História A Double Adventure - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Girls' Generation, Pokémon, TWICE
Personagens Chaeyoung, Dahyun, Hyoyeon, Jessica, Jihyo, Jungyeon, Mina, Momo, Nayeon, Personagens Originais, Sana, Seohyun, Sooyoung, Sunny, Taeyeon, Tiffany, Tzuyu, Yoona, Yuri
Tags 2hyo, 2yeon, Aventura, Crack!fic, Dahmo, Joaca, Michaeng, Pokémon, Satzu, Snsd, Soosun, Taeny, Twice, Yoonhyun, Yulsic
Visualizações 134
Palavras 2.036
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Fluffy, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yuri
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oular

Mais uma fanfic, e de três categorias que eu nunca fiz fanfic, Girls generation, TWICE e Pokémon.

Assim, essa fanfic é meio crack, meio séria, um pouquinho de cada.

Essa fanfic tá com capítulos maiorezinhos, por isso, se for demorar ainda mais que tudo que pode dar errado em Appreciated, desculpa.

São duas histórias diferentes por enquanto, que tem algumas ligações ao longo da fanfic, e também que talvez se torne uma única aventura.

O nome da fanfic e A Double Adventure justamente por isso, e também para fazer um pequeno trocadilho com "TWICE" fez sentido? Não, mas é vida que segue.
Falei demais né?

Perdoem qualquer erro, boa leitura. <3

Capítulo 1 - Beginning


Começamos nossa aventura no incrível continente de Kanto, no vilarejo Pallet.

- Perai! - Tiffany entrou dentro da sala do narrador.

- Mas já!?

- Sim, é que... Como vai começar em Pallet sendo que só tem... - Começou a contar nos dedos. - Uma, duas três... Três casas!

- Ih, é verdade... Okay então, agora é oficialmente a grande cidade de Pallet! - Pallet se tornou uma grande cidade, com várias casas.

- Eita... Agora parece Celadon. - Tiffany olhou pela janela do narrador, apreciando aquela linda cidade que agora tinha até Shopping. - Pera, narrador você falou shopping?! Eu amo shoppings!

Algumas horas depois...

Começamos nossa aventura no incrível continente de Kanto, na cidade de Pallet, onde Taeyeon estava se arrumando.

- Okay, não vou fazer começo clichê... Não vou fazer começo clichê... - Taeyeon levantou seu boné, olhando fixamente para a parede. - É muito difícil não fazer clichê! - A mesma se sentou, e terminou de botar seu casaquinho. - Okay, agora vai. - Posicionou sua câmera. - E eu, Taeyeon, pre--

- Taeyeon minha cara, corre que tem gente invadindo a casa! - A mãe de Taeyeon gritou do andar de baixo.

- O quê? - Taeyeon se levantou, correndo até o andar de baixo. - Mãe, como assim invadindo? - Deu de cara com algo que nunca tinha visto antes, sua mãe, correndo atrás de Yuri com uma vassoura, enquanto tenta segurar Hyoyeon com o pé. Sooyoung e Yoona estavam, como sempre, atacando a geladeira, Sunny andava pela casa para ver se não via qualquer coisa que a interessasse e Tiffany e Seohyun conversavam sobre coisas aleatórias que vinham em suas cabeças. - Mãe! Essas são minhas amigas!

- Ah, são?

- É senhora, só passei aqui para ver se a Taeyeon ia com a gente. - Yuri se pronunciou, abaixando lentamente a vassoura da mãe de Taeyeon.

- Olhe, mãe. - Fez uma pequena pausa. - Essa é a Yuri, black pearl Yuri.

- Braqui pere quê?1

- Black pearl, mãe. Essa é a Seo, a Maknae aqui do nosso grupinho.

- Mas Maknae não aquela pessoa que invade? - A mãe de Taeyeon levantou uma sobrancelha, esperando a resposta.

- Mãe, da onde você tirou isso?

- Das novela. Só sei que aquela alí, a Braqui sei lá o que lá, entrou gritando "pega a Maknae, pega a Maknae!"

