História A Garota-Lobo. - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Aventura, Romance, Wolfs
Exibições 6
Palavras 2.594
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Mistério, Misticismo, Shoujo (Romântico)
Avisos: Linguagem Imprópria
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Oie! falei que ia voltar hasuhaushu, intaum :3 trouxe mais um cap p vcs e eu espero q gostem ^^ Bon vouyage!

Capítulo 2 - Os mesmos pensamentos.


Fanfic / Fanfiction A Garota-Lobo. - Capítulo 2 - Os mesmos pensamentos.

                                                                                      ~Passado~

Depois de eu ter voltado para casa, meus pais disseram que ficaram muito preocupados comigo, eu resolvo contar pra eles oq aconteceu. mas eles acharam que eu estava só brincando.

-Eai eles me levaram de volta pra floresta.-eu digo, mamae solta uma risada pequena e diz.

-E eles tinham orelhas e rabo de lobo ?-pergunta ela sorrindo.

-Sim!-digo com os olhos brilhando.-você acha que vou ver eles novamente ?-pergunto.

-Eu não sei minha filha...-diz minha mãe.-talvez não estejamos mais aqui amanhã.-disse ela, eu fico confusa.

-como assim ?-pergunto.

-Seu pai arranjou um emprego numa joelharia de Tóquio, é muito chique o lugar. se ele aceitar o trabalho vamos ganhar mais do que ganhamos aqui, mas assim teriamos que nos mudar para lá.-disse ela.

-Mas...eu nunca mais poderei ver meus amigos ?-pergunto triste, ela coloca a mão no meu ombro e sorri novamente.

-Claro que vai poder, quando você vier aqui visitar sua amiga você podera ver todo mundo!-disse minha mãe sorrindo.

-é verdade...mas vou sentir falta de morar aqui, eu gosto tanto desse lugar.-eu digo.

-Eu também meu amor...eu também.-ela coloca uma mão na parede, e então vai para a cozinha. parece que vamos realmente nos mudar...eu deveria ir dizer tchau para Akata e talvez para o Kamitani também. depois do almoço vou até a casa de Akata, toco a campainha e a mesma abre.

-Oh, olá Akane!-disse ela me abraçando.

-Akata...eu queria te dizer tchau...-digo tristemente.

-Ué, tchau porque ?-pergunta ela confusa.

-Meu pai arranjou um emprego em Tóquio e então vamos ter que nos mudar para lá, uma pena que fique umas horas longe daqui, eu realmente não queria ir.-digo tristemente, ela suspira.

-Verdade...,eu vou sentir muito sua falta. Aqui, para você!-disse ela novamente sorrindo. era uma foto nossa que tiramos com a classe, estava todo mundo lá presente. 

-Aah, eu vou lembrar de todos para sempre! estão guardados no meu coração. eu virei te visitar em breve!-digo, a abraço novamente e então vou para a floresta. quando eu entro lá eu vejo um lobo meio pequeno (aparenta ser filhote, nem tanto se fosse humano teria 7 anos também), ele é cinza-escuro e tem olhos dourados, seria Kamitani ?-Kamitani, é você ?-pergunto, o lobo se aproxima de mim e começa a me farejar.

-.......-ele lambe minha mão, isso deve significar "sim".

-Eu vim aqui para te dizer tchau, meu pai arranjou um emprego em Tóquio e agora temos de nos mudar, eu vou sentir saudade de vocês.-digo, Ele então sai de lá, eu acho que ele foi embora, quando eu estava me virando para poder ir também ele volta com algo na boca.-Oque é isso ?-pergunto, ele larga oque pegou no chao, aparentava ser um colar.-puxa que lindo!-digo, é um colar dourado no formato de um coração e contém no meio um diamante vermelho também no formato de um coração.-é para mim ?-pergunto, ele acena com a cabeça e então eu sorrio.-Obrigada, Kamitani. nunca vou me esquecer de você!-afago sua cabeça, e então saio da floresta, antes de sair aceno para ele.-diga a seu pai que também nunca vou esquece-lo!-falo sorrindo, então saio de lá e vou em direção minha casa, ao chegar lá estavam todos dentro do carro me esperando. 

-Que colar bonito, quem te deu ?-pergunta mamãe. 

-Kamitani.-digo sorrindo, ela sorri e então eu entro no carro e vamos embora, ao olhar para trás vejo Akata acenando para mim e os outros alunos da escola também, aceno para todos e então vamos embora. enquanto minha mãe cochilava com Robin em seu colo eu olhava para o lado de fora da janela, "eu nunca vou me esquecer desse lugar", sussurrei para mim mesma. tenho lembranças aqui desde que nasci e agora estava indo embora, vou sentir uma grande falta daqui.

