História A flor que me pertence - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Hinata Hyuuga, Itachi Uchiha, Naruto Uzumaki, Neji Hyuuga, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha
Exibições 58
Palavras 730
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Famí­lia, Hentai, Policial, Romance e Novela, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


oi
mais um capitulo

Capítulo 5 - Novo lar


-Por que quer saber disso? – Perguntou Sakura com a voz tremula

-Responda a maldita pergurta, será que esta me escondendo algo?

-Claro que não

-E então?

-Sim eu sou, mas porque precisa saber disso?

-Por nada

-Hum

-Chegamos

 

Assim que paráramos na frente dos portões da minha casa quer dizer mansão Sakura ficou estática acho que nunca viu uma pessoalmente. Os portões se abriram descemos do carro e meu motorista entrou, puxei-a pelo braço para que ela não corresse mesmo não ter mostrado resistência nunca se sabe. Entramos pela porta da frente meu querido irmãozinho estava sentado na sala lendo um livro pensei que fosse nem fosse se importar da minha presença mais para meu espanto ele se levantou ao me olhar segurando Sakura, seu olhar que na maioria das vezes è frio estava com um estranho brilho ao olhar ela e isso estava me deixando com ódio, não quero que ele a olhe ela è minha e vou fazer ele entender isso antes que ele pense outra coisa dela.

 

-Já terminou de olhar o que è meu? – Perguntei irritado

-O que quer dizer com isso?Que eu saiba tinha te proibido de comprar escravas

-Não comprei escrava nenhuma, Sakura veio por que quis.

 

Ele se virou para Sakura e perguntou:

 

-Isso è verdade pequena flor de Sakura?

-Quase isso – Respondeu ela corada – Vim com senh... Com Sasuke, por conta de um trato que nos dois fizemos.

-E qual foi o trato?

-Se ele poupa-se a vida do meu pai, eu me tornaria a escrava dele.

-Hum

 

Vendo como Sakura estava começando a se sentir constrangida por sua confissão de que agora me pertencia achei melhor parar com todo esse interrogatório

 

-Chega Itachi, não constranja a minha escrava.

-Você acha que vou mesmo colaborara com essa palhaçada?

-Não estou pedindo seu apoio, muito menos sua permissão. Vou ficar com ela você querendo ou não.

-Bem já que eu sei que você não vai me dar ouvidos quero dar boas vindas a pobre garota que esta em suas mãos

-Hum. Vem Sakura vou te mostrar a onde vai dormir por enquanto

-Como assim por enquanto?Nessa casa só temos três quartos, onde mais ela vai dormir?

-Quem sabe no meu quarto?Mais eu te garanto, que se você tentar ir pro seu com ela vai se arrepender.

 

Dizendo isso peguei Sakura pelo braço de novo subindo pelas escadas de mármore branco deixando pra trás meu irmão na sala de estar bem iluminada vi pelo canto do olho o rosto de Sakura ela estava perplexa acho que nunca tinha visto uma casa tão luxuosa, andando mais um pouco pelo longo corredor paramos diante de três portas grandes.

 

-Bom essa primeira porta è o quarto do meu irmãozinho o homem que você viu lá em baixo.

-O Itachi?

-Sim, essa segunda è o meu quarto nunca se esqueça e o ultimo è o quarto de hospedes, como geralmente recebemos visitas você nem sempre vai dormir nele.

-Quando isso acontecer, onde vou dormir?

-Vai dormir no meu quarto. Porque já quer passar a noite comigo?

-Claro que não – Respondeu Sakura corada

-Paciência, hoje você pode dormir sozinha, mas não se esqueça. Amanha è outro dia

 

Abri a porta pra ela entrar ela ficou meio relutante para entrar acho que naquele quarto tinha materiais de tortura mais assim que viu a mobília arrumada e bem cuidada se sentiu mais à vontade. Todos que já passaram pela minha casa elogiaram de como e luxuosa e bonita è dou créditos a meu irmão ele que escolheu cada móvel de cada cômodo. Depois dela ter dado uma volta olhando admirada todo o quarto ela veio ate mim e disse:

 

-Obrigada pelo quarto

-Tsk, não me agradeça.

-Boa noite Sasuke

 

Antes que ela fechasse a porta a segurei pelo braço com forca e disse:

 

-O que você ouviu lá em baixo è verdade, se você deixar que Itachi ou outro homem a toque eu juro que te mato, pois você não deve se esquecer que è minha. Entendeu

-S-sim Sasuke

-Que bom. Boa noite Sakura.

 

Dei um beijo em sua testa e virei às costas e fui para o meu quarto batendo a porta com força e me direcionando ao banheiro depois de um bom banho e de ter vestido uma roupa confortável me deitei na minha cama e antes que eu fechasse os olhos à única coisa que pensei foi ‘’minha’’.


Notas Finais


espero q gostem


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...