História A Filha de Laito Sakamaki - A.F.L.S. - Capítulo 32


Escrita por: ~

Postado
Categorias Diabolik Lovers
Personagens Ayato Sakamaki, Azusa Mukami, Beatrix, Carla Tsukinami, Christa, Cordelia, Kanato Sakamaki, Kou Mukami, Laito Sakamaki, Personagens Originais, Reiji Sakamaki, Richter, Ruki Mukami, Seiji Komori, Shin Tsukinami, Shu Sakamaki, Subaru Sakamaki, Tougo Sakamaki "Karlheinz", Yuma Mukami
Tags Ayato Sakamaki, Azuza Mukami, Diabolik Lovers, Eliza Shimizu, Kanato Sakamaki, Kou Mukami, Laissa Shimizu Sakamaki, Laito Sakamaki, Louis Mukami, Nii Tsukinami, Reiji Sakamaki, Ruki Mukami, Shin Tsukinami, Shu Sakamaki, Yuma Mukami
Visualizações 112
Palavras 4.968
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Hentai, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Insinuação de sexo, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Desculpa a demora gente 😅

Mais ta ai um capítulo novo OK não me matem e sejam bem vindas a nossa familia vocês que favoritaram agora saiba que isso significa muito para mim pois e um sinal que alguem vista de algo que eu faço entoa muito obrigada vocês de agora e as passadas também sem vocês a fuc não seria nada.


.....

ⓑⓞⓐ ⓛⓔⓘⓣⓤⓡⓐ

Capítulo 32 - ...Eu nunca lhe deixaria ir ...( AyaXSubaru)


Fanfic / Fanfiction A Filha de Laito Sakamaki - A.F.L.S. - Capítulo 32 - ...Eu nunca lhe deixaria ir ...( AyaXSubaru)

{ Laissa /on/ }

Acordei logo cedo e fui ver no calendário .

Laissa - E Hoje primeiro de Fevereiro que bom ver mais um mês começando .-  A porta bate e Reiji aparece .

Reiji - Desculpe incomodar Laissa mais o café já esta servido .

Laissa - Ta tio já vou descer .

Reiji - OK - disse ele indo embora .

Laissa - E .....hoje tem aula , que tédio deixa eu ir logo me arrumar pois estou morrendo de fome - disse indo para o banheiro depois de tomar banho e me vestir eu desci para a sala de jantar e sentei  em meu lugar.

Laissa - Bom dia familia - disse sorrindo todos olharam e retribuiram um bom dia - O que temos hoje no café em ?- fiz uma pausa analisando - OLHA TEM PUDIM !!- disse levantando e gritando .

Reiji - Modos Laissa modos - me sentei novamente depois de tomamos o café da manhã fomos para a sala e eu fui logo fazer meu dever de casa .

Laissa - O professor não tem o que fazer mau começa o mês e ele manda trabalho .

Elisa - Não reclame ninguém disse que terceiro ano e difícil .

Laissa - Fala por que não estuda .

Elisa - Mais eu já acabei o ensino Médio filha e como foi para todos vocês estarem no terceiro ano, Logo de primeira ?

Bia - Dona Elisa e que a coordenação decidiu que seria melhor todos os alunos do Primeiro ano do ensino Mésio passarem para o terceiro para todos não formamos no mesmo dia já que a escola ficara parada um tempinho.

Elisa - A sim, entoa vcoes tem que se esforçarem muito para passarem .

Mel - Também, só que se caso faltar só alguns pontinhos eles dão de graça para acabar logo esse resto de aula .

Elisa - E pros alunos que ficarem para repitir ?

Aya - Acho que eles terão que fazer em outra escola .

Elisa - E no caso do Shu que ta repetindo a segunda vez o terceiro ano ?

Ruth - Shu me falou que como ele já e de maior eles não vão perder mais tempo nele e deixaram ele passar direito, por que dizem que ele ia reprovar de novo .

Reiji - O que ?

Shu - Nada a Ruth que não esta flanado coisa com coisa não liga não ela e assim mesmo .

