História A dor se transforma em amor [imagine Suga] - Capítulo 23


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Slipknot
Personagens Alessandro Venturella, Chris Fehn, Corey Taylor, Craig Jones, James Root, Jay Weinberg, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Mick Thomson, Personagens Originais, Rap Monster, Shawn Crahan, Sid Wilson, Suga, V
Tags Ficção, Morte, Policial, Romance
Visualizações 20
Palavras 1.930
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ficção, Policial, Romance e Novela, Sobrenatural, Violência, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Preparem os corações pra quem for cardíaca

Boa leitura
💙💙💙

Capítulo 23 - Cap 23 E agora Taehyung?


Fanfic / Fanfiction A dor se transforma em amor [imagine Suga] - Capítulo 23 - Cap 23 E agora Taehyung?

Taehyung on~~

 Estava super feliz por voltar a trabalhar e ainda mais feliz, porque já estava acabando o espediente. Só que eu acabei recebendo uma visita nada agradável quando eu estava prestes a sair da Delegacia. Minjae, meu ex ficante, assim que eu chamo ele.

 Mj_ Oi gato tava com saudade. Soube que você me trocou por outro Boy. Magoou, mas eu não ligo não, ainda gosto de você.

 _ Olha Minjae eu não tenho mais nada pra falar com você, vai embora antes que meu namorado chegue e arrume confusão com você.

 Mj_ Aah pra isso ele teria que ter um motivo pra arrumar confusão não é mesmo baby?

 _ Eu não estou entendendo aonde você quer chegar, e não me chame de baby, não temos intimidade, não mais.

 Mj_ Sério isso Tae? Eu e você já tivemos noites calorosas, e você diz que não temos intimidade?

 _ CALA BOCA E SOME DA MINHA VIDA! VOCÊ NÃO ENTENDE QUE EU NÃO QUERO MAIS NADA COM VOCÊ? SOME DAQUI!

 Mj_ Nossa Tae, você fica tão sexy bravo, eu vou embora, só que eu preciso me despedir direito de você né.

   _ Como assim se despedir?

 Não consegui nem responder e Minjae me ataca ferozmente com sua boca na minha. Me desgrudei com tudo dele quando percebi o que estava acontecendo. Eu olhei com desdém, nojo, com o pior sentimento que eu podia demonstrar e quando fui xingar ele de todos os nomes possíveis ouço uma voz familiar atrás de mim:

 Jh_ Que casal mais lindo, será que estou atrapalhando algo?

 Hoseok? O que? Será que ele viu o beijo que Minjae roubou de mim? Caralho! Sem pensar me viro com tudo e vejo Hobi chorando.

 _ Hobi me deixa explicar o que aconteceu…

 Jh_ Você não tem que me explicar nada Kim Taehyung, eu já vi o que tinha que ver por hoje. Tome esta aliança e dê para seu namorado.

 _ Mas você é meu namorado!

 Jh_ Se eu fosse mesmo seu namorado você não esteja beijando na boca desse projeto de naja! ( Diz em meio aos soluços).   

Mj_ Hey! Mais respeito comigo, eu nem sabia que você era o namorado do Tae, achei que era um amigo dele, patente, sei lá, não foi o que você me disse, Ãn… como se chama mesmo? Ah Jung Hoseok!

 _ Vocês se conhecem?

 Jh_  E importa pra você Taehyung? KKKKKKKKKKK ( ri ironicamente com a voz rouca por conta do choro). Bom eu acho que não tenho mais nada o que fazer aqui, não quero mais atrapalhar o casal, vou embora.

 _ HOPE! ESPERA! ( grito enquanto corri atrás dele).

 Ele sai correndo igual um louco e eu tento impedir ele, mas não consegui e eu vi com meus próprios olhos a Hoseok sendo atropelado por um homem de moto. Meus batimentos cardíacos deixaram de funcionar quando eu vi o amor da minha vida, inconsciente em volta de um monge de sangue. Saí correndo até ele, e quando cheguei perto e pude ver o quão machucado que ele estava. Sua perna quebrou e sabe como eu sei que ela estava quebrada? Simples, a fratura era exposta, com seu osso saltado para fora de sua perna. Sem pensar liguei para emergência e pude ver o motoqueiro chorar de dor. Ele que atropelou meu homem estava consciente é só um pouco machucado e, e Hope estava todo machucado e inconsciente. E eu aqui com meu coração em pedaços. Porque a culpa é toda minha. Desde o momento em que eu me envolvi com o Hobi e o Minjae ao mesmo tempo. Se eu não tivesse ficado com aquele otário, na disso estaria acontecendo com o Hobi. Alguns colegas meu de trabalho ouviram a batida do acidente e correram para fora para ver o que estava acontecendo. Sem pensar eles pegaram faixas e cônes para isolar a área. Um deles veio até mim e perguntou:

 Xx_ Tae o que aconteceu?

