História A filha de um telepata. - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias X-Men
Personagens Dr. Henry "Hank" McCoy (Fera), Erik Lehnsherr (Magneto), Jean Grey (Garota Marvel / Fênix), Kurt Wagner (Noturno), Ororo Monroe (Tempestade), Personagens Originais, Pietro Maximoff (Mercúrio), Professor Charles Xavier, Raven Darkhölme (Mística), Robert "Bobby" Drake (Homem de Gelo), Scott Summers (Ciclope)
Tags Charles Xavier X-men
Exibições 20
Palavras 487
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Ficção Científica, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Violência
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Mutilação, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 2 - Conhecendo uma história.


Fanfic / Fanfiction A filha de um telepata. - Capítulo 2 - Conhecendo uma história.

- posso fazer uma pergunta ?-Disse o cara de óculos.

- você já fez. - disse sem tira os olhos do livro.

- por que os polícias estavam atrás de você ?

                   Flashback : inicio

- ora, ora, ora - disse Bem, o valentão da escola - se não é a Liz McFlay.

  Tinha acabado de sai do banheiro, e não tinha ninguém na escola, só eu, Bem e outros dois caras.

- olha não to afim de problemas.

  Disse andando para fora da escola, mas ele me puxou pelo braço e me jogou na parede.

- sabe, meu pai é delegado, o pai dele - disse apontando para o garoto do seu lado - é policial e o pai dele - disse apontando para o garoto atrás de mim - é o diretor da escola. E o seu Liz ? Quem é seu pai ? - ele estava acocorado na minha frente - à, é mesmo, você não tem pai. E sabe o por que você não tem pai ?

- não. Por que não tenho pai ?

- por que você é tão irritante, que ele resolveu te abandonar. Oque foi ? - perguntou vendo que eu abaixei a cabeça - vai chorar ? Olha gente, ela tá chorando.

- não devia ter falado isso.

  Disse com os olhos cheios dágua. Ele ia dá um tapa com a mão esquerda, mas segurei seu pulso o jogando para o outro lado do corredor, ele começou a gritar que a perna tinha quebrado ou algo assim, os outros dois garotos saíram correndo, me levantei e fiquei bem a sua frente, me acocorei a sua e disse :

- respondendo sua pergunta, meu pai é mutante - quando disse isso ele arregalou os olhos - e eu também.

  Depois desse acontecimento o pai do Bem começou a me procurar mas eu e minha mãe sempre estávamos nos mudando de um ligar pro outro.

                   Flashback : fim

- e então, por os policias estão atrás de você ?-  Disse a mulher

- robei uma farmácia.

  Menti ainda olhando pro livro.

- chegamos.- disse a mulher.

- tem certeza ? Porque isso não parece uma escola.

- mas é uma escola.

- tá mas pra um museu.

  Saímos do carro e entramos a enorme mansão e me dei de cara com uma escada que levava aos andares.

- pelo visto não tem elevador.

- Scott.- o homem chamou um garoto de óculos “escuros”

- Hank.- disse o garoto se aproximando - onde estavam, o professor estava procurando vocês.

- eu e Raven tivemos que ir em outro lugar.

- é novata - disse apontando pra mim.

  Eu estava de casaco e capuz e calça e tênis.

- Liz McFlay.

  Disse estendendo a mão ele fez o mesmo.

- Scott Summers.

- vem vou te apresenta o professor. - disse Hank.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...