História A filha do Mestre Pokemon - Capítulo 23


Escrita por: ~

Postado
Categorias Pokémon
Personagens Ash Ketchum, Brock, Dawn Hikari, Delia Ketchum, Gary Carvalho, Grace (mãe de Serena), James, Jessie, Max, May, Meowth, Misty, Personagens Originais, Professor Carvalho, Serena
Tags Ash, Filha, Kanto, Misty, Pokémon, Serena
Exibições 57
Palavras 1.754
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Crossover, Famí­lia, Fantasia, Romance e Novela, Universo Alternativo
Avisos: Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Segue mais um capítulo para vocês.

Boa leitura e espero que gostem.

Deixem suas opiniões nos comentários.

Capítulo 23 - Problemas a caminho da cidade de Saffron


Após uma longa e boa noite de sono, e ainda sem saber se aceita ou não se aliar à Equipe Rocket, Mariene decide ir desafiar o ginásio de Saffron, que era a cidade mais perto de Celadon.

Antes de sair, ela decide enviar de volta dois Pokémon para o professor Carvalho, o Wartortle e o Butterfree. Agora com cinco Pokémons, nada a impediria de descobrir qual Pokémon recebeu de Ash, exceto o fato de ainda não conseguir sentir e alcançar a Aura do Pokémon para poder libera-lo da Pokébola. Ela sabia que podia liberar da forma convencional, mas decidiu fazer como seu pai havia pedido e usar a Aura para se comunicar com o Pokémon e chama-lo para fora da Pokébola.

O grupo, liderado por Bonnie e Mariene, saiu do Centro Pokémon e foi em direção à rota 7, que levava até Saffron. No caminho, passaram por uma praça onde viram dois garotos batalhando com os iniciais de Kanto, um com o Bulbasaur e o outro com o Squirtle. Eles assistiram um pouco da batalha, mas quando viram que iria demorar, continuaram a andar para chegar logo em Saffron. Após alguns minutos de caminhada, chegaram na rota 7 e finalmente estavam a caminho da cidade de Saffron.

Eles previram uma caminhada de aproximadamente 1 hora, então depois de 30 minutos caminhando, pararam para um piquenique. Não era o lugar mais bonito para se fazer um piquenique. O local era bastante deserto, com poucas árvores e nenhum pókemon por perto. Pelo menos o local era bem tranquilo e eles não precisavam se preocupar com nada. Pelo menos é o que pensaram.

Pikachu e Espeon de repente se levantaram, mostrando estar preocupados com algo. Pikachu, com sua audição aguçada, começou a procurar de onde vinha o som que ele ouvia, enquanto Mariene e o restante não entendia o motivo da agitação já que ainda não estavam ouvindo nada.

Após alguns segundos, Mariene ouve um barulho que parece ser de uma nave, e ao olhar para cima vê uma grande nave descendo. A nave para a uma altura segura do solo, e então duas pessoas saem da nave e descem por uma corda até o solo.

[Rick] – Olá crianças. Eu sou o Rick e essa é a Nicia. Viemos buscar a Mariene e o Klauss.

[Nicia] – Se não quiserem se machucar, é melhor obedecer. A Equipe Shadow não mede esforços para conseguir o que quer.

[Bonnie] – Eles não vão com vocês. É melhor nem tentar.

[Rick] – Dessa vez temos algo que pode fazer vocês mudarem de ideia.

[Mariene] – Acho que não.

[Nicia] – Rick, que tal mostrar nosso convidado?

[Rick] – Com prazer.

Rick pega um pequeno controle e aperta um botão, então uma porta se abre na parte inferior da nave e uma espécie de jaula desce dali. Dentro dessa jaula estava Clemont, preso em uma estrutura metálica e com alguns cabos em seu corpo.

[Mathew] – PAAAAIIIIIII!!!

[Bonnie] – Clemont!!! Soltem meu irmão agora!!!

Mariene ficou furiosa ao saber que o pai de um dos amigos dela havia sido capturado pela Equipe Shadow.

[Mariene] – Vocês vão se arrepender disso. – Disso com ódio na voz.

[Nicia] – E o que pretendem fazer?

[Clemont] – Mathew, não se preocupe comigo. Não deixe Mariene e Klauss entrarem nessa nave.

[Nicia] – Pode fazer ele parar de tagarelar?

