História A descoberta de um romance - Capítulo 16


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Hinata Hyuuga, Naruto Uzumaki
Tags Jornalismo, Naruhina, Romance
Exibições 239
Palavras 2.102
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Pessoal! Voltei!
Esse capítulo vai ser dividido em 2 partes! Então n se preocupem!
Obrigada aos novos favoritos e aos comentaristas!
Vocês são uns amores!
E os fantasmas também.

É isso.!

Capítulo 16 - Capítulo 16


A campainha soou, avisando a Hinata que Naruto tinha chegado para buscá - la. Estava vestida com uma saia de cintura alta preta curta e blusa de gola sem mangas cinza. Passou um batom vinho e caprichou no contorno dos olhos, deixando os cabelos soltos. Queria estar apresentável, já que estava ansiosa e um pouco preocupada em causar uma boa impressão aos amigos do novo namorado. Pegou uma bolsa preta que havia separado em cima da cama e foi andando e seus saltos ecoando no chão. O tempo estava relativamente melhor na cidade, por isso não pegou um casaco. Abriu a porta e Naruto estava esperando. Ele estava bem arrumado de calça escura, camisa e uma jaqueta jeans. Quando viu Hinata, assobiou baixo.

 

- Wow... Você está linda, acho que não quero mais sair..- Disse fazendo ela sorrir com o elogio. Ele foi se aproximando pronto para beijá - la, mas parou ao ver o batom.

 

- Obrigada. O que foi? - Perguntou Hinata ao ver que ele hesitou.

 

- Você está de batom. Não quero borrar ou algo do tipo.

 

Hinata riu. Ele era um homem detalhista. Ela beijou as costas de sua mão e virou para que ele observasse. Não tinha nenhuma marca.

 

- Não sai.

 

- Ah... Como é o nome dessa marca? - Perguntou passando os braços ao redor dela para cumprimentar a azulada como queria inicialmente, fazendo ela rir. - Vou te dar uma caixa desse negócio.

 

Ao chegarem no restaurante, Hinata percebeu um pouco mais da influência de Naruto, que mesmo sem ter reservado uma mesa, foi levado para o melhor lugar do estabelecimento.  Durante o jantar, Naruto falou sobre o contrato e sobre os amigos que iam encontrar.

 

- O que você queria falar comigo? - Perguntou ela sem esperar que ele iniciasse um novo assunto, enquanto terminavam a sobremesa. Estava observando que Naruto falava bastante, o que era bom, pois ela já era um pouco mais calada.

 

Naruto não fez rodeios, prezava por sinceridade. Estendeu a mão por sobre a mesa e tocou a mão de Hinata.

 

- Viram nós dois em Kerama. Digo, pessoas da minha empresa. E provavelmente outras pessoas também.

 

Hinata sabia o que aquilo queria dizer,eles estavam juntos publicamente naquele momento também. Expostos. Onde qualquer um poderia ver os dois juntos.

 

- Você acha que estão especulando sobre nós?

 

- Os funcionários?  Eu não sei. Talvez. - Suspirou ele.- Sou uma figura pública, não um adolescente popstar mas um empresário. Não quero e não tenho o porquê me esconder ou algo do tipo. E você é jornalista. Sabe o que quero dizer. Só que isso também envolve você e o seu estar também virou prioridade pra mim.

 

- Eu sei Naruto-kun. E agradeço por isso. Quando eu disse que estava disposta a fazer isso acontecer, ver no que a gente daria, me refiro também à isso. Não é certo e também não posso pedir que você me esconda ou algo do tipo. Esconder o nosso relacionamento. E hoje vou conhecer seus amigos então fico feliz de você não ter receio de assumir a gente. - Disse Hina. Ela não precisou pensar para responder pois sabia que não tinha sentido esconder seu relacionamento. Na coletiva poderia pegar mal. Mas agora estavam namorando. Não devem nada à ninguém.

 

Naruto apertou a mão dela na sua e sorriu.

 

- Achei que isso poderia ser um problema.- Confidenciou ele. - Aquele garoto que foi na sua casa também me viu.

 

Desfilar como namorada oficial do lindo e super interessante Uzumaki Naruto? Hinata havia entendido que não. Era melhor do que ser uma surpresa para seu ciclo de amigos e família também. Não queria estar com ele pela metade e sim por inteiro.

 

- Não tem problema. Posso pedir que ele seja recatado... Mas não impede que sejamos discretos. - Disse ela, dando de ombros. Falaria com Toneri.

 

- Com um batom desses? Não vão nem desconfiar. - Disse pegando a mão dela e  levando aos lábios.


