História A forbidden Love - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Andrei Soares "Spok" Alves, Bianca Tatto Marques (BIBI), Cauê "BaixaMemoria" Bueno, Felipe "Febatista" Batista, Felipe Z. "Felps", Gustavo Stockler (Nomegusta), Jhennifer "Coelha" Angelina, João Victor Negromonte Queiroz "Jvnq", Kéfera Buchmann, Lucas "Luba" Feuerschütte, Lucas "T3ddy" Olioti, Malena "Malena0202" Nunes, Marco Tulio "AuthenticGames", Maria Luiza Ramos (MoonKase), Pedro Afonso "RezendeEvil" Posso, Rafael "CellBit" Lange, Rafael "Guaxinim" Montes, TazerCraft
Personagens Andrei Soares "Spok" Alves, BIBI Tatto, Cauê Bueno, Felipe "Febatista" Batista, Felps, Gustavo Stockler, Jhennifer "Coelha" Angelina, João Victor Negromonte Queiroz "Jvnq", Kéfera Buchmann, Lucas "LubaTV", Lucas Olioti, Malena0202, Marco Tulio "AuthenticGames", Mike, MoonKase, Pac, Pedro Afonso Rezende Posso, Personagens Originais, Rafael "CellBit" Lange, Rafael "Guaxinim" Montes
Exibições 70
Palavras 1.204
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Lemon, Orange, Romance e Novela, Violência, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Olá!

Gente desculpa a demora para postar capitulo. Foi uma semana super corrida para mim. Agora vou tentar postar diariamente. TENTAR!
Gente eu estou muito animada para escrever a fic, sério. Gente fiquem com o capitulo:

- Boa leitura _ Teffys

Capítulo 2 - Planos para o futuro.


P.O.V Jazz

 Me arrumei todo, hoje seria um dia muito especial.
Após ter me arrumado todo, peguei as chaves do carro e fui ate o emprego da Andy. Estacionei na frente do mesmo e a aguardei sair. Não demorou muito tempo.

- Oi more..- Ela falou abrindo a porta do carro e me dando um selinho.

- Oii..- Falei beijando ela. Um beijo completamente apaixonado. Cessamos o mesmo por falta de ar.

- Onde vamos hoje?- Ela perguntou curiosa.

- Você vai saber...- Falei dando partida no carro.

 Conversamos um pouco durante o caminho. Amava passar meu tempo com ela. Logo chegamos ao restaurante. Estacionei o carro e adentramos. Eu havia feito uma reserva no local.

- Posso ajuda-los-  O garçom perguntou. – As bebidas da casa..- Ele nos entregou o cardápio.

- Para beber champagne... – Falei e ele anotou. Fizemos o pedido e ele se foi.

- Champagne? A coisa é séria hein? – Andy falou sorrindo.

- Você nem imagina o quanto...- Falei.

 Jantamos, tudo estava muito bom por sinal. Estava meio nervoso. Eu pedi a conta e fui pagar. Fomos até a saída.

- Andy espera um pouco...- Falei parando.

- Que foi? – Ela perguntou assustada. Eu me ajoelhei.

- Você me inspira a viver, desde o dia em que eu te conheci, não paro um só minuto de pensar em você.. Escrevo poemas e canções dedicados á você. Foram três anos maravilhosos ao seu lado. Quero que o nosso amor dure eternamente.. Aceita casar comigo?- falei completamente emocionado.

- Jazz..- Ela falou entre lagrimas. – Claro que eu aceito...

Coloquei a aliança em seu dedo e no meu. Logo me levantei e a beijei.

P.O.V Caue.

- Hora de fazer naninha! – Anna disse para os meninos.

- Ah mamãe.. – Nicolas.

- Podemos ficar só mais um pouquinho?- Kaike.

- Amanhã vocês tem aula meus bebês..- Anna.

- E se eu ler uma historinha para vocês?- Perguntei.

- Sim!! – Os três pequenos falaram.

- Então vamos..- Falei.

Coloquei cada um deles em sua caminha, os cobri e peguei um livro. Li uma historia os fazendo dormir. Beijei a testinha dos três e sai do quarto silenciosamente. Encostei  porta e fui para o meu quarto.
 Ana já estava dormindo, resolvi não acorda-la. Tomei um banho relaxante e fui para cama.

{No dia seguinte}

 Acordei com a Anna correndo pro banheiro. Me levantei e fui até o banheiro junto com ela. Vou poupar vocês dos detalhes. Logo ela deu descarga e escovou seus dentes.

- Anna ta tudo bem?- Perguntei preocupado.

- Só estou com um pouco de dor de cabeça..- Ela falou.

- Vai deitar... Eu cuido dos meninos hoje.. – Falei.

- Não.. eu to bem... – Ela falou.

- Não, você não está bem! – Falei. A levei para cama – Eu vou ligar para meu trabalho falando que vou chegar mais tarde...- Peguei meu celular e liguei.- Pronto fica deitadinha ai..

Logo, os meninos acordaram. Cuidei deles e os deixei brincando. Levei café para Anna, a mesma não conseguiu comer nada. Estava preocupado com ela. Ela é saudável, nunca ficou assim.

P.O.V Lydia

- Princesa? – Chamei a Noihte.

