História A Forbidden Love - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Daniel Sharman, Danielle Campbell, Shadowhunters
Personagens Alexander "Alec" Lightwood, Clary Fairchild (Clary Fray), Danielle Campbell, Isabelle Lightwood, Jace Herondale (Jace Wayland)
Tags Alec Lightwood, Amorproíbido, Bruxas, Casamento Arranjado, Danielle Campbell, Drama, Feiticeiras, Forbidden Love, Matt Daddario, Matthew Daddario, Romance, Shadowhunters
Exibições 42
Palavras 972
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Aventura, Crossover, Fantasia, Ficção, Magia, Mistério, Romance e Novela
Avisos: Spoilers
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 7 - Capitulo 6


Fanfic / Fanfiction A Forbidden Love - Capítulo 7 - Capitulo 6

Uma semana Depois

Eu ainda estava aterrorizada com o que aconteceu, meu irmão havia sido atacado dentro do Instituto, o lugar em que o meu pai dizia ser o mais seguro para nós, já havia se passado uma semana e meu Jass não havia acordado ainda.

—Não encontramos nada, nenhum rastro ou vestígio do agressor, já procurando por toda área e nada —Alguns Caçadores de Sombras falavam com Jace em quanto eu estava ao lado de meu irmão novamente na enfermaria, ele estava com vários hematomas no corpo, provavelmente deve ter tentado se defender e acabou nocauteado.

Quando entrei em seu quarto, ele estava jogado no chão cheio de sangue e desacordado, por um momento pensei que havia perdido meu irmão, senti uma angustia e a imensa vontade de usar a magia negra para encontrar o desgraçado que fez isso com o mesmo, mas eu fui parada.

ﻻ FlashBack On ﻻ

— Eu não acredito que você mandou um deles me vigiar Jason — Abri a porta com força me deparando com uma cena horrível. — Jason? — Meus olhos se encheram de lágrimas, meu irmão estava desacordado no chão com sangue por todo o seu corpo, corri até ele com lágrimas nos olhos. — Jass? Jass acorda — Tentava o despertar, na esperança que fosse mais de uma de suas brincadeiras, mas infelizmente, não era! 

— Alguém me ajuda aqui — Corri até o corredor gritando, logo surgiram Jace e Alec correndo.

—O que aconteceu? — Jace perguntou assustado ao chegar perto de mim.

— Ja-Ja-Jason — Apontei para dentro do quarto em prantos. Jace olhou para o mesmo e correu para onde meu irmão estava.

— Ai meu Deus, Alec chame o médico do Instituto, agora — Ordenou e o mesmo assentiu saindo dali correndo.

— Você viu algo suspeito à hora que chegou aqui? — Jace me questionou em quanto colocava meu irmão em sua cama temporária.

— N-Não — Respondi tentando conter meu choro, o que era impossível.

Meu irmão, meu querido irmão, aquele que mais cuidou de mim do que qualquer outra pessoa. Como pode uma coisa dessas ter acontecido em um lugar tão seguro? E porque logo com meu irmão? Tantas pessoas para serem atacadas nesse lugar imenso e o alvo foi logo ele que estava ainda se recuperando, mas isso não vai ficar assim!

Limpei minhas lagrimas e sai dali determianada a dar a minha vida para conseguir achar o desgraçado.

— Kathy onde você está indo? — Ouvi a voz de Jace um pouco distante.

— Estou indo encontrar o desgraçado que fez isso ao meu irmão — Falei no mesmo tom de voz que ele e virei para o corredor dos feiticeiros. Esse lugar havia sido criado a pouco tempo, haviam salas de aula para os bruxos e aulas de treinamentos, entre os laboratórios e alguns dormitórios.

Entrei na sala de feitiços e peguei o livro de magia que estava em cima de uma das mesmas.

— Sei que há um feitiço para descobrir o que eu quero, pra ter entrado aqui só pode ter sido um feiticeiro — Falei para mim mesma folhando o grande livro a minha frente.