Reiji - Ta bom ne .

Laissa - Alguma pergunta ?

Elisa - Não obrigada pela aula aqui mesmo .

Todos - De nada .

Laito - Do que estavam falando ?

Elisa - Onde você tava Laito ?

Laito - Dormindo .

Laissa - Ate essa hora ?

Laito - Estava muito cansado .

Laissa - De que, o senhor nem trabalha ?

Laito - De ontem a noite a sua mae me cansa.

Laissa - Continuo sem entender ?

Elisa - E continuará sem entender .- disse batendo na costa de meu pai .

Laito - Ta .

Laissa - Cadê os mukamis ?

Reiji - Eles tomaram café logo cedo e estão no jardim.

Laissa - Vou lá com eles .

Bia - E o seu dever ?

Laissa - Tio Subaru faz para mim .

Subaru - Por que eu ?

Laissa - Por que estamos na mesma sala,estudando as mesmas coisas e o dever e em dupla e você e a minha dupla .

Subaru - Sei quando você falou isso ?

Laissa- Agora estou falando vai tio eu fiz metade e você sabe o resto .

Subaru - Tudo bem vai logo antes que eu me arrependa.

Laissa - Obrigada .-logo fui correndo encontrando eles debaixo de uma arvore juntos conversando Yuma apoiado na raiz da Macieira, Kou estava em cima dos galhos comendo maçã , Azuza estava sentado na sombra e Ruki em pe de costas parecia que estavam conversando algo fui me aproximando bperto deles e dei um susto nos mesmos .

Laissa - O que estão falando ?

Yuma - Porca você me deu um susto.

Laissa - Eu não sou porca .....Porcão!- gritei mostrando lingua.

Kou - M Neko- Chan como vai ?

Laissa - Oi kou - disse acenando

Ruki - Oi Eve .

Laissa - Oi Ruki.

Azuza - Eve .

Laissa - Pelo visto tenho que me acostumar a ser chamada assim.

Todos - Hai.

{ Narrador /on/ }

* Antes de Laissa chegar *

Yuma - Ruki falta poucos meses para eles atacarem ne ?

Ruki - Provavelmente na lua de sangue que e em junho mais eles pode. Se adiantar e nos atacar no eclipsee provável .

Kou - Temos que esta preparados eles viram atacar a M Neko- Chan .

Azuza - Eve ...vai morrer ?

Ruki - Claro que não por isso temos que protege-la para não darem nem um arranhão nela .

Kou - Mais e se eles vencerem ?

Ruki - Kou você tem que tirar da cabeca esse{ Laissa /on/ }

Acordei logo cedo e fui ver no calendário .

Laissa - E Hoje primeiro de Fevereiro que bom ver mais um mês começando .-  A porta bate e Reiji aparece .

Reiji - Desculpe incomodar Laissa mais o café já esta servido .

Laissa - Ta tio já vou descer .

Reiji - OK - disse ele indo embora .

Laissa - E .....hoje tem aula , que tédio deixa eu ir logo me arrumar pois estou morrendo de fome - disse indo para o banheiro depois de tomar banho e me vestir eu desci para a sala de jantar e sentei  em meu lugar.

Laissa - Bom dia familia - disse sorrindo todos olharam e retribuiram um bom dia - O que temos hoje no café em ?- fiz uma pausa analisando - OLHA TEM PUDIM !!- disse levantando e gritando .

Reiji - Modos Laissa modos - me sentei novamente depois de tomamos o café da manhã fomos para a sala e eu fui logo fazer meu dever de casa .

Laissa - O professor não tem o que fazer mau começa o mês e ele manda trabalho .

Elisa - Não reclame ninguém disse que terceiro ano e difícil .

Laissa - Fala por que não estuda .

Elisa - Mais eu já acabei o ensino Médio filha e como foi para todos vocês estarem no terceiro ano, Logo de primeira ?

Bia - Dona Elisa e que a coordenação decidiu que seria melhor todos os alunos do Primeiro ano do ensino Mésio passarem para o terceiro para todos não formamos no mesmo dia já que a escola ficara parada um tempinho.

