História A Descoberta - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Incesto, Jovens, Sexo, Sexualidade
Exibições 35
Palavras 651
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Esporte, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Científica, Harem, Hentai, Josei, Lírica, Luta, Mistério, Orange, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Survival, Suspense, Terror e Horror, Violência, Visual Novel, Yaoi, Yuri
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 8 - Segredos


Acordei em delírio, como se estivesse sonhando conscientemente, nada podia me abalar, que noite incrível. 

Apesar de não termos feito nada muito além do limite, vivi uma das melhores experiências da minha vida, coisa que dificilmente alguém com a minha idade conseguiria realizar. 

Vesti uma roupa descontraída, deixei Fernanda dormindo. Ela estava exausta, e eu também. Desço as escadas e caminho até a cozinha. Não havia ninguém. 

Faço algo para comer, minutos depois eis que Renato surge, explodindo de alegria:

-Bom dia cara! Diz ele sorrindo. 

-Eai Renato! Como foi sua noite? 

-Incrível! 

-Rolou até o final? 

-Não, mesmo assim foi muito legal cara, não sabia que o nosso...Você sabe...amiguinho lá de baixo, podia fazer algo tão...tão...

-Eu entendi! Digo rindo um pouco.-Mas você nunca tinha feito nadinha?

-Pela primeira vez ontem. Disse ele. 

Lucas então chegou, conversamos e descobrimos que nenhum de nós havia feito sexo, tínhamos cinco dias para conseguir. 

Paloma se acordou, depois Bea, seguida por Fernanda. Todos nós ficamos sem graça no café da manhã, ninguém falava muito. Como a energia já tinha voltado, fomos para a sala assistir televisão. 

-A gente devia brincar de alguma coisa, não ficar assistindo Tv.Disse Renato. 

-Nós não somos tão crianças mais Renato! Disse Paloma. 

-Ué, então vamos aproveitar nosso tempo antes de sermos definitivamente adolescentes. Respondeu Renato. 

-Ele tem razão, vamos fazer alguma coisa! Disse Fernanda. 

-O que então? Disse eu.

-Pensem ai. Disse Lucas. 

-A gente pode brincar de guerra de tiro, ai temos que proteger e conquistar territórios. Disse eu.

-Como assim? Perguntou Paloma.

-Eu tenho armas que soltam tipo uma tinta. 

-Mas não dói? Perguntou Beatriz. 

-Não...as que eu tenho não doem. 

-Adorei! Vamos lá? Disse Fernanda. 

Concordamos em dividir em times, mas não com os mesmos pares, queríamos nos conhecer mais, então Fernanda fez time com Paloma,Renato fez time com Lucas e eu escolhi Bea.

Fomos eu e Bea para o andar mais alto, expliquei qual seria nosso plano para acabar com Paloma e Fernanda. 

Bea, como já disse uma vez, era a caçula da turma. Era muito bonita e seu corpo estava em formação. Ficamos quietos e descemos. 

De repente começaram a atirar em nossa direção, cai em cima de Bea para protege-la, fiquei com um pouco de vergonha. 

...

-Paloma, tá tudo bem? Pergunta Fernanda. 

-To sim, é que...nada...

-Fala! Por favor! Diz Fernanda. 

-É que...sei lá, não sei se é bom te contar. 

-Por favor! Fala! Pode confiar. 

-Eu e o Lucas nos pegamos.Disse ela. 

-Sério? E o que aconteceu? Diz Fernanda surpresa. 

-Ficamos nos tocando a noite toda, teve um momento que abaixei a cueca dele! Disse ela, sem conter a ansiedade. 

-Você viu o?...Perguntou Fernanda

-Sim! É lindo cara! Sabe...É que me deu até vontade de tocar, e ele(Lucas) é muito safado! Me tocou a noite toda, quero muito transar com ele Fernanda!

-Eu também quero muito transar com o Luis, muito mesmo. Disse Fernanda. -Ah...isso não é interessante? Disse Fernanda. 

...

-Cara, o que você fez com a Bea ontem a noite? Perguntou Lucas.

-Primeiro a gente ficou quase sem roupa! Ai a gente foi deitar e ficamos de baixo do cobertor! Eu toquei muito na pipita dela! Ai depois de um tempo gozei dentro da cueca, esfregando nela! 

-Nossa Renato! Caraca! Eu devia ter feito isso! Mas minha noite foi bem excitante também! [...] Eu me masturbei no banheiro!. Confessou Lucas

...

-Então vocês não fizeram até o final? Perguntei para Bea.

-Não...mas eu tinha muita vontade Luis!

-Ah...que pena, mas uma hora vocês fazem! O Renato gosta muito de você, e você é uma delícia! Disse eu. 

-Sério? Quais partes você mais gosta em mim? Perguntou a pequena. 

-O seu bumbum, os seus seios...

-Mas nem são grandes ainda!

-Assim é melhor ainda! Disse rindo. 

Foi um dia bem louco, atiramos muito,ficamos sujos de tinta,no final Lucas e Renato "mataram" todo mundo.

Depois fomos tomar banho e limpar um pouco a casa, afinal eu tinha dispensado todos os empregados. Nada poderia estragar nossa alegria, a não ser que...



Notas Finais


Obrigado por ler! Comentem!!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...