História A Herdeira - Nova História - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias A Seleção
Tags A Seleção
Exibições 5
Palavras 1.481
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Luta, Mistério, Poesias, Romance e Novela, Saga, Suspense, Universo Alternativo
Avisos: Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


E essa é a festa de boas vindas aos príncipes.
O próximo sera um novo amigo,ou amor.
Escolham seus favoritos!!!

Capítulo 3 - Festa de Boas Vindas.


Fanfic / Fanfiction A Herdeira - Nova História - Capítulo 3 - Festa de Boas Vindas.


Assim que entramos no Grande Salão,eu me deparei com 19 meninos olhando para mim,depois contei com o Christian e o meu pai.21.
-Gabriela,príncipe Christian.-Disse o meu pai.-Sentem-se,por favor.
-Claro,majestade.-Dissemos eu e o Christian,em coro.Eu me sentei do lado direito do meu pai,ao lado do Damon.Minha mãe estava do lado esquerdo,ao lado da Caroline.E o Christian sentou no seu lugar,que não percebi onde era.
-Queria informar-lhe,Gabriela,que....você terá uma seleção.-Disse o meu pai.Com uma calma sobrenatural.-Como não há mais castas,resolvemos chamar príncipes,de todas as nações.
-Sem me informar.-Eu disse.Tentando manter a calma.
-Gabriela-Reclamou minha mãe.-,não interrompa seu pai.
-Sorry.-Eu disse.
-Queria saber,quais dos príncipes querem participar da seleção.-Disse o meu pai.Todos os homens presentes naquela sala levantaram a mão,menos o meu pai.O Damon ficou com o queixo no chão e ouvi a Caroline sussurar:Você perdeu feio.Com um sorriso triunfante.
-Mandaremos as cartas para os reinos assim que possível-Disse a minha mãe-,informando que seus herdeiros estarão aqui,na primeira seleção em que sera escolha de uma herdeira.
-Faremos uma festa.-Disse o meu pai.-Pra comemorar,amplas escolhas.
-Como desejar,majestade.-Todos dissemos.
-Gabriela,queria que desse algumas palavras.-Disse o meu pai.
Eu poderia mostrar como eu sou uma boa princesa,como sou disciplinada,controlada....mas eu não sou nada disso!Eu vi todos os olhos voltados para mim,falei com calma,a maior parte.
-Não sabia disso,acabei de ser informada,por mais problemas que isso vá me causar...-Eu disse,já vendo o rosto do Damon ficar fechado,porque ele teria de levar o sermão junto.-Nunca fui boa em me controlar,tenho genio forte.Mas,quero que saibam que,se os jogos serão novos,as regras também serão.Serei eu mesma,independente de qualquer coisa.
-Gostei dela.-Disse alguém no meio de tudo.Eu procurei rapidamente para a criatura maluca que disse isso.Só podia.
Christian.
-E se eu fosse,qualquer um de vocês...-Disse o Damon.-Tomava cuidado com ela.É boa em arco e flecha,andar de cavalo e várias outras coisas que ela ganha de vocês...
-Como?-Perguntaram todos,gostando do assunto.
-Não se deixem enganar pelo rosto angelical.-Disse a Caroline.-Sou irmã dela,sou parecida com ela.Não sebem o que ela consegue fazer.
-Depois da festa-Disse meu pai.-,eu darei uma bronca enorme,nos três.
-Mas,por enquanto,aproveitem o café da manhã.-Disse a minha mãe,fazendo um sinal.Vários empregados surgiram,com vários tipos de comida.E eu,encarei direto o bolo de chocolate.Ia pegar o bolo,quando batem na minha mão.
-Primeiro o omelete.-Disse o Damon.E eu o encarei incredula.Desde quando o Damon mandava comer primeiro o omelete.Depois ele me encarou de volta.-Se eu não posso,você também não pode.
-Cadê o amor de irmãos?-Eu perguntei,brincando.
-Tá longe da comida.-Disse o Damon,brincando.A Caroline e os meninos riram.A minha mãe e meu pai também esboçaram um sorriso.
Comi na velocidade da luz o omelete,acabei antes do Damon e voei pro bolo de chocolate.Comi até ficar 100% cheia.Assim que acabei olhei pro meu pai.
-Posso ir embora?-Perguntei.
