História A confissão não ouvida - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Amor Doce
Personagens Agatha, Alexy, Ambre, Armin, Bia, Boris, Castiel, Charli, Charlotte, ChiNoMimi, Cotton, Dajan, Dakota, Debrah, Dimitry, Giles, Iris, Jade, Kentin, Kim, Leigh, Letícia, Li, Lysandre, Manon, Melody, Nathaniel, Nette, Nina, Peggy, Personagens Originais, Priya, Professor Faraize, Professora Delanay, Rosalya, Senhora Shermansky, Thomas, Viktor Chavalier, Violette, Wenka, Willi
Tags Alexy, Amor Doce, Bissexualidade, Castiel, Nathaniel, Romace, Viollette
Visualizações 16
Palavras 1.507
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Esporte, Famí­lia, Festa, Ficção, Hentai, Josei, Musical (Songfic), Poesias, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oiiiiii,obrigado pelos quatro favorito. Imaginei que não teria nenhum.
Esse capítulo não sera a continuação do prólogo. Vai ser passa quando ela tem 20 anos.

Obs: Me digam se gostou...

Capítulo 2 - Cap 1- Nunca irei me achar novamente...


Dias Atuais.

Eu perdi a minha inocência,o meu otimismo,a minha alegria,o meu senso de preservação de pessoas próximas a mim,o meu carinho. Estou quebrada,desde do dia que vi Alexy naquele dia com Kentin.

Fico me questionando como posso continuar assim. Já fazem 5 anos,já sai até de França e fui para um país mais longe só para ficar longe dele. Mas mesmo assim isso ainda acaba comigo,quando me olho no espelho,não consigo mais reconhecer a menina que está refletida. Eu sei que estou quebrada e que nunca irei conseguir recuperar.

Me sinto morta. Mais viva no mundo ao mesmo tempo...Como se tivesse ocupando espaço nesse mundo. E não vivendo. Eu não aproveitei a minha adolescência. 

Desde daquele dia que me perdi,me sinto uma pessoa anormal.

Desde do meu falido meu primeiro amor,nunca me apaixonei novamente...Não tenho raiva do amor,só não consigo mais senti-lo!


18h30

- Acorde,Viih.

- Estou acordada,só porque não estou conversando com você não quer dizer que estou dormindo. Babaca.

- Acordou de cú para cima hoje? Se mal-humor está pior que o normal. Tá distribuindo patada

- Primeiro: E bunda,caralho. Segundo: Sempre que respondo mal a você estou de mal-humor. E terceiro: Não sou animal para ter patas,tenho mão e pé. Quarto: Você que está falando que é patada,nunca disse nada disso.

- TABOM,VIOLLETTE. Isso estava lá embaixo.

Ela joga perto de minhas tintas e sei batendo o pé e murmurando atrocidades. A ponta sujou.

Para: Viollette McGarden 

De: Ministério da França.

Cara Sra McGarden.

Nessa quinta feira,foi concluída o óbito de sua avó Sra Elza McGarden,e você está sendo chamada para ir no fórum Francês para receber a herança de sua avó. 

Com atenção. 

Ministro Gilthuerde Mora

E secretário Vladimir Herzog.

Jogo a carta para longe mim. Estou sem ninguém nesse mundo,minha mãe,minha vó...todos morreram.


1 semana depois.

13h39

Themis resolveu ir comigo para morar na França. Irei volta para a minha cidade natal. Conversei com a embaixa francesa para tirar o meu visto. 

- Passageiro do vôo 39291 da Airline, com o destino para França por favor façam o check-out e vão para a ares de embarque.

Saio arrastando minha bolsa comigo. Vou sentir saudades da Inglaterra! Themis está com boca aberta,ela nunca viajou de avião,ela fica olhando para todo mundo que passa,as duas horas que fiquei com ela,vários estrangeiros foram chavecados. Ela passou vergonha por causa que não sabia aonde ficava o banheiro (Mesmo com a placa enorme).

Ando devagar para área de embarque.

30 minutos depois embarco no avião,curso a França.


1 hora depois.

Desembarco com Themis perguntando várias coisas sobre o meu país natal.