Elisa - A sim, entoa vcoes tem que se esforçarem muito para passarem .

Mel - Também, só que se caso faltar só alguns pontinhos eles dão de graça para acabar logo esse resto de aula .

Elisa - E pros alunos que ficarem para repitir ?

Aya - Acho que eles terão que fazer em outra escola .

Elisa - E no caso do Shu que ta repetindo a segunda vez o terceiro ano ?

Ruth - Shu me falou que como ele já e de maior eles não vão perder mais tempo nele e deixaram ele passar direito, por que dizem que ele ia reprovar de novo .

Reiji - O que ?

Shu - Nada a Ruth que não esta flanado coisa com coisa não liga não ela e assim mesmo .

Reiji - Ta bom ne .

Laissa - Alguma pergunta ?

Elisa - Não obrigada pela aula aqui mesmo .

Todos - De nada .

Laito - Do que estavam falando ?

Elisa - Onde você tava Laito ?

Laito - Dormindo .

Laissa - Ate essa hora ?

Laito - Estava muito cansado .

Laissa - De que, o senhor nem trabalha ?

Laito - De ontem a noite a sua mae me cansa.

Laissa - Continuo sem entender ?

Elisa - E continuará sem entender .- disse batendo na costa de meu pai .

Laito - Ta .

Laissa - Cadê os mukamis ?

Reiji - Eles tomaram café logo cedo e estão no jardim.

Laissa - Vou lá com eles .

Bia - E o seu dever ?

Laissa - Tio Subaru faz para mim .

Subaru - Por que eu ?

Laissa - Por que estamos na mesma sala,estudando as mesmas coisas e o dever e em dupla e você e a minha dupla .

Subaru - Sei quando você falou isso ?

Laissa- Agora estou falando vai tio eu fiz metade e você sabe o resto .

Subaru - Tudo bem vai logo antes que eu me arrependa.

Laissa - Obrigada .-logo fui correndo encontrando eles debaixo de uma arvore juntos conversando Yuma apoiado na raiz da Macieira, Kou estava em cima dos galhos comendo maçã , Azuza estava sentado na sombra e Ruki em pe de costas parecia que estavam conversando algo fui me aproximando bperto deles e dei um susto nos mesmos .

Laissa - O que estão falando ?

Yuma - Porca você me deu um susto.

Laissa - Eu não sou porca .....Porcão!- gritei mostrando lingua.

Kou - M Neko- Chan como vai ?

Laissa - Oi kou - disse acenando

Ruki - Oi Eve .

Laissa - Oi Ruki.

Azuza - Eve .

Laissa - Pelo visto tenho que me acostumar a ser chamada assim.

Todos - Hai.

{ Narrador /on/ }

* Antes de Laissa chegar *

Yuma - Ruki falta poucos meses para eles atacarem ne ?

Ruki - Provavelmente na lua de sangue que e em junho mais eles pode. Se adiantar e nos atacar no eclipsee provável .

Kou - Temos que esta preparados eles viram atacar a M Neko- Chan .

Azuza - Eve ...vai morrer ?

Ruki - Claro que não por isso temos que protege-la para não darem nem um arranhão nela .

Kou - Mais e se eles vencerem ?

Ruki - Kou você tem que tirar da cabeca esse " Se " que e de dúvida vai dar certo OK ?

Kou - Hai.

Laissa- Cheguei !!!- disse dando um susto em todos

Yuma- Pensei que estava fazendo dever , Porca !?

Laissa- Estava

Ruki- Ta com alguma dúvida ? Ou já terminou ?

Laissa - Tio Subaru esta fazendo para mim.

Ruki - Por que ?

Laissa- E que eu não tinha cabeça e estava querendo vir aqui com vocês.

Yuma- Quero ver quando for na Prova e tirar um Zero Subaru não vai ta lá para te ajudar.

Laissa - EU SEI !!!......mais foi só hoje que pedi ajuda para ele ta Porcão?

Yuma- Para de me chamar assim Porca !

