História A feia que virou bela - Capítulo 19


Escrita por: ~

Postado
Categorias Alan Ferreira (EDGE), Aruan Felix, Bianca Tatto Marques (BIBI), Cauê "BaixaMemoria" Bueno, Christian Figueiredo, Felipe "Febatista" Batista, Felipe Z. "Felps", Flavia Sayuri, Gabriel "MrPoladoful", Guilherme Damiani, Gustavo Stockler (Nomegusta), Igor Cavalari (Igão Underground), Júlio Cocielo, Kéfera Buchmann, Lucas "Luba" Feuerschütte, Lucas "T3ddy" Olioti, Lucas Lira (Invento na Hora), Lukas Marques & Daniel Mologni (Você Sabia?), Mauro Nakada, Murilo Cervi (Muca Muriçoca), Patricia "Pathy" dos Reis, Pedro Afonso "RezendeEvil" Posso, Rafael "CellBit" Lange, Rafael "Guaxinim" Montes, TazerCraft
Personagens Alan Ferreira, Aruan Felix, BIBI Tatto, Cauê Bueno, Christian Figueiredo, Daniel Mologni, Felipe "Febatista" Batista, Felps, Flavia Sayuri, Gabriel Tenório Dantas, Guilherme Damiani, Gustavo Stockler, Igor Cavalari, Júlio Cocielo, Kéfera Buchmann, Lucas "LubaTV", Lucas Lira, Lucas Olioti, Lukas Marques, Mauro Nakada, Mike, Muca Muriçoca, Pac, Patricia "Pathy" dos Reis, Pedro Afonso Rezende Posso, Personagens Originais, Rafael "CellBit" Lange, Rafael "Guaxinim" Montes
Tags Alan, Amigos, Amor, Cellbit, Colegial, Escolar, Felps, Festa, Julio, Luba, Lukas, Magia, Mistério, Mortes, Outra Realidade, Policia, Rafael, Romance, Sayuri, T3ddy, Terror, Traição
Exibições 353
Palavras 1.542
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Esporte, Fantasia, Festa, Ficção, Hentai, Luta, Magia, Mistério, Policial, Romance e Novela, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá marshmallows.

Então hoje coloquei acho que umas 5 ou 6 pessoas foram.

Karol ( karolziinha1994 )
Bianca Queiroz ( IrmaDoJvnq )
Laisa ( Fanficnatica1C2 )
Lorena ( Lari010206 )
Felipe Monteiro ( Ayatoyamazaki )

Bjs gente amo vcs 😍😚😙😘

Capítulo 19 - Alunos novos


Fanfic / Fanfiction A feia que virou bela - Capítulo 19 - Alunos novos

          Porfavor lê aqui em cima ☝
  

             

                Capítulo anterior

- Land of death - eu disse e então fechei os olhos.

                         Agora

     Fiquei o mais calma possível, eu respirei fundo. Eu não escutava nenhum barulho, abri meus olhos lentamente, e vi que estava na sala, no local que eu sai da quela outra realidade, olhei para o meu martelo, ele não estava mais preto, agora ele estava branco e dourado, olhei para o meu pulso, e perto da tatuagem escrito "Land of dead" está desenhado uma chave, ela é branca e preta. Respirei fundo e fui para o meu quarto, deixei meu martelo na cama, fui até o banheiro.

         Tomei um banho relaxante, depois sai e me vesti, e coloquei meu martelo no guarda-roupa, então escutei um miado, olhei pra baixo e lá estava um gato preto, peguei ele no colo e olhei ele.

- Qual é o seu nome meu amor? - falei fazendo uma voz de criança. - Você tem dono? - falei procurando a coleira, mas não tinha. - Bom já que você não tem dono, vou te chamar de... - falei e olhei em baixo do gato para ver se era homem - como vc não é homem, vou te chamar de... Lua, gostou do nome seu  Lua? - falei e coloquei Lua na cama.