- Ah, de qualquer jeito. Oi! - Seohyun sorriu.

- Oi assaltante.

- Aí, aí. - Taeyeon bufou. - Essa é a Sooyoung, a que está comendo a nossa... Geladeira? - A mais velha tomou um susto quando viu que Sooyoung mordia a geladeira, vendo que a mesma estava vazia. - SOOYOUNG!

- Ahn? Aí, ferro dói! - Sooyoung fez beicinho.

- Ferro dói nada! Você tava comendo a minha geladeira! Aí ai. Continuando de novo, essa que estava comendo o que tinha na geladeira ao invés de comer a geladeira. - Taeyeon mandou uma indireta. - Essa é a Yoona. Essa daí que está mexendo nas redes sociais é a Hyoyeon. Temos também essa daí, que já tá lá no candy crush, é a Sunny. Acho foi todas, eu já posso-

- Ei, e eu!? - Tiffany levantou. - Isso é uma injustiça I-N-G-U-S-T-I-Ç-A!

- Soletrou errado! - Yuri riu.

- Tá, essa é a Pany, mãe.

- Okay. Mas olha, vão tudo embora que eu quero limpar a casa.

Saindo de casa...

Taeyeon estava dando tchau para sua mãe, que nem ligava para o fato de Taeyeon estar saindo de casa, pois a mesma acreditava que Taeyeon iria voltar correndo.

Então, depois de um último abraço, se virou, e deu de cara com uma silhueta de costas para ela.

- Well... Well... Well. Parece que nos encontramos de novo, Taeyeon.

Nesse momento, Seohyun levou um susto, e os olhos de Yuri brilharam.

- Je-Je-Jessica!

- Isso mesmo, parece que desde a nossa última briga, você sumiu por aí!

- Ei, eu não sumi! Você que se mudou para Celadon!

- Bom, isso não importa. Eu quero batalhar! - Jessica fez uma pose de treinadora, e pegou sua Pokébola.

- Calma aí! Eu não tenho Pokémon ainda!

- Ah, não? Okay então. - retornou sua Pokébola ao tamanho pequeno. - Vá buscar um Pokémon. - Apontou para o laboratório, que ficava em meio a árvores. - E depois me encontre aqui.

- O- Okay. - Taeyeon, apesar de tudo, estava com medo.

- Ei, Sica... - Yuri apareceu atrás de Jessica.

- Yul?

- Sim... Eu queria pedir desculpas, pelo o que eu fiz.

- O que você fez mesmo?

- Você e a Taeyeon, brigaram, por causa de mim. Eu tinha sumido, lembra?

- Ah, mas não se preocupe com isso! - Jessica abriu um sorriso, e bagunçou os cabelos de Yuri. - Até porque é passado, e o passado fica no passado.

- E porque ainda está brigando com Taeyeon, se o passado fica no passado?

- Ih, tem razão. - Um choque de realidade atingiu Jessica. - Mas eu quero ser uma mestra Pokémon, e não quero nenhuma anã que não gosta de aegyo no meu caminho!

- Tá bem então. Mas Taeyeon não irá parar, ela está louquinha por esses troféu da liga Pokémon. Ah, e eu quero fazer uma aposta!

- Fale, senhorita.

- Senhorita é a tua vó. Se a Taeyeon ganhar essa batalha Pokémon, você viajará com a gente.

- E se eu ganhar?

- Se você ganhar, foi só pela diversão mesmo.

- Mas isso não tem sentido! De qualquer jeito, eu sei que vou ganhar, então vai dar tudo certo!

- Haha, se você pensa.

- Yuri, vem logo sua... Sua... Eu não consigo pensar em nenhum xingamento bom! - Taeyeon gritou ao longe.

- Okay, perai. Até mais Sica. - Yuri se virou, ficando de costas para Jessica. Fazendo com que a luz do sol de sete e meia refletia em sua pele, fazendo uma cena épica. - Mas lembre-se Sica, a Taeyeon não irá desistir tão fácil.