Laissa - Para de me chamar assim Porcão. - derrepente uma tontura invade a cabeça da mesma fazendo ela apoiar na arvore com mãos em sua cabeça.

Ruki- Esta se sentindo bem eve ?

Laissa- Sim, derrepente um tontura deu em mim mais eu estou bem ...

Ruki- Certeza ?

Laissa - Claro .- derrepente uma bola de pelos pulou em suas costas e a mesma caiu de cara no chão .

Yuma - O que aconteceu Porca ?

Kou - M Neko-chan você esta bem ?

Laissa- Claro só que um certo alguem não para de me dar sustos .

Yuma- Quem ?

Laissa- Ora quem o Snow .

Kou- Quem ?

Laissa - Aquele lobinho daquele dia que eu encontrei vocês no parque se lembram ?

Mukami- Acho que sim ......Não

Laissa- A memoria de voces e horrível como podem não se lembrar de mim e nem do Snow ?

Mukamis- Não lembramos oras.

Laissa- Ta ....vocês não vão entrar ?

Ruki- Só na hora de ir para a escola .

Laissa- Escola eu esqueci que tinha hoje por um minuto eu vou entrar tenho que estudar tchaul .

Mukami- Tchaul .- Laissa entra para dentro da mansão .

Ruki- Estão tentando manter contato com ela. - disse serio .

Kou- Como ?

Ruki- Eles os tsukinamis estão tentando falar com a laissa.

Yuma - Como pode ter certeza ?

Ruki- Ela estava sentindo tonturas e dor de cabeca se isso se tornar frequente eles saberão onde ela esta querem ler a mente delas ou coisa do tipo.

Azuza - Isso e grave ..?

Ruki- Depende se eles forem espertos o suficiente para a barreira que botmaos em torno da mansão.

Koy - Barreira ?

Ruki- Para ter certeza que nenhum lobo do clã tsu entre aqui .- Logo ouvem Elisa gritar de longe .

Elisa - Escola !

Ruki- Já estamos indo ....vamos ?

Mukamis- Hai .- logo os quatro entraram na mansão .

{  Mel /on/ }

Eu estava na sala falando com a Tiffy enquanto eu comia um bolinho que tinha achado na cozinha ate ouvir um grito que ao que parecia pela voz era kanato estava sentada no sofá lendo um livro de histórias enquanto comia e ele aparece derrepente com as maos em seus cabelos puxando-os com raiva .

Mel - Kanato ?

Kanato - QUEM FOI QUE PEGOU O MEU BOLINHO !!!

Mel - Está falando desse aqui ?- disse esperando ele gritar comigo .

Kanato - MEU BOLINHO !!!....Então foi você Mel-san ?

Mel - Gomen eu estava com fome e não sabia que era seu o bolinho.

Kanato- Tudo bem Mel - San entendo auê não sabia que era meu não precisa se desculpar .

Mel - Serio ?

Kanato- Hai alem do mais ainda sobrou 49 bolinhos para mim .- fiquei boquiaberta

Mel - 49 bolinhos ?

Kanato- Sim .

Mel - Voce vai comer tudo isso sozinho ?

Kanato - Lie , vou comer eu e o Teddy e se sobrar guardaremos para mais tarde .

Mel - Cuidado para não ter dor de barriga depois.

Kanato - Esta desejando mal para mim ?

Mel - Não só estou te avisando .

Kanato - Vai subir ?

Mel - Hai vou me arrumar para a escola não quero me atrasar .

Kanato- Sayonara Mel -chan

Mel - Sayonara .

~~Eu subi para .eu quarto chegando lá deixando a Tiffy na cama e indo para o banheiro depois que terminei meu banho me arrumei e fui pentear meus cabelos até alguem bater na porta ~

Mel - Entre .- Kanato adentrou o meu quarto .

Kanato - Mel-san Gomen encomodar mais vim ver se estava pronta.

Mel - Estou quase só falta meu cabelo ele esta muito bagunçado - disse forçando o pente que o mesmo entortou e kanato riu .

