História A Filha Dos Empregados -Lutteo - Capítulo 20


Escrita por: ~ e ~MyBernasconi

Postado
Categorias Sou Luna
Personagens Amanda, Ámbar Benson, Delfina, Gaston, Jazmin, Jim, Luna Valente, Matteo, Miguel, Monica, Nico, Nina, Pedro, Ramiro, Simón, Yam
Tags Ámbar Smith, Deldro, Gastina, Jico, Lumón, Luna Valente, Lutteo, Mambar, Matteo Balsano, Pedrina, Pelfi, Pelfina, Simbar, Simón Álvarez, Sou Luna, Soy Luna, Yamiro
Exibições 591
Palavras 2.450
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Colegial, Romance e Novela
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Olá amoresssssss 3>
Daqui é a My, desculpem a demora, mais aqui está o último capítulo!
Não fiquem tristes kkkk 😁😁
Boa Leitura!

Capítulo 20 - "O Meu Tudo, a Minha Cara Metade"


Fanfic / Fanfiction A Filha Dos Empregados -Lutteo - Capítulo 20 - "O Meu Tudo, a Minha Cara Metade"

Todos olhavam para o homem confusos, já Mary o olhava com o olhar de desespero.

- Mãe quem é esse cara? - Matteo pergunta achando estranha a reação de sua mãe.

Todos olham para Mariano e para ela esperando uma resposta, Mary com medo de que Matteo faça uma loucura, ela diz:

- É um amigo meu! - Ela  abraça Mariano que fica sem entender nada - Que saudades! - Ela sussurra para ele - Não quero você perto do meu filho, nem pense em contar para ele que você é o pai entendeu?

- E o que eu ganho com isso? eu quero conhece-lo Mary, só isso, se não você vai pagar muito caro, você sabe muito bem como eu sou, não sabe senhora Bálsano? - Ele sussurra debochado para a mulher que fala:

 - Foi muito bom sua visita amigo, mais fica, não vai embora não, você vai sair agora não é? - Ela olha para o homem que entende, e fala:

 - Tchau para todos, foi bom conhecer vocês, principalmente você Matteo Bálsano. - Ele sai e deixa todos desconfiados e olhando torto para a senhora Bálsano.

 - Porquê ele gostou principalmente de me conhecer? - Matteo fala achando estranho.

 - Ma... Matteo quem não gostaria de te conhecer, ele gostou de você só isso - Luna fala já sabendo que aquele homem não era amigo de sua sogra coisa nenhuma, mais se Mary não quis dizer nada para seu filho não vai ser ela que vai se meter.

Depois desse acontecido, não aconteceram muitas coisas durante os últimos quatro meses, Gastón ainda se sentia meio inseguro de assumir uma relação com Nina, então eles ainda não eram oficialmente namorados, Nina entendia o lado do namorado, mais não podia deixar de ficar triste por isso,ela sentia que ele tinha era vergonha dela, mais não falava nada, e decidiu esconder de que a três meses esperava uma menina do mesmo.
Delfi estava muito feliz, pois tinha conseguido finalmente tirar Gastón da cabeça, saiu inúmeras vezes com Pedro, e viu que ele não era só um nerd sem graça, ela a pouco tempo que se apaixonou pelo mesmo, queria dar um passo a mais na relação, mais tinha muito medo sobre isso ainda.
Já Simón e Ámbar estavam muito felizes, principalmente a loira, que se abriu com seus pais e sua madrinha, e falou tudo o que sentia, como ela se sentia desprezada sem ninguém a dar um pingo de atenção para a mesma. Eles entenderam o lado de Ámbar e prometeram nunca mais a deixar de lado, e ainda aceitaram muito bem a relação dela com Simón. Também estavam muito felizes por estarem esperando a benção do pequeno Michael, Ámbar já estava com oito meses de gravidez.
Luna e Matteo não poderiam estar em uma fase melhor, os dois não se desgrudavam nem por um segundo (não é exagero kkkk), o amor deles era tão forte quanto o amor que eles já tinham da pequena Karol que eles esperavam, Luna já estava para ganhar a bebê, estava super ansiosa para ter o fruto do amor dela e de seu namorado. E pensar que a quase um ano atrás ela era empregada do mesmo, que antes a rejeitava como se ela fosse um animal asqueroso. Mais a baixinha linda e pobre, que conseguiu quebrar o gelo do coração dele, não foi nenhuma menina mimada e rica como Matteo, mais simplesmente ela, Luna Valente, a filha dos empregados.