 _ Ele atravessou a rua correndo e não viu que tinha uma moto vindo e o motociclista não consegui freiar a tempo que acabaram colidindo.

 Xx_ Mas ele está vivo?

 _ Sim, só está inconsciente, e o motociclista está consciente, veja se pode ajudá-lo eu já liguei para a emergência.

 Xx_ Okay Taehyung.

 Não demorou muito e a ambulância chegou. Conseguiram deixar o rapaz da moto em pé e o levar até dentro da ambulância.  Depois vieram buscar Hoseok que eu estava ao meu lado.

 _ Eu posso ir na ambulância junto com ele? ( perguntei ao socorrista).



 Socorrista_ Se fosse só ele que estivesse na ambulância nós deixaríamos. Mas infelizmente temos outro ferido. Se o senhor quiser saber o estado dele vai até o Hospital Municipal, é lá que vamos levá-lo.

 Eu saí em disparada para o estacionamento buscar meu carro, mas alguém me barra.

 Mj_ Eu sei que eu fui um idiota e eu vi o acabou de acontecer com seu namorado, deixe-me redimir minhas ações.

 _ Some daqui, você já não está satisfeito por ter quase cauasado a morte da pessoa que eu mais amo?!?! ( disse sentindo minha voz embargada por conta do choro). 

Mj_ Olha eu estou tentando me desculpar, e tem mais, eu não vou deixar você dirigir nesse estado. Quer mesmo ficar igual ou pior que seu namorado?

 _ Eu vou aceitar, porque eu não estou mesmo em condições de dirigir, mas ainda estou muito magoado com você.

 Mj_ Ótimo temos que ir para qual hospital?

 _ Hospital Municipal.

 Nós entramos no carro e eu pedi para Minjae ir rápido porque eu estava muito preocupado, mas ele disse que se quiséssemos morrer ele andaria rápido. Então demoramos um pouco para chegar no hospital. Cheguei lá e fui direto falar com a recepcionista:

 _ Senhora, eu vim aqui saber o estado do meu namorado Jung Hoseok, ele acaba de sofrer um acidente na frente da 6° D.P daqui de Osasku.

 Recepcionista_ Bom senhor , deixe-me checar aqui nos registros para ver onde ele estava sendo hospitalizado.

 Ela olha no computador por uns 20 segundos que pareciam mais 20 anos. 

Recepcionista_ Bom o único Jung Hoseok que foi hospitalizado aqui, está em sala de cirurgia nesse momento por conta de uma fratura exposta na perna esquerda.

 _ Ah Meu Deus, mas quando eu vou poder vê-lo?

 Recepcionista_ Isso vai depender somente do médico quando terminarem a cirurgia.

 _ Mas a senhora sabe quando essa cirurgia  vai acabar?

 Recepcionista_ Bom essas cirurgias tem no mínimo umas 3 horas de duração e ele entrou a uns 20 minutos atrás.

 _ Entendo, eu posso esperar aqui? 

Recepcionista_ Sim. Sinta-se a vontade, pode se sentar em uma de nossas cadeiras de espera.

 _ Obrigado.

 Saio e me sento ao lado de Minjae .

 Mj_ E aí como ele tá?

 _ Bom…. Ele tá na sala de cirurgia agora, eu não sei mais nada sobre o estado dele.

 Mj_ Eu estou me sentindo tão culpado, me desculpa por ter te beijado. Se não fosse eu, nada disso estaria acontecendo.

 _ Se você está sendo sincero comigo, eu te perdôo sim Minjae.

 Mj_ Eu estou e se precisar fico aqui com você. Não quero te deixar sozinho nesse estado.

 _ Obrigado, mas não precisa ficar aqui se não quiser.

 Mj_ Eu faço questão, é  única forma de tentar me redimir.

 _ Okay, se você insiste.

 Taehyung off~

 Jimin on~~

 Eu e Jungkook estávamos em  casa  (na verdade eu estava na casa dele). Hoje ele disse que pra comemorar nossa volta ao trabalho, ele fazeria um jantar para nós dois. Eu amo esse cara!