Vou pegar informações e mando a Themis fica parada ali

- Olá...Aonde posso pegar um táxi para Bordéus?

- Bom dia,estou bem

Ela fala com um inglês ruim. Ela não sabe nada sobre isso. Então resolvo mudar para francês afinal e minha língua natal!

- Aonde posso pegar um táxi para Bordéus? 

Dou um sorriso. Ela engole em seco. Ela percebeu o seu erro.

- Na entrada tem uma fila de táxis,senhora.

Que vontade de responder.

Mais simplesmente digo.

- Obrigado.

Vou correndo para pega a Themis. Vou ir pegar minha mala,mais Themis já esta com ela na mão. Dou um sorriso de agradecimento.

- Se eu soubesse que pega sua mala ia te da tão de bom humor já teria feito isso antes!

- Idiota.


Ex-Casa da vovó.

- VIOLLETE QUE CASA E ESSA? NUNCA SOUBE QUE VOCÊ ERA RICA BIXA DOIDA.

- Você nunca perguntou!

Ela está correndo pela casa como uma criança que quer doce. Ela é muito infantil.

Caminho para o quarto de minha vó,aonde ela dormia,agora estou agradecendo que aquela doida veio. Me sentiria muito sozinha nessa casa...Esqueci como ela e grande.

Jogo minhas malas na cama. Antes de vir para cá,mandei uma equipe de limpeza limpar. Vou para cozinha.

Antes de vim para cá contratei empregada,zelador,cozinheira,jardineiro. 

- Sra McGarden. Você quer alguma coisa para comer?

Essa casa me lembra a Meise.

- Quero. Qualquer coisa. Você mora aqui a muito tempo?

- Sim a 50 anos.

Muitos anos. Tá velha

- Você conhece a família Scarler?

- Claro. Você sabia que a filha mais nova vai casar? A tal da...

- Meise?

- Sim...

- Com o Castiel?.

Se não é o Castiel,então deve ser o Jade...Mais eles terminaram,deve ser culpa daquele retardado.

- Não o nome dele e Lysandre. Eles fazem um casal tão fofo. Mais como você sabe Sra? Você não é uma inglesa?

Por Yoongi. Os dois juntos? Como isso foi acontecer? A Meise odiava o Lys-Fofo

- Sou. Mais fui criada até os meus 15 anos aqui.

- Ah,você veio para cá com quantos anos?

- 2 anos.

- Ah...E...

Estou me sentindo muito incomodada com essa perguntas.

Ela percebendo que perguntou demais. Para de falar e me olha.

- Sanduíches?

E tenta mudar de assunto.

- Não,não vou querer nada. Eles ainda moram na mesma casa?

- O Sra Scarler e o Sr Header moram na casa ao lado do país da Sra Scarler.

- Obrigado.

Saio da cozinha correndo. Preciso conversa com a Mei. Themis está jogada no sofá vendo " A Branca de Neve". Lembro que adorava esse filme antes,agora só acho chato.

- Se arrume,vamos na casa de uma pessoa.

- Estou cansada da viagem.

- Anda logo. Você tem 30 minutos.

- Tabom.

Corro para o meu quarto. Abro meu guarda roupa. Puxo minha meia calça,minha saia,meus Vans,minha lingerie preta,minha blusa da Big Bang. E jogo tudo em cima da cama,ando até o banheiro do meu quarto. Vou caminhando até a banheira e abro a torneira. Sento na beirada dela enquanto ela enche.

Me arrependo por não te avisado a ela que iria embora. Naquela época a única coisa que queria era ir embora...Da escola,da cidade,do estado,do país. E para piorar quando realmente quis ligar para ela,percebi que em um acesso de raiva e tinha excluído todos meus contatos. Me odiei. 

 A banheira enche. Tiro minha roupa,em seguida minha roupa íntima. Entro na banheira. A água sempre me ajudou a lavar a alma,o coração,e minhas mágoas,sempre amei a água. Prendo meu cabelo em um coque impedindo de cair na água. Fui perceber agora mais meu cabelo está na um pouquinho abaixo dos ombros,preciso corta-lo.