Mel - Não tem graça - disse fazendo bico .

Kanato - Me de seu pente.

Mel - Para que ?- disse lhe dando .

Kanato - Cada cabelo e diferente ninguém e igual Mel e  todos tem um jeito diferente para pentear você só precisa descobrir o seu jeito - disse se posicionando atrás de mim enquanto estava de constas sentada no banco da penteadeira olhavamos fixadamemte para o espelho .

Mel - Só se for raspando o meu cabelo .- disse cruzando os bracos .

Kanato - Não precisa de tal barbaridade seu cabelo e lindo .

Mel - Queria dizer o mesmo .- logo kanato começa a pentear mais cabelos delicadamente .

Kanato - Viu não foi difícil você que se faz de difícil .

Mel - Não e verdade .

Kanato - Gosto desse seu jeito fofo - disse me fazendo corar .

Mel - K-kanato pare com isso voce me deixa sem jeito .

Kanato - Estou falando a verdade e quando cora fica ainda mais fofa .

Mel - Para - ele começa a rir de minha vergonha .

Kanato - Então vamos Mel ?

Mel - Hai - disse e nos saímos do quarto .

~ Na limousinhe a caminho da escola ~

{ Beatriz /on/ }

Estamos na limousinhe a caminho da nossa escola, mais um mês começando e trabalhos aumentando pular para o terceiro ano não e anda fácil se quer saber mais estou feliz por estar terminando o Ensino Médio acho que não farei faculdade. Estamos  uma limousine e os Mukamis estão em outra todos estavam quietos como de costume. Quando chegamos cada um foi para sua respectiva sala , e eu fiz o mesmo já que estão tudo no terceiro ano eles dividiram turmas por ser muito grande eu fiquei com Mel e Ayato na mesma sala e a professora entra e passa um rápido dever depois de todos terminarem o sinal tocou e fui me sentar com o pessoal .

Laissa - Aula Chata .

Ayato - Verdade .

Shu- To com sono

Reiji- Não e novidade

Laissa&Ayato&Shu-  Poderia esta bem dormindo lá em casa .- disseram juntos.

Todos - Haaaaa

Ayato- Do que estão rindo ?

Laissa - to com fome .

Kanato - Eu também .

Mel - To junto .

Reiji- Não e novidade .

Laissa&Mel&Kanato- Eu poderia esta comendo lá em casa .

Todos - Haaaa

Reiji- Sinceramente eu poderia esta bem lendo na biblioteca lá de casa .

Bia- Concerteza .

Todos - Não e novidade .

Todos - Haaaaaa

Laisa- A Aula hoje foi bem .....chata .

Laissa- Sim tia nem sei por que vim hoje .

Ayato - Realmente .

Laito - Vocês.

Elisa- Nessa familia todos os membros são iguais .

Laissa- Por que vocês estão aqui ?

Laito- Para as pessoas somos muito novos para ser casados e deixa a escola por isso vamo manter as aparências.

Laissa- Sei bateu um sono agora - ela solta um bocejo .

Laissa- Tio Shu você e a Ruth também estão com ......tio Shu ? Ruth ?- os dois ao que aprecem estavam dormindo.

Laisa- Já desmaiaram.

Laissa- Ue cadê a Aya ? E o tio Subaru ?- todos dão os ombros .

Todos - Não sei 


{ Ayana /on/ }

Fui para minha sala para pegar um lugar bom na frente eu ilhéu ao redor e vi que ninguém que eu conhecia estava na mesma sala que eu exceto Subaru, e umas meninas que sempre vem me perturbar dura te a aula ou recreio vou ter que ficar com elas esse tempo vai ser o jeito. Eu estava arrumando minhas coisas e elas vinham na minha direção .

???- Olha só quem esta aqui depois de muito tempo .

???- Aya ne ? - perguntou uma delas eu assenti as olhando - Você faltou esse tempo todo e eu nem tive mais alguem para irritar.

???- O que você tinha ?

Aya- Como se te interessasse saber .

??- Se acalme viemos em paz ne meninas - As outras assentiram.

