História A Filha Do Sol & Da Lua - Capítulo 27


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Lua, Romance, Sol, Yaoi
Exibições 23
Palavras 1.014
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Ficção, Ficção Científica, Hentai, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


OI pessoa, eu estou aqui ás 23;48 morrendo de raiva pq eu tinha escrito um cap, maravilindo e nao tava dando para enviar. Então resumindo, eu perdi tudo oque havia escrito. QUE MARAVILHA.
Se tiver faltando alguma coisa, me perdoem pq ja não to bem. Serio.
BOA LEITURA PRO CES AE.

Capítulo 27 - HOT


Fanfic / Fanfiction A Filha Do Sol & Da Lua - Capítulo 27 - HOT

[Noelani ON]

Peguei o primeiro voo, para Port Clyde, durante o voo eu não consegui dormir, só pensava no Apollo, no que ele tinha feito para me salvar. Eram sete horas de viajem, que cade minuto durava uma eternidade.

Quando cheguei chamei um taxista para me levar perto de um campo de morangos. No acampamento existe uma tal de névoa, que faz com que o acampamento vire uma plantação de morangos.

Fui caminhando para lá e atravessei a barreira mágica, eu era mesmo uma meio sangue. Um garoto brotou do nada ao meu lado.

''Olá, sou filho de Díonisio, quem é voce?'' ele perguntou com uma prancheta na mão.

Ele deveria ter uns dezoito anos, a minha idade.

''Então quer dizer que o cachaceiro virou pai de família?'' murmurrei.

''Como é?'' o garoto perguto se aproximando mais.

''Sou Noel, filha de Zeus.'' Respondi num tom mais elevado, e sem paciencia.

''Não acredito!'' Ele disse perplexo pegando meu pulso e me arrastando ate uma casa bem grande branca.

No deque da casa havia Díonisio e um centauro jogando cartas.

''Ola pai!'' o garoto comprimentou.

''Theo, voce nao toma jeito ne! Quem é essa estranha ai?'' Díonisio disse me lançando um olhar maligno.

''Ela é a nossa salvação, ela é a filha de Zeus!'' o Theo disse fazendo Díonisio cair na gargalhada.

''Do que estão rindo idiotas?'' Falei esbravejante, eles pararam de rir na hora, Theo olhou para mim perplexo.

''Do que voce me chamou?'' Díonisio disse se levantando.

Só faltava ele cuspir fogo, porque ja estava vermelho que nem um  pimentão de raiva.

''Eu gaguejei?'' falei encarando-o

Theo segurou minha mão, olhei para ele e ele fazia não com a cabeça assustado.

Soltei a mão de Theo e mostrei meus dedos para Dionisio.

''Voce não ia querer que eu estalasse.'' falei com um sorriso malicioso.

''E oque voce vai fazer? Um barulho irritante? Voar flores? Faça me o favor!'' Díonisio disse tacando algumas cartas em mim.

Estalei os dedos, um tornado pequeno apareceu no deque da casa, pegou vários moveise as cartas, quase levou o ''vestido'' de Díonisio.

Estalei os dedos novamente, e o tornado voou ate meus dedos, e desapareceu.

Eles olharam para mim incredulos. Meu showzinho atraiu varios curiosos.

''Ela é mesmo filha de Zeus, não só pelo tornado, mas sim pelo rosto. Qual o seu nome jovem?'' O centauro me perguntou se aproximando.

''Noelani.'' Eu disse.

Eles olharam para mim surpressos.

''Bem vinda de volta...'' O centauro disse, colocando as mãos em meu rosto, como um ato de ternura.

''O.K,O.K, Menos Quiron, bem menos...'' Díonisio disse ''Theo acompanhe a Noeli ate seu chelé...'' Díoniso dise.

''Noelani..'' Quíron corregiu Díonisio.

''Que seja!'' Díoniso respondeu, entrando na casa.

Theo me acompanhou ate meu chalé, ele era azul, bem azul, com um raio na frente, oque mais me chamou a atenção foi a porta de raios. Olhei para ela incredula.

