História A garota de óculos •| Imagine Kim Taehyung |• - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Imagine Kim Taehyung
Visualizações 155
Palavras 1.393
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Estupro, Heterossexualidade, Mutilação, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Pronto pessoinhas! Voltei como prometido.
Gente, só digo uma coisa sobre esse cap: vai dar treta Hahauhsuhs
Até la em baixo meu povoo

Capítulo 7 - De novo não!


Fanfic / Fanfiction A garota de óculos •| Imagine Kim Taehyung |• - Capítulo 7 - De novo não!


POV. (S/n)


dia seguinte

6:00


Acordei no meu quarto. Não  tenho idéia de como vim parar aqui, já  que estava com o tae na sala vendo filme ontem, acho que eu dormi e ele me trouxe. 

Minha noite foi tranquila, e tudo graças ao tae. Eu não  falei nada pra ele, mas eu só o chamei pra ver filmes, por que eu não  queria ficar sozinha em casa, ainda mais depois daquele pesadelo... mas é  claro que eu também  queria sua companhia.

Eu sabia que uma hora ou outra eu iria acabar dormimdo no sofá, e na pior das hipóteses, ele tambem. sabia também que se ele ficasse comigo, eu iria conseguir dormir tranquila... por que quando estou com ele... me sinto protegida, ele me passa uma paz, uma tranquilidade impressionantes.

Interrompi meus pensamentos e fui pro banheiro. Tomei um banho bem quentinho, quando saí, sequei meu cabelo, escovei os dentes, e voltei pro quarto.

Hoje o dia não  estava tão  frio assim, então  vesti o uniforme completo (blusa e saia), coloquei uma blusa de lã por cima, e meu all star branco ( eu sou a louca do all star, nem da pra notar ne?!). Peguei meu óculos, celular, mochila, e desci pra tomar café. 

Hoje eu acordei com fome, então  fiz torradas, ovos, e o meu lindo chocolate quente, que não  pode faltar na minha vida. Comi, e fui trancar a casa. Estava indo fechar a janela, quando vejo o tae me esperando  sentado na calçada.  É, acho que eu finalmente tenho um amigo de verdade.

Saí fechando a porta, em seguida nos cumprimentamos. 

- Dormiu bem? - estranhei a pergunta.

- dormi, por que ?

- nada não. Vamos? 

- claro.

(...)


Chegamos na escola, faltavam poucos minutos para a aula começar, então  fomos direto pra nossas mesas e apenas ficamos conversando. Em poucos minutos, o professor chega e inicia a aula.

- alunos, hoje eu ja vou começar a recolher os trabalhos, então  quem já  fez, por favor entreguem. 

Ele passou recolhendo os trabalhos, como o nosso estava comigo, eu o entreguei. Quase todos ja tinham feito. Ele recolheu tudo, e começou a aula.

(...)


As primeiras aulas finalmente acabaram, e nós  já  estavamos liberados para o intervalo. Eu estava dando uma organizada na minha mesa, até  que o tae me chama.

- ____, vamos? 

- onde vamos? - perguntei curiosa

- Você não  vai  comer nada? 

- eu não  costumo comer na escola, mas se quiser, podemos - disse e o mesmo sorrio animado e saiu me pixando. 

Ele me levou até  o refeitório da escola, onde eu não  tinha ido ainda. Eu me assustei quando vi aquela bagunça de gente, pensei que se eu entrasse eu nunca mais sairia de lá.  Estava a um passo de me meter na muvica quando ele puxa meu braço.

- ta doida?! - ele fisse me tirando da "fila" e rindo.

- oshi, por que ?

- Você já  comprou alguma vez ai?

- não.

- então você fica. Se entrar ai, só  sai no fim do intervalo, e ainda sem comida - ele disse eu eu ri - espera aqui, eu já  volto. - ele falou, e logo o vi sumir no meio da multidão de alunos famintos.

Alguns minutos depois, ele volta com dois sanduíches, e dois refrigerantes, me entrega um de cada, e vamos sentar com os meninos. 

Quando chegamos na mesa, todos estavm sentados lá, mas meu olhar foi diretamente em um deles : jimin.

Rapidamente eu já  fiquei nervosa, puxei a manga da blusa do tae, fazendo-o olhar pra mim. 

- tae... - falei baixinho

- diga 

- eu... não  quero ficar perto do jimin.

- fica tranquila ___, senta aqui do meu lado, ele está  do outro lado da mesa, ele não  vai fazer nada com você. 

- mas tae, eu...

- confia em mim. Ok ? Eu não  vou deixar ele te fazer nada.

- ta,...tudo bem - eu disse me sentando, cumprimentando os meninos em seguida.

Logo os meninos lembraram do acontecimento de ontem, Jungkook foi o primeiro a se pronunciar

Jungkook: ____, o que aconteceu ontem? - ele perguntou, fazendo com que todos vostasem sua atenção à mim

Hoseok: é  verdade, você  saiu tão de repente - meu deus, pensa____, pensa!!