Aya - O que querem falem logo.

???- Só viemos falar um pouco com você estávamos com saudades.

Aya- Se não querem nada podem sair da minha mesa por favor .

???- Claro nos veremos no recreio .

- Horas depois no recreio -

Já tinha batido a campa e eu areuamva as minhas coisas para eu sair e quando andei no corredor eu esbarrwi naquelas meninas .

??- Oi Aya .

Aya - Desculpa eu preciso sair .

??- Acho que não sairá tao cedo daqui.

???- Sabe eu fiquei sabendo um pouco do seus passado - continuei firme a encarando .

???- E lamento muito que não possa satisfazer seus caprichos por não ter pais bem sucedidos .-uma dize estava aguentando o que ela dizia - Ah e mesmo esqueci você não tem pais .

??- Quer dizer teve mais parece que eles não cuidaram tão bem de você .

???- Você era uma menina muito mal criada por eles te baterem não e ?- meus olhos marejaram .

Aya - C-como sabem de tudo isso ?- perguntei receosa .

???- Temos uma bela fonte de informações sobre voce e tudo esta nesse livrinho - disse mostrando meus diário.

Aya- Me devolva e meu diário - eu fui pegar mais ela levantou para cima e como ela era mais alta que eu e não dava de pegar .

??- Olha só preocupada com o que nos sabemos ? Nos hinos ate metade por estar branco - E verdade parei de escrever a um tempo atrás .

Aya - Por favor me devolva.

???- Quer seu diário ? Vai pegar .- disse jogando o diário para longe e quando caiu se desfez todos euvorri para recolher as folhas e elas estavam se aproximando de mim uma me chutou nas costas .me fazendo cair .

Aya - Itai .- gemi de dor .

??- Coitada vai chorar .?- disse dando outro chute em mim e eu vendo que elas estavam me acertando com socos ? Me Encolhi escondendo o meu rosto para não acertarem elas ficaram lá me batendo por duas horas .

??- Eu tenho pena de você ! Sua inútil .- disse indo embora eu comecei a chorar elas não só falaram amis fizeram eu reviver o meu passado coisa que eu não queria .

Eu continuei chorando ate ouvir passos em minha direção me levantei e vi Subaru ele me deixou sentada no chão levantando o meu queixo me analisando e rapidamente limpei minhas lagrimas .

Subaru - Olha o que fizeram com você ! Esta acabada .- disse .

Aya - O ...o que quer ?

Subaru - Estou com sede .- disse serio .

Aya - Subaru por favor não agora não .

Subaru -Não me recuse o que me pertence seu sangue e meu e não importa que hora ou lugar se eu quiser você não deve me recusar .

Aya- Mais eu estou muito fraca .

Subaru - Não me importo foi mandada como noiva de sacrifio para nos servir e é isso que você vai fazer .- disse botando meu cabelos para o lado suspirou e me mordeu senti suas presas rasgando minha pele eu estava completamente fraza, machucada e marcada por varios hematomas e agora dos pontos em meu pescoço .

Aya- Su-subaru por favor me me solte .

Subaru - Urusai .- e voltou a me morder eu estava ficando muito fraca a ter não ter aguentado e ele vendo que eu ia desmaiar me largou.

Subaru - Tsc garota estupida isso e uma lição para não fazer de novo aprenda não recuse o que me pertence - disse indo embora e fiquei chorando .

Passando minutos ali repensei não minha vida toda vendo quanto eu sofri nas maos de meus supostos pais, com isso e cheguei a conclusão que eu nasci só para sofrer nesse mundo, nunca encontrarei a alegria. Eu me levantei com muita dificuldade e fui me apoiando no corredor.Subi as escadas ate chegar em uma porta a qual eu entrei e sabia muito bem o motivo comecei a tossir e chorar com falta de ar olhei ao redor e tinha chegado aonde eu queria no terraço ia ser lá onde aconteceria uma coisa marcante para mim que seria s minha morte sim eu supostamente tinha entrado em drepessao pelo meu passado e queria me matar dar um fim naquela minha vida do que  adianta eu desistir se vou morrer só que sendo sugada e sem ter nenhum sangue por um vampiro, prefiro a menos dolorosa fui para uma das lages e olhei lá embaixo vendo a altura eu estava decidida fui me afastando um pouco parando a uma certa distância da ponta eu suspirei chorando .

