aulas já vão começar.


Todos começam a entrar na escola como se o mundo fosse acabar, me perco de Sasuke, há tantas crianças, estou perdido… Okasan… Socorro…


Sinto um choque no braço para logo sentir o solo gelado no meu rosto, quando ia me levantar escuto uma voz muito conhecida.


_ Olha por onde anda pirra… lho… Naruto?

.......Eh?








Notas Finais


Gostaram? Tão bravos? Kkkkk eu tô é feliz a beça!!! 100 favoritos????
Vocês merecem um prêmio por serem tão lindos!!!!
Espero vocês no próximo, eu vou caprichar no próximo já que será o último! (Deles crianças) kkkk kissus comentários são bem vindos, e leitores fantasmas vocês são lindos podem comentar se quiseres!
Bom até meus chuchus!!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...