História A garota dos pulsos cortados - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Aventura, Colegial, Drama (tragédia), Ficção
Visualizações 2
Palavras 1.071
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Ficção, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Linguagem Imprópria, Mutilação, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Boa leitura!

Capítulo 2 - I


Fanfic / Fanfiction A garota dos pulsos cortados - Capítulo 2 - I

Anteriormente:

???: Andar assim não e legal você pode acabar se batendo

Atualmente: 

Levantei a cabeça assustada, vi que era a diretora Patrícia.

P: Calma amor, eu não mordo, kkkk_Fiquei sem jeito, estáva me segurando para não gemer de dor por causa dos meus pulsos_ Você já está indo para casa?

A:S-sim

P: Venha eu te dou uma carona_(E agora? E se meu pulso começar a sangrar e ela vai perceber, e contar aos meus pais)

 A: Eu agradeço Patrícia mais não será necessário.

P: Por que? Alguém vem te buscar? 

E agora qual sera a desculpa que eu vou dar?_ Pronto Ali podemos ir agora_ (Abençoado seja esse ser) Olho e vejo que e o Daniel <3...Epa o Daniel!? 

D:Olá diretora, tudo bem?

P: Olá querido, sim estou bem, bom Alison, já que você já tem uma companhia vou indo, tchau até amanhã.

A D: Tchau_ Esperei ela se afastar para me pronunciar 

A:Por que fez isso 

D: Vi que você estava desconfortável com ela.

A:Ah sim, então obrigada, tchau _ Ia me afastar para ir para o banheiro mais ele me chamou

D: Ei Alison!

Virei lentamente, me segurandopara não correr para o banheiro_Sim?

Ele se aproximou_ Por que estava  me olhando na aula?_ Pronto se antes meu coração tava descompassado agora ele tá dançando samba

A: Eu não tava olhando pra você 

D:Acho que uma pessoa sabe quando está sendo observada, mesmo eu olhando pra você você continuava olhando_ E agora!?

A:A coisa e qu.../ 

???: Ei Daniel vem logo! Não sou teu motorista não fi

D: Esse idiota, Bom vou indo amanhã você me fala o que ia dizer_Apenas asenti e fui em disparada para o banheiro.

Cheguei lá e graças não tinha ninguém, assim que tirei a jaqueta e vi meis pulsos e algumas gotas de sangue já saiam de lá, me deu muota vontade de chorar, voltava a minha cabeça todas as piadinhas e chingamentos peguei minha mochila e tirei a minha gilete 

Entrei em uma das cabines e fiz um cortenão tão fundo no braço esquerdo e dois no direito algumas lágrimas já escorriam pelo meu rosto. Derrepente ouço sons de passos pus minha jaqueta com quidado por conta dos cortes, peguei minha mochila e guardei minha gilete e guardei.

Sai de lá  as preças e nem deu para ver quem estava no banheiro, sai de lá e tomei rumo a minha casa.

[⏳...⌛]

Estava na porta de casa, antes de entrar respirei fundo e forcei um sorriso.

M: Filha, já chegou!

P: Como foi o primeiro dia filha?

A: Foi legal, Fiz dois amigos_Eles abriram um sorriso e me abraçaram_Tá bom gente to sem ar já 

M:Vá tomar um banho e se trocar já vamos almoçar 

A:Tudo bem.

Fui para o quarto joguei a mochila em um canto e tirei a jaqueta que já estava agoniando, fui para o banho.

Terminei o banho e vesti uma blusa mangas compridas como sempre e uma calça comprida com rasgos do joelho, e desci para alcançar 

P: Tá toda arrumada assim po rque?_Minha mãe cutucou meu pai 

M: Tá linda filha! Vai sair?

A: Eu vou andar um pouco já faz 1 semana que estou aqui e ainda não conheci a vizinhança.

M:Ah sim, venha logo almoçar e depois você vai, ok 

A: Uhum_ Começamos a comer e meu pai começou a falar de como essa cidade e linda mas também e muito perigosa.

A: Bom já vou indo, até  mais mãe ,tchau pai! Dei um beijo nos dois peguei minha bolsa meu cllr e um pouco de dinheiro só por precaução e sai

Estava andando pelas calçadas e vi o quanto a rua e calma, melhor doque da onde eu vim onde tinha lixo espalhando por todo lado, estava a dos quarteirões da minha casa , estava andando e vi uma lojinham resolvi comprar algo para beber.

Estava andando pela loja quando escuto vozes que de cara reconheço 

K: ISSO, PARABÉNS! SE TU ESCULHANBAR  TU QUE VAI PAGAR!

J: FOI SEM QUERER_ Me aproximo e vejo o cão e o gato brigando como sempre.

A: Anta cega...._Ela me viu e gritou sendo que eu estava perto dela_ Oi Ali! UHU AQUI!_ Ela acenou e o Junior bateu na mão dela

J: Fala baixo sua retardada!

A: Oi gente.

K: Oi miga!_ Ela me abraçou e retribui 

J: Oi Ali... KK vamo logo com isso tu vai levar essa merda ou não?

K:Quer saber vou levar dois

J: E muito gulosa mesmo 

K: Calma pai! Um eu vou dar para a Ali 

A: O que? _Pergunto pois  estava fora da conversa 

K: Esses salgadinhos, são uma delícia_ Ela me entregou um para mim

A: Tá  vou ali pegar uma garrafa  H2O

K: Agente te espera lá na frente 

J: Compra aquela bolacha pra mim!?

K: Credo! Só nem tua mãe_ Esses dois realmente são cão e gato.

Fui pegar a garrafa de água e fui pagar, fui para frente da loja e vi os dois sentados na sarjeta.

K: E aí pegou tua água? 

A:Sim_ Ela sorrio e levantou junto com o Junior ela pareceu se lembrar de algoe comecou a revirar a sacola dela.

K: Pega_ Era o salgadinho que ela disse que compraria para mim_ Então Ali o que faz por aqui?

A: Estava conhecendo a vizinhança.

J: Você mora aqui perto?

K: Não! Ela veio "conhecer a vizinhança" mais mora no outro lado da cidade!

A: Moro a duas quadras daqui 

Os dois arregalaram os olhos

K: Fia tu gosta de andar neh 

A: Sim um poucou, bom vou indo

J: Ei agente tava indo ver um filme num cinema aqui perto quer ir?

K: Verdade agente só parou para comprar esses doces e salgados mesmo

A: Por que não compraram no cinema?

J:Cá entre nós , a comida de lá e uma fortuna 

A: Aah 

K: Então, topas ver o filme?

A: okay só vou avisar meus pais 

J: Certo 

Ligação (on)

P: Alô 

A: Oi pai 

P: oi filha, aconteceu algo?

A: Não, nada eu só queria avisar que eu vou assistir um filme com meus amigos.

P: Ah sim, tudo bem filha, avise qualquer coisa. 

A: Okay tchau!

Ligação  (off)


J:Que tu deu pro teu pai para ele ser tão lieberal contigo

A: Nada

K: Nossa, quando eu morava com meus pais eles não deixavam eu ir nem ná esquina 

J: Nem no quintal

K: Verdade_Ela olhou para algo atrás de mim_ Ali olha teu crush!

Assim que olhei para trás vi o li... o Daniel e sorri boba nessa hora

J: Fecha boca se não entra mosca

A: Ele mora aqui perto?

K:Ele mora no mesmo condômino que eu moro_ Ele tava andando de skate quando nós viu 

Ele nós viu e parou de andar de skate e começou a caminhar até nós...












Notas Finais


Digam o que acharam, a opinião de vocês e muito importante pra mim 👍.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...