Aya - Ninguém ira sentir a minha falta mesmo, nem lembrarão de mim eu não consigo guardar essa dor para mim me livrarei dela e nunca mais lembrarei .- suspirei andando um passo por vez ate chegar no final e quando estava na beirada ouvi uma voz .

???- Aya por favor não faça isso .

.....

*Minutos antes. *

{ Subaru /on/ }

Depois que percebi que Aya ia desmaiar achei melhor parar nao que eu esteja com pena dela só que .....quer saver deixa para lá não te devo explicações e por que estou falando com a minha mente mesmo ? Estou mais maluco do que o Kanato e a Mel juntos.

Fui para o terraço ele e o meu lugar favorito em toda a escola, gosto de ficar al e silêncioso e ninguém me perturba ate ouvir passos da escada eu fiquei sentado no banco olhando a lua e não liguei para quem fosse mais a porta que dava acesso ao terraço foi aberta e vi Aya ela estava pior do que eu imaginava aquelas meninas acabaram com ela sorte que as eliminei, se eu matei ? Por que não, mais seu sangue era podre prefiro o da Aya. Ela começou a caminhar em direção a laje onde tinha a placa proibido ultrapassar por ser perigoso facilmente se alguem pisar ali cairia facilmente eu apenas a observei ela foi lá e olhou depois se afastou num certa distância e disse chorando .

Aya- Ninguém ira sentir a minha falta mesmo, nem lembrarão de mim eu não consigo guardar essa dor para mim me livrarei dela e nunca mais lembrarei .- disse chorando e começou a andar.

Cada passo que ela dava o barulho de chão se do rachado se ouvia e ela estava quase chegando eu sabia o que ela iria fazer mais não sabia de devia para-la ou não mais por intuição eu disse .

Subaru - Aya por favor não faça isso - ela se surpreendeu parando de andar e arregalando os olhos .

Aya- O que quer Subaru ? - disse seria .

Subaru - Acha mesmo que se matar e a melhor solução ?

Aya - O que me sugere ? Deixar você tomar todo o meu sangue ate eu morrer dolorosamente.

Subaru - Quem sabe, ....mais tem certeza que quer fazer isso ? Eu não lhe impedirei de fazer isso, mais tem pessoas que lembrarão de você e que sofrerão muito se você morrer, tem pessoas que se importam com você mesmo não demostrando ou sendo rudes para fazer você achar outra coisa ou ate ter medo delas, Existem pessoas que te amam mais não sabem como dizer isso ...- Dei uma pausa suspirando - ....E eu sou uma dessas pessoas.

Logo vi uma uma lagrima escorrer pela lateral de seu olho.

Subaru - Aya não faça isso se não suas amigas, os meninos e eu sofreremos, não se mate .

Aya - S-serio mesmo ?- se virou para mim

Subaru - Sim você tem uma longa vida a viver não desperdice-a.

Aya - Ma-mas eu não quero sofrer mais 

Subaru - Você não sofrera eu não deixarei, eu sei que esta com medo de mim mais me ....me desculpa não deveria ter feito aquilo inicialmente e nem agora você estava fraca e nem dei ouvidos eu também não seu o que aconteceu para me chegar e falar desse jeito com você eu só não sei explicar mais e que .....você e especial para mim eu não quero te perder Aya .

Aya- Não sei se posso acreditar ainda dói o que você fez comigo.

Subaru - Então deixe-me cura-la eu sei que você pode não acreditar em mim mais e verdade me sinto arrependido eu me importo com voce, Por favor saia dai .

Aya - Nunca alguem disse que se importava comigo você e a primeira pessoal que diz isso assim

Subaru - E poderei dizer muito mais se você Sai dai esta me preocupando 


{ Ayana /on/ }

Eu olhei para baixo e senti um terrível medo .

