História A Flor Mais Bela De Konoha - Capítulo 37


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Hinata Hyuuga, Naruto Uzumaki, Personagens Originais, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha, Tsunade Senju
Tags Naruto Romance Sasuke Sakura A Flor Mais Bela De Konoha
Exibições 17
Palavras 767
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade, Mutilação, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Olá pessoas lindas!!! Sinto muito pelo atraso, tive uns probleminhas com a internet e só tinha conseguido postar esse capítulo no Nyah. Tenham uma boa leitura!!!

Capítulo 37 - Capítulo 37 Angústia


Sasuke’s pov  on

Não posso deixar de estar preocupado com você Sakura, desde aquela batalha em Takigakure quando a vi desmaiar após aquela grande demonstração de poderes, fiz questão de leva-la até a vila junto com meus companheiros de viagem, meu sobrinho e as duas anbu Kato e Kana, a única vez que elas falaram comigo durante a viagem foi para dizer o óbvio, o futuro de Sakura.

~flashback  on~

Já era noite, fomos acampar, Takashi é uma criança e de todos nós era o que estava mais abatido com a viagem, por mais que seja teimoso demais para dizer que estava cansado, enquanto o jantar era aquecido, Kana ajudava Takashi a armar a barraca, Kato veio falar comigo.

-Uchiha-san, o senhor sabe que precisamos conversar sobre a Haruno-san, não é mesmo? – a voz de Kato era o misto de dúvidas e pesar – As coisas não serão favoráveis a ela quando chegarmos.

- Estou ciente disso – disse secamente – Kakashi me deu a permissão para deixar a vila e investigar o conteúdo da carta, descobri que tenho um sobrinho como pode perceber, mas, caí numa armadilha e ficamos presos no calabouço de Minoru Hida- olhei para o céu e voltei com o olhar para Kato – Não sei o que ela fez enquanto estive fora, mas, tenho ideia do que acontecerá quando retornarmos por causa da destruição que aquele lugar teve.

- Haruno-san agiu com frieza e indiferença quase o tempo todo senhor – ela ponderava suas palavras – Arquitetava planos de modo calculista e não nego que tivemos sucesso, no entanto, ela se descontrolou duas vezes e matou pessoas sem necessidade – o que ela diz é verdade, há pelo menos uma centena de mortos – Ela libertou os presos, prendeu o tirano e mesmo assim as pessoas a olharam como se fosse um monstro. O senhor sabe o que eles fazem com os “monstros”?

- Prendem ou sacrificam – disse com raiva – Eu aposto que há uma explicação para o comportamento que ela teve Kana, assim como houve a última vez.

- Mesmo assim Uchiha-san, ela ficou livre da última barbárie e o conselho provavelmente não intervirá uma segunda vez – disse com pesar – Haruno-san foi uma boa líder, nada além, espero que Kami-sama interceda na decisão do conselho e que ela não seja morta.

- Ainda há uma chance, não? – não queria prolongar mais essa conversa – Vamos voltar para o acampamento, mais um dia de viagem será suficiente para voltarmos, vamos comer e descansar bem para isso.

- Hai! – confirmou e retornamos.

~flashback off~

Assim que retornamos deixei Sakura no hospital e tive uma breve conversa com Kakashi que ficou surpreso com quem eu trouxe junto comigo na viagem, Takashi adorou meu ex-sensei e tentou retirar a máscara dele sem sucesso. Ele disse que meu sobrinho poderá viver comigo sem problemas e poderá frequentar a academia ninja normalmente. No caso de Sakura seria mais difícil intervir, com os relatórios de Kato sobre a última missão, a prisão era uma coisa evidente após a alta hospitalar, disse que tentaria intervir por ela e que Tsunade havia enviado uma mensagem avisando que traria Mayumi Haruno consigo, o que pode ser uma boa testemunha, mas, a quantidade de mortes e o perigo de reincidência já que não é a primeira ocorrência, o mínimo que ela poderia pegar seria uma perpétua.

Levei Takashi para o meu apartamento, tive uma semana de folga para ficar com Takashi e fazer a adaptação dele na vila, visitava Sakura no hospital quando podia, mas, sua situação era deplorável, estava presa ao leito com amarras, o que vi uma vez quando trocaram o lençol, seus olhos estavam vendados, provavelmente pelo medo de seu poder visual, sei que isso era uma precaução, no entanto, ver isso com minha doce Sakura soava tão desumano, estou ciente dos poderes dela, porém no momento que a vi cair após aquele jutsu destruidor não havia maldade nem frieza que emanava antes, ela estava perdida e seu chakra demonstrava isso. Não tenho certeza se ela finalmente se libertou das maldições do clã, mas, a única que tenho é que lutou e ainda luta com todas suas forças contra isso.

Hoje entrarei em missão, Takashi está na academia e demonstra suas habilidades, deixei sob os cuidados de Hinata que agora espera um filho do dobe, que aliais conversamos sobre muitas coisas, inclusive Sakura, ele me disse que seria difícil e não perde as esperanças, da mesma maneira que não perdeu as esperanças de me trazer de volta. Não sei o que o destino nos reserva, apenas não consigo imaginar em viver num mundo sem teu sorriso irritante, Haruno.


Notas Finais


Sei que o capítulo está curtinho,mas, o Sasuke não é de falar muito rsrs
O próximo capítulo será um bônus falando do Takashi. Até a próxima gente!!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...