História A Elfa. - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias O Hobbit, O Senhor dos Anéis (The Lord of the Rings)
Personagens Azog, Bilbo Bolseiro, Elrond, Frodo Bolseiro, Galadriel, Gandalf, Gimli, Legolas, Meriadoc "Merry" Brandybuck, Peregrin "Pippin" Took, Personagens Originais, Tauriel
Tags Legolas
Visualizações 23
Palavras 971
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Ecchi, Ficção, Hentai, Magia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá como estão? Bom mais um capítulo, espero que gostem.

Boa leitura.

Capítulo 3 - Eu nado no fogo.


         Autora on

Após chegarem do local, desceram dos barcos.

Kayryn sai de perto de todos indo para um lagar afastado, afinal, queria um tempo para ela, a perda de Gandolf a deixou abalada.

                Kayryn on

Gandolf se foi... O que vou fazer? 

Meu coração dói ao lembrar da expressão que ele fez. Meu pai se foi, Bilbo enfim está envelhecendo... Vou ficar sozinha, por isso tenho de protege Frodo, ele é minha única família.

-Kayryn! - Frodo me chama.

Ele me abraça e eu me seguro para não chorar. 

-Frodo. - Dou um sorriso triste para ele. - Você está bem? - Pergunto e ele assente.

-Kayryn, você não se sente tentada pelo anel? - Eu fico confusa.

-Não sei... Mostre-o! - Ele me mostra, e bom não me sinto tentada... É como se o anel fosse como qualquer outro. - Não Frodo... Na verdade eu me sinto normal. - Ele sorri e me entrega o anel.

De repente minha vista ficou escura. Eu tentava achar uma luz até que avisto um olho sem pálpebras, em meio ao fogo ardente.

-Kayryn, você me pertence, e ficará comigo para sempre, mesmo que tente fugir. - Uma voz grave disse e Frodo pegou o anel de minha mão, quando me dei conta estava no chão.

-Voce está bem? - Pergunta Aragorn preocupado.

-Eu ouvi uma voz... - Falo chorando.

-Uma voz? O que ela dizia? - Pergunta Gimli sério.

-Que não adiantava fugir... E que eu pertenço a ele! - Falo e Aragorn me abraça.

-Sauron está atrás de você também... Ele me disse! - Fala Frodo triste.

-O que ele quer com ela? - Pergunta Légolas sem me encarar.

-Não sabemos! - Fala Boromir.

-Eu não sei o que esse desgraçado quer... - Falo e me levanto. Depois disso muitos orcs vieram nos atacando. Eu fui junto de Légolas e Gimli a um lugar. Aragorn ficou com Frodo e Boromir foi proteger Pippin e Marry. Sam havia sumido.

Depois de ter matado muitos orcs fui até Aragorn que me olhava estranho.

-Onde está Frodo? - Pergunto preocupada.

-Ele precisa ir sozinho... - Eu o olhei furiosa. Olho para o lado e Boromir estava morto. 

-Não podia ter feito isso! - Fiquei seria. - E a sociedade do anel? - Pergunto.

-Ela continuará. - Fala Aragorn e eu sorrio. Entendo que Frodo precise fazer isso. 

-Mas o que iremos fazer? - Pergunta Légolas.

-Iremos caçar alguns orcs. - Gimli ergue o machado e fomos correndo atrás dos orcs.

No caminho percebi que Légolas está estranho comigo. Bom, não me importo. Problema é dele.

-Aragorn eles pegaram Marry e Pippin. - Fala Gimli e ele assente.

-Parece que Sauron não sabe com qual Hobbit está o anel. - Fala Légolas sério.

-Por isso devemos encontrá-los logo, porque se aquele desgraçado descobrir que não está com nenhum dos dois, ele vai mata-los! - Falo e começamos a seguir Aragorn, ele é muito bom nisso.

Depois de muita caminhada os orcs resolveram acampar. 

-Vamos ficar aqui! - Fala Aragorn.

-Vi um lago ali mais pra trás, irei tomar banho. - Falo.

-Tome cuidado Kayryn. - Fala Gimli.

-Légolas fique de vigia, não podemos ariscar. - Eu olhei para Aragorn furiosa.

-Por que me vigiar? E por que o Légolas? - Légolas estava frio comigo.

-Achei que eram "namorados"...? - Gimli diz confuso.

-Nunca! - Falo saindo de perto deles.

              Légolas on

Mulher teimosa. Eu fiquei um pouco confuso quando Sauron falou com ela. Tenho medo de que tenha alguma ligação com ele.

Fui atrás dela escondido, se ela me ver estou ferrado.

-Légolas saia daí! - Ela fala e eu suspiro e saio do local, se esconder de um elfo é extremamente difícil. - Por que está agindo assim? - Me pergunta. Ela estava afundada na água até o pescoço.

-Assim como? - Pergunto.

-Não se faça de inocente, depois do que Sauron me disse você nem olhou para minha cara. - Eu olho nos seus olhos. Como queria que ela estivesse fora deste lago.

-Desculpe-me mas, não me culpe por ter dúvidas. - Falo irônico.

-Duvidas? Por favor né! - Ela sai da água. Esta sem as faixas desta vez. Acho que essa é a visão mais bonita que já vi em minha vida. Cada curva parecia uma paisagem de algum lugar da terra média. Ela percebe que estava nua e segura o grito eu jogo minha capa para ele que se cobre imediatamente. - L-legolas, não conte isso a ninguém! - Ela fala nervosa e eu sorrio.

-Ninguém precisa saber, claro se você me der seu perdão, Kayryn a elfa do condado. - Ela fica vermelha.

-B-b-bom claro... - Ela diz e eu sorrio mais. - Agora vire-se. - Eu arqueio a sombrancelha.

-Não há nada aí que eu já não tenha visto. Cada detalhe está em minha mente. Cada canto. - Ela fica mais vermelha ainda, me joga uma pedra que estava no chão.

 -VOCÊ TEM QUE PARA DE BISBILHOTAR MEUS BANHOS. - Ela se altera. E eu desvio de todas as pedras rindo. Me viro por fim e ela veste a roupa. Voltamos para onde todos estavam e ela ainda estava constrangida. Aragorn percebeu e me mandou um sorriso malicioso. 

-Nunca achei que iria lutar ao lado de dois elfos! - Fala Gimli e eu e Kayryn nos encaramos.

-Eu preferia que só tivesse a mim! Légolas é um chato. - Falo e ele me olha sorrindo divertido.

-Eu também amo a senhorita, Kayryn elfa do Condado. - Ela se irrita mais. Se aproxima de mim.

-Eu lhe odeio Légolas, principezinho veado. - Eu lhe encaro furioso. Eu dou um passo a frente.

-Você está mexendo com o fogo. - Fala e ela sorri desafiadora. Isso me deixa intrigado. Nossos rostos estavam bem perto.

-Meu querido eu nado nele. - Nos estávamos  próximos de mais. Eu não aguentei e a beijei, ela me correspondeu rapidamente. O que há comigo. Depois de um longo beijo de certa forma apaixonado...? Nós separamos por falta de ar. -Idiota - Ela diz sorrindo de lado e indo se sentar. Não consigo entender ela, sinceramente.









Notas Finais


Espero que tenham gostado.
Comentem e favoritem.

Beijos ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...