-Gabriela,cadê os bons modos?-Perguntou a minha mãe.
-Vossa majestade suprema,meu rei.Poderia me dar a honra de me deixar sair para tomar um pouco de ar puro?-Perguntei ao meu pai.Que riu sem parar,assim como o Damon e os meninos,junto com a Caroline.Minha mãe colocou a mão na testa.Meu pai fez um sinal positivo com a cabeça.
-Não tem jeito.-Disse ela,pra si mesma.Eu ri,muito mesmo.E fui saindo.
-Quem acabar,pode se retirar,se desejar.-Disse o meu pai.
-Você deixou uma migalha do bolo?-Perguntou o Christian,quando passei por ele.
-E deixar o Damon com o meu chocolate?-Eu perguntei.-Nunca.Deixei nem sombra do bolo.
-Que amor.-Ironizou o Christian.Deixei pra lá e fui embora.
Eu fui devagar para o estabulo,eu precisava cavalgar.Assim que eu cheguei,vi a Linda.Linda é uma criada de cabelos platinados,que eu juraria serem pintados,mas não eram.Ela tinha olhos castanhos claros,com um anel prata ao redor.
-Linda.-Eu chamei.
-O que deseja,alteza?-Ela me perguntou,fazendo uma reverência.
-Quero que prepare meu cavalo.Vou trocar a roupa.-Eu disse.E entrei nos estabulos.Eu iria sujar meu vestido?Com toda certeza.Todavia,eu não estava nem ai pra isso.Entrei e tentei tirar meu vestido,mas o vestido não colaborava comigo.-LINDA...
-Sim,alteza?-Perguntou a Linda.Aparecendo na velocidade do vento.
-Como se tira isso?Me ajude,por favor.-Eu disse.A Linda riu e simplesmente desfez um laço que tinha no meu vestido.
-Não é muito difícil.-Disse a Linda.
-Obrigada.-Eu disse.Ela me deu minhas roupas de montaria e foi embora.
Eu troquei de roupa em segundos.Troquei meu vestido de elite,por uma calsa jeans e uma blusa fina.E meus saltos altos por botas femininas.
Passei o dia cavalgando,depois voltei pro meu quarto.A festa seria de 18:00.E já eram 16:00!Eu precisava correr.
-BIANCA...-Chamei aos gritos.Apareceram vários guardas na porta do meu quarto,estava fechada,mas eu sei a diferença.
-Alteza?Está bem?-Perguntou um dos guardas.
-Não.-Respondi.-Preciso estar arrumada em duas horas.
-Mas quanto a isso eu...-Ia dizendo o guarda.
-Achem a Bianca.-Eu mandei.
-Como desejar.-Disse o guarda.Depois lembrei que tinha a campanhia de chamar.Me xingei mentalmente por não lembrar disso de cara.Puxei inumeras vezes aquilo.Vinheram 3 criadas no meu quarto.
-O que deseja,alteza?-Perguntou a primeira.Morena,com cabelos claros e olhos azuis escuros.
-Saber seus nomes.-Eu respondi.Elas se olharam.
-Eu sou Vanessa.-Disse a primeira a falar comigo.De cabelos lisos.
-Eu sou Anitta.-Disse uma loira também,mas com cabelos ondulados,de olhos verdes médios-nem muito claro,nem muito escuro.
-Eu sou Julia.-Disse a terceira e ultima.Cabelos escuros e enrolados,mas não totalmente.Eram lisos na raiz,depois enrolavam descendo.
-Quando não tiver ninguém para reclamar,podem me chamar de Gaby.-Eu disse.
-Mas,alteza,vai contra as regras.-Disse Julia.
-Eu sou a regra.-Eu falei.-Se quero que me chamem pelo meu nome,me chamem,todavia se não quiserem,não posso obriga-lás.
-Obrigada,alteza.-Disse Vanessa.
-Por quê?-Eu perguntei.
-Por parecer tanto com sua mãe.-Disse Anitta,já as lágrimas.-Por ser uma líder.A melhor de todas as lideres.
-Obrigada.-Agradeci.Depois lembrei de tudo o que estava acontecendo.-Tenho que estar pronta em 2 horas.
-Podemos arruma-la.-Disse Vanessa.
-Anitta,escolha o vestido e os sapatos.Vanessa,prepare o banho.-Disse a Julia.
As garotas foram rápidas como o Flash.Anitta voltou com um vestido verde jade.Eu tenho que contar,urgentemente,quandos vestidos verde jade eu tenho.E sapatos,da mesma cor.Vanessa voltou rapidamente informando que o banho estava na temperatura adequada.
Assim que acabaram de me arrumar me olhei rapidamente no espelho.Vestido perfeitamente colocado,batom passado perfeitamente,postura....perfeita.
