História A garota exemplar (repostada ) - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fairy Tail, Naruto
Personagens Erza Scarlet
Tags Comedia, Drama, Erza, Gruvia, Incesto De Cunhados, Jellal, Jerza, Nalu, Naruhina, Romance, Sasusaku
Exibições 76
Palavras 1.180
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Olá meus amores ❤
Teremos um capítulo por dia certo?
Boa leitura ^^..

Capítulo 2 - Jellal cunhadinho


Fanfic / Fanfiction A garota exemplar (repostada ) - Capítulo 2 - Jellal cunhadinho

-oi... Disse ele com seu melhor sorriso cafajeste.

Erza nada respondeu apenas o puxou pela gola da camisa e lhe deu um beijo.

Deixando todos -Gray, Juvia, Lucy e todos que estavam no pátio- de boca aberta.

Se separam por falta de ar, Jellal tava meio abobado com a atitude da garota maluca porém gostosa que ele nem conhecia.

Quando olhou para trás da garota, Jellal viu uma coisa que não gostaria de ter visto, sua namorada Ul lhe olhando com um olhar macumbro.

-U-Ul..?

Erza virou-se para irmã.

-Jellal o que você acha que ta fazendo com a minha irmã seu tarado?!

-eu? Ela que...

Erza o cortou.

-ele me beijou mana, você o conhece? 

Perguntou tentando parecer inocente.

-Erza ele é meu namorado! 

Disse Ul respirando fundo.

-Ai meu Deus...s-seu...n-namorado? Eu nao sabia...

-ta tudo bem maninha... Sorriu para irmã, e voltou o olhar para Jellal.
-depois a gente conversa.

             
                              [ .... ]


Logo na primeira aula Erza descobriu que iria estudar na mesma sala que a irmã, e os demais que ela conheceu -incluindo os três garotos-.

Sentou perto de Lucy e Juvia, a primeira aula foi tranquila.

-Erza? 

Chamou Lucy.

-hum? 

-onde você estudava antes daqui? 

-konoha school high.

-legal..,ouvi dizer que tem vários gatos lá.

-é verdade...tem sim.


Erza não deixava nada passar despercebido, viu que aquela escola assim como sua antiga escola, era divida por grupos... Coisa que ela odeia.
Como em toda escola do país e do mundo, pensou a ruiva. Existe vários grupos, as patricinhas, logo constatou que esse era o grupo que a sua irmã se encaixava, juntamente com suas amigas Lissana e Cana.

Os três garotos gatos, eram os galinhas populares que todas morriam por eles, principalmente o tal Jellal, que para sua infelicidade ou não, namorava sua irmã mais velha.

Na hora do intervalo, Erza tentou-se com as mais novas amigas, Lucy e Juvia.

A azulada parecia melhor, quer dizer, ja não derramava mais lágrimas, e no momento estava intertida brincando com a comida.

Ja Lucy mantinha o olhar baixo, parecia um tanto triste.

-o que houve Lucy? 

Perguntou-lhe Erza.

-nada...falou olhando para direção oposta de Erza, onde se encontrava Natsu, Lissana e os demais populares, o casal parecia esta se divertindo.

-porque você não fala com ele? 

-com o Natsu? 
Perguntou Lucy desconfiada.

-claro..

-ah Ele tem namorada...e além do mais nunca ia olhar pra mim...

-e porque não? Você é uma garota muito legal, com certeza mais legal que aquela albina fútil...Se ele não te encherga o problema é dele. 

falou Erza dócil.

-acho que vou procurar a Levy...Ela ta com meu livro de história...ah obrigada Erza.

Falou isso e se retirou, Erza olhou para Juvia que mantinha os olhos no visor do celular no momento.
voltou o olhar para Lucy que ja saia do refeitório.
Erza viu muito bem os olhos de Natsu para a loira, viu muito bem como ele a olhava, aquele olhar que ela conhecia bem.
Foi tirada dos seus pensamentos por Juvia.
 
-Erza-san, a Juvia vai ali...

-aonde? 

-A Juvia não ta indo falar com o Gray-sama!

Afirmou Juvia e saiu correndo.
Erza viu Gray sair também.


-é parece que minhas novas amigas precisam da minha ajudinha...

falou para si mesma enquanto devorava sua torta de morango.

