História A crazy passion. - Capítulo 16


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Bieber
Tags Justin Bieber, Romance
Visualizações 184
Palavras 2.365
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Comédia, Famí­lia, Festa, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura à todos! 💕

Capítulo 16 - Selena?


Fanfic / Fanfiction A crazy passion. - Capítulo 16 - Selena?

Pov Justin 

-Você estava forjando sua perda de memória até agora? -Perguntou chocada e desentendida. 

 -Não se preocupe com isso Catherine! -Respondi grosso, ela apenas me olhava desapontada. Ela é linda! -Agora me responda, como você consegue ser tão falsa assim? Você iria mesmo continuar fingindo que não tem nada haver com o motivo de eu estar aqui? 

 -Voltei! -Chaz se anunciou entrando no quarto. 

 -Minha vez de ir no banheiro.. -A garota a minha frente disse sorrindo sem jeito para Chaz, para ele não perceber que estávamos discutindo. 

 -Também vou. -Falei me levantando com a mesma, logo saímos do quarto e seguimos para o banheiro. -Ei, estou te esperando aqui fora, não demore! -Avisei para ela que não me deu a mínima. 

 Sinceramente, eu estou muito bravo com Cath, estava tudo tão bem e ela estragou a merda toda, só estou terminando o que ela começou.. Porra! 

 -Pronto, já pode continuar seu espetáculo! -Falou cínica saindo do banheiro. Peguei sua mão e entrelacei nossos dedos, comecei a guiar ela pelos corredores. Não sabia muito bem para onde estava indo, só estava procurando um quarto vazio, e quando finalmente encontrei um, entramos e tranquei a porta. Cath se sentou na cama. -Vai me castigar de novo? -Perguntou sarcástica. 

 -Talvez. -Respondi arrogante. 

 -Justin, eu te amo muito! -Falou aleatoriamente, parecia sincera. 

 -Quem ama cuida Cath, não machuca. 

 -Eu sei, vacilei legal com você, entendo seu desejo de me punir, mas só vem! -Disse me chamando com os dedos. 

 -O que você quer Catherine? 

 -Vem logo Justin! -Me chamou mais uma vez já sem paciência, então resolvi ir. 

 -Estou aqui, o que é? -Perguntei vendo a garota desviar seu olhar do meu para meu abdômen coberto por minha camisa e levantar um pouco a mesma, expondo meu taquinho. Deu um beijo molhado nele e vários outros em seguida, porém logo os beijos viraram chupões. -Chega Catherine! 

 -Não, estou afim e nessa vez quem vai te castigar sou eu! -Sorriu convencida. 

 -Sério, e como você vai fazer isso amor? Sou muito mais forte que você! -Falei como se fosse óbvio, então Cath tirou sua blusa, deixando apenas seu sutiã cobrindo seus seios tentadores. 

 -Deita para você ver! -Falou sensual se aproximando de mim. 

 -Você acha que vai me castigar assim? Cath meu bem, vista a blusa! -Disse colando seu corpo com o meu, fazendo ela arrepiar. -Você está sensível, precisa de mim e eu poderia te ajudar, mas você foi malvada comigo.. Que pena!

 -Quando você se lembrou Jus? -Perguntou passando seus braços ao redor do meu pescoço e selando nossos lábios, limpei meus lábios com as costas da minha mão para pirraçar ela. 

 -De madrugada, quando você ficou enjoada e resolveu respirar ar puro, me fazendo ir atrás de você. Pedi para você entrar comigo quando percebi que iria chover, foi quando minha cabeça doeu e eu lembrei. Satisfeita? -Falei e ela assentiu. 

 -Você ainda me ama do mesmo jeito que eu te amo? -Perguntou insegura. Ela é tão lerda, eu amo ela mais até mesmo do que ela me ama. 

 -Não. -Menti sendo grosso novamente. Cath nos virou aos poucos indo em direção a cama enquanto ainda nos "abraçavamos". Estava louco para fazer amor com ela, mas preciso que a mesma entenda que não pode ficar de bobeira para outros homens e muito menos gemer os nomes deles na cama, ela é minha e precisa se arrepender. 