Aya - E-eu não acredito que ia fazer isso que horror .

Subaru - você só percebeu agora é ?

Aya- Hai, espere subaru sairei daqui .

Subaru - To esperando .- eu comecei a andar com passos leves ate eu ouvir algo rachar e olhei e vi que era o piso em que eu tava .

Aya - Subaru e-eu não sei se vou conseguir esta quebrando .

Subaru- Relaxa Aya e só você respirar fundo e dar passos bem delicados e devagar não tenha medo OK .

Aya - Hai .- disse eu indo devagar para fora da zona de perigo e enquanto eu andava eu sentia o chão rachando cada vez mais.

Aya - Subaru eu estou com medo .

Subaru - Vamos Aya você vai conseguir, vem segura na minha mão .- disse estendendo o seu braço e eu fiz o mesmo tentando alcança-lo depois de muito esforço consegui segurar a sua mão .

Aya - Subaru Olha eu consegui .- disse feliz ate ouvir um som sinalizando que estava rachando mais .

Subaru - Sim Aya você conseguiu agora venha - eu comecei a andar rápido mais quando tinha quase chegado o piso desmorona totalmente eu só dei um grito ao me sneur caindo.

Aya- Aaaah- gritei ..ai notei que subaru se apoiava no chão com sua adaga presa dando força para ele não cair enquanto segurava a minha mao para eu não  cair .

Subaru- Aya aguente segure firme - eu segurei com muita força para eu não cair .

Aya - Esta escorregando - minha mao deslizava por conta do suor em nossas maos ate eu não conseguir segurar e soltar sua mão caindo .

Subaru - AYA !!!

Aya- Socorro .- eu fui caindo sera que aquele seria o meu fim, morreria de um jeito assim bom fui eu que busquei isso, mais eu tinha tantos planos e agora que eu e subaru fizemos as pazes não queria morrer sem dar adeus. Fechei meu olhos esperando eu cair no chão ate eu sentir ser segurada por um braço em volta de minha cintura quando olhei vi subaru me segurando enquanto com a outra mao segurava sua sua adaga que ficara presa na parede impossibilitando de soltar .

Aya - Su-subaru ?

Subaru - Eu prometi que não lhe deixaria ir desse jeito - fiquei confusa mais logo lembrei enquanto ele sugava o meu sangue no corredor ele disse perto do meu ouvido " Eu nunca lhe deixaria ir ..." .

Aya - Eu fiquei com medo .

Subaru - Passou agora precisamos saber um jeito de nos tirar daqui.

Aya- Subaru aquilo e uma janela ?

Subaru - Hai e a janela da enfermaria.

Aya- Vamos por ali .- disse apontando para a pequena janela .

Subaru - Consegue pular ate lá ?

Aya- Não sei .

Subaru - Eu viu primeiro - ele pulou ate a janela onde se apoiou no telhado encima dela para ficar em pe .

Subaru - Vamos Aya e a sua vez .

Aya - Hai - eu pulei um pouco atrapalhado mais consegui entramos na enfermaria e saímos ate a saida onde estava nos esperando .

Subaru - Então eu ....estou perdoado

Aya - Uma prova de como me ajudou  mesmo sabendo que não ia morrer e o suficiente para mim perdoa-lo alias sou sua noiva .

Subaru - E sempre sera .- disse me abraçando .- Você me deixou preocupado.

Aya - Gomen.

Subaru- Vamos para a limousine ?

Aya- Hai mais antes gostaria de agradecer .- disse dando um beijo em sua bochecha o que deixou ele corado e ficou ainda mais fofo. - Obrigada Subaru.

Subaru - De nada .- ficamos nos fitando olhando um nos olhos do outro e aproximando nossos rostos, juntamos nossos lábios em um beijo apaixonante ficamos assim em alguns minutos mais ai tivemos que ir e depois encontrando com os outros na limousine .

Laissa- Demoraram .

Aya- Gomen.

Reiji - Então vamos ?

Todos - Hai .



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...