                                                                                                           ~Presente (agora)~

Alguns anos se passaram desde que me mudei de Lilie City, nunca me esqueci de lá, porém eu estava esquecendo Kamitani, eu lembrava que conheci ele um dia, mas esqueci seu nome. porém sonhava com ele direto, eu ainda tinha o colar que ele me deu e eu o usava o tempo todo. estava de manhã e eu ainda estava dormindo, havia sonhado com meu passado inteiro. então acordei era 7:00 e eu tinha que me arrumar para ir para Akademi School (ñ achei outro nome pra escola de Tóquio então peguei de Yandere Simulator, não me julgue :v). eu já estava no ensino médio, primeiro ano. hoje é meu primeiro dia de aula, estava voltando das férias. vou ao banheiro e me arrumo, coloco meu uniforme e saio, ao chegar na cozinha vejo papai e mamãe junto com Robin, eles estavam comendo.

-Bom dia minha filha!-disse minha mãe sorrindo.

-Bom dia mãe! bom dia Pai! bom dia Robin!-digo cumprimentando todos e dando beijos na bochecha. comemos e então meu pai nos leva para a escola.

-Boa aula!-disse meu pai sorrindo. eu o agradeço e então vou para minha sala e Robin para a sala dele. ao chegar lá é aula de Português, chego e me sento pegando meus cadernos e abrindo na primeira pagina, não consigo prestar atenção nas aulas, estou sempre olhando para o lado de fora da janela (eu sento do lado da janela). o professor pede para copiarmos do quadro, então sai da sala. eu copio tudo e faço a tarefa. o recreio bate e metade dos alunos saem, eu saio de vez em quando (essa parte da janela combinou com a musica Human da Christina Perri :v ouvindo agora kk), continuo olhando para fora, então eu pego um caderno de desenhos que eu fiz e então começo a desenhar, Eu desenho uma garota usando roupas meio vermelhas dormindo junto com um lobo (Imagem do capitulo). 

-Foi você quem desenhou isso ?-pergunta uma garota com cabelos loiros e olhos verdes um pouco morena,pálida, cabelo liso usando maria chiquinha.

-Ah, sim. fui eu.-digo calmamente.

-é um desenho muito bonito!-ela elogia sorrindo, então eu sorrio também.

-Obrigada!-digo, ela então começa a se apresentar.

-Meu nome é Akany  Yoshida! Muito prazer!-disse ela estendendo a mão para mim.

-Seu nome é quase igual ao meu hehe, meu nome é Akane Ishikawa, muito prazer!-digo sorrindo estendendo a mão para ela.

-Haha, verdade!-disse ela sorrindo, começamos a conversar sobre coisas aleatórias, ela é legal.-você quer ser minha amiga, Akane-san ?-pergunta ela. 

-Claro!-digo sorrindo.-Akany-chan, hehe. se importa de eu te chamar assim ?-pergunto.

-Hehe, claro que não! pode chamar! e eu posso te chamar de Akane-san ?-pergunta ela sorrindo. 

-Claro que pode!-digo sorrindo, pegamos nossos lanches e comemos. o sinal toca e chega a professora de Artes. 

-Olá alunos, eu sou a nova professora de Artes. meu nome é Hinami Yamada, é um prazer conhecer vocês!-disse ela sorrindo, ela usava roupas com alguns acessórios rosa, tinha cabelos bem curtos e loiros e olhos azuis clarinhos. todos foram se apresentando,logo eu e Akany.-a tarefa que vou passar é muito simples, vocês só tem que desenhar qual quer coisa.-disse ela, todos sentam em duplas e começam a desenhar, Akany se senta do meu lado e então começamos a desenhar, eu desenho um garoto com orelhas e rabos de lobo igual o garoto que ando sonhando ultimamente..., Akany desenhou um gatinho dentro de uma cesta com vários outros gatinhos dentro, seu desenho é muito fofo.

-Que fofinho!-digo, ela olha pra mim e sorri.

-Obrigada! seu desenho é bem bonito.-disse ela sorrindo gentilmente. 

-Ah, obrigada.-digo.

-Você já conheceu essa pessoa ?-perguntou ela. 

-Eu não consigo me lembrar...mas sinto que sim, a alguns anos atrás.-digo tentando me lembrar.

-Ele tem mesmo essas orelhas e essa cauda ?-pergunta ela. 

