História A EX Resignada - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Inuyasha, Inuyasha Kanketsu-hen
Tags Inuyasha, Kagome, Rin, Sesshoumaru
Exibições 63
Palavras 1.328
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Científica, Hentai, Lírica, Magia, Mistério, Misticismo, Orange, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Cross-dresser, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Mutilação, Necrofilia, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


⍟ A ideia dessa fic surgiu quando eu estava tomando minha cerveja ouvindo Bon Jovi e Guns N' Roses... limpando minha cozinha. u.u

⍟ Combinação perfeita! kkkkkkkkkkk, então creia que vai ser sucesso!

⍟ Beijos e boa leitura.

⍟ Ponha para tocar quando ver o símbolo: ♫ ♩ ♫

O link esta nas notas finais.

Capítulo 1 - Minha vida perfeita, ou nem tanto...


Fanfic / Fanfiction A EX Resignada - Capítulo 1 - Minha vida perfeita, ou nem tanto...

 

Rin On

 

Bom o que posso aconselhar depois das experiências vividas? Que nunca, jamais, em hipótese alguma você deve deixar de se amar, se cuidar, valorizar, por sua família ou marido ou namorado que seja.

Minha vida era perfeita, eu não precisava trabalhar, tenho dois filho perfeitos, um marido que ao meu ver era maravilhoso, acho que por que eu o amava cegamente, hoje só o amo sabendo que não presta. Grrrr... Morávamos em um apartamento no centro de Tóquio. Eu, Sesshoumaru, Shitorimaru e  Shitaramaru meus filhos gêmeos que hoje tem 9 anos e minha sobrinha noiva do irmão de Sesshoumaru... Kikyo.

Onde eu errei? Bem, hoje isso não me interessa, não mais.

 

Flash Back On

5 anos atrás

 

-Kikyo querida eu jamais te deixarei desamparada, meu lar agora é seu. - A olhei com lágrimas nos olhos, ela acabará de perder seus pais e eu minha querida irmã mais velha... Kaede.

- Obrigada Titia, não sei o que seria de mim sem a senhora. - Nos tínhamos uma diferença de idade de 6 anos eu com 23 ela com   ela com 17.  Eu já era casada tive meus dois amados filhos aos 20 anos.

Abracei minha querida sobrinha e a levei para meu lar. Mal sabendo quem era ela.

 

Flash Back Off

 

É acho que foi ai que errei... Ou em amar demais alguém que não me deu valor. Enfim, hoje é o grande dia, irei revê-lo.

 

                                                                                                     ♫ ♩ ♫
 

 

Flash Back On                              

 

6 meses atrás.

Eu já esta desconfiada de Sesshoumaru, ele andava mais frio que o comum,  muito distante. Eu achava que poderia ser por minha causa, eu estou muito acima do peso indicado para uma pessoa com 1,64 de altura, meu cabelos estão no meio das costas sem nenhum tipo de corte, ando toda desleixada, só fico em casa mesmo.

Mas hoje minha querida sobrinha me indicou um salão, para eu ficar bem linda para meu marido. É lá onde ela sempre se arruma para seu noivo  Inu-yasha, sim eles estão noivos! Que maravilha! Logo assim que a trouxe para morar comigo eles começara a namorar.

Arrumei meu cabelo, unhas e pele, estava voltando para casa bem antes do previsto.

Estacionei minha Mercedes e estranhei o carro de Sesshoumaru esta em casa esse horário. Entrei em silêncio, mas logo me arrependi.

- Ai, isso Sersshoumaru, fode essa minha bocetinha gostosa, segura nesses seios suculentos, bate em minha bunda arrebitada, faz o que você não faz com a esquisita de sua mulher.

Ai Meu Kami-sama, essa voz ééééé da K-Kikyo? - Uma dor profunda invadiu meu peito, subi as escadas e abrir a porta de meu quarto que era de onde vinha os gemidos, me deparei com os dois, na minha cama, fodendo feito loucos. Não repararam que eu estava ali.

Comecei a bater palmas, assustando os dois. Kikyo saiu de cima dele pegando os lenções da cama para cobrir sua nudez e ele apenas me olhou, sem nenhuma expressão, nem ao menos de pena.

Decidi que a partir de agora não derramo uma lágrima se quer por esse homem que tanto amo.

Sem dar uma palavra segui para o closet, peguei o mínimo de coisas, apenas as que tinham valor sentimental.  Segui até ao lado de Sesshoumaru na cama, retirei minha aliança e coloquei ao seu lado no criado mudo. Segui até a porta e falei sem fita-los.

-Pegarei as crianças na escola, a parte dos 45% da empresa assumirei em 6 meses. Meus advogados entraram em contato com você em breve.

Sai do quarto, sem ouvi-lo dizer se quer um desculpe, me perdoe, acho que ele já queria isso a muito tempo.

 

Flash Back Off

 

Então, hoje é o grande dia, chegarei na empresa hoje, irei vê-lo.

