História A Garota incomum - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Amor Doce, Originais
Personagens Alexy, Ambre, Castiel, Debrah, Kentin, Lysandre, Melody, Nathaniel, Personagens Originais, Professor Faraize, Rosalya
Tags Auto Ajuda, Automutilação, Violencia, Yaoi
Visualizações 30
Palavras 391
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Fantasia, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Mutilação, Suicídio, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Que autora boa vocês tem em :3(Sqn) Sou das trevas muahaha <3

Capítulo 5 - Cap 5- Nem sempre as coisas melhoram.....


01:15 a.m

Todos estavam dormindo , ainda estava completamente envergonhada por conta do karaoke..... Rosalya e eu estávamos dormindo na sala enquanto os rapazes dormiam no quarto do Cassy...

{Autora: "Cassy?" hmmmmm ;3}

-Ainda acordada? - Dizia Cassy ao pé da escada.

-Não estou conseguindo dormir...

O mesmo se aproxima de mim e pega minha mão me puxando até o telhado assim sentando-se junto a mim....

-Desde quando você se corta? -Ele dizia olhando para meus braços.

-Desde meus 13... - Dizia quase como sussurros.

O mesmo suspirava e ficava a olhar as estrelas enquanto coçava sua cabeça...

-Por que você veio naquela hora? - Olhava para meus pés

Ele batia de leve na minha cabeça

-Você me chamou não chamou? - Dizendo ele rindo fraco.

-E-Eu sei mas....Ninguém nunca vinha mesmo me deixavam sempre na mão.. - Falava tímida.

-Eu não sou todo mundo, e também não dou satisfações a uma tábua, se eu fui é problema meu baixinha -Ele sorria.

Não entendia essas pessoas, apenas suspirei baixinho levantando e indo a sala dormir...

10:35am

Já estava acordada, estará eu sentada num banco que havia no jardim da casa do Cassy,aquele local era muito calmo e bom para reflitir sozinha...

-Vamos -Castiel aparecia me puxando para longe.

-P-Para onde? - Ia sendo puxada sem entender.

Ele não me respondia e muito menos me olhava, apenas me puxava até que havisto de longe um parque a nossa frente.

-Por que me trouxe aqui? -Dizia recuperando o folêgo

-Já respondo...mas antes, vou comprar uma água fique aqui. - Dizia saindo dali.

Ficava olhando aquele lugar até que uma moça de cabelos loiros vem até mim me empurrando.

-OQUE ESTÁ FAZENDO COM O CASSY SUA PROSTITUTA?! - A moça dizia.

A olhava assustada e não a respondia, logo recebia um tabefe no rosto e sou jogada no chão levando vários chutes.

[-C-Castiel... - Sussurrava]

-Você acha mesmo que ele virá te ajudar? Que ele realmente se importa? Ele é meu namorado, eu o chamei para poder lhe bater.

Meus olhos encheram de lágrimas, era tudo fingimento? Os sorrisos e risos,eu estava mesmo sendo usada? Por quê? Oque eu fiz a eles?... Antes que eu pudesse dizer algo ou clamar por ajuda fui ficando tonta e mais tonta até que minha vista ficou escura e desmaio ouvindo apenas a moça rir da minha cara.

 

 

 


Notas Finais


Eiiiiita? , e agora? Oque vai fazer?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...