-Eu sei que parece impossivel, mas tenho certeza que sim.-digo. 

-Eu acho que já vi um assim também, mas ele era meio arrogante, elegante, loiro, tinha olhos cor de mel e usa óculos, a ponta dos cabelos dele é meio escuras, e ele tem orelhas e cauda de raposa.-disse ela.

-Puxa, você já viu também ??-pergunto surpresa.

-Já!-disse ela sorrindo.

-V-Você é o aluno que "Sumiu" ?-pergunto surpresa para ela.

-Então é isso que alguns dos alunos falavam de mim ? nossa, eu não fui raptada por mostro nem nada do tipo! eu só tive que me mudar.-disse ela suspirando em negação ao que os outros falavam dela.

-Eu sabia que você tinha se mudado! nunca acreditei nessa histórinha! mas... você teve que se mudar porque ? eu me mudei porque meu pai arranjou um emprego aqui.-digo. 

-Eu me mudei porque minha mãe e meu pai se separaram, então ela quis se mudar para cá, então vinhemos.-disse ela.

-Ah..., mas eim, como você conheceu um Hibrido ?-pergunto, ela então começa a falar.

                                                                                                              ~Passado de Akany~

Isso foi a alguns anos atrás, como temos a mesma idade isso foi antes de você ir estudar em Lilie Count, acho que você já morava em Lilie City, mas então. eu tinha 7 anos. e naquele dia como se eu nao me lembrasse foi o dia em que algumas meninas sairam fofocando por ai que eu gostava de um garoto, todos da escola (alunos) começaram a comentar, eu fiquei com tanta vergonha que sai correndo da escola e fui em direção a floresta, uma professora saiu atrás de mim, só que eu corri rápido demais, um vento forte apareceu e eu derrepente apareci em outro lugar ou como meu antigo amigo me disse, o outro lado de Lilie City, onde os bichos tanto de estimação como silvestre, selvagens e etc são seres humanos como nós, porém possuem orelhas e caudas de sua raça e também alguns... hábitos. para mim eu estava perdida lá, comecei a procurar a saida mas não encontrei, então eu encontrei um garoto sentado perto da fonte lendo um livro. eu me aproximei afim de conversar com ele. 

-Olá ?-digo me aproximando dele, ele fecha o livro e olha para mim, ele usava uniforme de uma escola, era loiro e possuia olhos cor de mel, usava óculos, cabelos curtos com as pontas meio escuras, não demorou muito para mim notar que ele havia orelhas e cauda muito semelhantes aos de uma Raposa. 

-Oque um humano faz aqui ?-pergunta ele.

-P-Porque você tem essas orelhas e essa cauda ??-pergunto confusa, assustada e curiosa.

-Minha pergunta primeiro.-disse ele fechando os olhos por alguns segundos.

-B-Bem, eu sai correndo da escola e entrei na floresta e apareceu uma ventania muito forte, então apareci aqui, procurei e procurei o caminho devolta mas não encontrei.-explico para ele. 

-Entendo, mas porque saio correndo da escola ?-pergunta ele ajeitando os óculos.

-Bem, umas meninas fofocaram uma coisa minha para toda a escola e então eles começaram a comentar sobre isso, fiquei com muita vergonha e sai correndo de lá, uma professora foi atrás de mim.-explico novamente.

-Ah, entendi. normal coisas assim acontecerem, fofocarem sobre sua vida. mas você é a primeira ser humano que eu vejo aqui, do outro lado de Lilie City.-disse ele se levantando e se aproximando.

-O-Oque você está fazendo ???-pergunto assustada, ele se aproximou demais e começou a me farejar. 

-Hum...nada demais. nós costumamos fazer isso mesmo.-disse ele se afastando.-qual seu nome ?-pergunta.

-Akany Yoshida, e o seu ?-pergunto.

-Kaoru Kozuka.-disse ele.

-Aah, muito prazer, Kaoru!-digo sorrindo.

-Igualmente.-disse ele no tom sério de antes.-você disse que estava procurando o caminho de casa.-disse ele.

-Ah, sim. é verdade. poderia me ajudar, porfavor ?-pergunto, ele acena com a cabeça "sim" e então me pede para segui-lo.-você poderia me contar mais sobre seu mundo ?-pergunto.

-Você é bem curiosa, né ?-pergunta.

-Rs...se eu estiver fazendo perguntas demais me avise!-digo envergonhada.