[Rick] – Com prazer.

Rick apertou outro botão no controle, e um grande feixe de energia foi liberado em Clemont, fazendo seu corpo brilhar com uma coloração avermelhada e ele gritar de dor.

[Bonnie] – Já chega. – Bonnie disse enquanto lançava a pokébola – Dragonite, vamos ajuda-lo. Dragon Pulse.

[Mariene] – Espeon, Moonblast. Pikachu, Thunderbolt.

[Rick] – Idiotas. Vamos ver o que acham disso. Regice, é com você – Disse enquanto lançava a Ultra Ball – Ice Beam no Dragonite.

[Nicia] – Ainda bem que o chefe me deixou com esse. Articuno, vamos. Ice Beam também.

[Bonnie] – Squishy, Z2, podem nos ajudar?

Squishy e Z2 saltam da bolsa da Bonnie e começam a chamar suas células. Enquanto isso, um Pokémon desconhecido para muitos aparece ao longe, voando em alta velocidade. Ele atinge o Regice que acaba errando o Ice Beam, porém o de Articuno acerta e congela a asa do Dragonite.

[Nicia] – Que Pokémon é esse?

[Bonnie] – Um amigo. Zygarde, sabe o que fazer.

Zygarde, que ficou na forma 100%, lança um poderoso Dragon Pulse no Articuno, que o derruba com um só golpe.

[Rick] – Zygarde 100%? Capturado por ela? Vamos embora. Xerosic é louco de tentar enfrentar isso.

[Nicia] – Não seja covarde, você ainda tem o Regice.

O Pokémon que havia acertado Regice lança um poderoso jato de água fervendo no Regice, que recua e sente o dano. Zygarde aproveita e lança outro Dragon Pulse, dessa vez em direção ao Regice.

[Mariene] – Pikachu, Espeon, ajudem o Clemont. Moonblast e Iron Tail para quebrar as grades.

[Bonnie] – Dragonite, Hyper Beam no Regice.

Regice recebe o ataque duplo do Zygarde e do Dragonite, mas ainda se mantém de pé, com muito dano, mas ainda com muita força para batalhar. Enquanto isso, Pikachu e Espeon conseguiram quebrar as grades da jaula onde prenderam o Clemont. Clemont corre para o lado do Mathew, preocupado com o filho.

[Clemont] – Mat... Você está bem?

[Mathew] – Eu que devia te perguntar isso. Você que estava preso lá...

[Clemont] – Não se preocupe, já passei por coisas piores quando viajei com o Ash.

[Lana] – É, que tal vocês dois ajudarem na batalha? Aquele Regice não caiu nem com o ataque do Zygarde.

[Mathew] – Você podia ajudar com o Blaziken.

[Clemont] – Eu estou sem Pokémon. Mat, chame o Combusken, ele pode ajudar.

Zygarde, que estava na forma 100%, usou muita energia nos dois ataques e acabou voltando para a forma de núcleo, para que as células pudessem descansar e se recompor, assim como eles mesmos. Estar sem um lendário para a batalha era algo ruim, já que o adversário era um lendário. Mas em número estavam em vantagem. Ainda dava para vencer.

[Bonnie] – Volcanion, vamos distrair o Regice, quando tiver a chance, exploda ele para longe daqui.

[Volcanion] – Explodir coisas é minha especialidade

[Mariene] – Pikachu, Espeon, foquem no Regice. Thunderbolt e Moonblast com o máximo que tiverem.

[Bonnie] – Dragonite, Hyper Beam.

[Klauss] – Magmar, Fire Blast.

[Lana] – Blaziken, Blaze Kick.

[Mathew] – Combusken, Flame Charge.

Todos pokémons atacaram ao mesmo tempo, não dando chance de defesa para o Regice. Volcanion nem precisou atacar, pois assim que os ataques cessaram, viram o Regice desmaiado. Normalmente ele não seria derrotado com esses ataques, mas já tinha levado também um golpe do Zygarde 100%, o que causou muito dano.

[Rick] – Volte Regice. Mariene, por que não facilita as coisas e se entrega junto com o Klauss?

[Mariene] – Não entendo, todas equipes do mal usam pokémons para atingir seus objetivos, por que precisam de mim? E mais ainda, por que precisam do Klauss?

[Nicia] – Por que você tem algo que ninguém mais tem, a não ser seu pai.