-Esta linda,alteza.-Disse Anitta.
-Obrigada.-Eu falei.-Agora,preciso descer.Adeus.
-Adeus.-Disseram em coro.
-Boa sorte.-Disse Vanessa.
Desci as escadas com a certeza que minha vida seria mais fácil sem saltos.Cambaleei um pouco,mas não cai.Cheguei no fim da escada,agradecendo a Deus por não ter caido.Assim que cheguei no fim um guarda me parou.
-Alteza,seu pai e convidados lhe aguardam no Salão de festas.-Disse o guarda.
-Obrigada.-Eu disse.Já me dirigindo ao jardim.
Passei por várias rosas,que eu mesma pedi para plantarem.Eu amava as cores,a vida...ah,eu me sentia feliz.E escutei as vozes,com certeza,quase no Salão de festas.Assim que cheguei abriram a porta.Eu ainda tenho que saber como me veem se não olham pra mim.
-Vossa alteza,princesa Gabriela.-Disse um cara que eu não me lembro o nome.
-Me concede esta dança?-Perguntou o Christian.Surgindo na minha frente.
-Como você fez isso?-Eu perguntei.
-O que?-Perguntou ele,confuso.
-Você surgiu do nada.-Eu falei,mexendo as mãos.
-Eu estava atras dele.-Disse o Christian.Eu respirei fundo.
-Eu estou enlouquecendo.-Eu falei.O Christian riu.
-Legal.Agora vai ou não?-Perguntou o Christian,estendendo a mão.
-Eu tenho escolha?-Perguntei.
-Não.-Respondeu o Christian com um sorriso.Sorri também.
-Então vamos.-Eu falei,pegando a mão na pessoa.
A dança estava tão animada,até eu parar com o Christian no meio de tudo.Fiquei me xingando mentalmente pela hora que tinha chegado.
Assim que a dança acabou eu respirei aliviada.Tive vários príncipes em cima de mim,falando coisas aleatórias que eu nem ouvi direito,só concordei com a cabeça.Assim que meu pai se levantou eu dei graças.
-Meus queridos e minhas queridas.-Disse o meu pai.-Queria lhes agradecer por vir e lhes dizer que já é hora de voltarem a seus quartos.Esta tarde.
-Como desejar.-Dissemos todos,em coro.
Eu sai praticamente pulando com tudo isso.E cheguei nas escadas,encarei elas por um tempo.Pensando se subia ou se dormia no chão mesmo.
O chão é confortável!
Arg.Tenho que subir.
Ai eu vi o Christian passando.
-Chris.-Eu falei.-Pode me ajudar a subir isso.
-Já ganhei apelido?-Perguntou o Christian,indo pra perto de mim.
-Quando eu precisar de ajuda,sim.-Eu respondi.A pessoa revirou os olhos.
-O que posso fazer por você?-Perguntou o Christian.
-EU ACABEI DE FALAR,SURDO.-Eu respondi.
-Calma.-Disse o Christian.-Como é que vamos subir isso?
-É isso que eu quero saber.-Eu disse.-Era pra você me dar uma solução!
-Já sei.-Disse o Christian,vindo em minha direção.
-Lá vai.-Eu falei.E ele me pegou no colo,estilo noiva.E o Christian começou a subir a escada.
-Como você consegue comer tanto e pesar como uma pena?-Perguntou o Christian.
-Mágica.-Respondi.Olhei pelos ombros dele.Já tinhamos passado boa parte da escada.-Não cai,por Deus.
-Preocupada comigo?-Perguntou o Christian,com um sorriso.
-Se você cair eu caio junto.-Eu respondi.E chegamos no fim.O Christian me colocou no chão.
-Adios,alteza.-Disse o Christian,fazendo uma reverência.Imitei ele.Depois entrei no meu quarto.Vi Bianca sentada na poltrona,costurando um vestido.
-Bianca...-Eu disse.Abraçando ela,que ficou surpresa,depois devolveu.-Nunca mais me deixe só.Eu fico perdida sem você.
-Desculpe,alteza.-Disse a Bianca.-Do que precisa?
-Trocar de roupa e dormir.-Eu respondi.
Eu troquei de roupa em segundos,vestia um vestido,de repente estava com um pijama violetta.Um vestido curto e fino que ia ate a metade das minhas coxas.Me deitei na minha cama.Adormeci em segundos com a Bianca cantando.


Notas Finais


É isso.
Espero que tenham gostado.
No próximo aparecera outro garoto,pra competir com o Christian.
E vai ser uma competição e tanto...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...