Tentei não saber nada dele, mas vocês sabem que é impossível... Ele e Kikyo estão juntos, o coitado do Inu-yasha passou pelo mesmo que eu.  Enfim, esses seis meses usei para poder aprender o máximo de coisas sobre uma empresa de importação, já que sou formada em publicidade poderei fazer algumas coisas legais. Acostumei meus filhos a viver sem o pai, os primeiros dias foram terríveis, mas logo eles acostumaram e o principal de tudo, aprendi a me amar, assim como sou, resolvi cuidar do meu físico pro problemas de saúde, hoje estou com 62 kg e super malhada, o que sofrimento não faz meu bem?

 Acordei cedo, vesti minha cinta liga, uma saia preta colada, uma regata branca coladinha e um blazer rosa. Levei as crianças para a escola e segui para a empresa na minha Mercedes branca.

Estacionei em uma das vagas próximas ao elevador que era destinada a sócios, peguei minha bolsa e sair do carro indo em direção ao elevador. Parei no térreo e fui a recepção.

- Bom dia senhorita, Sou a senhorita Rin Susuki, começo a trabalhar  hoje, poderia chamar alguém para me guiar a minha sala? - A recepcionista me olhou de cima e a baixo e sorriu, acenando positivamente.

- Não é preciso Yura, eu mesmo acompanho a senhorita. - Viro de costas para ver quem era o dono daquela voz tão grossa. Uaaaau que lindo, ele é moreno olhos lilases cabelo preto preso em uma trança.

- Prazer senhorita, me chamo Bankotsu - Pegou minha mão direita e depositou um beijo nela. Sorrir com aquela atitude.

- Obrigada! - Seguimos para o elevador em direção ao andar 48.

- Então a senhorita é sócia? Nunca a vi por aqui ... - O olhei e sorrir, não estou acostumada falar com rapazes sem estar ao lado do meu marido, opss, ex marido.

- Ah sim, quem administrava minhas ações era meu ex marido. - Ele me olhou e sorriu meigo. Seguimos o restante dos andares em silêncio.

-Assim que chegamos no 48 andar ele fala:

- Gostaria de almoçar comigo ? - Quando fui responde-lo eu o vi, estava tão lindo. Provavelmente ele ouviu o que Banktsu disse e até mais, sabia que eu estava na empresa.

- Obrigada Bankotsu, mas terei que recusar, tenho que buscar meus filhos na escola. - Com essa resposta Sesshoumaru virou para me fitar, a ara dele era de total espanto, tive que me segurei para não cair  na risada. Levantei minha cabeça e o mireu com um olhar de superioridade e superação.

- Bom dia Sesshoumaru.- Minha voz saiu rouca, bastante sexy por sinal.

 

Sesshoumaru On

 

Bom, depois da minha separação com Rin minha vida tornou-se uma total desordem, Kikyo não sabia organizar as minhas coisas do jeito que ela fazia. Sem contar no show que tenho que aguentar da parte de Inu-yasha.

Hoje faz 6 meses que ela foi embora deste apartamento, sinto falta dela, do seu cheiro, seu jeito meigo de tratar nossos filhos e a todos. Definitivamente ela era quase completa, só lhe faltava zelo e amor a si mesma.

 Hoje, o dia em que irei revê-la depois de 6 meses. Mudei de ideia completamente. Ela esta simplesmente divina, Cabelos pretos  longos e repicados, olhos azuis cintilantes, peitos chamativos, cintura fina, quadris largos cochas saradas e pqp, cinta liga, ah não Rin, cinta liga não!

- Olá, a reunião já ira começar, ainda está em tempo de mudar de ideia e deixar as ações sobre meu controle. - De forma alguma mulher minha fica na empresa assim, chamando tanto a atenção. Não mesmo.

- Você não entende muita coisa ira mais atrapalhar que ajudar e eu sempre fui muito responsável.

 

Rin On

 

O que esse maldito pensa que é? Seis meses sem ver os filhos e ele só se importa com as malditas ações. 

- Desculpe Sesshoumaru, mas não pedi sua opinião e eu quero cuidar das minhas ações, não pretendo deixar com um completo estranho a minha herança e de meus filhos. E descordo completamente de você, sou formada em publicidade e posso ajudar a  empresa de diversas formas.

- Agora se me da licença irei cumprimentar os outros sócios já que seram meus companheiros de trabalho. 

 


Notas Finais


⍟ Continuo?
https://www.youtube.com/watch?v=1w7OgIMMRc4

⍟ Outras fics minha caso queiram acompanhar! Até mais e beijos!

⍟ Doce obsessão: uma história de uma garota superdotada que cresceu em um orfanato e quando fica adulta conhece suas origens. Rin x Sesshoumaru
https://spiritfanfics.com/historia/doce-obsessao-6535832

⍟ História A história por um novo olhar, o recomeço: Fala sobre a vida após o poço come-ossos ter fechado! A vida no futuro e as incertezas da existência do misticismo na era atual.(Estarei atualizando amanhã) Kagome x Sesshoumaru
https://spiritfanfics.com/historia/a-historia-por-um-novo-olhar-o-recomeco-6032400

⍟ Desejada: fala de uma menina órfã que deseja vingança pela morte misteriosa de sua mãe e por um homem que a iludiu e a fez odiar os homens. (Estarei atualizando ela amanhã!) Rin x Sesshoumaru
https://spiritfanfics.com/historia/desejada-6653708


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...