CInco minutos de caminhada até o laboratório de um senhorzinho que diz que só tem os starter mas tem uma fazenda cheia de Pokémon atrás do laboratório...

- É aqui. - Taeyeon se posicionou de frente a porta.

Taeyeon abriu a porta, e deu de cara com dezessete Pokébolas, DEZESSETE!

- Perae, desde quando o professor tem tantas Pokébolas? - Tiffany indagou.

- Desde que eu comecei a traficar Pokémon. - O professor saiu de uma porta ao atrás da mesinha.

- O-O quê? - Seohyun estava chocada, traficar Pokémon? Como alguém poderia fazer isso com pequenos monstrinhos de bolsos?

- Brincadeirinha. Seohyun, né? Desde que Pallet, a cinco horas atrás foi remodelada eu nem consigo lembrar os nomes. Tem a Taeyeon, a Nayeon.... meu Deus é muita coisa para a minha cabeça!

- Okay, vamos escolher esses inicias logo! - Tiffany berrou.

- Então, aqui temos alguns iniciais de algumas gerações. Podem escolher.

- Mas a gente não faz a mínima ideia de que Pokémon tem aí! - Yoona parou de conversar com Seo e se pronunciou.

- Então, vai ser uma surpresa! Eu quero que essa alta aí escolha primeiro. - Apontou para Sooyoung.

- Okay... - Sooyoung foi até a mesa. - Qualquer Pokémon que esteja aí, tomara que não seja guloso, daí eu não preciso repartir tanta comida! - Pegou uma Pokébola. - Pokémon, vai! - Um Pokémon de tonalidade azul, com algo que poderia ser considerado anteninhas laranja, e com um pequeno rabo, em outras palavras, um Mudkip.

- Eu não reconheço esse Pokémon, que eu saiba os iniciais de Kanto são Charmander, Squirtle e Bulbasaur, não?

- São, mas como já disse, são Pokémons de várias gerações, você não escutou!?

- Desculpe, estava fazendo um lanchinho.

- Bom, como você pode ver, esse é o Mudkip, um Pokémon inicial de Hoenn, aquático.

- Esse daí, ele come muito?

- Bom, pelo que a Pokédex diz, sua natureza não é de quem come muito.

- Ah, ainda bem! - Bem vindo a equipe, Mudkip. Eita, rimou! Toca aí! - Sooyoung levantou sua mão, e Mudkip, pulou e bateu sua mãozinha junto a de Sooyoung. - Ele respondeu o meu High-five! Você é o melhor!

- Okay, agora, essa preta aí!

- Ei! Mas eu vou mesmo assim, só pelo simes motivo de que o Pokémon é melhor que você! - Yuri puxou uma Pokébola aleatória. - Pokémon, eu escolho você! - Dessa vez, um Pokémon meio caramelo com detalhes em laranja, que lembrava uma raposinha.

- Esse eu conheço, é Fennekin, não? - Yuri indagou.

- Sim, esse mesmo.

- Sempre quis um desses! - Yuri abraçou seu novo Pokémon.

- Então, Seohyun, quer tentar?

- Ah, okay. - Se aproximou da mesa, olhando fixamente para a Pokébola do meio. - Pokébola, vai! - De dela, sai uma espécie de porquinho, meio laranja, meio preto. - Omo, como é fofo! - Seohyun pegou seu Pokémon no colo. - E aí, como vai? Bom, iremos ficar juntos nessa jornada, então, espero que sejamos amigos! - Sorriu.

- Esse é o Tepig, eu não gosto muito dele.

- Mas porquê!? - Seo olhou, incrédula.

- Eu não gosto de porcos.

- Ah... Mas para mim, ele é o porco mais fofinho do mundo!

- Esse vai ser mimado. - Yuri falou para Taeyeon.

- Oh se vai... - Taeyeon riu.

- Seo, seo... - O professor sussurou. - Qual é o nome daquela alí mesmo?

- Yoona. - Seo respondeu, sorrindo.