''Zeus quer seus filhos bem protegidos e seguros, ou melhor filha..'' Theo explicou.

Eu era a única filha de Zeus naquele acampamento, passei pelos raios e observei por dentro do chalé, era muito azul e grande, no centro havia uma unica cama, azul como sempre e alguns raios desenhados a mão, o teto havia raios, luas e estrelas que brilhavam no escuro.

''Ah, aqui esta a sua lista de afazeres durante toda a semana...'' Theo disse me passando a folha de papel por baixo da porta.

''Ah, Theo voce conhce algum Diogo? Tipo irmão de Cristiano, apelidado por Cris, filhos de Afrodite?'' perguntei.

''Ah sim, eles tambem desapareceram misteriosamente, eram boas pessoas...'' Theo falou e saiu.

Aonde deve estar Diogo e Pietra?

[Noelani Off]

[Diogo on]

Quando eu e Pietra haviamos terminado a poção, Pietra falou que me amava, me amava a muito tempo, e não aguentava mais guardar segredo.

Eu apenas falei que sentia o mesmo por ela, so que nao sabia se era amor entre apenas amigos ou mais que isso.

Então agora estamos ficando.

Quando saimos da floresta, vimos em uma televisão, a Noel e Apollo, deitados no chão, Apollo se  movia e dava para ver as cicatrizes de suas costas.

Mas ele desapareceu do nada, Noel acabou desmaiando mas foi socorrida por uma ambulancia, e esta passando bem, foi oque disseram.

Abrace Pietra bem forte, para faze-la parar de chorar e abafar o choro.

Achamos um hotel bem velho e mofado para passarmos a noite, não sabia como iriamos pagar a reserva do Hotel, mas eu queria um pouco de prazer e esquecer oque aconteceu.

''Pelo menos temos água quente...' Pietra falou entrando no quarto.

Eu estava atras da porta, então enlacei meus braços em sua cintura, a assustando, mas dei um beijo e senti seu coração desacelerar.

Desci os lábios pelo seu pescoço e dei leves chupões que obviamente irão deixar marca. Mas quem estava ligando para isso?

A joguei na cama, e subi encima de Pietra. Dava vários beijos por todo o seu corpo. Tirei sua blusa com bastante facilidade. 

Lambi sua barriga ate dar encontro com seu sutiã vermelho e gasto.

''É lindo mas eu prefiro sem...'' Falei tirando levemente seu sutiã.

Cai de boca em seu seio esquerdo enquanto massageava o direito, dava leves chupões e mordidas.

Pietra tirou minha blusa e foi passando a mão em meu abdomen, ate segurar firme o meu membro que ja estava exitado.

Tirei sua calça e dei beijos em seu sexo, que ja estava molhado, tirei sua calcinha com a boca, e penetrei a língua, queria sentir Pietra em minha boca, queria sentir seu sabor. Logo ela gozou, lambi tudo, ela tinha um sabor maravilhoso.

Logo nós estavamos com beijos selvagens nus, então penetrei levemente em Pietra, enquanto ela gemia meu nome oque me deixava louco.

''Di-Diogo..'' Pietra falava oque era música para meus ouvidos.

Senti meu liquido morno derramar em Pietra, dando um prazer inexplicável.

Deitamos e dormimos abraçados ainda nus, estavamos suados e exaustos.

Foi bom para esquecer do que aconteceu naquele inferno, e para esquecer as mortes.

Pietra era linda dormindo, e era tão bom ve-la feliz. A minha felicidade é ver a Pietra feliz.

[Diogo Off] 

 

 


Notas Finais


Foi isso pessoasssss, espero que essa boxxta carregue logo e que não reenicei pq pqp ja to cansada. Espero que voces tenham gostado do HOT, eu quis fazer um pouco mais detalhado do que o da Noel, porque voces merecem né! Mas eu ainda estou aprendendo a fazer HOTS ainda. Então se voces estiverem gostando, eu irei fazer mais HOTS (quem sabe com cassais diferentes?)
KISSUSSSS TIA MAH <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...