- eu...- eles me olhavam anciosos por uma resposta - me lembrei que... tinha uma tarefa! Isso, uma tarefa, que era pra entregar depois do intervalo, so que eu não  tinha feito ainda, então  corri pra fazer, foi isso...

Não  sei se essa minha desculpinha convenceu, mas deus ajude que sim

Taehyung: é, foi isso, eu fui passar pra ela, já  que a minha estava feita.

Obrigada Kim Taehyung! 

Namjoon: tá né... é que... foi meio estranho, mas se vocês  tão  dizendo..

Jimin: tem certeza que foi isso mesmo ____? - ele perguntou sorrindo malicioso, mas o tae nem deixou ele continuar.

Taehyung: sim jimin, foi isso mesmo - o jimin se calou na mesma hora. 

Todos acharam estranho o comportamento dos dois, mas ignoraram.

Logo o intervalo acaba e todos voltamos juntos para a sala de aula.

Quando entramos, percebo o jimin me encarando estranho. Ele parecia que estava com raiva...mas ao mesmo tempo... sei lá...

Eu fingi que não  percebi. Apenas me sentei enquanto o professor entrava e começava a aula.

(...)


As aulas finalmente acabaram, e nós  já  estavamos liberados para ir embora. Restavam apenas alguns alunos na sala

- vamos ____? - tae me chama para irmos, mas minhas coisas estavam completamente desorganizadas, e poderia demorar um pouco.

- pode ir indo na frente tae, eu vou arrumar aqui, te alcanço depois ok ?

- claro, não  demora - ele falou saindo pela porta e acenando pra mim.

-ok 


POV. JIMIN


Finalmente! todos saíram da sala, e o encosto do Taehyung não  está colado com ela. É  hora de por meu plano em ação.  

Vou em direção à porta da sala e fico encostado na parede ao lado, esperando ela sair, e ao mesmo tempo de vigia, para ver se não  havia mais ninguém  no corredor. 

Agora é  só  esperar um pouco.


POV. (S/n)


Só  havia restado eu na sala. Peguei minha mochila e fui em direção  à porta. Quando eu estava prestes a sair, o jimin aparece na minha frente  e bloquei a passagem.

- onde pensa que vai tão  cedo ? - ele me olha sorrindo de canto. 

- o que você quer jimin? - perguntei dando um passo pra trás.

- eu só  quero uma coisa desde que eu te vi - ele entra na sala e fecha a porta devagar -  Você 

Ele me empurra na parede, me prendendo com as pernas, e começa a me beijar. Ele pede passagem com a Língua, e eu não  cedo, mas ele aperta meu rosto, me fazendo abrir a boca enfiando sua língua.  Ele enfia uma de suas mãos embaixo da minha blusa, e começa a correr com ela por todo o meu corpo, enquanto a outra segura meu pulso, que eu tentava solatar a todo custo.  Ele se separa de mim e me joga no chão, segurando meus braços e se posicionando em cima de mim, me prendendo por completo com as pernas. Ele me olha estirada no chão e morde o lábio inferior.

Ah não... não,  não, não, ele não  vai fazer isso! Isso não! Por favor DE NOVO NÃO!

- eu já  me segurei demais! - ele fala me prendendo agora apenas com as pernas.

 Ele tira minha blusa, praticamente a arrancando e jogando em um canto qualquer, depois faz o mesmo com a minha saia, me deixando apenas de roupas íntimas. 

- Você  é  tão  gostosa! - ele falou encarando meu corpo - Eu realmente não sei por que esperei tanto! 

- PARA JIMIN! PARA..PARA, POR FAVOR! - eu começei a gritar e chorar, mas o mesmo logo tampa minha boca.

- cala a boca ___!ou você  quer que alguém  escute você  gemer?! Hein !!?? 

Ele gritou, apertando minha cabeça contra o chão. 

Eu não  quero isso. Eu não  quero passar por isso de novo. Por que... por que comigo... EU NÃO  JÁ  PAGUEI O SUFICIENTE PELO QUE EU FIZ !!?!  NÃO  JÁ !!?

suas mão  começaram  a percorrer o meu corpo. Ele me  apertava apertava e me dava alguns chopões em diferentes locais. 

Exatamente como... ele fez.

Eu já  não  aguento mais. Não  aguento mais gritar, chorar, ou tentar segurar as memórias  que insistem em voltar. Eu realmente estou destinada a viver assim...

E por alguns minutos, eu vi o rosto dele... o rosto do meu pai no jimin. Antes de me entregar à  completa loucura da minha mente. Eu apenas fechei os olhos... como naquela noite.







Notas Finais


AAAAAHHHH
Isso mesmo, jogo a bomba e corro.
Hahhaha!
Até amanhã meu povo lindo🖤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...