[Rick] – CALA A BOCA!!! Ela não pode saber o motivo sua imbecíl. Vamos embora. Com o Zygarde por perto não teremos chances.

Rick e Nicia retornam para a nave e vão embora. Mariene e seus amigos se reúnem em volta do pano onde estavam fazendo o piquenique e dão comida aos pokémons depois dessa batalha inesperada. Mariene estranhamente é a mais quieta, e com o olhar mais preocupado entre todos. Klauss, Bonnie e Clemont entendem o motivo. Eles perceberam também.

[Klauss] – Mariene, está pensando no que a mulher da Equipe Shadow falou né?

[Mariene] – Sim. Acho que sei por que eles precisam de nós.

[Clemont] – Por causa da Aura, é claro...

[Bonnie] – Mas o Klauss não é um guardião da Aura, é?

[Mariene] – Não. Klauss, depois precisamos conversar, em particular. Mas antes tenho que falar com o meu pai.

[Lana] – O que você tem pra falar com ele que ninguém pode saber?

[Mariene] – Algo que ele precisa saber antes de todos, já que ele também é o alvo da Equipe Shadow, e não vocês.

[Bonnie] – Tudo bem. Hoje no Centro Pokémon vocês conversam. Mas vamos nos animar, vencemos dois lendários hoje.

[Clemont] – Você nunca muda né Bonnie? Desde a Equipe Flare você já viu vários lendários, batalhou contra uns, ajudou outros, tem seu próprio lendário, e ainda fica animada quando batalha contra eles.

[Mariene] – Mas ela está certa. Seja como for, batalhar com lendários é algo incrível. Vencemos um Articuno e um Regice.

[Mathew] – Será que eles têm os outros pássaros lendários?

[Lana] – Duvido. Se tivessem teriam usado na batalha.

[Clemont] – Quando eu estava preso, ouvi falar que eles tem o Regigigas. Isso pode ser um problema.

[Lana] – Mas isso significa que eles tem Regirock e Registeel também.

[Bonnie] – Algo me diz que algo pior que a Equipe Flare está por vir.

[Clemont] – Depois vocês pensam nisso. Mariene, qual seu próximo ginásio?

[Mariene] – Ginásio de Saffron. Ouvi falar que e a líder daquele ginásio usa um Kadabra. Acho que é a chance da Espeon testar seus poderes psíquicos.

[Clemont] – Tudo bem, vamos para lá. Tenho que ligar para o Ash e contar o que houve.

[Volcanion] – Arrumem suas coisas, posso levar Clemont e Bonnie até lá. Clemont, depois você segue comigo, temos que falar com o Ash.

[Bonnie] – Ótimo. Eu e meu irmão vamos com o Volcanion, conhecemos ele a mais tempo e ele não confia em muitos humanos. Mathew, Lana, vão com meu Dragonite, como já voaram nele comigo, não terão problemas. Klauss e Mariene vão no Pidgeot.

O grupo arruma as coisas para partir para Saffron, e então sobem em seus Pokémons voadores rumo ao Centro Pokémon. Mariene sabia que depois dessa batalha teria que deixar seus Pokémon descansarem antes de enfrentar a líder do ginásio de Saffron.

Enquanto isso, na nave da Equipe Shadow...

[Rick] - Caramba Nicia, você praticamente revelou que precisamos da garota por causa da Aura dela.

[Nicia] - E daí? Ela não sabe para que precisamos. Aliás, foi até bom, viu a cara de medo dela?

[Rick] - Tem razão. Aliás, o plano foi um sucesso. Confirmamos que Zygarde está com eles. Usar o irmão da loirinha foi uma ótima ideia.

[Nicia] - Só achei que o Regice duraria mais.

[Rick] - Você é uma idiota mesmo. Ele não seria derrotado tão facilmente se eu não deixasse. Eles precisam achar que podem nos vencer, assim o sofrimento deles será maior. Só esse Articuno que é fraco. Ser derrotado com um único Dragon Pulse?

[Nicia] - O Zygarde derrotou o Megalith em Kalos com um só golpe, enquanto os outros Pokémon nem arranharam ele, se lembra? Mas agora vou tirar uma soneca, só me acorde quando chegarmos.


Notas Finais


Espero que tenham gostado do capítulo.

Em breve novos capítulos.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...