História A Cor Do Chocolate - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Exibições 14
Palavras 593
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Yooo mina

Capítulo 1 - Capitulo 1


-És feia! Sua preta! Olha para as tuas roupas com padrões estranhos.
-Preta!
-Tu queimas-te ao sol foi?
-Tens cor de carvão!
-Não tomas banho! Cheiras mal.
-Feia!
-Preta!!
-Vai para a tua terrinha dos pretos!
-Vai chorar para a mamãe preta!
-Meninos já chega! Emily já te disse que tens que ficar na sala para os teus colegas não te tratarem mal por seres preta!
###
-Emily! Não é assim! Tenho que chamar a tua mãe, sua escarumba!
###
Emily acordou sobressaltada, na verdade a garota já estava habituada a esses sonhos retratando a sua infância traumática.  A única coisa que aquela garota de 16anos podia fazer, era enterrar aquelas memorias. Porém, não bastava. Pois ainda hoje, mesmo passados tantos anos, Emily continuava a ouvir de algumas pessoas insultos, preconceito pelo seu tom de pele.
Quando ela era mais pequena, Emily só conseguia chorar e vomitar. Ela chegava a ficar febril só de pensar que teria que ir para a escola.  Ela não entendia o porquê de ela passar por aquilo, sofrer, ser agredida fisicamente e psicologicamente. Creio que ninguém com 6anos conseguiria entender.
Tudo piorou, quando os seus pais morreram e Emily foi morar com os avós. Ela não poderia culpar as seus avós paternos por os maus tratos que ela sofria. Eles apenas não entendiam a razão pela qual Emily estava traumatizada nem a tentavam ajudar. Eles próprios foram contra o casamento entre os seus pais de Emily. Emily é filha de uma mãe de raça negra e um pai de raça branca. Ela têm uma irmã chamada Tessa, mais velha, que é de raça branca . Tessa e Emily sempre se apoiaram uma à outra, mas depois que Tessa foi para a faculdade a casa dos Norsan ficou bastante vazia.
Emily sempre foi a "pretinha" para a família. Ela é totalmente afastada da sua família materna pela distancia entre Brasília e Luanda.
Ela já estava habituada a ser a "negra da família".
Na escola, só a sua amiga Anastacia e o Leandro (de raça negra também ( os únicos na sua escola com mais de 1000alunos)) é que a entendem.
"Poderia ser pior"- é o pensamento da Emily todas as vezes que é insultada.
########
A menina vestiu umas calças pretas e uma camisa aos quadrados preta e vermelha. Calçou umas all star vermelhas e saíu.
Como sempre, ela tinha que preparar a sua comida, pois os seus avós ainda dormiam.
Sem tempo para o pequeno almoço, Emily saí de casa apenas com uma maça para comer durante o percurso até à sua paragem de autocarro.
Quando entrou no autocarro, havia um lugar livre. A menina sem mais demoras assentou-se.
Com os fones nos ouvidos e descansada, pouco depois, entrou uma senhora de idade. Emily é uma boa rapariga, ela levantou-se, foi em direção à porta.
-Senhora. Tem um lugar alí. -Falou Emily com um sorriso amigável.
-Eras tu que estavas alí? -falou a senhora de forma arrogante
-Sim. -respondeu a Emily sorrindo gentilmente.
-E achas que eu vou me sentar no mesmo sítio onde se sentou uma preta como tu?
Emily engoliu em seco, todas as pessoas encaravam a menina. Emily só queria chorar e sair dalí.
-Senhora, se não se quer assentar deixe de fazer espetáculo. A garota só estava a ser gentil! -falou um garoto loiro e muito branquinho de pele. Emily não conseguiu verificar mais nenhum detalhe. A garota só abaixou a cabeça.
Mal o autocarro parou, Emily saíu, ainda faltava algum tempo para chegar à sua escola, mas ela preferia ir a pé.

#######


Notas Finais


Gostaram?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...