História "A dama e o Vagabundo" - Capítulo 14


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Adamaeovagabundo, Romance
Exibições 7
Palavras 1.329
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Shoujo (Romântico), Suspense
Avisos: Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Espero que gostem amores ❤ e o link das roupas deles vou deixar la em baixo 😘

Capítulo 14 - Capítulo 2



Sinto a claridade em meu rosto olho para a janela vendo Dulce abrindo as cortinas, resmungo por causa da claridade em meu rosto e me sento na cama...

-Dulce você podia ter batido na porta antes de entra!

-Desculpa querida, mas você tem que se arruma para ir á escola se não ira se atrasar...

Reviro os olhos e coloco minhas pantufas vou indo ate meu closet escolhendo minha roupa, enquanto Dulce arrumava minha cama escolho uma roupa linda e deixo em minha cadeira do computador, vou indo para o banheiro tirando meu pijama escovando meus dentes e ligando o chuveiro na água morna tomando um bom banho, depois de um tempo no banho fecho o chuveiro pego minha toalha me secando abro a porta indo ate minha roupa Dulce já tinha arrumado minha cama e deixado minha roupa encima da mesma, visto minha roupa passo meu batom vinho e me olho no espelho penteio meu cabelo fazendo um coque com uns fios soltos, pego minha mochila e vou descendo as escadas indo ate a cozinha...

-Meu pai não esta aqui...

Falo olhando para Dulce, pois ele tinha falado que iria tomar café comigo hoje de manha

-Ele teve que ir para o trabalho, seu pai é uma pessoa muito ocupado..

Me sento na mesa tomando apenas um suco de laranja e vou ate meu quarto escovar meus dentes, assim que chego em meu banheiro escovo meus dentes e me olho no espelho percebendo que eu estava sem meu colar procuro o mesmo e acho no meu criado mudo, coloco em meu pescoço e sorrio comigo mesma desço as escadas indo ate o carro...

-Bom dia senhorita Isabella...

Sandro fala para mim e não respondo ele, apenas entro no carro e logo ele fecha a porta me levando ate minha escola...Alguns minutos depois chegamos em minha escola, Sandro abre a porta para mim saiu do carro entrando em minha escola indo em direção ao meu armário, pego meus livros vejo João e Pietra vindo em minha direção mas não queria falar com eles pois estava um pouco triste fecho meu armário e vou entrando na sala me sentando no lugar de sempre, João vem ate mim percebendo que eu não estava legal...

-O que houve com a minha patricinha para ficar triste?

-Meu pai, quase não fico com ele me sinto sozinha já basta eu não ter mãe...

-Fica calma minha deusa, eu estou aqui com você nunca irei te deixa sozinha.

João me dá um selinho e sorrio para ele, mas ainda estava triste o mesmo me levanta do meu lugar e se senta nele cruzo meus braços olhando para ele.

-Me dá sua mão...

Olho para ele meio desconfiada, dou minha mão para ele que me puxa me fazendo me sentar no seu colo sorrio meio sem graça beijo sua bochecha e coloco minha cabeça em seu ombro, sinto alguém me olhando e vejo Pietra em seu lugar me olhando com raiva, ignoro seu olhar apenas aproveito aquele momento com meu namorado antes que o professor chegue...

-Te Amo meu amor...

Falo toda meiga e sorrindo

-Também te amo...

O professor de matemática chega na sala e me levanto deixando João ir para seu lugar, pego meu caderno e minha caneta começando a copiar os exercícios já que era duas aulas teria tempo para fazer tudo, João como sempre era o primeiro a termina os exercícios pois matemática era sua matéria favorita, termino de fazer meus exercícios(5 contas e 5 situações problemas) espero os outros alunos terminarem para todos corrigir...Todos os alunos terminam os exercícios corrigindo tudo João tinha acertado tudo e Pietra tinha acertado 6 e eu acertado 9 já estava quase terminando a aula, alguns alunos estavam conversando e outros fazendo bagunça pego meu fone e meu celular escutando a musica Sexy Chick, o sinal toca e o professor saí da sala e a professora de geografia entra falando para pegar o livro e copia o texto da pagina 150 todos estavam totalmente em silencio o que era estranho demais, sou a primeira a termina de copia o texto e fico esperando chegar a hora do intervalo...