 

Após pagarem a conta, foram em direção ao Zonics. No caminho Hinata recebeu uma mensagem da irmã, dizendo que esta estava saindo de casa já que quando falou com Ino a amiga havia dito que iria viajar para a casa dos pais no fim de semana, já que eles moravam em uma cidade do interior. Ao chegarem, Naruto desceu do carro e foi abrir a porta para Hinata, que viu a enorme fila para a compra de ingressos. Percebeu também que o letreiro de luzes antes azuis, ao menos na última vez que ela veio à casa noturna, agora estava laranja fluorescente.

 

- Quanta gente. Nós vamos demorar pra comprar os ingressos.

 

- Não precisa, o dono é um amigo meu. O nome dele é Jiraiya. Se ele estiver aí, vou te apresentar. Vamos.

 

Foram até a entrada e os seguranças pareceram reconhecer Naruto, pois eles passaram sem nenhuma interferência. A boate estava cheia e a música era alta. Tocava uma música em inglês que Hinata reconheceu por ouvir as vezes em sua conta do Spotify. Centenas de pessoas estavam dançando , aproveitando parte de sua noite de sábado para se divertirem. O lugar era muito bem estruturado, tinha 2 bares, um em cada andar e o DJ parecia estar dando o melhor de si para que as pessoas continuasse dançando. O loiro foi guiando Hinata entre a multidão, indo em direção ao segundo andar do ambiente. As escadas eram de ferro batido, dando um ar de fora das regras, o que atraía os jovens japoneses para o ambiente. A última vez que Hinata esteve no local, a festa era à fantasia. Ao chegarem no segundo andar, local que privilegiada a vista para a pista de dança, percebeu que o som era um pouco mais baixo e esse era o motivo das mesas serem no segundo andar, a possibilidade de conversa. Foram em direção a um grupo que estava conversando sentados em uma mesa. A azulada identificou uma moça e dois rapazes. Todos bem vestidos e muito bonitos. Então aqueles eram parte dos amigos de Naruto.

 

- Oi pessoal. - Saudou Naruto, Os olhares foram para o casal recém-chegado e Hinata sentiu seu rosto esquentar. - Vocês chegaram faz tempo?

 

- Não muito. - Respondeu a loira, que vestia um vestido preto e sapatos vermelhos. Parecia uma modelo e claramente não era japonesa.- Só o suficiente pra Lee já está bêbado por aí. Quem é essa? - Perguntou vindo abraçar Hinata. - Sou Temari.

 

- Essa é Hyuuga Hinata, minha namorada. - Apresentou Naruto, que quando disse a palavra namorada, apertou a mão de Hina.

 

- É um prazer conhecer vocês. - Sorriu Hinata cordialmente.

 

- Não se cumprimenta ninguém assim por aqui Temari. - Disse um cara moreno de cabelo preso, parecendo desgostoso da fala da loira. Ele levantou e veio cumprimentar Hinata. também, que aceitou os cumprimentos do aparente casal.- Sou Nara Shikamaru, amigo de Naruto. Desculpe a minha noiva. - Disse dando no beijo no rosto da moça.- É um prazer te conhecer.

 

Temari foi abraçar Naruto assim como seu noivo, que fez o loiro rir de algo que Shikamaru disse em seu ouvido.

 

O outro rapaz veio e pegou na mão de Hina, dando um beijo galante. Ele parecia um pouco mais jovem.

 

- Sou Sarutobi Konohamaru.- Apresentou-se animadamente. -  Conheço Naruto desde criança, caso ele estiver vacilando com você é só falar comigo, que eu posso dar uma lição nele no treino. É só você pedir.

 

Hinata não fazia ideia de que treino ele estava falando, mas riu ainda assim. - Ok. Vou lembrar disso.

 

- O que foi que você disse Konohamaru? - Perguntou Naruto abraçando Hinata pela cintura, fingindo que não tinha ouvido.

 

- Nada que você precise saber. Vou no bar, alguém quer uma bebida?

 

- Você tem idade para ingerir álcool ? - Perguntou a azulada, fazendo os outros rirem.

 

- Esse garoto? Ele é uma máquina de porres. Não sente nada no outro dia, de tão acostumado que é. - Respondeu Temari. - Quero uma tônica.

 

Shikamaru ergueu seu copo, mostrando que estava cheio ainda, porém acrescentou. - Traga uma champaigne, nós temos muito o que brindar.

 

- Você quer alguma coisa? - Naruto perguntou para Hina.

 

- Traga um Arnold Palmer. - Pediu Hinata. - E também um Nevada.

- Texas Tea pra mim. - O rapaz assentiu e saiu, em direção  ao bar. - Essa outra bebida é pra sua irmã? - Perguntou Naruto.