 -Se lembra da balada? -Perguntou me sentando na cama e se sentando no meu colo. 

 -O que tem a balada? 

 -Quando eu cheguei você estava aos beijos com outras 3 mulheres. -Lembrou, grande bosta Cath! 

 -E dai? 

 -Antes de ir para balada você passou no meu quarto e me tratou tão bem, trocou carícias comigo... Justin, não havíamos brigado nem nada, porque me traiu? -Perguntou calma. 

 -Não te trai, não namorávamos. 

 -Mas você se revoltou quando me viu com Chris, você também não era meu namorado ali. Eu não te trai, assim como você não me traiu! -Falou simples. - Ou então quando gemi o nome dele, não foi de propósito e também não estávamos de compromisso, na verdade não estamos nem agora! 

 -É diferente Catherine. 

 -Não, não é! -Falou negando. -Eu estou disposta a recomeçar, mas do jeito certo, vamos esquecer o passado Justin, por favor! -Ri com sua proposta. 

 -Não é tão simples assim! -Disse calmo, assim como ela. Jogar meus erros na minha cara não vai diminuir os dela. 

 -Justin, para de me condenar, você também não é santo! 

 -Não me importo! - Tirei Catherine do meu colo e sai do quarto a deixando para trás. Fui até o banheiro e fiz minhas necessidades e higienes, depois voltei para meu quarto. 

 -Justin, onde estava? -Chaz perguntou bravo. 

 -Estava dando só uma voltinha pelo hospital. -Respondi como se não tivesse feito nada demais, mas não tinha feito mesmo, eu ein... Chaz é retardado! 

 -O doutor acabou de te dar alta, ele queria falar com você, mas como você sumiu... 

 -Entendi. Então, podemos ir para casa? -Perguntei e Chaz assentiu. 

 -Cath já está no carro e eu já resolvi tudo por aqui, vamos! -Falou e assenti. 

Saímos do hospital e seguimos para o carro de Chaz. Entramos e logo ele deu partida. O caminho foi silencioso. [...] 

-Chegamos! -Chaz falou estacionando em sua casa. 

 -O quê? -Perguntei confuso. -Pensei que iria para minha casa.. 

 -O doutor pediu para ficarmos de olho em você Justin, você não está 100% bem. 

 -Que bobagem, estou ótimo Chaz, não quero incomodar! -Falei sincero e ele negou. 

 -Você nunca vai ser incômodo cara! - Disse saindo do carro, assim como Catherine, então sai também. A casa estava cercada de paparazzis, Aff! 

 Entrei em casa com calma ignorando os paparazzis, não queria perder a cabeça e atacar um deles. Odeio paparazzis! 

 -Chaz preciso tomar um banho, estou imundo! -Comentei me sentindo sujo. 

 -Tome lá no banheiro do quarto de hóspedes, vou pegar uma roupa para você, pode ir! -Falou e eu assenti subindo as escadas. 

 Assim que entrei no quarto de hóspedes me direcionei até o banheiro e fechei a porta do mesmo, mas não tranquei. Me desfiz de minhas roupas sujas indo até o chuveiro e o ligando. A água estava morna, ela relaxava meu corpo dolorido e cheio de pancadas do acidente. 

 Pov Catherine 

 Subi para meu quarto e fui tomar um banho logo depois que chegamos em casa. Demorei um pouco mais no banho do que o normal, mas é compreensível, eu estava suja de hospital, ninguém merece! Desliguei o chuveiro assim que acabei de me banhar e me enxuguei, colocando uma roupa confortável como de costume. Escovei os dentes e penteei o cabelo, depois botei minhas roupas sujas para lavar. 

 -Cath? -Ouvi Chaz me chamar. 

 -Oi, o que foi? -Perguntei. 

 -Você pode entregar para Justin? Também preciso de um banho! -Pediu e eu assenti. -Hoje Chris e Ryan vão vim almoçar aqui... A lasanha vai estar maravilhosa! -Sorri assim que ouvi a palavra "Lasanha". 

 -Obrigada sério, você é um gostoso! Só não vou te abraçar por que você está sujo, sai! -Falei pegando as peças de roupas das suas mãos e indo até o quarto de Hóspedes, que já estava com a porta aberta. -Justin? -O chamei. 

