História A Guerra - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Gotham, Scream (Série), The Vampire Diaries
Personagens Personagens Originais
Tags Benmckenzie, Carlsonyoung, Johnkarna, Laurencohan, Paulwesley
Exibições 1
Palavras 1.338
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Bishounen, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Hello Peoples, então tá ai mais um capítulo e esse será narrado pelo Christopher Grey (Paul Wesley - Ator). Tomara que gostem e Boa Leitura

Capítulo 2 - Capítulo 2


Fanfic / Fanfiction A Guerra - Capítulo 2 - Capítulo 2

 

New Orleans - 20/05/2016  *Christopher Grey

Estava transando com uma garota qualquer quando sou interrompido pelo barulho do meu celular, era Marcel que me ligava. Empurrei a garota e o atendi

Ligação On

- Marcel tomara que seja importante (estava ofegante)

- Com certeza é mais do que a sua foda

- O que vou ter que resolver agora

- Uma doida que atirou em nós no bar, disse que estava atrás do Danver ela está conosco, venha até a Dauphine Street - 933

Ligação Off

Ele desligou, me vesti e a garota estava mexendo no celular, sai do motel e fui até o endereço que Marcel tinha falado. Três caros estavam estacionados na frente, entrei na casa e Danielle estava encostada na parede enquanto Marcel fumava ao seu lado o mesmo estava bem machucado no rosto, deve ter levado uma surra.

- Christopher, até que enfim

Danielle como sempre cismada com horário, revirei os olhos e lhe dei um sorriso sínico

- Ficou com saudade baby?

Achei que levaria um soco naquela hora mas ela apenas me ignorou e entrou na casa, Marcel me disse que a garota o deu alguns socos e atirou em dois de seus homens no bar, estava lá dentro e que daqui a pouco acordaria, já que estava dopada. Entrei na casa e a tinham amarrado e colocado um saco preto na cabeça

- É tão feia que tiveram que colocar um saco preto?

Todos deram risada menos Danielle, a garota começou a se mexer tentando se soltar Marcel lhe deu um soco na barriga a fazendo parar e logo depois tirou o saco preto de sua cabeça. Fui até ela e levantei seu rosto.. ela era linda, talvez uma das mais belas que eu já tenha visto, não tirava seus olhos dos meus que fez com que eu a avaliasse. Me lembrei do porque estava ali e fui um pouco para trás, cruzei os braços e olhei sério para Marcel

- Então essa garota..(apontei para ela) acertou dois dos seus homens e lhe deu uma surra!

Marcel ficou quieto então voltei minha atenção a garota, cheguei mais perto

- Quem é você?

Ela se arrepiou e olhou nos meu olhos

- Candice Prior!

Ergui uma de minhas sobrancelhas, quem diria que a irmã de Richard seria tão gostosa assim. Mandei Marcel a desamarrar, me encostei na mesa e eu não tirava um segundo os meus olhos dela, ela vinha meio insegura até mim.

- O que quer em New Orleans? (Lhe perguntei)

- A menos que seja Brett Danver não lhe interessa

Curta e grossa, está mexendo com o cara errado Prior

- Está atrás do seu irmão, Prior?

Arregalou os olhos surpresa, deve pensar que eu sou o Brett, credo.

- Não sou o Brett se é o que pensa.. (estendi minha mão) Christopher Grey

Ela ficou parada sem me responder apenas me encarando por uns 10 segundos, até que voltou ao normal

- Então você é o cara que fez meu irmão ser pego

Coloquei minha mão no bolso e lhe sorri sínico

- Não me julgaria assim mas sim, foi por minha causa

- Ótimo, por que me sequestrou?

- Quando alguém atira em meus homens e da uma surra no meu braço direito eu quero saber o porque

- Pergunte a seu "braço direito" ele que apontou a arma primeiro

Olhei para Marcel, ele assentiu com a cabeça querendo dizer que era verdade o que a garota tinha dito

- Ainda não me respondeu, veio atrás de Richard

- Sim e se não tiver mais perguntas, já vou indo

Ajeitou sua roupa e ia em direção a porta de saída quando começam a atirar na casa, todos se agacharam e só se ouvia o barulho dos tiros, Marcel pegou sua arma e olhou pela janela. 

- SAIAM TODOS DAQUI!