- Yoona, por favor aqui.

- Tá, eu vou rápido por que se eu for rápido vai ser legal daí eu posso pegar meu Pokémon rápido e zarpar daqui rápido para poder comer a comida da Sooyoung inteira e poder capturar Pokémons. Aí, tô até sem fôlego. - Pegou uma Pokébola. - Água, por favor. Vai! - Um Pokémon em coloração meio verde, meio azul, com manchas mais verdes ainda, e uma planta mais verde do que o mais verde ainda. Apelidada de Bulbo. - Até que enfim um inicial da primeira geração! Mas não é de água.

- Mas é uma menina chata né? - Taeyeon tirou sua mochila, e pegou um cantil de água, junto com um copo. - Tó!

- Obrigada.

- Agora, essa baixinha aí.

- Qual? - Sunny perguntou.

- Você.

- Ah, okay! - a mesma foi até a mesa. - Pokémon, vai! - Da Pokébola, uma pequena tartaruga azul surgiu, com um casco marrom. - Squirtle!

- A de mochilinha rosa!

- Eu! - Tiffany levantou sua mão.

- Por favor, aqui.

- Okay! - Tiffany foi até a mesa, como já era de se esperar, alegre. - Pokémon, saia! - Tiffany lançou a Pokébola, que saiu um pequeno Pokémon azul escuro, com a parte de baixo em um tom mais branco amarelado, e com manchas vermelhas em suas costas.

- Taeyeon, eu percebi uma coisa... - Yuri foi para o lado de Taeyeon.

- Ahn? Ah, o que foi?

- Jessica não é de acordar cedo, como ele acordaria sete da manhã?

- É verdade. - Taeyeon trocou sua face por uma totalmente pensativa. - Será que ela está tão dedicada assim?

- Hyoyeon, aqui.

- Eta, tô indo senhorio espera ae! - Hyoyeon chegou na mesa, fazendo uma pose totalmente nada a ver. - Pokamon, eu escolho você! - Mesmo com a fala errada de Hyo, o Pokémon sai, sendo ele um pequeno Pokémon vermelho e amarelo, que parecia um pinto sem braços. - É um pinto! - Hyoyeon pegou o Pokemon no seu colo, e começou a rodopiar pelo salão com seu novo Pokémon.

- Torchic, é um Pokémon de Hoenn, do tipo fogo.

- Adorei!

- Ei, eu fiquei por último! - Taeyeon fez uma expressão triste.

- Eu guardei o melhor para você, Taeyeon! - O professor soltou uma leve risadinha. - Eu te apresento... - Pegou uma Pokébola e lançou. - Froakie!

- O que? Um Froakie? - Taeyeon estava chocada, como assim um Froakie?

- Sim, esse é especialmente para você. - O Pokémon foi até Taeyeon. - Agora eu tenho algumas coisas para dar para vocês. - Puta que pariu, já teve aquela guria antes que pegou uma Pokédex, agora vem mais oito, daqui a pouco vem mais nove buscar os Pokémons que restaram, assim eu vou falir! Sem contar o fato que é noventa Pokébolas ao todo!

- Não ligo, passa as Pokédex aí!

- Okay, okay.

Depois disso, o professor entregou as Pokédex, e todas saíram do laboratório.

- Ei, Jessica! - Taeyeon saiu correndo na frente. - Agora eu tenho um Pokémon.

- Que bom. - Jessica se virou. - Então, vamos batalhar!

Enquanto isso, na casa das nossas queridas integrantes do TWICE, nenhuma delas estava acordada, exceto por uma. Quem será essa? Ou será que  é apenas a mãe de Jihyo?


Notas Finais


E aí, gostaram?

Atenção, só avisando que qualquer coisa errada sobre Pokémons da sétima geração por exemplo, eu peço desculpas, pois, estou recém chegando na quarta geração de Pokémon, e tô aqui fazendo essa fanfic.

Qualquer erro sobre isso, perdoem, obrigado.

Até a próxima <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...