- Oi mamãe..- Ela respondeu.

- Vamos se arrumar para ir para escolinha? – Perguntei.

- Sim!- ela veio correndo até mim me pedindo colo.

 A levei para o banheiro, dei banho na menor e a troquei. A deixei no meu quarto assistindo desenho. Tomei meu banho e me arrumei para o trabalho. Após fazer isso almoçamos. Escovamos os nossos dentes e pegamos nossas coisas e fomos para o carro. A coloquei na cadeirinha e entrei no carro.

- Mamãe..- Ela me chamou.

- Oi princesinha? – Falei.

- Quando a gente vai brincar com o Isaac?

- Precisamos ver princesa.. Hoje no trabalho eu falo com a sua madrinha..- Falei. (Sim, eu trabalhava junto com o Marco, Malena e Spok).

- Eba! – Ela falou animada. Logo chegamos na escolinha, descemos do carro e adentramos a mesma. – Tchau mamãe! – Ela falou dando um beijo na minha bochecha.

- Tchau pequena..- Falei. – Boa aula! – dei um beijinho na testa da menor.

 Esperei ela entrar, quando isso aconteceu eu voltei para o carro. Fui para o trabalho. Logo cheguei.

- Boa tarde! – Falei entrando no mesmo.

 Estava fazendo meus afazeres até a Malena vir pegar uns papéis comigo.

- Lyh, aproveitando que eu tô aqui...-Malena – Quando a gente pode juntar os pequenos hein?

- Ia perguntar a mesma coisa, tem uma pessoinha querendo brincar com o Isaac... Nem sabemos que é.. – Falei rindo.

- Vamos marcar pro sábado.. – Malena. – Eu não vou trabalhar mesmo..

- Sim! – Falei animada. - Ai a gente aproveita pra conversar..

- Sim..- Malena.

- Senhorita.. Aqui estão seus papéis.. – Falei entregando os papéis á ela.

- Obrigada! – Ela pegou os papeis. – Depois a gente combina melhor.

P.O.V Anna

  Passei mal o dia todo, não consegui ir nem no trabalho. Eu tinha que fazer alguma coisa, não posso deixar o Caue se virando sozinho.
  Me levantei da cama, um pouco tonta não posso negar. Dei uma arrumada na casa que por sinal não estava muito bagunçada. Fiz a janta, enjoando mais tudo bem. Fui obrigada ir ao banheiro umas duas vezes.

- O que tá acontecendo? – Perguntei a mim mesma. Fui até meu quarto pegar algum remédio para enjoo. – O Caca me forçava a tomar isso quando estava gravida... Será? Não.. Anna não pensa besteiras, você só não acordou muito bem..- Peguei um comprimido e fui para a cozinha. O tomei com um copo d’agua.

Logo estava na hora de buscar os meninos na escola, avisei pro Caue que havia ido buscar os meninos. A escolinha era perto de casa, por tanto não demorei tanto para voltar.
  Assim que voltamos troquei os meninos e os deixei brincando no quartinho deles. Me deitei um pouco no sofá, a dor de cabeça havia voltado.   

- Chegueii! – Caue gritou da porta de entrada.

- Papai... – Os meninos foram abraça-lo.

- Oi meus pequenos..- Ele abaixou para mexer com os três..- Oi amor... Tá melhor?

- Não.. Depois temos que ter uma conversinha... Acho que já sei o que é isso.. – Falei me levantando do sofá.

P.O.V Bibi

 Estava cuidando da Melissa e da Violet. As duas pequenas eram melhores amigas. Infelizmente não iam para a escola apenas o Ellias, queria que o Rezende as tratasse igualmente. Afinal não foi culpa delas terem nascido meninas. São crianças inocentes, que não sabem de nada.
  Sinto raiva deles também, principalmente da Malena. Eu gostava muito do Spok, porém ele preferiu casar com aquela vadia, não faria nada om o Isaac. Afinal ele não tem culpa, assim como a Noithe, como os filhos do Caue, assim como a minha filha.
 

- Mamãe por que o papai não gosta de mim?- Melissa.

- Ele gosta de você minha princesa...- Falei a abraçando.

- Não gosta mamãe.. – A pequena disse chorando no meu ombro.

- Faz essa menina calar a boca! Não dá nem para ouvir os meus pensamentos! – Rezende gritou.

- Rezende para.. Ela só quer atenção..- Falei chorando junto com a menor. – Você me pediu um filho e eu te dei.

- Disse certo Um filhO! – Rezende falou entrando no quarto batendo a porta.

Acalmei minha pequena a fazendo dormir. Coloquei no meu “quarto” .


Notas Finais


Então.. Vou ficando por aqui...

Espero que realmente tenham gostado do capitulo. Obrigada por ler até aqui. Deixem nos comentários o que estão achando.

Meu Twitter:

https://twitter.com/TeffysLoka

Primeira temporada:

https://spiritfanfics.com/historia/fanfiction-originais-amor-proibido-mitw-cellps-l3ddy-malepok-5672860

Outra Fanfic:

https://spiritfanfics.com/historia/um-amor-mais-que-real-6629499

Bom vou ficando por aqui... Até a proxima!

- Bjjus - Teffys <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...