 _ Amor você não quer ajuda mesmo? (digo envolvendo meus braços em sua cintura) Eu estou no tédio vendo você aí fazendo tudo e eu só olhando, estou me sentindo um inútil.

 Jk_ Para com isso bebê, eu só quero fazer algo para meu namorado comer não posso mais? E aliás, seu abraço está maravilhoso só que eu não quero que você se queime, então vou ter que me desfazer dele ( ele diz e retira meus braços de sua cintura)

 _ Nossa, nem carinho você não quer de mim! ( digo com uma voz manhosa).

 Jk_ Ah Meu Deus, meu bebê quer atenção? Espera só mais um pouquinho que eu já termino para ser inteiramente do meu baby.

 _ Inteiro, só pra mim? ( digo com um sorriso malicioso em meus lábios).

 Jk_ Aham ( ele diz todo inocente arrumando a mesa)

 _ KKKKK aí Jungkook você é muito lerdo!

 Jk_ Oxe? O que eu fiz?

 _ KKKKK nada meu amor, você não fez nada, ainda.

 Jk_ Que? Ué? Você tá ficando doido Jimin? Acho que é a fome, vem já está Pronto.

 Ele se senta a mesa e eu me sento no seu colo. Ele se impressiona um pouco com meu ato, mas logo em seguida entrelaça seus braços na minha cintura enquanto eu coloco comida na sua boca e depois na minha.

 Jk_ Sabe que você pode sempre comer assim?

 _ Assim como? ( me faço de desentendido).

 Jk_ Aqui no meu colo.

 _ Aé? Que bom porque eu também gostaria de experimentar outra comida no seu colo.

 Jk_ Olha eu não fiz sobremesa se é o que você está pensando.

 _ Nossa Jungkook como você é lerdo! Jk_ Eu disse algo de errado? ( me olha confuso).

 _ Ai seu bobinho! ( digo e dou um selinho nele)

 Jk_ Ainda não entendi, mas tudo bem. 

Terminamos de comer e eu fui me levantar do colo dele só que ele não deixa. 

Jk_ Bom eu não fiz sobremesa, porque hoje eu tinha/tenho a intenção de me deliciar de outro modo ( diz com uma voz sexy que me fez arrepiar por inteiro).

 _ Me mostre como você quer se deliciar amor. ( digo provocando ele)

 Jk_ Você quer mesmo saber?

 Assinto, e no mesmo instante ele me vira no seu colo , fazendo com que nossos rostos ficassem próximos. Pude sentir sua respiração contra a minha e fiquei mais excitado do que já estava. Pude ver no seu olhar todo seu desejo de me ter, e o meu com certeza não estaria diferente. Então sem pestanejar tratei logo de beijar aquela boca maravilhosa. Com um beijo cheio de paixão, de vontade, desejo e luxúria. Paramos por conta da clichê falta de ar.

 Jk_ Eu te amo Park Jimin.

 _ Eu também te amo Kookie.

 Ele sorriu e eu também. Voltamos a nos beijar só que agora pude sentir muito mais luxúria em nosso beijo. Ele passeava sua mão por toda a extensão das minhas costas e abdômen. O que estava me deixando super excitado. Então tratei logo de tirar sua camisa. E maltratar suas costas com minhas carícias. Ele se levantou da cadeira, entrelaçando minhas pernas em sua cintura, e nos guiou até o quarto. Chegando lá me jogou na cama com tanta força e vontade, e logo pulou em cima de mim, arrancando com tudo minha camisa e maltratando meu pescoço com seus lábios. Gemi baixo e abafado com seu toque. Pude ouvir um riso baixo de contentamento por conta da minha ação, então tratei de não deixar barato e me virei por cima dele, trocando de posição. Abocanhei seu pescoço, e passei minhas mas com um toque leve por cima de seus abdômen definido, o que fez ele gemer meu nome. Agora sim, estávamos quitis.

 Jk_ Você me fez gemer antes da hora, acho que vou ter que te repreender pelo seu ato maldoso.

 _ Qual vai ser a punição Senhor Jeon? 

Jk_ Hyung não me provoque assim…. 

ESSA NOITE VAI SER LONGA E QUENTE…. 



 ~~continua…~~      


Notas Finais


LALALALALA
POSTEI E SAÍ CORRENDO

BJSSNA BUNDA
FUI


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...