História A Difícil arte de crescer -Letônio - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Romance
Exibições 5
Palavras 774
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Esporte, Famí­lia, Mistério, Romance e Novela, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Nudez, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


A Letícia precisa cresce, entender que as coisas não são como ela espera com fim do noivado , descobrindo que seu pai é outro descobrindo as verdades em sua vida
cresce nunca é fácil, sabe quando termina também não, mais tem horas que devemos apenas seguir em frente

Capítulo 1 - Escutando as verdades-


Fanfic / Fanfiction A Difícil arte de crescer -Letônio - Capítulo 1 - Escutando as verdades-

Leticia estava ainda apaixonada por Tiago, se depara com uma visita que tanto ela gostava e assim diz.

-Antônio que bom que veio precisava tanto de você

Diz a garota com olhos praticamente inchando de tanto chora naquela velha frase

Eu quero Tiago de volta Antônio eu ainda o amo

Ele a fazia olha diretamente a ele e ele olhava serio e diz

-Leticia, por favor, pare com isso vai fica se machucando toda vez por causa dele.

Dize o amigo preocupado continuou

Pare de viver passado Letty, você sabe que  você é linda ,  muitos caras vão ver isso, você venceu uma doença, vencera isso você merece mais que isso

-Se ele terminou por que ele não ver a pessoa que você é a vida ele mostrará algo melhor

Veja por mim a Ruth Raquel me deu um pé na bunda mesmo me apaixonando para vale a vida que sequer, não se deve cega para uma única pessoa.

- Eu não me seguei faça o mesmo

-Se ele esta com outra pessoa, por que ele não sabe ver que o quanto você é especial.

Ela deu sorriso triste falando

-Tudo isso dói Antônio, e você sabe que existe  a história  sobre que minha mãe , o que ela fez sobre seu passado e acabou escondeu de mim quem era meu pai

O amigo diz

-Seu pai pode se que te cria o Tião, mais me escute Letty, você  esquece que você é um fruto de um amor intenso você é resultado do amor deles não julgue ele

-Mais eu o odiei, meu ódio me fez fica distante de minha mãe acabamos, em uma briga aonde ela dizer que não tinha mais uma filha

- Letty ela estava com raiva de ver a menina dela se indefesa, coisa que você não é escuta você estava vivendo em um mundo aonde qual

-Você achava que sua família estava bem mais como todas tem problemas

Mais....

-Mais que Letty, você que tapa sol com peneira ninguém manda no que sente ou no quer, pelo menos você sabe que sua mãe quer e quer seu ‘’pai’’ quer?

-Leticia não se deixa engana pela boa vontade se cega pelo seu amor incondicional pelo seu pai Leticia também, que ver as vontades de sua mãe Letícia, isso é egoísmo de sua parte, você não é nenhuma menina sim uma mulher feita, você tem que apoia também sua mãe

-Ela te deu a vida cuidou esteve com você no bom e no ruim não adianta só ver lado de seu pai

Leticia olhou ficou pensando

-Você acha

Letty às vezes você esquece que é uma mulher, feita e age como uma criança

Falou rapaz olhando em seus olhos segurando ela de frente

-Pensa no que te falei logo você vai perceber as coisas que estão a sua frete

Nem tudo é como a gente que

Minha linda amiga, olha eu nunca conheci meu pai eu só vi uma vez, isso me faz igual a você mais não julguei pelo passado sim pelo que estamos vivendo agora

-Es sei que estou errando com ele de inicio estou nervoso com essa aproximação mais estou tentando

-Antônio é diferente tinha ódio do Pedro culpei ele pela separação de meus pais

-Desde quando amor tem culpa de algo Letícia, por amor abrimos mão da pessoa para ser feliz sabia

-Você agiu como uma mulher  madura  quando falou tudo que esperaria que você, você dizer que via todos os seus defeitos que lhe trouxe da sua recuperação, seus medos e inseguranças e agora Letícia parece que você retrocedeu,e isso que você realmente que, espera ele  e fica esperando o que dele   resto Letty

É isso é certo para você ou para ele te da pouco,sei que tiverem,uma história, mais agora viva o hoje ele fez seus caminhos faça os seus

Dizer firme o rapaz ela diz tristonha

-Não é isso Antônio, eu ainda gosto dele não quero restos

-Não tem certeza, que não é mais é que parece que se contenta com resto, por que tenho certeza que só ele fala vem você vai

- Le não se limita a pouco você merece mais  não aja dessa maneira como qual você esta agindo Letícia,afinal cadê aquela garota que eu conheço não deixa ela morre  ainda mais que venceu mais difícil , que foi sua doença

-Eu acredito em você falta você confia em você mesma

Ela sorrir sabia que de certa forma ele estava certo, tudo que ela precisava naquele momento era sentir seu abraço e assim o fez ela o abraçou e  ele retribui e deu beijo sua testa saindo logo em seguinda

Cont



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...