-Não se preocupe! bem como você deve saber somos hibridos meio animas meio gente, como pode ver eu sou meio garoto meio raposa, tenho 2 amigos um é meio lobo e o outro é meio coelho, meu professor é meio gato. moramos em outra parte de Lilie City, uma parte onde o vento forte guia as pessoas, não são todas que podem vir aqui. você é a primeira que vejo. quando vamos pro mundo de vocês, aparecemos em forma de animais ou seja nossa outra parte hibrida. ouvi meu pai dizer que quando um hibrido se junta com um ser humano ele primeiro deve deixar sua marca, em outras palavras, tipo, um beijo ou qual quer outra coisa. com isso você já pertencera o Hibrido que fez isso com você. aqui no nosso mundo vivemos igual á vocês, temos escola, somos ensinados, assim como vocês ficam fascinados pelo nosso mundo, nós também ficamos pelo de vocês. nossa cidade na sua cultura é como se fosse uma lenda mitológica que inventaram á anos. porém como você pode ver, existimos.-ele me explica tudo que eu precisava saber.

-E o vento ? oque ele significa ?-pergunto, sim sou muito curiosa.

-Ele é como um guia, traz os humanos para nossos mundos, mas somente quem ele escolhe.-ele explica novamente, a essa hora já estavamos dentro da floresta.-bem, devo te deixar aqui, as explicações acabaram.-diz ele.

-Oh, certo. obrigada por me explicar, Kaoru!-o agradeço fazendo uma reverencia, ele faz também e então nos despedimos e eu volto para casa. então aconteceu uma briga entre meu pai e minha mãe que eles se separaram. minha mãe arranjou um emprego em Tóquio e então tivemos que nos mudar para lá, ela achou melhor manter em segredo dos outros alunos. então ela me tirou da escola e fomos embora, hoje eles inventam essas histórias de que monstros me pegaram e tals, mais saiba que é tudo mentira.

                                                                                                           ~Presente, Akane on~ 
-Então ele te contou tudo sobre o mundo deles ?-pergunto.

-Sim. tudo.-disse ela.-eu só contei para você, porque você viu também, então trate de não contar pra ninguém. isso fica somente entre nós.-disse ela.

-Prometo! não se preocupe! Aliás é uma honra conhecer a primeira humana que foi ao mundo dos hibridos!-digo me curvando 

-Hehe, nem tanto, nem tanto.-disse ela envergonhada. ficamos conversando até o final da aula, Akany é muito legal. quando eu for pra Lilie City eu adoraria leva-la para conhecer Akata, tenho certeza que elas iriam se dar muito bem!, meu pai chega e eu vou até a sala de Robin buscar ele.

-Robin, papai chegou! vamos.-eu espero ele pegar sua mochila e então vamos para o carro.

-Como foi o dia de vocês ?-perguntou meu pai.

-foi bom, fiz uma nova amiga!-digo sorrindo.

-Eu também fiz novos amigos.-disse Robin sorrindo.

-Aah, fico feliz em ouvir isso!-digo sorrindo para ele, o mesmo também sorri para mim, então vamos para casa, jantamos, fazemos nossas tarefas e então vamos dormir. antes de dormir eu pego meu celular e mando uma mensagem para Akata e digo que ela e a Akany seriam boas amigas também, minhas melhores amigas <3.  

                                                                                               ~Celular on, chat with Akata~

Eu: Você ia gostar de conhece-la, ela é muito legal. se lembra dos hibridos que te falei a alguns anos atrás ? ELA VIU UM!! ele era meio raposo!!!- escrevo super animada.

Akata: Mesmo ? bem acho que existem, tem 2 provas agora. :v-disse ela mandando um montão de maozinhas batendo palma.

Eu: Verdade! bem é melhor eu ir dormir agora...-digo bocejando.

Akata: Okay, boa noite! durma bem! tá convidada pro meu niver!-disse ela.

Eu: Ah, é verdade! eu estárei ai! obrigada vc tbm, boa noite!-mando uma carinha mandando beijos.

                                                                                                           ~Chat off~

Desligo o celular e vou dormir , é verdade que o aniversário de 18 anos de Akata está chegando, eu sei que ela gosta muito de jogos então acho que vou comprar o Nitendo que ela tanto queria, e vou pedir pra Akany vir comigo, eu adoraria que ela conhecesse Akata, vai ser divertido, espero somente que ela aceite!, eu fecho os olhos calmamente e adormeço.

Continua...

 


Notas Finais


Está ai o capitulo! ficou meio longo, sorry :v mas espero que ao menos tenha ficado bom! tchauzim :3 s2


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...