História A Guarda Costas( Long Imagine Jimin - Bts) - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jimin, Jungkook, Personagens Originais, V
Tags Comedia, Drama, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Namjoon, Romance, Strong Woman, Suga, Suspense, Taehyung
Visualizações 29
Palavras 1.496
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Fantasia, Festa, Ficção, Fluffy, Mistério, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência, Visual Novel
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


AAAAAAAAAAA 73 FAVORITOS

Minhas leitoras devem pensar "pqp que garota mais enrolada"

😂😂😂😂😂

Desculpa a demora xuxus❤

Espero que gostem e dêen altas risadas 😂❤

Capítulo 8 - In the President's House


Fanfic / Fanfiction A Guarda Costas( Long Imagine Jimin - Bts) - Capítulo 8 - In the President's House

— Ei _____! – Não sabia porque mas ele estava estranho, com um olhar diferente. Sem ao menos me deixar responde-lo, ele se aproxima, pega em uma de minhas mãos e nossos rostos ficam muito próximos. — Eu não imaginei que meu inimigo usaria facas, ou algo do tipo, contratei você sem a intenção que se machucasse, mas como aconteceu isso, por favor demita-se, não quero que algo de ruim te aconteça.



— Pre presidente. – Não queria mas acabei usando minha força e me soltei dele.

— Se demita _____, por favor. – Ele dizia com um olhar triste, eu realmente nunca tinha o visto daquele jeito.

— Aish presidente, eu fui contratada para lhe proteger e assim será, não vou me demitir. – Falei num tom sério

— Mas se algo lhe acontecer? Como e vou fi… Como eu vou fazer para pagar todas as suas despesas do hospital? Já basta o senhor Kim todo quebrado. – Por um momento tive a impressão que ele queria dizer outra coisa.

— Não vai acontecer nada comigo, eu sei me virar, se preocupe com você.

— Okay _____, vamos, vou levar você em casa.

[…]

Estávamos no carro á caminho de casa até que Park abre a boca para falar asneiras.

— Ei _____, fique comigo hoje, eu protejo você e você me protege. Não fique criando expectativas que vai acontecer alguma coisa porque não vai

— Aish, não quero. E que tipo de coisa?

— Ah você sabe, coisas que um homem e uma mulher fazem quando estão sozinhos. – Ele faz uma cara maliciosa e então entendo o que ele queria dizer.

— Aaaish, eu não pensei nada disso, mas eu não quero dormir na sua casa, isso não está no contrato.

— Nossa _____, como você é burra, essa seria uma ótima oportunidade de você me seduzir, e sim está no contrato que você deve cumprir todas as exigências do cliente.

— Eu nunca pensei nada disso, até porque, pelo que sei você não gosta de mulheres. E no contrato não está escrito que eu tenho que morar junto com você. – Sem perceber eu estava gritando com o presidente, mas dane-se ele é muito chato.

— E você achou que as exigências seriam o quê? Por favor _____ durma em minha casa hoje, e se um homem com uma faca entrar lá eu estiver sozinho? Eu estou com medo. – Aish ele falou fazendo uma carinha tão fofa que era difícil recusar. — E também em minha casa você vai ficar longe desse psicopata que sequestrou a jovem no seu bairro.

— Okay eu aceito, mas quero que me pague em dobro então.

— Fechado.

[…]

Depois de muita insistência eu acabei aceitando ir para casa dele, e aliás não tinha problema nenhum, ele era gay mesmo. Chegando lá não tinha nenhuma comida então resolvi fazer lámen para nós dois.

Enquanto estávamos comendo Jungkook me liga.

* Ligação on*

— _____?

— Sim Jungkook.

— Bom o hospital me ligou e eu soube tudo o que aconteceu, está tudo bem? Já está em casa?

— Sim Kook, estou bem, não estou em casa, estou na casa do presidente. – Sem me deixar terminar de falar, ele me interrompe e desliga.

— Vou aí te buscar, vou rastrear seu celular e estou aí logo logo, tchau.

*Ligação off*

Quando digo á Park que Jungkook iria me buscar na hora faz uma cara de bravo.

Depois de alguns minutos finalmente Jungkook chega.

— Vamos _____, estou de carro e te levo em casa. – Disse Jungkook do lado de fora ainda.

— Bom Kook… – Quando ia terminar de falar Park aparece atrás de mim.

— Desculpa mas ela vai dormir aqui hoje. – Ele dizia com um enorme sorriso vitorioso no rosto.

— É o quê? Vamos _____. – Kook me segura pelo braço.

— Você não vai levar ela daqui, agora cai fora. – Agora Park me segurava pelo o outro braço e eu me sentia como se fosse duas irmâs segurando uma roupa e brigando para saber quem ia na festa com aquela roupa.

— Vamos. – Kook me puxa para mais perto de sí.

— Eu já disse que não. – Agora Park me puxou, como eu vi que as crianças não iam parar de birra me soltei dos dois.

— Aish parem. Parecem duas irmãs brigando por uma roupa. Kook eu vou ficar. – Eu falei berrando e os dois se assustaram, quando disse que ia ficar Park se comportou como uma criança quando ganha no jogo.

— Mas _____, não vou deitar minha cabeça no travesseiro e ficar tranquilo sabendo que você está sozinha com esse aí. – Olha para Park fazendo cara feia.

