História A esposa perfeita para Sasuke Uchiha? - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Fugaku Uchiha, Hanabi Hyuuga, Hinata Hyuuga, Hyuuga Hiashi, Ino Yamanaka, Kushina Uzumaki, Mikoto Uchiha, Naruto Uzumaki, Neji Hyuuga, Sasuke Uchiha, Temari
Tags Comedia, Sasuhina
Exibições 354
Palavras 1.176
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Hentai, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Oi gente, como vocês estão? Aposto que bem.
Antes de tudo eu queria disser que talvez só postarei o próximo capitulo amanha ou quarta. Era só isso mesmo.
Quero agradecer á: ~Kushi_Uzumaki, ~Anjo_Mal( Fica tranquila, rsrs), ~Nani7376, ~VampiraPerigosa, ~Sasuke-_uchiha, ~Marialuna, ~MjonesStilinski e a ~Luna_Uchiha10.
Vocês são demais.
E para os leitores fantasmas, aparecem por favor!
Fiquem com o capitulo.

Capítulo 4 - Insensível, chata.


Sasuke acordou com um barulho horrível, se sentou na cama e colocou as mãos nos ouvidos. Quem era o idiota que escutava musica a essa hora? Olhou para o despertado eram 10:00 da manhã- não estava tão cedo para outros, mas para ele sim - Se levantou irritando notou que Hinata não estava na cama. Suspirou, apostava com todo mundo que era ela foi me direção a sala e lá estava ela tomando café enquanto ouvia músicas.

Sentiu sua face esquentar de raiva e explodiu:

- Que porra! Desliga esse som agora. – Os olhos da morena o fintaram com a maior tranquilidade do mundo chegava a encher o saco.

- Bom dia, para você também, querido. – Sorriu. – Fique de boa, hoje é terça e precisamos ir para o trabalho já que eu não ia te acorda com beijos te acordei assim. – Sasuke pensou em falar sobre os vizinhos, mas Hinata pareceu ler seus pensamentos e prosseguiu. – Os vizinhos não escutaram a parede é a base de som, sua mãe é bem prefinida. – Saiu dali.

Sasuke nada disse foi em direção a cozinha e abriu a geladeira. Sorriu, sua mãe tinha comprado seu iogurte, pegou a caixa de iogurte e um copo depositou o liquido rosado dentro do copo e o colocou novamente na geladeira. Não estava com saco para cozinha pegou uma carreira de biscoito e se pôs a comer.

Depois que alguns minutos Hinata apareceu na cozinha usava um terno feminino e tinha o cabelo preso em um coque frouxo e alto. Estava bem sexy e bonita, Sasuke quis rir quem a visse de salto pensava que era alguns centímetros maior, mas era mentira.

- Já vai para o trabalho, anã? – Perguntou antes de tomar o ultimo gole de seu iogurte.

- Já vou, sim chato. – Terminou de colocar o brinco. – Te vejo por lá.

...

Sakura soltou uma gargalhada alta fazendo a morena revirar os olhos. A rosada nunca foi muito discreta ainda mais quando o assunto era os planos da Hyuuga.

- Aí, Hina, ainda não acredito que você e o Sasuke vão se casar. – Enxugou as lagrimas que brotavam nos cantos de seus olhos. Sakura já tinha amado Sasuke incondicionalmente na adolescência, mas depois o amor tinha sumido e ela tinha se casado com Sai.

- Isso vamos nos casar. – Suspirou sem ânimo.

- Não suspire, foi você que aceitou se casar com ele. – A Haruno tinha razão.

- Sim, pela honra da minha bolsa.

- Não sabia que bolsa tinha honra, anã. – Sasuke entrou na sala da morena com as mãos no bolso da calca social. Sakura sorriu para o mesmo que apenas acenou.

- Mas honra que isso que você tem entre as pernas ela tem.

Sakura colocou as mãos em frente a boca corada, Sasuke ficou vermelho de raiva e Hinata ficou na dela.

- Você diz isso por que ainda não viu o que tem entre minhas pernas. – Sasuke deu nos ombros. – Quando você ver vai ficar viciada.

Então saiu.

- Bastado.

.......

