História A Good day to Die (2° temporada) - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Lendas Urbanas
Personagens Personagens Originais
Tags Creepypastas, Filhos Dos Creepypasta, Hentai, Yaoi, Yuri
Exibições 61
Palavras 478
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Bishoujo, Bishounen, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Festa, Hentai, Lemon, Mistério, Orange, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Shounen, Slash, Sobrenatural, Survival, Suspense, Terror e Horror, Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Canibalismo, Drogas, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir culturas, crenças, tradições ou costumes.

Notas da Autora


Boa leitura!

Capítulo 5 - "Nunca ouve algo para pegar."


Logo achei ela.
Ela estava se assanhando para o lado do presidente do Grêmio.
Fui até ela.

-com licença, mas você poderia me seguir? A professora pediu para você vir comigo pegar uma coisa para ela.-Eu disse.

Pegar o bilhete para o inferno sua vagabunda!

-Está bem, mas só porque a professora pediu.

Comprimento o presidente do grêmio com um aceno e ele faz o mesmo.
Ela me segue até o porão.
Fecho a porta trancando a mesma.

Fui até ela.

-Diz o que é para pegar logo e vamos. -Ela disse.

Retirei a tesoura de trás do bolso da minha calça.

-Nunca ouve algo para pegar. -Eu disse séria.

Sua cara mudou para medo.
Enfiei a tesoura em sua barriga.
Ela berrou de dor, eu tapei sua boca.

-Shii, ninguém pode ouvir, se ouvirem, podem estragar nossa brincadeirinha, e se descobrirem, eu irei te caçar e te matar, dolorosamente e bem devagar.
Você quer isso? -Pergunto.

Ela balançou a cabeça negativamente, seus olhos estavam cheios de lágrimas.

Fiquei por trás dela.
Eu iria cortar seu cabelo, o cabelo dela é Chanel, mas ficaria lindo mais curto.
Ela começou a gritar de novo e eu tapei sua boca.

Ela mordeu minha mão e foi subindo as escadas, tapando o buraco do corte.

-Vagabunda. -Murmurei.

Corri atrás dela e a puxei pelo pé, arrastando ela escada a baixo.
Botei o pé em seu pescoço.

-Você achou que era um blefe? -Pergunto. -Você me deixou chateada.

Sentei em cima da mesma.
Furei seu olho.
Comecei a rir.

-Será que ele sai? -Perguntei rindo me referindo ao olho.
Coloquei a mão na boca dela para tapar o grito.
O olho sai.
-Saiu!-Eu ri.

Logo furei seu pescoço.
Eu estou suja de sangue.

Logo senti meu celular vibrando.
É Jared me ligando.
Atendi.

-Alô?
-Onde está? Já estamos fora da escola prontos para ir e nada de você. -Jared falou.
-Estou no porão, eu estava brincando. -Eu disse ironicamente e ele riu.
-Vou ir aí te ajudar. Foram quantas?
-uma. -Respondi.

Desliguei.
Jared chegou e pediu para mim abrir.
Eu abri.
Ele olhou para mim e para o corpo.

-Nossa, foi um belo estrago.-Ele disse ironicamente.

Ele colocou o corpo em um saco e eu fui atrás dele.
Logo chegamos ao lado de fora, lá havia um incinerador.
Jared jogou o corpo.

Pov.Izumi off
Pov.Jared on

-Irei para os chuveiros tirar todo esse sangue. -Ela sorriu e eu Acenti.

Ela logo saiu correndo.
Sempre depois que ela matava ficava feliz.
Agora tenho que me controlar para não ir até lá e fazer o que estou doido para fazer com ela.

Me sentei na grama.
Logo a mesma apareceu com o uniforme de ginástica.
Ela passou por mim jogando o uniforme da escola no incinerador e sua tesoura.
Logo ela ligou.
Me levantei e fomos para a mansão.
Os meninos já haviam ido.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...