 -Tô aqui! -Sua voz parecia vim do banheiro, então fui até lá. Justin estava com uma toalha na cintura e penteava seu cabelo molhado. 

 -Chaz pediu para te entregar! -Falei lhe dando as peças de roupas. 

 -Tá, obrigada! -Pegou e eu sai dali, fechando a porta do quarto. 

 Eu estou com medo de perder Justin, mas não sei se ficar com ele daria certo, ele é tão possessivo e injusto, chega a ser chato! 

 -Ei! -Alguém me puxou pela cintura. 

 -Chris! -Comemorei assim que vi ele no corredor. -Como você tá meu bem? -Perguntei indo abraçar o mesmo.

 -Tô ótimo, e você? 

 -Também. Eu fui para a faculdade ontem Chris... Foi tão top! -Lembrei e comentei para o mesmo que apenas tinha um sorriso nos lábios. 

 -Cadê Chaz e Bieber? 

 -Estão tomando banho, vem! -O chamei para meu quarto e ele veio atrás de mim. 

 -Você esqueceu de mim né? Me abandonou, meu coração tá partido! -Brincou se jogando na minha cama. 

 -Eu nunca vou te esquecer Chris, você sabe disso! -Sorri para ele enquanto procurava meu celular. 

 -E Justin, como ele está? 

 -Está bem, tinha perdido a memória mas já a recuperou. Ele está chateado comigo! -Comecei a rir do nada, me senti retardada.

 -Cath? -Justin invadiu meu quarto sorridente e distraído, só que fechou a cara quando viu Chris. 

 -Eai ai mano! -Chris cumprimentou Justin. 

 -Oi Chris! -Se esforçou para ser educado e veio até mim. -Eu ia te convidar para ir naquele parque de diversões, onde nossa amizade começou.. Talvez podemos recomeçar lá também, não era isso que você queria? - Falou baixinho e carinhoso para mim ao se ajoelhar, assim como eu, que procurava meu celular debaixo do criado mudo.

 -Isso é sério? -O questionei surpresa e ele assentiu. Que estranho, não esperava isso dele! Haha 

 -Do que estão falando? -Chris se intrometeu. 

 -Coisas de homem e mulher, vá arranjar uma que não seja namorada de seu amigo que você vai entender! -Justin falou e Chris revirou os olhos. 

 -Nem comecem.. -Reclamei me levantando e puxei Justin para fora do quarto. -Já volto Chris! 

 -Para onde está me levando pequena? -Justin perguntou. 

 -Para seu quarto amor! -Disse entrando no quarto de hóspedes com ele e trancando a porta. 

 -Não existe meu/seu quarto, é tudo nosso. -Falou me pegando no colo e eu sorri. 

-Amor, você sempre vai ser único para mim, mas preciso que você seja menos ciumento e possessivo! -Falei acariciando seu rosto e ele sorriu de lado.

 -Só se você me prometer que não vai dar mole para outros homens, muito menos gemer o nome deles na cama! -Fez cara de tédio quando falou sobre eu gemer nomes de outros. 

 -Eu prometo, mas ver se não me trai também ein.. -Disse erguendo uma de minhas sombrancelhas e ele assentiu. 

 -Eu te amo mais que tudo nesse mundo Cath! -Falou baixinho, começando um beijo calmo, que acabou logo depois que separei nossos lábios. -O que foi pequena?

 -Estou enjoada, muita saliva envolvida! -Falei me sentindo mal. 

 -De novo? Você está doente? -Perguntou e eu neguei. -O que sente mais além de enjôo? 

 -Fome, quero minha lasanha! -Falei rindo. 

 -Você já teve relações com algum outro homem? -Perguntou e neguei novamente envergonhada. -Sério mesmo? Não vou brigar! 

 -Não, só com você Jus! -Falei simples. 

 -Então você não está grávida, sempre usamos camisinha. -Disse me deixando mais aliviada. Meu Deus, imagina se eu estivesse grávida? Eu só tenho 17 anos!

 -Cath e Justin, a comida já está pronta! -Chaz nos chamou do outro lado da porta.