- Não vai entrar? – Sasuke perguntou estava esperando a morena entrar no elevador, mas a mesma o olhava com uma cara estranha parecia que estava com raiva, raiva e moleza.

- Não.

- Então eu vou subir. – Levou a mão ao botão, mas parou ao ouvir o grito dela. Suspirou irritado. – O que foi?

- Não quero subir.

- Mas eu quero.

- Mas eu quero que você me leve. – Cruzou os braços abaixo dos seios e fez bico. Sasuke revirou os olhos e saiu do elevador segurou umas das mãos da morena e a puxou para dentro do elevador. – Grosso!

- Mimada.

Lentamente Hinata virou a cabeça encarrou o moreno com um olhar mortal antas de pular em cima do mesmo. Caiu por cima de Sasuke e tentou o bater no peito, mas ele a girou ficando por cima da mesma por sorte dela a morena segurou uns dos braços dele, mas o mesmo se desiquilibrou e caiu com a cara entre os seios da morena.

O elevador se abriu, Mikoto encarrou os dois com um sorriso estranho no rosto uma mistura de perversidade com gentileza.

- Ora, ora. – Disse. – Vejo que estão se dando bem, fico muito feliz, mas existe quarto meus amores.

Sasuke revirou os olhos se levantou e se ajeitou Hinata também se levantou e se ajeitou, mas antes deu um murro no braço do futuro marido. Ele não tinha sentido nada.

- Não estávamos fazendo nada e não nos damos bem. – O Uchiha disse estava com um pau de cara. – Ela que ia me bater.

Mikoto entrou no elevador e apertou o botão imediatamente o mesmo se fechou.

- Mentira. – Hinata fez uma cara de cachorro sem dono e isso fez Mikoto a abraçar.

- Não fale assim com sua esposa. – A Uchiha o lançou um olhar mortal.

- Mas ela me deu um murro.

- Uchiha Sasuke!

- Está bom, mãe. – Suspirou. Hinata era um cão.

....

Hinata poderia disser que ouvia os pássaros cantando, os risos das crianças brincando e tudo de bom, mas Sasuke ouvia bem ao contrário o barulho de carros queimando pneus, crianças fazendo birra e velhas rabugentas provocando.

Amassou mais uns de seus desenhos entre as mãos. Sasuke tinha vários hoppi entre eles: Desenho. Sempre demostrou dom, mas nunca levou isso a diante poderia ser um ótimo desenhista, mas resolveu assumir a empresa da família caminhos totalmente diferentes.

- O que está desenhando? – A morena surgiu atrás de si o fazendo soltar um gritou fino, a Hyuuga gargalhou.

Incrível como Hinata conseguia rir tanto estava rindo a quase meia hora já tinha chorando muitas vezes. Sasuke a olhava com os lábios em linha reta com uma cara de cu.

- Já parou? – Aos poucos a morena foi parando de rir e se levantou do chão arrumando o cabelo.

- O que está desenhando? – Tornou a perguntar.

- Desenhos. – Ohh turn down for what.

A morena fez uma careta frinzou as sobrancelhas e juntou os lábios.

- Que desenhos?

- Não é de sua conta.

- Claro que é. – Se sentou ao lado do Uchiha. – Sou sua esposa e tudo que está ligado a você agora é da minha conta como seus cartões de créditos.

- E minhas dividas.

- Para mostrar que sou uma ótima esposa essa parte fica com você.

Sasuke revirou os olhos.

- Sabe o que precisamos? – A morena perguntou. – De uma foto de nos dois vamos nos casar e precisamos.

- Esse casamento é fachada.

- Mas precisamos!

- E por que você quer tanto essa foto? – O Uchiha perguntou antes de se levantar.

- Por que todo mundo tem.

- Você não é todo mundo.

- Mas sou igual a todos. – A morena se pôs a frente dele. – Vamos tirar? – Sabe aquela cara de cachorro sem dono que caiu na mudança. Ela fez e não tinha como resistir.

- Não.

Pois é tinha.

- Insensível.

- Chata.

Então ele saiu a deixando sozinha e irritada na sala em apenas um dia eles já conseguiam se “ amar” ainda mais.


Notas Finais


Sasuke mal da a foto da menina....rsrs
Gostaram? Espero que sim.
Beijão.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...