Depois de um banho de 20 minutos. Saio da banheira e corro para o meu quarto,visto minha roupa rapidamente,faço um rabo de cavalo no meu cabelo e nem passo nenhuma maquiagem a não ser um brilho labial.

Desço. E me apoio no sofá. Demorei exatamente 28 minutos paga fazer tudo. Ela desce exatamente quando da 30 minutos.

- Vamos.

- Aonde vamos?

- Na casa de minha melhor amiga.

- Quem é a idiota?

- Ah,cala boca.


Casa do Lys-Fofo e da Barbie Demoníaca. 

O motorista para o carro na frente da casa dela. Saio do carro com Themis atrás de mim. Toco a companhia e a empregada atende. Ela arregala os olhos e diz

- Viollette...?

- Eh,sou eu

- Que saudades de minha menina.

- Dona Rubia?

- Sim sou eu.

- Cadê a Meise?

- Ela está na sala...Pode entrar. Mais você está de passagem aqui em Bordéus?

- Na verdade,voltei para ficar.

Ela abre um sorriso cheio de dentes e me abraça com carinho. Faz 5 anos que não recebia um abraço,então no primeiro momento não sei o que fazer e logo depois passo o meus braços pela sua costa e a puxo um pouco para perto. Colocando minha cabeça em seu busto.

- Que bom. A Meise vai ficar muito feliz de ver sua amiga aqui.

Ela me deixa e caminha para cozinha. Acho que ela vai conversa com todos sobre minha chegada,adoro Dona Rubia mais ela e muito fofoqueira.

Themis vai fala mais tapo a sua boca o impedindo de falar. Quero fazer surpresa e ela fala muito alto. Abro a porta da sala. Varro a sala com os olhos. Lys-Fofo está procurando seu bloquinho de notas (Provavelmente),Meise está enchendo a boca de salgadinhos...Me paro antes de correr para ela. Castiel está quase comendo Rosalya com os olhos. Rosalya está conversando com Leigh. Leig está prestando atenção o que ela está falando. Nath está parado olhando para o telefone e digitando e rindo. Melody está comendo ele com os olhos. 

Viro minha cabeça e encontro Armin jogando...E se Armin está aqui,provavelmente ele também está. O encontro olhando para mim. O mesmo cabelo azul mais que agora escuro,os mesmo olhos,a pele,os lábios rosados,a sobrancelha que agora não tem mais o erro. 

Meu coração dispara,minha boca seca,sei que estou corada,minhas pernas fraquejam. E vem novas sensações que não tinha antes,sinto vontade de beijar e morde aquela lábios rosados e encher de beijos cada parte do seu corpo. Ele levanta com a sobrancelha levantada,e caminha até mim.

Ele está menos de um 1 metro de mim.

Ele me toca. Quando penso que ele vai me tocar carinhosamente ou falar alguma coisa bonita,ele fala.

- Caralho,Viollette.

Ele me balança com força. 

Todos param o que estavam falando e fazendo.

Me solto de seu braço.

Tento ir para fora,e ele me puxa para um abraço apertado,fazendo meu coração dispara (Mais do que já tá?)

- Você voltou Vi.


10 minutos depois.

- Você voltou.

- Sim,voltei.

- Não sabemos se te matamos ou te beijamos.

Me questinou porque voltei para cá!

Talvez eu precise dessa nova chance 

Para me achar novamente.

Para reatar as minhas amizades. 

E só talvez...Consegui que consiga realmente tirar esse sentimento do meu coração.

MAIS VAI SER DIFÍCIL,AFINAL ESTOU QUASE TENDO UM INFARTE AQUI,OH.

ELE ESTÁ MUITO PERTO. ALEXYY.

FILHO DE UMA ÉGUA,VAI SE DIFÍCIL TE ESQUECER SER VOCÊ ESTÁ ME DANDO VÁRIOS BEIJOS NA BOCHECHA E ME FAZENDO FICAR VERMELHA.





Notas Finais


Oiiiiii,quero agradecer pelos favoritos e para @LucyScarlett por te me ajudado no romance e na criação dessa cena romântica na fanfic( No 1° e 2° cap). Porque como ela diz.
" Se depender de você vai matar todos os personagens na história"


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...