— Não se preocupe, okay? Não vai contecer nada, e eu estou aqui á trabalho.

— Ué presidente Park, você que lida com funcionários diariamente não sabe das leis trabalistas? Um funcionário só pode ter de oito á doze horas de trabalho diário. – Kook dizia tudo fazendo caras hilárias. Não conseguia esconder seu sarcasmo.

— É meu amigo policial que só sabe pertubar minha vidal, eu sei muito bem, e se não se lembra deixe me lembrá-lo… Existe hora extra. – Confesso que era engraçado ver os dois daquele jeito.

— Aish estou cansado, vamos dormir _____. – Na hora que ele diz aquilo eu coro e Kook faz uma cara de espanto. — O que foi? É lei que o funcionário deva dormir, vamos _____ cumprir a lei.

— Eu não vou te deixar sozinha com esse cara nem que eu durma aqui também. – Kook diz bem sério.

— Tudo bem Kook, ta tudo bem, já disse que não vai acontecer nada, e ele é gay. – Falo aquilo tão alto que faz até um eco pela casa.

— Se quiser pode vir dormir também. – Park bate no peito de Kook e pisca para ele e na mesma hora Kook se afasta com uma cara de surpreso.

* Narradora aqui kkkkk*

Na mesma hora que Jimin faz aquilo, _____ imagina ele beijando Junkook. Jimin imagina Jungkook beijando _____, e Jungkook imagina Jimin beijando _____. Logo os três balançam a cabeça para esquecer aqueles pensamentos.

*Narradora off*

— Bom _____, vou ligar para sua mãe e se ela deixar, você dorme aqui. – Ai droga ele vai ligar logo para ela? É óbvio que ela vai deixar.

* Ligação on (viva voz)*

— Alô?

— Olá é o Jungkook, dona *****.

— Ah sim, aconteceu alguma coisa com a _____?

— Bom, sua filha vai dormir aqui na casa do chefe dela mas não acho que seja uma boa idéia já que ele é um homem e ______ é uma menina indefesa.

— O QUÊ? ELA VAI DORMIR COM O PRESIDENTE? Jeon Jungkook o que ainda está fazendo aí? Vai logo embora e os deixe sozinhos. Anda sai logo daí.

— Ah mas…

— Vai logo! Você está atrapalhando.

*Ligação off*

A vizinhança toda deve ter ouvido os berros que minha mãe deu, Park estava até vermelho de tanto rir e eu devia estar vermelha feito um tomate, minha mãe só me fazia passar vergonha.

— Bom se sua mãe deixou eu vou nessa, toma isso, se ele fizer alguma coisa é só apertar esse botão que a polícia vai te rastrear e vir pra cá. – Disse Kook colocando uma pulseira em meu pulso e sussurrando em meu ouvidos.

Depois de toda aquela confusão Jungkook foi embora e eu fiquei sozinha com Park, fiquei assistindo TV por alguns minutos e Park havia sumido. Como a casa era bem grande achei que tinha me perdido lá dentro, então começo a procurá-lo e chego em seu quarto e ele não estava lá.

Entro em seu closet que era imenso e olho no fundo de um armário e vejo um desenho de um menino solitário, tiro as roupas da frente e de repente o fundo do armário se abre e aparece uma espécie de elevador, um pouco receosa entro no elevador e sem apertar nenhum botão ele começa a descer.

Quando as portas se abrem logo vejo Park e fico aliviada.

— Bem vinda ao meu paraíso. – Diz com um sorriso no rosto e com os olhinhos fechados, realmente era um paraíso, tinha todos os tipos de jogos e bonecos colecionáveis, tinha jogos que nunca tinha visto.

— No nossa que lugar bonito. – Digo olhando para todos os lados feito uma bocó.

— O que acha de uma partida? – Diz pegando dois óculos de realidade virtual e me entregando um.

— Só uma, depois vou dormir. – Digo já colocando o óculos.

Acabamos jogando quase a noite toda, era muito divertido, tinhámos pistolas e era como se eu atirasse de verdade, eu ganhei todas as partidas e ele ficava bravo. Quando eram quase três da manhã decido parar pois o cansaço tomou conta.

— Só mais uma?! – Ele diz fazendo carinha de cachorrinho pidão.

— Chega. – Digo me jogando em um sofá que havia lá. — Vai dormir aonde?

— Aqui. – Ele diz colocando um saco de dormir no chão.

— Mas essa casa tem tantos quartos, vem dorme aqui que eu durmo aí. – Digo me levantando e indo até ele.

— Vou dormir aqui e você dorme aí, boa noite.

Apenas assenti e fui dormir.

( Jimin P.O.V)

Apenas espero _____ dormir e subo no sofá, fico pertinho dela e acabo dormindo ao seu lado...

Continua….


Notas Finais


Eu disse que ia atualizar quarta, mas não deu tempo 😢😢😢😢

Meu feriado não foi como eu esperava, sorry

Bom, espero que estejam gostando❤

Podem comentar não mordo rs😊

Não esqueçam de ler minha outra fic hein

https://spiritfanfics.com/historia/psychopath-love-long-imagine-jungkook-bts-10936927


Vejam a História da minha xuxu também ❤❤


https://spiritfanfics.com/historia/doce-pecado-shownu-incesto-9757951
@Lah_MB


Meu perfil:
@Tia_do_yoloyolo

😘😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...