-Senhorita Isabella, pode sair esta liberada...

Não falo nada apenas saiu da sala dando de cara com a Bff fazendo meus livros e caderno cair no chão, me a baixo pegando meus livros e caderno...

-Desculpa Sara estava distraída...

-Nossa você esta diferente nem me chamo de bff!

-Não estou legal hoje, apenas isso Sara...

Vou indo ate meu armário acompanhada de Sara o sinal toca e os alunos saí de suas salas todos conversando alto demais, pego meu lanche que era apena uma pera e vou indo para minha mesa junto com a Sara...

-Sara o que acha de um cinema hoje a noite?

-Partiu apenas nós duas, preciso me diverti um pouco...

Sorrio para ela e ficamos o tempo todo falando de qual filme que iremos assistir, estava precisando de um tempo só meu e da bff...O sinal toca avisando que o intervalo havia acabado e vou andando com Sara a até a sala dela, me despeço com um abraço e vou para a minha sala e era uma porta depois da dela, entro e me sento no meu lugar, João não estava ali ainda mas logo vejo ele entrar pela porta com Pietra, meu sorriso vai sumindo aos poucos mas penso positivo

-Eles só se encontraram no corredor Isabella só isso

Falo comigo mesma e baixo, espero o próximos professor entrar e eram dois horários de Inglês minha matéria favorita... O sinal bate a guardo meus materiais, saio da sala e nem espero João, já vou indo para o carro onde Sandro me esperava, entro no carro se falar nada ele também não fala nada, então pego meu celular é começo a ouvir algumas músicas aleatórias entre elas algumas do Calvin Raris, logo chego em casa e o almoço estava na mesa, meu pai não estava em casa mas não ligo muito já havia ficado muito triste de manhã, me sento na mesa e me sirvo de um filé de salmão grelhado arroz integral e salada de folhas, assim que termino de almoçar tomo um pouco de suco de laranja natural

-Dulce?!

Grito a procurando ela vem correndo achando que algo havia acontecido

-O que houve Isabella?

Olho pra ela e nada parecia fora do normal então ela se acalma

-Pode avisar ao meu pai e ao Sandro que vou ao cinema hoje com a Sara ?

-Claro... Só não sei se seu pai vai deixar

Subo as escadas ignorando o que ela disse e faço alguns deveres meus, durmo um pouco a tarde e fico lendo após acordar, havia marcado com a Sara as sete, então as cinco vou tomar banho, um banho demorado e bem relaxante, saio do banheiro com uma toalha enrolada em meu corpo e outra em meus cabelos, vou ao closet e escolho um short branco e uma blusa de alcinhas nude, me visto e sento na penteadeira, seco meu cabelo, passo rímel e um lindo batom vermelho, pego um tênis da adidas rosa queimado com branco e coloco meu colar que minha mãe havia me dado, termino de me arrumar as seis e meia, desço e Sandro já me esperava, entro no carro e coloco meus fones, assim que chegamos eu saio do carro e só falo

-Assim que o filme terminar eu te ligo prs vir me buscar

Ele assinte com a cabeça e vai embora, entro no shopping e logo acho minha bff que estava linda, vamos comer uma massa em um restaurante do shopping e logo vamos para o cinema, compramos os ingressos para animais fantástico e onde habitam, vamos para a fila da pipoca e compramos um combo de um balde de pipoca e dois copos de refri, entramos no cinema e duas horas depois saímos, ficamos falando sobre o filme é ligo para Sandro vir me buscar, ele aparece na entrada e leva sara para a casa dela, assim que chegamos em casa eu salto do carro indo direito para meu quarto, tiro minha roupa colocando minha camisola habitual e removo minha maquiagem também, coloco meu celular pra carregar e durmo


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...