Logo em seguida foi a cantina pagar a conta, não percebeu, mas, um certo azulado não tirava os olhos dela.

               


                                     [...]

 

No fim da aula...


Erza estava na frente da escola com Lucy e Levy, outra amiga que ela fez.

-não acredito que a Juvia voltou com o Gray.

falou Lucy irritada.

-Ninguém manda nos sentimentos Lucy...

Disse Levy.

-mesmo assim...

É Lucy não se conformou.
Ul apareceu.

-vamos Erza? 

-tchau meninas! 

Se despediu das amigas.

-tchau Erza! 
Disseram as duas de uma vez.

 

 

Já em casa...

 

-ta tudo bem com você e seu namorado? 

-ah sim, está, inclusive ele vem jantar hoje aqui.
Espero que você perdoe ele. É que o Jellal tem um probleminha com isso de ser fiel.

Erza ficou pasma com a atitude da irmã, então quer dizer que o cara trai ela e ela leva tudo numa boa.

                 


                             [ ..... ]

 -Enquanto isso na casa dos Fernandes.-


Jellal se encontrava deitado no sofá, Natsu largado no chão e Gray na varanda falando ao telefone.

-impressão minha ou o mané ai vai voltar com a azulzinha...

Disse Jellal rindo.

-ele gosta dela.

Disse Natsu simplesmente. 
Jellal riu alto.

-namorar é perca de tempo e você sabe.

Essa era a frase preferida de Jellal.

-você namora, eu namoro, Não vejo problema do Gray também ter uma namorada também.

-não tem problema mas, a Juvia é diferente, não é como a Ul ou a Lissana.

-cara...falando em Lissana, acho que não to mais afim dela.

-então termina...

-não quero magoar os sentimentos dela...

-Natsu tu ta muito gay...agora deu pra se preocupar com os sentimentos das garotas? 

-não da pra conversar com você!

Natsu jogou uma almofada no amigo e saiu irritado.

Jellal ficou rindo, Gray apareceu na porta com cara de "an? Quer quê? Qué que há?" -Lindo como sempre ^^ a coisa mais linda que tem nessa fic-.

-se resolveu com a "Juvia"?

Perguntou Jellal  fazendo uma careta.

Gray revirou os olhos.

-vou ver a minha NAMORADA! 

Gray também foi embora.
Jellal ficou um tempo olhando para o teto, quando de repente lembrou da ruiva maluquinha que o agarrou.

-menina de atitude, gostei dessa minha cunhadinha...

-Sorriu com esse pensamento e o sorriso aumentou mais ainda quando ele lembrou que hoje irá jantar na casa dela.

              


                                       [ .... ]

A noite...


Erza terminava de se arrumar para o jantar, optou por um vestidinho preto acima do joelho, sem detalhe uma coisa básica e amarrou os longos cabelos em um coque frouxo.

Desceu as escadas e encontrou os pais, conversando com os o casal Fernandes -pais e Jellal -.
Procurou a irmã e o namorado com os olhos mas, não os encontrou.

-Erza meu amor, venha aqui conhecer os pais do namorado de sua irmã.


-olá senhora e senhor Fernandes.

Os comprimentou sorrindo.

A ruiva ficou um tempo conversando com os mais velhos.
E em menos de meia hora a sra. Fernandes ja adorava  Erza.

Ul e Jellal apareceram.
Automaticamente o azulado olhou para ruiva.

O jantar foi tranquilo, ate Erza começar a perguntar como Jellal e Ul se conheceram.
Como todo mundo sabe não foi na escola, um mistério sobre o casal que ninguém sabe.

Jellal logo se engasgou, Ul nervosa começou a falar coisas idotas, o que deixou a ruiva assim como os demais interessados no assunto.

                                     [ .... ]

 

-Tchau cunhadinho...

Falou no ouvido de Jellal quando o abraçou na hora que ele ia embora.

-Erza querida, apareça la em casa qualquer dia desses.

Disse Disse a mãe dele.

-sim eu irei sim, ver a Levyzinha e o meu cunhado.

falou olhando para Jellal.
(N/A: Levy é irmã do Jellal mas, não veio para o jantar).

Falou Erza olhando para seu querido "cunhadinho".

 

               Ja no seu quarto...


-isso vai ser mais fácil do que eu pensava...


Pensou alto.


              Continua...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...