História A Complicated Love - Camren G!p - Capítulo 31


Escrita por: ~

Postado
Categorias Camila Cabello, Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton
Tags Alexa Ferrer, Ally Brooke, Amor, Camila Cabello, Camren, Camren G!p, Dinah Jane, Drama, Gravidez, Keana Marie, Lauren Jauregui, Laureng!p, Lucy Vives, Normani Kordei, Romance, Shawn Mendes, Vero Iglesias
Visualizações 3.109
Palavras 1.085
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


QUEM VOLTOU TÁ É AQUI!! Vocês pediram e é claro que eu obedeci, né mores 😅
Gente, que treta foi aquela no capítulo anterior? Aqui é paz e amor, todo mundo se ama, ok? Ok

E eu amo todos vocês 💜

Capítulo 31 - Moon


Fanfic / Fanfiction A Complicated Love - Camren G!p - Capítulo 31 - Moon

POV Lauren

Agora eu tinha minha família de volta! Não tem como não respirar aliviada. Saber que daqui pra frente posso seguir minha vida normal é a melhor notícia que eu poderia receber hoje. Camila ainda se mantinha em meu colo abraçada ao meu corpo, eu havia colocado minha jaqueta nas suas costas só por precaução. Ela estava frágil e isso me dói a cada segundo

— Você está bem? Ele te machucou?

Perguntei ainda preocupada com ela

— Estou bem sim, vamos embora? Esse lugar me causa arrepios

— AHHHHH MEU CASAL — Camz e eu nos assustamos com os gritos de uma louca entrando no quarto, e pulando em nós duas

— Sai sua gorda! — tentei empurrar Alexa, mas não consegui

— Isso aqui virou orgia? Gente, não temos tempo pra isso — depois de conseguir empurrar Alexa pro lado, levantei da cama vendo Demi na porta — Lauren, o chefe quer falar com você — Demetria falou e saiu da minha frente

— Não transem — Alexa, falou mandou beijos e também saiu do quarto

Ai não! Ferrou pro meu lado. O homem deve tá raivoso comigo

— Lauren, você vai voltar pra delegacia? — Camila perguntou se vestindo

— Parece que não… — eu queria, mas essa decisão não é minha

— Você sabe que é perigoso, Lauren — Camila suspirou e abaixou a cabeça

— Não se preocupa, ok? Vamos embora

Ela assentiu segurando minha mão, descemos as escadas não encontrando mais ninguém na casa, saímos de lá e vimos Alexa e Demi conversando encostadas no carro, nos aproximamos já dando pra escutar a conversa

— Chocolate ou pizza?

— Pizza sempre — Demi respondeu Alexa, que conversa é essa?

— Alexa, você só pensa em comer? Meu Deus

— Mas é claro — ela respondeu e todas riram, inclusive ela mesmo

— Cadê nossa filha? Eu quero ela, ela está bem? — Camila perguntou com a voz cansada

— Calma, ela está ótima e na sua mãe, nós vamos buscar ela — falei colocando uma mecha de seu cabelo pra trás — E vocês — olhei pras duas a minha frente — Encontro vocês amanhã na delegacia

Elas assentiram entrando no carro da polícia, eu e Camila fomos no meu, acelerei pra chegar rápido não querendo saber das multas. Não deu tempo de estacionar o carro direito e a senhorita apressada saiu do carro. Sai do mesmo e entrei na casa

POV Camila

Lauren nem estacionou e eu já tinha saído do carro. Abri a porta vendo todos sentados na grande sala, meus olhos se encheram de lágrimas ao ver minhas amigas e minhas sobrinhas, meus pais e… cadê a Maya?

— Cheeche!! — Dj me olhou com seus olhos vermelhos e correu até mim, a abracei sentindo o calor do seu corpo — Graças a Deus! Você me assustou garota — ela falou colocando a mão no coração me fazendo rir

— Eu ainda vou te perturbar muito

Todos me abraçaram me deixando mais tranquila do que eu já estava. Aquelas pessoas sempre foram meu porto seguro, e eu nem tenho palavras pra agradecer. Minha mãe e meu pai me deram um sermão por ter confiado naquele imundo e no final estavam chorando, eu não era diferente

— Olha quem chegou

Ouço a voz rouca atrás de mim e um gritinho em seguida, me viro encontrando minhas duas jóias preciosas, pego ela e a abraço como nunca antes

— A mommy estava com muitas saudades de você — inalei mais uma vez seu cheirinho doce, é tão bom sentir ele novamente

— Eu preciso ir na polícia — falei sentando no sofá — Preciso do meu dinheiro

— Aquele verme roubou seu dinheiro? — Lauren perguntou já ficando vermelha

— Sim, mas eu acho que se eu for na delegacia e falar com aquele homem, quem sabe ele fala qual é a conta dele

Suspirei cansada. Aquele dinheiro é todo o meu suor. Desde o meu primeiro salário, eu sempre me preparei pra emergências, até chegar nessa quantia um tanto alta

— Camila, você não pode ver aquele homem novamente, ele é perigoso e acabou com o seu casamento

Meu pai disse bufando, eu o entendo, mas não é ele que vai me impedir de ir lá

— Desculpa papa — falei levantando com Maya ainda em meus braços — Pode ficar com ela? Eu volto já já — perguntei pra Mani, que pegou a pequena que ameaçou chorar — A mommy já volta meu amor — falei olhando naqueles grandes olhos verdes, dei um beijo em sua bochecha e sai da casa

— Você não vai sozinha — Lauren entrou na minha frente não me deixando passar

— Ok

Entrei no carro e ela no lado do motorista. Fazer aquele homem soltar o número da conta dele não vai ser fácil

4 horas depois

Já estava de noite, eu tinha recuperado meu dinheiro. Peguei a Maya, com minha amiga e vim aliviada pra casa, agora tudo estar em paz. Me encontro no meio das pernas de Lauren, e minha filha dormindo no meio das minhas, seu jeito fofo não me deixa assistir o filme. Eu passaria a noite olhando pra ela sem nenhum esforço.

— Vou colocar ela no berço — minha voz saiu baixa, pois eu não queria acordar minha bolinha

— Também vou subir

Lauren, falou desligando a televisão, ela me seguiu até o quarto da nossa filha. A luz da lua entrava no quarto dando uma iluminação no mesmo, coloquei Maya, com cuidado no berço e a ouvi suspirar, sinto o braço de Lauren na minha cintura, e um beijo molhado sendo depositado em minha testa

— Bons sonhos — nós duas falamos juntas e isso foi tão inesperado… Fechei as cortinas ainda por conta da claridade

Fomos pro nosso quarto e deitamos na cama, a cortina ficou aberta, a lua estava linda essa noite por isso decidimos aproveitar seu brilho. Os olhos de Lauren, também brilhavam. Ela me olhava intensamente, sua mão estava na minha cintura, ela a passava carinhosamente na região, eu não queria mais sair dali, seu carinho me relaxa

— Me prometa uma coisa

Sua voz rouca me causou arrepios, como sempre

— O que?

A olhei confusa

— Nós vamos confiar uma na outra e não importa a situação, estaremos sempre juntas

— É claro que eu prometo

 Ela se apoiou em seu braço e selou nossos lábios. O beijo que estava carinhoso ficava cada vez mais agressivo...


Notas Finais


Perai, perai, perai, pq eu parei aqui mesmo?!
Façam o desafio de hoje, sem data pra lançamento do próximo capítulo. Eu só vou soltar certo dia... Essa eu quero ver kkkkkkkk

Adicionem como amigo ou sigam minha outra conta: https://spiritfanfics.com/perfil/camrenpassive


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...