História A garota de Vidro - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Diabolik Lovers
Personagens Ayato Sakamaki, Azusa Mukami, Beatrix, Carla Tsukinami, Christa, Cordelia, Kanato Sakamaki, Kou Mukami, Laito Sakamaki, Personagens Originais, Reiji Sakamaki, Richter, Ruki Mukami, Seiji Komori, Shin Tsukinami, Shu Sakamaki, Subaru Sakamaki, Tougo Sakamaki "Karlheinz", Yui Komori, Yuma Mukami
Exibições 28
Palavras 415
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Escolar, Famí­lia, Hentai, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Álcool, Canibalismo, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Sinto pela demora problemas em casa e na escola.
Mas tai um novinho.
Bjs.

Capítulo 11 - O bastardo do inferno


Reiji narrando.
Vi o quanto ela parecia gostar dele, sabia que teria que ter uma conversa seria com os dois quando voltasem pra casa.
Ela foi levada para a sala de cerurgia e Yuma se jogou em uma das cadeiras da recepção e eu me sentei ao seu lado.
Reiji- você parece gostar da minha irmã?
Yuma- apenas a trato como um ser humano, diferente de vocês que nunca conseguiram superar a morte da Yui somente porque ela estava com as roupas dela acharam que era a propia, alem disso brincam com as pessoas sem se importarem com seus sentimentos.
Reiji- eu ja consegui superar muito bem a morte daquela idiota, e eu não brinco com os sentimentos de ninguem, mas você ainda não me respondeu.
Yuma- talvez.
Ele se levantou e saiu do hospital.
Fiquei pensando em como seria dificil se eles realmente começassem a namorar.
Reiji- espero que vc se recupere logo pirralha.
Logo senti uma certa presença, muito familiar.
Reiji- sei que vc esta aqui, apareça.
???- vc realmente ė observador.
Era ele, o Mukami mais velho.
Reiji- o que você quer aqui?
Ruki- ver como esta a garota e falar com o meu irmão.
Reiji- ela acabou de entrar na sala de cerurgia para colocar um marcapasso no coração e seu irmão acabau de sair.
Ruki- eu vi a cena toda e não posso deixar que uma Sakamaki fique com um dos meus irmãos.
Reiji- eu tambem não quero que isso aconteça seria muito ruim para a nossa familia.
Ruki- então sera assim eles não vão ficar juntos.
Reiji- isso não acontecera.
Ruki desapareceu e Reiji ficou ali esperando o termino da cerurgia.
Yuma narrando.
Yuma- que idiota, como eu fui burro em me preocupar com aquela garota estupida e ainda que ela ė uma Sakamaki, não posso me deixar levar por essa garota. Não posso.
Sai em direção a um bar para ver se me esquecia dela.
Narradora.
E assim foi a noite, Yuma bebeu e arrumou uma briga com uns caras no bar. Na mansão foi uma noite bem 'tranquila',  Subaru quebrou mais uma das paredes da casa em função de Kou ficar lhe irritando, Ayato ficou trancado no quarto o resto da noite, Laito ninguem o viu a noite toda, Azusa se cortou, Kanato brincou com Thifany e Shu dormiu.
Enquanto isso na sala de cerurgia a enfermeira e o Dr Marcus estavam desacordados e Kino invocava um portal para o mundo demonio e levava Scarlet com ele.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...