No Blake South College, as garotas  só iam de lá pra cá, organizando o ambiente escolar para a festa de formatura, Luna, Ámbar, Nina, Delfi, Jazmín, Jim e Yam estavam responsáveis para deixar tudo impecável, queriam surpreender todos, mais quem queria surpreender mesmo eram Matteo, Simón e Gastón.

A festa começava, as meninas estavam lindas, com seus vestidos de gala, todos dançavam alegremente, quando chegou a hora dos alunos falarem suas últimas palavras antes de pegarem seus tão esperados diplomas.

 - Foi um ano diferente para mim digamos, muito - Nina faz uma expressão engraçada e ri, os outros a acompanham - Foi diferente, porque esse ano, eu criei coragem para fazer o que eu queria, sem me importar com o que os outros pensavam, assim descobri uma nova Nina, quem eu sou de verdade - Ela olha para Gastón que estava sorrindo para a mesma. - Ah e é claro, consegui o amor de quem eu gosto, e sempre gostei - Ela sai do palco e vai até Gastón, o abraça e o beija apaixonadamente. Ele se separa da morena e vai até o palco.

 - Esse ano também foi diferente para mim, e muito importante também. Perdi uma grande amizade no começo do ano, e tive que aprender a me virar, porque eu praticamente dependia da pessoa para conseguir ter popularidade. - Ele olha para Matteo que sorri - Mais no decorrer do ano, eu me apaixonei pela pessoa mais improvável, e agora é o amor da minha vida. Então eu estou aqui, não para pedi-la e namoro - Ele pausa e olha pra Nina que estava com uma expressão confusa no rosto. - Mais para pedi-la em casamento! - Todos abrem a boca em um "O" perfeito, e depois olham para Nina, que entende o recado e sobe no palco, sorrindo como nunca, as lágrimas começavam a cair. Ela para em frente a Gastón que se ajoelha, pena uma caixa com duas alianças e estende para a morena. O Senhor e a Senhora Perida ainda não acreditavam, estavam muito surpresos com a atitude do filho, e ao mesmo tempo orgulhosos pois Gastón finalmente mostrou que estava amando alguém de verdade e que pretendia agora assumir suas responsabilidades daqui pra frente.

 - Quer se casar comigo minha nerd? - Ele pergunta brincalhão.

 - É claro seu bobo - Ela responde e o abraça, Gastón a beija e a morena corresponde, quando o ar se faz necessário, Nina sussurra no olvido do loiro:

 - Você vai ser papai - Ela olha para Gastón que agora estava com os olhos arregalados e começando a lacrimejar, Nina acaricia seu rosto.

 - Não gostou da notícia? - Pergunta cabisbaixa.

 - Tá brincando? ter um filho seu é tudo o que eu mais quero Nina. - Ele dá o mais belo sorriso para ela e os dois saem do palco.

Ámbar foi chamada, e prontamente foi até o palco falar suas palavras para todos os formados que ali estavam.

 - Esse ano pra mim foi único, porque, esse foi o ano em que eu mostrei a verdadeira Ámbar Smith - Todos olhavam atentamente o discurso da loira, que olhava de soslaio para Simón que sorria para a garota. - Foi o ano em que eu não era, só a mais popular do Colégio, a loira fútil que tinha o namorado perfeito - Ela olha para Matteo - Que humilhava as "nerds" e pobres - olhou para Luna e Nina - Fui simplesmente a Ámbar, uma menina normal como todos aqui presentes, que tem problemas na família como todo mundo, e, que não é perfeita, e gosta de uma pessoa que não é igual a mim na classe social, mais é igual a mim no amor, na alma, ela é minha alma gêmea. Simón pra mim é um anjo que caiu do céu, e me de quebra veio com ele essa bênção que eu estou esperando, espero que o Michael seja que nem o pai, fale o que pensa, tenha orgulho da origem que veio, e também ama cantar e tocar violão, quero formar uma família linda com ele, esse é o meu maior sonho, e hoje estou realizando um, me formar e ser uma grande pediatra, bom, é isso - Ela sai do palco e as pessoas aplaudem, Simón sobe pois é a vez dele.