       Não sei da onde aquele gato veio, mas agora ele é meu, e como ele entrou aqui a porta tá fechada, deixa pra lá.

         Me deitei na cama e olhei a gata, não sei porque mas eu me sinto bem melhor com esse gato, meio que me sinto protegida. Respirei e vi o meu celular eram 5:28, revirei os olhos.

- Caralho não dá pra dormi nem um pouquinho - falei.

          Lua veio e deitou em cima de mim, e ficou me observando, sorri e ela logo depois dormio. Fiquei pensando se essa tal de outra realidade chamada "Land of dead" existia, então fiquei pensando na menina que eu vi, e pensando no que ela falou.

"Você é a chave"

"Confia em mim"

"Você é a peça que faltava"

        Pensei em porque ela disse que eu sou a chave, porque todos me conhecem na quela outra realidade. Fiquei tam confusa que fui até o banheiro e me olhei no espelho, tem uma mexa branca em meu cabelo, toquei na mexa e fiquei observando. Então fiz uma merda, eu fechei os olhos, respirei fundo e disse:

- Land of dead - sussurrei e abrio os olhos.

         Eu achei que eu estaria em Land of dead mas não estava.

         A luz do meu quarto estourou, a gata Lua veio em minha direção, peguei ela no colo e ela miou olhou pra mim e pra lâmpada estourada, fui até aonde a lâmpada estourada e vi um papelzinho dobrado, peguei o papelzinho e li.

Amanhã vai ser tam bom sentir um gostinho de morte, ainda mais o seu. Amanhã Samanta você vai morrer, não esqueça de levar essa gata ridícula sua.

Beijos de Thamires

          Fiquei mais ainda confusa, o meu celular tocou alarme, me assustei, deixa eu Lua na cama e Desliguei o despertador, então comecei a me arrumar. Depois de algum tempo dei um beijo em Lua, peguei minha mochila e sai de casa.

          Cheguei na escola e vi todos os meus amigos lá, só que Liese e Guaxinim estavam sentados em outra mesa, olhei para as duas mesas.

- Ei Liese e Guaxinim, quero apresentar pra vocês meus amigos vem - falei puxando o braço de Liese.

- Bom gente essa e Liese, e esse é Guaxinim, eles são namorados - falei olhando pra mesa do meus amigos - e esses são Ana, Sayuri, Rafael, Lukas, Júlio, Luba e  T3ddy - falei bem rápido quase que ninguém intendeu.

- Oi gente tudo bem? - Liese fala sem vergonha nenhuma.

- Olá - todos falaram.

- Então gente eles podem sentar aqui com a gente - eu falei abraçando Guaxinim e Liese.

- Claro que pode, claro - Luba disse e nos três sentamos na mesa.

         Estávamos conversando normal na escola, até a diretora chegar e olha pra mim, ela olha a tatuagem no meu pulso e sorri, eu não entendi porque ela fez isso, então vi um grupinho de alunos que nunca vi na vida estava indo atrás dela, vi duas meninas, uma tinha cabelo castanho e a outra também tinha cabelo castanho mas nas pontas do cabelo era rosa. A menina de cabelo rosa me olhou e fez um sorriso macabro, me arrepiei por inteira, senti uma coisa ruim, então meu braço começou a doer, perto das outras tatuagens apareceu mais uma, essa era um gato preto parecido com a minha gata Lua, e uma garota pequenininha de cabelos brancos, a menina parecia ter uns 5 anos de idade, sorri.

- Nossa Sam quanta tatuagem - Ana falou vendo minhas tatuagens.

- Aonde você conseguio fazer a tatuagem? - Sayuri perguntou.

- Gente deixa isso pra lá e vamos pra sala? - falei e todos levantaram.

- Tá mas porque mudou de assunto - Luba falou.

- Deixa pra lá, se eu falar vocês vão me chamar de louca, então esqueci a minha tatuagem - falei e respirei fundo.

- Nossa tá bom não precisa ser grossa - Liese falou.

