História A garota do batom vermelho - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Lolita
Exibições 8
Palavras 1.061
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Nunca fiz uma história antes...espero que gostem!

Capítulo 1 - A garota do batom vermelho


Fanfic / Fanfiction A garota do batom vermelho - Capítulo 1 - A garota do batom vermelho

A garota do batom vermelho:

Era 7:15 da manhã quando minha mãe me acordou aos gritos

-Adam,acorda garoto já tá atrasado! 

Eu não sabia que minha mãe se importava com o meu primeiro dia de aula, mas ok.Levantei sem vontade nenhum de ir pro colégio, até porque o ano passado foi uma merda!minha namorada me traiu com o meu melhor amigo, meu pai saiu de casa, meu tio favorito faleceu...resumindo foi um ano de merda

Enfim.Levantei e fui pro banheiro me arrumar, enquanto eu tomava banho fiquei imaginando a vida de um gangster, sabe todo aquele perigo e mulheres atrás de você mas é óbvio que minha mãe não podia nem pensar que eu imaginava isso.

Aliás meu nome é Adam John Smith, tenho 18 anos e moro em Los Angeles e essa história é sobre uma garota que não sei da onde veio nem como veio pra mim, mais foi a pior é melhor coisa da minha vida... 

      capítulo 1:Escola nova

O primeiro dia de aula nunca é legal, sempre alguém te olha torto por ser novato, cheguei já esbarrando no direito! Nossa como eu sou sortudo

-Olá,jovem...?

-Adam Smith senhor.

-Adam Smith! Filho do Sam Smith? 

-sim senhor

-seu pai, é um grande homem garoto espero que seja como ele

-cla-claro senhor

Sr.matthew deu um sorriso de lado-bom...até mais adam

-ate

Começar o primeiro dia de aula sendo conhecido pelo diretor, me pareceu uma coisa não muito boa.

Bom, fui até a diretoria saber minha turma

-Oi, então sou novo...

Bete a secretaria olho como se não ligasse muito

-então...queria saber minha turma!?

-nome por favor?

-Adam Smith! 

-filho de Sam Smith? 

-é! 

Ela sorriu - está na turma da senhorita Skylart

-ata, sala?

-sala 13

-ata, valeu

-que seja...

Aparentemente todo mundo conhecia meu pai.Fui pra sala 13 entrei mais já tinha começado a aula, a professora fez eu me apresentar pra turma, o que sinceramente era ridículo por que era uma turma de 3° ano e não 3° série, mas lá fui eu.

Sr Skylart - turma temos aluno novo! Seu nome garoto?

Sussurrei - Adam Smith...

-fale mais alto pra que todos ouçam!.

Então virei pra turma e falei

-Adam Smith! 

Obrigado, agora vai sentar.

Me atrapalhei pra procurar uma cadeira mais logo achei, uma no canto, perto de um garoto meio diferente. 

-eai!? (Disse ele sussurrando)

-o-oi!?

-meu nome é kyle!

-Adam!, ela é sempre ignorante assim?

-você não viu nada, ela hoje tá de bom humor

-nossa...

-quer almoçar comigo depois? 

-pode ser!

-ok

Kyle era legal mais cheirava a baseado, mas tinha uma coisa que ele tinha que me fazia querer pegar amizade

(Na hora do almoço)

-Adam chega aí!, esse é kioko meu irmão separado por útero! Kioko era um japonês alto e magro demais 

-fala aí kioko (eu disse tentando ser legal)

-fala ae chapa! Tu curte um back? 

Eu fiquei espantado, tipo a única vez que cheguei perto de maconha foi quando meu primo rj foi passar as férias lá casa, mesmo assim não fumei.

-claro, poh é nois!

Eles ficaram me olhando com uma casa de quem não tinha entendido

-beleza bora pra casa do kioko queimar um depois da aula (disse kyle)

-o-ok! 

Na minha cabeça eu tava pirando, mas por fora eu tava tranquilo ou tentando parecer! 

Então depois da última aula, fomos nós eu, kyle e kioko.

Kioko morava num bairro só de japas um tanto que um pouco escondido dos outros bairros, felizmente kioko morava praticamente sozinho, seu pai trabalhava vendendo carros e sua mãe já havia falecido a 3 anos em um acidente de carro.

Estávamos andando em direção a rua da casa dele quando um casal saiu brigando de casa discutindo no meio da rua, o mais interessante era que eles brigavam em japonês e nem eu nem kyle entendia nada! Bom, fomos para casa do kioko chegamos lá e fomos pro seu quarto que era bem bagunçado com um cheiro não muito agradável . kyle puxou um quadradinho verde da mochila e kioko pegou a seda e eu fiquei olhando a merda acontecer

-eai adam já viu alguma garota que quer pegar lá na escola? (Disse kyle)

-não...Não prestei muita atenção

-tem aquela esquisita da turma do thurman, se quiser eu desenrolo pra você! ?

-ah não valeu, tô bem assim

-se que sabe, mas o kioko já tá pegando a irmã dela

-vai se fuder kyle (disse kioko rindo) só peguei ela uma vez

-kioko para de mentira, você tá gamado nela já

-tá maluco!?

Enquanto kyle e kioko discutiam a relação de kioko e a irmã da esquisita, eu olhava da já nela e tava pensando na Miranda, minha ex que me traiu com o meu melhor amigo da escola.fiquei pensando se ela pensava em mim ainda sei lá...

-kyle vou perde a paciência contigo!

-kioko não pode ficar nervoso 

se não teu olho desaparece já é minúsculo hahaha

E do nada kioko foi pra cima de kyle e ele começaram a se bater, e adivinha quem tava no meio! ? Exato, eu!

-GENTE! (eu dei um grito), vocês vão fumar ou não? 

-agora você falou minha língua Adão (disse kyle com ironia)

-kioko bola aí que eu acendo.

-tá ne...(kioko sem paciência)

Eles fecharam um cigarro e acenderam, passaram um pro outro e depois pra mim.eu dei uma engasgada mais depois de uns 30 minutos eu tava me sentindo meio estranho, tudo tava lento e minha boca tava seca, o rost o do kyle tava muito engraçado era muito estranho isso

-Adam tá chapado! Hahahaha(kyle

-mano tô muito mais rápido do que vocês! (Eu disse )

-bora da um role, meu pai chega daqui a pouco (disse kioko)

Fomos pra rua comprar comida pq estávamos cheios de fome.

Chegamos em uma loja de conveniência que tinha em um posto perto da casa dele

Entramos e o meninos foram pegar comida e eu fui pegar bebida, foi a partir desse dia que a minha vidinha medíocre virou toda de cabeça pra baixo

Perto da prateleira de vinhos, ela tava acendendo um cigarro , uma garota , branca de cabelo médio castanho, rosto muito delicado, unhas pintadas de preto, uma blusa de Red Hot Chili Peppers de short, tênis preto, um batom vermelho e uma garrafa de Jackie Daniel na mão, eu fiquei por 3 minutos olhando pra ela, totalmente paralisado. Ela olhou, sorriu de lado e saiu, com o vento que não deve nada pra ninguém...

Eu fui correndo prós meninos perguntar se eles conheciam 

ela, se sabiam o nome. Kyle disse que um amigo dele já 6°série já tinha estudado com ela e que o nome dela era Maggie Connor, mais kyle não sabia sua idade, nem onde morava, nem sua escola

Compramos as comidas e comemos enfrente o posto mesmo.






Notas Finais


Por enquanto é so, em breve posto o resto, obrigado ♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...