 - Esse ano para mim foi inesquecível! no começo do ano, odiava o Matteo - Ele fala e todos riram, até o próprio Matteo - criei uma paixão platônica - Ele olha pra Luna - Mais como a vida gosta de nos pregar peças, só depois que eu conheci a minha loirinha, me apaixonei por ela do jeito que ela era, e hoje, ela é tudo pra mim, então decidi, por coincidência - Ele olha para Gastón - Pedir minha vida em casamento - Todos fazem um "Own", "que bonitinho". - Quer ser minha mulher Ámbar Smith? - Ele fala e a loira simplesmente sobe no palco, o beija e responde:

 - É óbvio! quero estar ao seu lado para sempre, para o que dere vier. - Eles se beijam, o beijo mais sincero do mais puro amor, eles descem com sorrisos largos no rosto.

Chega a hora de Luna, a castanha estava tremendo, iria falar para todos, como foi o seu ano, o que pensava. Mais Matteo estando ali era confortável, quando ele a abraçou para acalma-la, ela sentiu uma grande paz, se separou do namorado e subiu no palco.

 - É... bom, vou começar, pelo começo né - Ela fala arrancando risos das pessoas, que notam que ela estava nervosa - No começo desse ano, a minha vida sofreu uma reviravolta inesperada. Meus pais tinham que vim para cá por  causa do trabalho, então me mudei com meus pais para a mansão de sua patroa. Só que eu não contava, que lá, eu conheceria o grande amor da minha vida, o meu tudo, a minha cara metade - Ela olha para Matteo que abre um grande sorriso - Ei, não pensem que foi fácil conseguir o amor dele. Ele fingia ser um completo mauricinho idiota, que finalmente conseguiu sair da casca e ser quem ele é de verdade, não ter medo de falar os seus sentimentos, e de aceitar que sim, estava apaixonado pela filha dos empregados. O ano escolar para mim foi muito bom, apesar das brigas, dos desentendimentos entre todos, é isso pessoal - Ela sai do palco aliviada e Matteo sobe rapidamente demonstrando estar ansioso, algumas pessoas riram do jeito dele.

 - Bom, o meu ano, foi o melhor ano da minha vida, finalmente tinha descoberto um amor verdadeiro, que não se aproximava de mim só por causa do dinheiro como a maioria das garotas faziam, ela tinha orgulho da sua origem, e nunca desistiu de me abrir os olhos e falar para o Matteo que estava aqui dentro saísse, e assim ele fez, e está aqui e agora, chamando Luna Valente nesse palco - Luna prontamente foi até o palco e olhou confusa para Matteo, já todos os outros já imaginaram que vinha outro casamento por aí.

 - Luna Valente, gostaria de ser a senhora Bálsano e viver comigo para o resto da vida juntamente com a Karolzita que está por vir? - Ele diz e Luna faz uma cara de espanto e surpresa ao mesmo tempo, ela não respondia e Matteo agora estava com medo. - Luna? - Ele perguntava confuso.

 - Eu aceito Matteo, ser sua até que a morte nos separe, e que possamos ser uma família feliz - Ela o beija e ele corresponde, os dois não poderiam estar mais felizes, esperavam por isso a muito tempo, finalmente formar uma família feliz.