Ele gritou e na hora um dos seus homens levantou para atirar e levou vários tiros na cabeça, caindo morto na frente de Danielle e Candice. As duas saíram pelos fundos, peguei minha arma e me encostei no pilar que tinha no canto da sala, toda vez que algum homem levantava acabava morrendo, Marcel se rastejou até mim.

- Temos que sair daqui, são os Danvers devem ter vindo pela garota

Assenti e saímos correndo pelos fundos quando acabo levando um tiro de raspão no ombro, um filha da puta desce do telhado tentando me atacar, atiro na sua cabeça o deixando morto. Pulamos o murro para a rua de trás e logo uma Range Rover preta aparece, Danielle dirigia e Candice estava no banco do passageiro

- Vão ficar olhando ou entrar logo!

Candice disse irritada, entramos e Danielle sai a uns 100 por hora. Marcel tenta me ajudar com o machucado que não parava de sangrar, Candice pula para o banco de trás, pega o kit de primeiros socorros e vem até mim, empurrou Marcel para um canto e colocou álcool fazendo arder muito, logo depois enfaixou com um pedaço de pano qualquer.

- Mesmo eu tendo te sequestrado está me ajudando, porque?

- Por que gosto de ajudar e porque sei que foram lá por mim e não por vocês

- New Orleans toda está a sua procura e de seu irmão

Ela ficou quieta por um tempo

- O que meu irmão e você tinham? Negócios? Favores? O que era? 

- Seu irmão é da polícia agora, irônico eu sei, precisava de um favor e ele era meu contato mais confiável de lá..

- Mas ai para estragar seus planinhos idiotas apareceu o Danver e pegou meu irmão, e você fugiu.

Ela pareceu chateada enquanto dizia aquilo, guardou o kit e foi para o outro banco. Ficou observando a chuva o caminho todo até a minha casa, que era para onde iriamos, ela queria manter sua pose de durona mas percebia-se que ela estava desmoronando, como se não aguentasse suportar alguma coisa. Chegamos em casa minha mãe já estava com suas amigas tomando chá no jardim, deve ser umas 5 e pouco, quando viu meu braço enfaixado veio igual desesperada perguntar o que aconteceu e quem era Candice.

- Mãe! Não precisa se preocupar estou bem e essa é..

- Camille Pierce, antiga amiga do Christopher

Candice me interrompeu, ela só tinha um motivo para mentir : medo. Medo de descobrirem quem ela é, e acabar sendo morta, minha mãe a mediu de cima em pé e logo sorriu, cumprimentou Danielle e Marcel, começou a fazer perguntas para Candice e aquilo já estava me irritando então puxei Candice.

- Mãe porque não deixa Camille descansar um pouco, terão bastante tempo para conversar depois

Fui a puxando para dentro de casa até sairmos do campo de visão da minha mãe, Danielle e Marcel nos seguiram. Danielle foi a cozinha com Candice, parece que já são amigas, me sentei ao lado de Marcel no sofá

- Temos que achar Richard Prior (sussurrou Marcel)

- O que?

- Quanto mais cedo acharmos Richard, mais cedo nos livramos dos Prior

- Achei que ia com a cara do Richard

- Eu vou, mas andar com algum Prior é como andar como uma bomba, uma hora ela explode e quem estiver perto sempre se machuca

- Tá filósofo hoje Marcel, o que aconteceu? Finalmente vai tomar coragem e comer logo a Danielle

- Cala a boca Christopher

Demos risada e as garotas voltaram, Danielle disse que iria embora e Candice iria junto. Enquanto Danielle ia pegar o carro Candice a esperava lá fora

- Já volto

Olhei malicioso para Candice e fui até ela, acabei lhe assustando por chegar tão quieto.

- O que quer Grey

- Nada, apenas saber como você tá

- Você é um péssimo mentiroso, sabia disso

- Posso ser um péssimo mentiroso mas sou ótimo em outra coisa

Me aproximei do seu rosto a deixando sem fala, quando ia tentar alguma coisa Danielle buzina aparecendo com o carro

- Deixe-a em paz Grey, vamos Prior

Candice entra no carro e as duas vão embora...

 


Notas Finais


Então o que acharam do nosso querido Christopher Grey? Comentem e mostre a história para amigos que talvez gostem. Até o próximo capítulo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...