 

- É, Hanabi gosta de coisas fortes. E pelo visto você também. Talvez seja bom eu não beber, precisamos chegar em casa vivos.

 

- Não precisa se preocupar. Sou muito tolerante em relação ao álcool. E  não costumo  perder a razão nem nada assim. - Comentou Naruto, percebendo os olhares dos amigos sobre ele e Hinata, observando o novo casal. Hinata assentiu.

 

- Fico tranquila então. - Seu celular começou a vibrar dentro da bolsa e ela o pegou, vendo que Hanabi tinha mandando uma mensagem.

 

Estou aqui dentro já, onde você está?

 

2º andar. Vem.

 

Respondeu o torpedo e sentou junto de Naruto ao redor em frente a mesa já ocupada pelo outro casal, que estavam em uma conversinha de pé de ouvido. O DJ trocou a música e as pessoas na pista de dança vibraram, parecia ser um sucesso.

 

- Você quer ir dançar? - Perguntou Naruto, vendo que o olhar que Hinata colocava sobre a escadaria.

 

- Acho que sim, é que Hanabi está chegando. - Explicou. Naruto colocou a mão na perna de Hinata num gesto comum para casais, mas que fez a azulada prender a respiração. Olhou para ele e viu que ele a olhava, com aquele olhar. Nem haviam ido para a pista de dança e as coisas já estavam quentes.

 

- O que foi? - Perguntou com a boca seca de repente.

 

- Você. Eu queria te ... - Naruto interrompeu o que ia dizer e fez um gesto com a cabeça. - Vocês são irmãs mesmo.

 

Hinata virou o rosto e viu Hanabi parada olhando para eles, estonteante vestida com um vestido azul turquesa justo e uma maquiagem forte, os cabelos presos em uma trança e sapatos de salto nos pés.

 

- Aqui estão as bebidas! - Anunciou Konohamaru voltando, com uma  bandeja na mão. - Pra quem é esse Nevada?

 

- Imagino que é meu. - Disse Hanabi pegando a bebida, fazendo os olhos de Konohamaru passearem por ela. - Oi Hina. Não vai me apresentar o seu namorado? - Perguntou em tom de sarcasmo.

 

Hinata sorriu e levantou puxando Naruto consigo. - Naruto-kun, essa é minha irmã Hanabi. Hana, esse é Naruto, meu namorado.


 

- É um prazer conhecer você. - Naruto abraçou Hanabi, que olhou por sobre o ombro dele para Hinata. QUE HOMÃO DA PORRA, a azulada leu silenciosa os lábios de Hanabi.

 

    Não tinha como discordar daquilo.

 

Konohamaru pigarreou, para chamar a atenção de Hanabi, que olhou para ele. - Sim?

 

- Eu não ganho nada por trazer seu drink? - Ele já estava com as mãos vazias, tinha colocado o restante das coisas na mesa. Shikamaru e Temari havia se levantando silenciosamente e saído sem dizer onde iam.

 

- Esse é Sarutobi Konohamaru. Essa moça é a irmã da Hinata, Hanabi. - Apresentou  Naruto.

 

- O que você quer? Uma gorjeta? - Disparou Hanabi. Ela analisou o rapaz e viu que ele era bem bonito e que não estava vestido com o uniforme que  os garçons do Zonics usavam, mesmo tendo chegado com as bebidas. Estava tirando uma com a cara dele.

- Prefiro um beijo seu. - Rebateu fixando seu olhar no dela, fazendo a moça sorri marota.

- Te dou uma dança e se você me convencer, quem sabe.

- Fechado.

Hanabi colocou a bolsa na mesa e puxou o rapaz para em direção as escadas, para a pista de dança. Naruto riu.

- Ela é mesmo sua irmã? Que rápida. Konohamaru é um bom garoto também. Acho que eles vão se divertir juntos. - Disse pegando sua bebida e tomando um pouco. Deu a bebida de Hinata para ela também.

- Espero que sim. Ela gostou de você.

- Que bom então. Agora falta o teste de fogo. - Disse referindo-se ao pai de Hinata. - Com o que eu vou propor agora, já estaria reprovado. Ou preso.

Hinata ficou curiosa.

- O que você vai dizer? - Naruto trouxe a moça para perto, para falar no ouvido dela, para que escutasse perfeitamente o que ele iria dizer.

- O que você acha de dormimos na minha casa hoje? - Sussurrou no ouvido dela.


Continua!


Notas Finais


Não se preocupem . ainda vai rolar altas paradas na parte 2. Quem sabe com os comentários eu não acrescente algo que vocês indiquem?
Fica no ar kkkk ( ser má é outro nível By: Camys)
Beijossssss
E digam o q acharam!
Revisadooooo ^^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...