História A Dor de Um Amor - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Suga
Tags Bangtan Boys (bts), Drama, Escolar, Romance, Yaoi
Visualizações 21
Palavras 750
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Escolar, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Mutilação
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Espero que apreciem o capítulo pessoal ^^

Capítulo 2 - Reprovando o "desconhecido"


Fanfic / Fanfiction A Dor de Um Amor - Capítulo 2 - Reprovando o "desconhecido"

"Realmente ficou claro que esse menino mexeu comigo. Mas desde meus dez anos de idade venho me perguntando se isso não seria errado _ gostar de um menino sendo que eu sou um menino. Por que algo assim vem acontecendo comigo nesses últimos 5 anos? É exatamente por isso que eu venho me isolando tanto, não consigo me ver como alguém normal e feliz e ... bom, eu não conseguia, até hoje nesta tarde que conheci esse garoto simpático, de nome fofo e que tem um sorris ... viu só! Olha o que você está pensando Hoseok! Aish! Melhor ir dormir logo." 

 Dei uma conferida na hora do celular que estava debaixo do travesseiro e já era meia noite, nessa hora quase enfartei de susto pois teria que acordar cedo novamente no dia seguinte e dormir pouco realmente me deixa muito mal-humorado. 

[...] 

 Na manhã seguinte repito minha rotina do dia anterior, trocando apenas a música que ia ouvir hoje. Ao chegar na escola _ um pouco atrasado porque acordei 10 minutos mais tarde _ percebi que todos haviam entrado, todos menos Yoongi, que parecia um pouco confuso com os papéis em sua mão. Escutei ele me chamar mas tentei ignorá-lo e ir direto para minha sala, porém ele veio por trás de mim e colocou sua mão direita sobre meu ombro esquerdo me virando de frente para ele: 

 _Ei! Eu estava te chamando! _ disse ele um pouco frustrado. 

 _ Bom dia para você também Yoongi! Eu não havia te escutado, e agora você me assustou um pouco. Agora se me dá licença eu estou atrasado para minha aula. _ vi o rosto dele enrubescer. 

 _ Desculpe por isso. Mas eu estou um pouco perdido com meus horários e não sei para qual sala devo ir. Poderia me ajudar? 

 _ Só se você tirar sua mão do meu ombro. _ é claro que isso não me incomodava mas tinha mais pessoas por perto e estava ficando um pouco vergonhoso ficar daquele jeito. E com um sorriso gengival lindo que eu nunca havia visto antes ele soltou sua mão do meu ombro e me entregou os papéis com a outra. 

 _ Ah não! Não acredito nisso! 

 _ Ei! O que foi? Tem algo de errado? 

 _ Você vai fazer os mesmos horários que eu! 

 _ Ahh, mas isso é bom! Eu não vejo problema algum nisso. _ respondeu ele com outro de seu lindo sorriso. _ E então onde é a nossa primeira aula? 

 _ Física, na primeira sala do andar de cima, vamos, só me seguir.  

 Dito isso ele guarda os papéis na bolsa e passa seu braço direito pelo meu pescoço. 

 _ Ei, Yoongi, o que você pensa que está fazendo? Pode me soltar! 

 _ Como assim? Você é meu melhor amigo, é claro que não vou te soltar! 

 _ Aish! Eu te conheci ontem, e ninguém gosta de mim! Como pode me chamar de melhor amigo? 

 _ Eu pensei que eu era diferente dos outros, pelo menos pra você eu pensei ser um pouco diferente.  Depois de dizer isso ele me soltou e foi caminhando calado ao meu lado. 

 Ao chegar na sala avistei minha carteira vazia e uma também vazia ao lado da minha (já devem ter posto uma a mais para Yoongi, mas justo ao meu lado?), em seguida avistei também um olhar de reprovação do professor que já havia começado sua aula a 20 minutos: 

 _ Com licença professor, tive um pequeno atraso no caminho. _ falei isto dando uma olhada pelo canto do olho para o novo aluno da classe que pareceu ter entendido o que eu quis dizer. 

 _ Sim, pode entrar Hoseok. E como a supervisão já me avisou que ainda não conseguiram os livros para o aluno novo, vou pedir que compartilhe os seus com ele. Agora sentem-se. _ dito isso fomos nos sentar, Yoongi com um sorriso no rosto como se estivesse gostando da situação, e eu com uma cara fechada tentando evitar o olhar dele. 

 Quando fui ajudá-lo a encostar sua mesa do lado da minha, senti sua mão (que por sinal era muito macia) segurando por cima da minha no mesmo local da carteira. Tentei puxar minha mão mas ele não soltava. 

 _ Solta Yoongi. _ disse eu num cochicho desconcertado. 

 _ Não. _ respondeu ele em outro cochicho e arrastando a mesa ao mesmo tempo que me encarava nos olhos. Senti minhas bochechas corarem nesse momento, mas me sentei em minha cadeira e iniciamos a aula. 


Notas Finais


Gostaria de agradecer a todos que leram até aqui, espero que estejam gostando :D


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...