- Tá me desculpa gente - falei e fechei os olhos.

- Ei Sam tá tudo bem a gente tá aqui - Lukas falou e eu o abracei.

          Nosso grupo se dividio pq alguns estudavam em outra classe, então fui eu, Ana, Sayuri, Julio, Rafael e Liese. Sentamos nos lugares e esperamos o professor entrar. A porta abrio e de lá saio o professor e as duas meninas que eu vi de hoje cedo, e outros pessoas, a de cabelo rosa sorri macabramente pra mim denovo, então eu olhei pra ela com um olhar feio, ela dá uma piscada pra mim e o professor começa a falar:

- Bom turma esses são os alunos novas da escola -o professor fala.

- Eu sou Lorena e tenho 18 anos, e vou fazer vários amiguinhos né Samanta? - a menina de cabelos rosas fala e eu me assusto.

           Ela se senta em uma mesa lá no fundão, e olha pra mim, ela tem olhos verdes e a pele e branca bronzeada, e tem um estilo de Malokeira, senti um leve arrepio, eu não sei aonde mas já vi essa menina em algum lugar.

- Meu nome é Karol e tenho 16 anos, e gosto muito de meninos loirinhos - a menina que falou tinha olhos castanhos e pele branca e tinha um estilo Swag. Ela senta lá trás com a tal de Lorena.

- Meu nome é Felipe Monteiro e tenho 17 anos, e eu tô solteiro - ele ri e eu também não sei porque. Ele tem olhos também verdes pele branca e o estilo e tipo bagunçado mais bonito.

- Meu nome é Bianca Queiroz tenho 16 anos, e eu vim pra arrasar - ela faz uma pose muito bonita, ela parece até uma modelo. Ela tem olhos castanhos cabelo castanho e tem um estilo de patrícinha.

- Oi meu nome é Laisa e tenho 18 anos, e eu amo vcs queridas - ela disse e se sentou. Ela tem cabelos azuis olhos azuis pele branca e muito linda mesmo.

- Bom os outros alunos novos estão na outra classe - o professor disse e se sentou na cadeira - alunos novos podem conversar e conhecer outras pessoas. - O professor disse e dormio.

        Olhei para cada aluno novo, gostei de todos menos da que me olhou com cara de que vai me matar, então meus amigos fizeram uma rodinha pra gente conversa então e fui atrás de novos amigos.

- Oi Eu sou Samanta mas pode me chamar de Sam, então você quer conversar com agente? - perguntei para a menina de capelo azul.

- Claro que sim - ela disse e colocou um a cadeira na rodinha pra ela sentar.

          Fui até a lousa da sala e escrevi "quem quiser ficar conversando com a gente é ir na rodinha", escrevi e me sentei na cadeira, então vi todos os alunos novos sentarem na rodinha. Então estava meus amigos e os alunos novos, as outras pessoas estavam com a tal de Lorena e Karol, olhei para elas, e a Lorena não parava de olhar pra mim, eu já estava ficando enrritada com ela.
( ... )
       Depois que as aulas terminou fui embora, cheguei em casa e vi a geladeira aberta, fechei a geladeira estranhando porque eu não tinha mexido na geladeira de manhã, fui até meu quarto e vi a Lua deitada na cama, sorri e fui tomar um banho.
( ... )
        Depois que tomei o banho me arrumei. Amanhã não teria aula porque era feriado, então amanhã eu não iria fazer nada. Me lembrei do bilhete que encontrei na lâmpada, então pensei muito no bilhete. Escutei um barulho na cozinha, e o barulho era muito auto, e foi chegando no meu quarto, então peguei a Lua no colo e meu martelo na mão, então fechei os olhos.


Notas Finais


Então gente quem não leu lá em cima pode ir lá ver, não é um aviso importante, mas eu coloquei os nomes das pessoas que apareceram.

Bjs no popo meu marshmallows 😍😚😘😛😙😜


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...