 -Estamos indo, finalmente! - Comemorei me soltando de Bieber e destrancando a porta para sair. 

 -Vai indo, já desço! -Falou e eu assenti saindo dali. 

 Desci as escadas um pouco rápido e me direcionei a cozinha o mais depressa possível. Estou morrendo de vontade de comer lasanha! 

 -O cheiro está divino Chaz, você arrasa! -Falei lhe dando um beijo na bochecha e indo lavar as mãos para comer. 

 -Obrigada! 

 -Ryan está atrasado, é muito abestalhado! -Chris falou e eu o lancei um olhar matador. 

 -Não fale mal de Ryan, ele é minha melhor amiga! -Brinquei e eles riram.

 -Porque eu sempre perco as piadinhas? -Justin entrou na cozinha e se sentou na mesa.

 -Vá lavar as mãos Justin! -Chaz o repreendeu, e Jus o obedeceu.

 -Bieber, quase esqueci de te falar... Selena ligou querendo saber notícias suas viu?! Então marquei um encontro para vocês hoje à noite! -Chris falou antes de atacar sua lasanha. Justin pareceu surpreso com a notícia de Chaz, mas um surpreso bom, não ruim... Quê? 

 -Quem é Selena? -Perguntei. 

 -Uma amiga! -Justin me respondeu. 

 -Na verdade ela é a ex dele! -Chris falou. Ex? Que ótimo! 

 Almocei minha lasanha que estava muito boa, e depois do almoço lavei a louça para ajudar Chaz. 

 -Cath, quer ir comigo buscar algumas coisas na minha casa? -Justin perguntou e eu neguei.

 -Não, ainda nem fiz as atividades da faculdade, tô cheia de coisas para fazer por aqui, ainda mais porque vamos sair a noite né?! -Falei e ele pareceu pensativo. Será que ele está resolvendo cancelar nosso encontro para sair com a tal Selena? Seria muita cara de pau! -Jus, antes de ir pega minha bolsa no carro? Por favor! 

 -Pego. Não quero você com Chris viu?! -Falou como se fosse uma ordem.

 -Como assim?

 -Não quero muita intimidade entre vocês. 

 -Devo me preocupar com Selena? 

 -Talvez. -Respondeu enquanto eu enxaguava o último prato. 

 -Você é muito escroto! -Comentei meio chateada e ele me puxou um pouco para si pela cintura.

 -Você ainda está enjoada? -Perguntou e eu neguei. -Que bom! -Falou juntando nossos lábios para um selinho. -Já vou! 

 -Tá, tenha cuidado! -Pedi e ele assentiu.

 Depois que Justin saiu, terminei de limpar a cozinha e subi para meu quarto, só que peguei minha bolsa antes. Tinha que fazer as atividades da faculdade, que não eram muitas, então comecei a fazer as mesmas para me livrar logo. 

 -Ocupada? -Chris perguntou invadindo meu quarto. 

 -Um pouco. -Respondi concentrada em meu caderno. Justin vai me matar! 

 -Quer que eu vá embora? -Perguntou educado. 

 -Hum... -Meu Deus, eu não tenho coragem de expulsar ele! 

 -Acho melhor eu ir, mas antes quero um beijo! -Falou se aproximando e esperando lhe dar um beijo na bochecha, então lhe dei, porém ele virou o rosto selando nossos lábios.

 -Chris, você é tão infantil! -Reclamei e ele sorriu saindo do meu quarto e fechando a porta. 

 Já fazia um bom tempo que estava sozinha naquele quarto. Já havia terminado minhas atividades, tomado banho de novo, agora eu estava de bobeira no celular. Bom, como sou muito idiota resolvi pesquisar "Justin Bieber e Selena" no Google, me arrependi muito ao ver ele com uma morena bonita. 

 Pov Justin

 Estava quase acabando de arrumar minhas coisas, até que a campainha da minha casa toca. Puta merda, logo agora? Me direcionei até a porta e abri a mesma.

 -Selena? -Me deparo com esse ser que abriu um sorriso encantador quando me viu.


Notas Finais


Gostou? Então não se esqueça de favoritar, comentar o que achou e de dar uma nota. Beijos! 😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...