História A Filha do Chefe - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Visualizações 116
Palavras 988
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Ecchi, Ficção, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Mais um capitulo para vocês!

Espero estejam gostando!! :>

Capítulo 5 - Amiga e Duvidas


Fanfic / Fanfiction A Filha do Chefe - Capítulo 5 - Amiga e Duvidas

-Minzy!!!!!!

Ao ouvir meu apelido olhei para o lado e lá estava ela, Lee Jeong-Hee, também conhecida como minha melhor amiga em todo o universo.

-Oi.

Sorri a cumprimentando e ela fez o mesmo. Desde que tinha começado a trabalhar para meu pai não tinha tido muito tempo para minha amiga.

Hoje ela me ligou e praticamente me obrigou a jantar com ela em um restaurante no centro de Seul que ambas frequentávamos sempre que podíamos.

Era um local tranquilo e não muito movimentado, por isso gostava daquele lugar, podíamos conversar tranquilamente sem ser interrompidas.

Fizemos nossos pedidos e logo minha amiga queria que a atualizasse sobre tudo o que aconteceu nessa semana de trabalho com o BTS.

Eu contei tudo a minha amiga sem deixar nenhum detalhe de lado. Falei a ela sobre o meu medo de ser descoberta por eles como a filha do chefe e sofrer uma rejeição. Eu deveria ter contado desde o começo, mas não estava preparada para aquilo.

Contei também sobre a minha proximidade com Taehyung.

-Você esta apaixposspor ele?

-Claro que não! Eu mal o conheço.

Reviro os olhos e minha amiga sorri e volta sua atenção para o prato de Nakji Bokkeum* em sua frente.

-Jeong-Hee...

Chamo a garota que logo me olha e com a boca cheia diz somente “hum” esperando que eu fale.

-Tem algo que realmente tem me deixado um pouco incomodada nessa semana...

Digo e ela apenas continua me encarando e arqueando levemente a sobrancelha faz sinal para que eu continue falando.

-Não sei bem o que esta acontecendo....

-Fala logo de uma vez e para de tanto mistério!

Minha amiga diz quase gritando e eu simplesmente rio dela que depois de alguns minutos começa a rir também.

-Esta realmente apaixonada por Taehyung?

-Nada disso! Não estou apaixonada por ele, quantas vezes tenho que dizer?!

-O que é que tanto te incomoda então? Fala logo, você sabe o quanto sou curiosa e não gosto de enrolação!

Rio e ela revira os olhos.

-Desde o primeiro dia com aqueles garotos aqueles olhos não saem da minha cabeça!

Jeong-Hee me encara sem entender. Conto a ela sobre meus sonhos.

-E é basicamente isso. Desde o primeiro dia ele tem me encarado e não consigo entender o porque. Já o peguei me olhando varias vezes, mas sempre que retribuo o olhar ele desvia.... E não sei porque sempre sonho com aquele par de olhos me encarando toda noite.

Minha amiga assente algumas vezes com a cabeça.

-Já parou para pensar que ele pode estar apaixonado por você?

Não sei se rio eu estapeio a cara da minha amiga. Vocês precisam saber uma coisa sobre Lee Jeong-Hee, ela é um pequeno alienígena maluca que não diz nada que faça sentido na maioria das vezes em que conversamos. Jeong-Hee vive no mundo da lua.

-Estou falando serio. Existe uma coisa chamada amor à primeira vista.

Solto um longo suspiro. Não deveria ter contado nada para ela.

-Só estou dando minha opinião.

-Fala serio Jeong-Hee!

-Não é uma hipótese a ser descartada.

Sua convicção é maior que tudo. Essa garota é muito teimosa.

Reviro os olhos e a encaro seria, ela apenas sorri.

Desisto de ter uma conversa seria.

-Vou considerar sua “hipótese”. Mas não acho que seja isso.

-Bom já que você não consegue deixar a mente fluir e imaginar que as coisas possam realmente acontecer que nem em filmes, você pode ficar com minha segunda hipótese.

-Que seria?

Me preparo para mais uma de suas idiotices e me surpreendo com sua resposta.

-Bom... Talvez ele só tenha ficado impressionado com você. O que quero dizer é simples...

Ela diz e para para beber um pouco de suco.

-Ele pode ter ficado surpreso com tudo o que esta acontecendo. Tipo, não é todo o dia que seu chefe chega com uma garota e diz que a mesma vai te observar. Ele deve estar nervoso com a situação. Talvez ate constrangido por não ter mais sua total liberdade.

Talvez e somente talvez minha amiga não seja tão idiota quanto aparenta ser.

-Faz sentido.

Ela sorri convencida e eu reviro os olhos.

-Mas eu ainda prefiro pensar que ele esteja apaixonado por você!

Diz abrindo um sorriso malicioso para mim.

-Idiota!

 

====================

 

Saímos do restaurante e pergunto Jeong-Hee se ela quer carona ate em casa já que eu estava de carro. Ela aceita.

 

-Chegamos.

Ela sorri, solta o sinto de segurança e abre a porta do carro.

-Nos vemos amanhã.

-Minzy...

-O que?

-Realmente acho que ele esta apaixonado por você.

Reviro os olhos, Jeong-Hee era realmente muito insistente.

-E é provável que o Taehyung também esteja.

Ok. Agora ela esta realmente delirando.

-E se não estiver é bem capaz dele se apaixonar!

Diz sorrindo maliciosa e desce do carro.

-Idiota!

-Também a amo Sun Hee querida!

-Ate amanhã.

Digo e ela fecha a porta do carro.

 

======================

 

Chego no dormitório e já são 22 horas.

“Os garotos já devem estar dormindo. ”

Entro no meu dormitório e suspiro. As palavras de Jeong-Hee não saiam de minha cabeça.

Aff!

Decido tomar um banho antes de dormir.

“Será que realmente minha amiga tem razão? ”

Entro debaixo da água fria e fico ali por vários minutos tentando parar de pensar no que minha amiga tinha dito.

Não que eu realmente desse peso no que ela havia dito. Não fazia sentido aquilo.... Ou fazia?

“Eu não deveria ter comentado com ela... Agora estou mais confusa que antes...”

Duvidas começaram a surgir. Terminei meu banho, coloquei meu pijama e me deitei. E por mais que eu estivesse cansada o sono não veio.

Passei a noite toda refletindo na minha conversa com Jeong-Hee.

 

O despertador do meu celular tocou e só então percebi que as horas haviam passado e eu não havia pregado olho na noite anterior.

-Hoje vai ser um longo dia...

Digo a mim mesma suspirando e vou me arrumar para ir para a faculdade.


Notas Finais


*O Nakji Bokkeum é polvo com macarrão udon e cebolas fritas em uma pimenta picante molho.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...