Passados seis meses, Luna e Ámbar já ganharam suas bênçãos, Karol era igual a mãe quando bebê, pelo menos Mônica e Miguel diziam para eles, já Michael era a cópia do pai, era muito parecido com Simón quando pequeno, os Álvarez comentavam. Nina estava grávida de uma menina à seis meses, que viria a se chamar Carolina. Como os seis, Luna, Matteo, Ámbar, Simón, Nina e Gastón iriam se casar, decidiram fazer um casamento triplo.
O casamento dos três casais foi emocionante, tanto que os convidados choravam quando viam a cena, era muito comovente a história de cada um dos casais, que à três anos nunca imaginavam que iriam namorar e muito menos se casar.
Chegou a hora das garotas jogarem o buquê.

 - É agora, se preparem moças, vamos ver quem vão ser as próximas a se casar! - Luna fala animada e com um sorriso lindo no rosto.

 - É um, dois - Nina ameaça jogar o buquê e as histéricas gritavam.

 - Três! - As três jogaram o buquê ao mesmo tempo, Delfi, Jim e Yam pegaram os buquês e ficaram extremamente felizes.

 - Pedro nós vamos ser os próximos. - Ela o abraça - Mais você quer se casar? - A morena pergunta.

 - Nunca estive tão seguro disso - Ele diz e beija a morena demoradamente.

 - Yam pagamos os buquês! - Jim diz.

 - Isso é marmelada só pode, eu devia pegar, eu estou com o Sebas enquanto vocês duas ainda estão pra titia! - Jazmín diz brincando.

 - É aí que você se engana Jazmín, eu e a Jim finalmente nos desencalhamos!

 - É estamos namorando os irmãos que acabaram de chegar na cidade, ai o Nico - Jim olha para o céu apaixonada.

 - E o Ramiro - Yam faz o mesmo gesto e Jazmín ri das duas.

 - Só vocês mesmo amigas - Ela abraça as duas - Fico feliz por vocês.
A festa de casamento foi inesquecível para ambos, todos se divertiam com as pessoas que mais amavam, com seus familiares e amigos.

Ámbar e Simón continuaram morando em Buenos Aires, a loira se tornou pediatra, e Simón um grande músico juntamente com Nico e Pedro que formavam a banda Roller Band. Os dois tratavam Michael como seu bem mais precioso, ele cresceu muito mimado, com o caráter do pai, além da aparência, e pegou o mesmo gosto pela música, Ámbar dizia que Mike era o Simón puro, e não era a toa.

Já Nina e Gastón também continuaram em Buenos Aires, se tornaram grandes escritores de livros de ficção científica, criaram Carolina desde pequena com livros e mais livros, acabou que a garota ficou como sua mãe, muito linda, inteligente e adorava ler e escrever seus sentimentos por meio de mensagens nas redes sociais, Caro era uma cópia de Nina literalmente.

Luna e Matteo, sofreram muito, ainda mais o ex-mauricinho que, perdeu sua mãe Mary e a fortuna dela, Mariano foi capaz de matar a ex-esposa e roubar o dinheiro dela, dar as costas e sumir no mundo. Mônica faleceu por um câncer, e Miguel não demorou a ir também. Mais o amor dos dois foi mais forte do que tudo, eles acabaram que viraram empregados como os pais de Luna, e lutavam muito para darem tudo o que podiam para a amada filha Karol, que era um doce de garota como a mãe.

Todos decidiram suas vidas, finalmente com os amores de suas vidas, mais e os filhos deles? como vão decidirem o seu caminho?

*FIM*


Notas Finais


E aí pessoas do meu core? gostaram???
e sim!!! VAMOS FAZER A SEGUNDA TEMPORADA!
e agora a fic será protagonizada pelos filhos de Lutteo, Gastina e Simbar, juntamente com Ruggero, Agustín e Valentina!
EU E MINHA MANA ESPERAMOS QUE TENHAM GOSTADO!
E QUEM GOSTOU COMENTAAA!
QUEREMOS CHEGAR A 300 FAVORITOS PARA POSTAR A SEGUNDA TEMPORADA, ENTÃO POR FAVOR NOS AJUDEMMMM!!!
Amamos vocês psychos, um milhão de corações para vocês queridos leitores!!! 😁😁
❤❤❤❤❤❤❤❤❤❤❤❤❤...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...