História A filha do manager - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags A Filha Do Manager
Visualizações 37
Palavras 1.028
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Famí­lia, Ficção, Hentai, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Como prometido aqui o capítulo! Gente vem surpresas por aí, e o próximo cap. já está pronto! hehe

Sem mais enrolação, boa leitura!

Capítulo 2 - Capítulo 2


Minha semana foi resumida em: lanchonete, faculdade e passar noites em claro. Eu estou tomando remédios para poder ficar acordada, pra conseguir terminar os trabalhos e entregar no prazo. As coisas estão ficando cada vez mais difíceis. Só nessa semana cheguei atrasada na lanchonete umas duas vezes, o que resultou em um belo sermão. 


Mas, enfim hoje é sábado e é minha folga. Posso dar uma arrumada no apartamento, que está uma bagunça. E aproveitar pra pensar um pouco em mim, o que faz tempo que eu não penso. Hoje também vou dar uma passadinha na empresa, pra ver meu pai.


Depois daquele dia ele não me ligou mais e nem veio me ver. Já se passo duas semanas depois daquilo. Eu acho que está acontecendo algum coisa.


Suspirei indo até meu quarto e trocando de roupas. Coloque uma sai preta, com uma blusinha branca. O clima aqui em Seul não está muito gelado ultimamente, estão dá pra usar alguma coisa mais curto.


Peguei meu celular em cima da cama, e fui pra sala, saindo pela porta. Peguei o elevador e assim que ele chegou lá em baixo, sai e comecei a caminhar pela calçada. Iria caminhando mesmo.



Demorou um pouquinho, mas enfim estava entrando na empresa. 


- Olá ______! Seu pai está na sala de ensaios! - sorriu e eu retribui assentindo.


Ao chegar na porta da sala, percebi que meu pai dava uma bronca nos meninos. Um pouco receosa bati na porta, que foi aberta bruscamente.


- O que faz aqui? - ele me olhou visivelmente irritado, ao perceber que era eu.


- Eu vim te ver! Você não me ligou mais e foi...


- Devia ter avisado antes! - me interrompeu, me fazendo ficar chateada com sua reação. - Entre... - me deu espaço e eu entrei, dando um leve sorriso para os meninos, que me olhavam.


- E vocês se comportem, vou resolver algumas coisas! - os garotos assentiram e meu pai saiu da sala.


Ficou um silêncio constrangedor, eu não falava nada, assim como eles. Me sentei no canto da sala e observei eles, quando começaram a ensaiar. Minha visão se prendeu em Jimin. Ele era tão inocente, mas ao mesmo tempo tão... Sexy!


Meus olhos começaram a pesar, acho que foi o sono que eu acumulei esses dias. E logo adormeci ali mesmo.


<<<<>>>>


- Você é muito fofa dormindo! - Taehyung comenta apertando minhas bochechas, as fazendo ficarem vermelhas.


- Você anda dormindo direito, ______? - Yoongi pergunta sentando-se ao meu lado.


- Sim... Na verdade não! Estou tendo muitos trabalhos da faculdade, passei praticamente dois dias sem dormir! - falei recebendo um olhar preocupado dos meninos, menos de Jimin que nem olhou pra minha cara. Qual é o problema dele comigo?


- Você precisa pensar mais em você, do que em trabalhos da faculdade. Sabia que você pode ficar doente? - Jin fala me olhando sério. 


Deixei um sorriso escapar.


- Eu sei! Mas se eu perder minha bolsa, meu pai ficará muito bravo comigo, por isso que eu preciso colocar a faculdade em primeiro lugar! - falei, recebendo um olhar de reprovação de Jin.


Sabe, agora eu me sinto mais a vontade com os meninos, eles me tratam super bem. Até parece que somos amigos a um tempão. Chega a ser até estranho.


- Er... Jimin? - tomei coragem e o chamei. Ele me olhou. - Qual é o seu problema comigo?


Ele riu.


- Por que acha que eu tenho algum problema com você? - senti seu tom sarcástico.


- Porque... Esquece! - falei abaixando o olhar. - Bom, eu já vou indo! Tchau meninos! - sorri e me levantei, caminhando até a porta.


- Se cuida! - falou Taehyung. Ri e sai.


<<<<>>>>


Eu observava o movimento, enquanto estava sentada em um banco da praça, em frente ao meu prédio. Eu precisava de mais momentos como esse. Até que olhei pro lado e avistei um garoto sentado ao meu lado. Ele usava uma marcará que tampava sua boca e um pouquinho do nariz, óculos escuros e gorro.


- Oi ______! - falou me olhando.


- Como sabe meu nome? - perguntei estranhando.


- Sou eu idiota! - o garoto tira a máscara e o óculos, se revelando. Era o Jimin.


- A é você! - falei soltando o ar aliviada. - Por um momento achei que você fosse um ladrão, ou algo do tipo! 


- Nossa então é isso que acha de mim? - perguntou se fazendo de ofendido.


- Por que está aqui? - mudei de assunto.


- Sei lá! - deu ombros.


- Por que é assim comigo? - pergunto o olhando, esperando alguma resposta.


- Não sei! Acho que não gostei de você! - mais uma vez deu ombros.


- Então o que faz aqui? - me irritei.


- Pelo que eu saiba a praça é pública! - riu.


- E eu também sei que você é um grosso! - falei e sai dali, atravesso a rua e entro no meu prédio. 



 Ao entrar no meu apartamento, tiro meus tênis, deixando-os ao lado da porta. Recolho os papéis da mesinha e sofá e os guardo dentro de uma pasta, que estava em cima do balcão da cozinha. Após Isso vou pro meu quarto, começando a arruma-lo. 


<<<<>>>>


Enfim, terminei a arrumação. E agora me encontro esparramada no sofá, enquanto uma música dos meninos soava nos meus ouvidos. Batucava meus dedos na minha barriga, até que tomei a iniciativa e me levantei, dando início a coreografia de DNA. 


Mas parei involuntariamente, quando percebi o que estava fazendo. 


- Você precisa pensar na faculdade, não na dança! - eu sempre falava isso, quando acontecia essas situações.


Suspirei tirando os fones e desligando a música. Jogando meu celular no sofá. Fui pra cozinha, pegando um copo e o enchendo d'água.


Fui pro meu quarto, me deitando na cama e fitei o teto. E me veio Jimin na cabeça. Por que ele age daquele modo comigo? 


Bufei, me levantando. Entrei no banheiro e tomei um banho. Após sair coloquei meu pijama e me deitei, abraçando um travesseiro.

Esses dias eu estou me sentindo tão sozinha. Meu pai está estranho comigo. Não me liga e quando eu penso em  fazer uma surpresa pra ele, ele me trata mal. Eu nem sei o porquê dele estar assim.

Suspiro e me viro pro lado da porta, deixando o sono me consumir.


Notas Finais


Espero que tenham gostado e talvez eu poste o cap. 3 amanhã, ok?

Enfim... Bjinhos!!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...