— O que você está fazendo? — Ouvi a voz de Alec ecoar na sala.

— Procurando um feitiço — Disse sem dar muita atenção ao mesmo, eu folhava aquele livro com ódio nas mãos, eu quero a morte de quem fez aquilo com meu irmão.

— Não esta pensando em usar magia negra está? — Sua voz estava cada vez mais perto de mim, não o respondi. — Kathy isso é perigoso — Afirmou com preocupação na voz.

— Achei — Exclamei ao ver o grande feitiço em minha frente, eu só precisaria de algumas coisas que estão no laboratório de magia e vou conseguir achar o desgraçado. Me virei e fui em direção a porta, mas Alec foi mais rápido que eu e segurou meu pulso meu puxando para perto de si, bati suavemente contra seu peitoral e senti seus braços me rodearem e me apertarem fortemente.

— Alec me solta — Eu me movia tentando me desvencilhar de seus braços, mas ele era mais forte que eu. — Alec, estou pedindo com educação, não me faça torrar seus miolos... Me SOLTA — Disse já irritada ao perceber que estava perdendo tempo ali.

— Não... Você não vai colocar a sua vida em risco, Jass me pediu para cuidar de você caso alguma coisa acontecesse e é isso que eu estou fazendo — Explicou me apertando mais contra si.

— Eu vou te nocautear com um feitiço! — Disse e o mesmo riu.

— Não, você não vai! Você não tem o sangue frio para me atacar — Disse e eu realmente tinha que concordar com ele, eu não tenho coragem para atacar alguém que não tem nada haver com o que está acontecendo. Suspirei frustrada e escorei minha cabeça em seu peitoral, Alec era duas vezes maior que eu e três vezes mais forte, com certeza lutar contra ele seria em vão.

— Nós vamos achar o culpado, mas de um jeito que ninguém se machuque — Falou e eu apenas assenti, a vontade de chorar tomou meu ser, mas eu apenas respirei fundo e me contive, odiava chorar em publico. Senti sua mão repousar sobre meus cabelos e os afagá-los. — Você não precisa se fazer de forte na minha frente! — Exclamou, meus olhos automaticamente se encheram de lagrimas e eu desabei ali mesmo.

— Eu odeio você — Disse em meio ao choro, ouvi uma risada baixa vindo do mesmo e ele me aperto mais forte ainda contra si.

— Também não te suporto pirralha — Exclamou ainda afagando meus cabelos.

ﻻ FlashBack Off ﻻ

— E então? — Perguntei a Jace após os garotos saírem dali.

— Eles não encontraram nada, câmeras, guardas, nada! — Exclamou frustrado.

— Com certeza é um feiticeiro... Mas quem? E por que atacou meu irmão? — Me perguntei olhando para Jason.

— Eu não sei, mas te prometo que vou descobrir — Afirmou repousando sua mão em meu ombro. Apenas o olhei e dei um meio sorriso a ele.


Notas Finais


Ebaaaa podem pirar porque eu estou de volta minha gente \o/ desculpem pela demora, mas eu estava me recuperando da bomba que foi o ENEM (risos) juro que quase morri nos dias de provas gente, se não estou sozinha, High Five!

Bom, depois de algum tempo, o meu psicológico se recuperou e as idéias voltaram a fluir, pretendo continuar com The New Whiches, A nova Caçadora e Mensagens de um desconhecido também... Resumindo, vou voltar a escrever todos os livros novamente (risos)

Espero que gostem do capitulo e agradeço a cada comentário e me perdoem por não ter respondido, estava literalmente sem entrar aqui a um mês ou mais!

Então... Me digam, o que acharam da cena entre o Alec e a Kathy? Fofa, sim ou com certeza? Ou vocês preferem o Jace e a Kathy? Comentem qual vocês acham que ficaria melhor com ela!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...