História A Filha da Gangster - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Bieber
Personagens Jaxon Bieber, Jazmyn Bieber, Jeremy Bieber, Justin Bieber
Tags Amor, Gangster, Justin Bieber
Visualizações 19
Palavras 575
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ficção, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


** NOTAS FINAIS LINDASS! **


DESCULPEM POR NUNCA MAIS TER PUBLICADO! Estou em férias, e não tinha tempo para nada!
💝💝

Capítulo 8 - Dating


Pov Kelsey

Acordei super exausta. A noite que eu e Justin tivemos foi super produtiva. Se é que entendem. Me levantei e fui direta para casa de banho tomar um duche. 

Saí do duche e Justin estava dormindo que nem um neném. Vesti minhas roupas de ontem, calcinha também. Chegando em casa trocava. 

Acabei me vestindo,me arranjando e Justin estava dormindo ainda. Fui até à cozinha, estava faminta. Deveria ter alguma coisa para comer aqui. Abri os armários e tinha umas bolachas, uns sumos e umas cervejas, ou seja só iria comer isso. Peguei as bolachas e em dois pacotes de sumo. Me sentei no sofá comendo. 

Me sinto super feliz, não há explicação. É um sentimento que só sente quando se vive sabe? Parece que você ri por tudo sem ter motivo, você acorda com mais vontade de viver,sem ter pressa que acabe, mas só quando está com a pessoa ao seu lado. Você quer estar sempre nos braços daquela pessoa, sem vontade de sair nunca, sabe? Sente nervoso e borboletas no estômago, minhas mãos suam quando estou perto de Justin. Mas é tão bom. Uma sensação que não quero perder nunca. Amar alguém não precisa se conhecer dez anos só para perceber que a ama, quando se ama, pode ser dias só, mas se sente quando é amor. E eu entendi isso, porque eu nunca me apaixonei sério. Agora a sensação é totalmente diferente. Quer se viver com a pessoa, não se quer desgrudar um segundo. Me entreguei a Justin e é o único homem com quem quero viver e ter meus filhotes. Sou tão ele e ele é tão eu.E sou tão feliz ao saber que Justin Bieber é meu homem! Nada oficialmente ainda, mas sei que vai ser um dia. Tenho só de esperar que ele se encontre realmente e que esteja disposto a viver comigo o que eu estou disposta a viver com ele. 

- O que está pensando? - beijou minha boca. 

- Em nós. - falei sorrindo. Justin se sentou ao meu lado. 

- Em quê? - me deu um selinho rápido para eu falar. 

- Como fui me apaixonar por você e você por mim. 

- Isso você tem razão. Como fui gostar de uma marrenta e mandona como você? - sorriu de canto. Eu gargalhei. 

- Não sei. Me diz você? - pisquei para ele que me atacou. 

Beijou meu pescoço e com suas mãos na minha barriga fazendo cosquinha.

- Pára Justin! - gargalhava alto. 

- Você é só minha, entendeu? - beijou minha boca. Seus beijos eram os melhores.

- E você só meu! - ele me olhou incrédulo. -  e nem venha dizer que não! - lhe dei um tapa, Justin gargalhou. 

- Kelsey sou seu. - ele me olhou. - quer namorar comigo, baby? 

- Claro que sim! Agora chega de romantismo. Vamos embora. Se vista. 

- Sim senhora Kelsey. - fez sinal de continência. 

Justin tomou um banho rápido e se vestiu. 

Saímos da casa de árvore e entramos no carro. 

- Por mim, ficava com você para sempre ali na paz. - Justin falou pensativo olhando a estrada. 

- Eu também meu amor. Mas a sua vida é como é, não pode dar para trás só por causa de mim. Eu estou com você porque amo você e o meu amor supera os obstáculos do seu trabalho. - acariciei sua bochecha com meus dedos. 

- Amo você de montão, Kelsey! 

- Eu também!



Notas Finais


DESCULPEM A DEMORA! E DESCULPEM O CAPÍTULO SER TAO PEQUENO! Mas prometo que o próximo será muito melhor! 💟💟
Tenho estado de férias e não tenho tempo para nada, e quando estou a escrever tenho de ir sair e as ideias fogem.
Mas prometo que vou publicar sempre, pequeno ou grande.
Comentem pff! 💟💟💟💟💟


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...