História A história da minha vida - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Exibições 5
Palavras 985
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Shoujo (Romântico)

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Novo capítulo pra vcs 😍😂💛💛

Capítulo 7 - Resgate.


Fanfic / Fanfiction A história da minha vida - Capítulo 7 - Resgate.

~Rayssa on~

  Levantei a cabeça e decidi comer aquilo que tinha na bandeja que o homem trouxe. Era uma sopa, a pior que já comi, e um copo com uma espécie de suco, não tomei já que não sabia o que era. Terminei de comer e me sentei no canto da sala, abracei os joelhos e fiquei relembrando de momentos engraçados, felizes, de quando fui para um acampamento com o pessoal. Quando voltei a realidade já estava sorrindo, mas meu sorriso se desfez quando aquele homem entrou na sala. Ele sorriu e veio até mim se sentando ao meu lado.

???- Já disse o local para os seus “amigos”. Estarei esperando caso eles venham.

Eu- Não encoste um dedo neles!

???- Brincar um pouquinho com eles não vai te fazer mal.

Eu- Encoste um dedo neles e eu juro que te faço sofrer pelo resto da sua vida!

  A expressão dele mudou para uma séria, ele me encarou e colocou aquele sorriso assustador nos lábios. Ele se levantou e parou em frente à porta da sala e me encarou novamente.

???- O show começa às 15:00. Esteja preparada e não me culpe se um deles morrer.

Eu- Traga o meu celular!

???- Para?

Eu- Fazer uma ligação!

???- Quem? Se chamar a polícia eu te mato ou melhor, faço desse seu corpinho um maravilhoso brinquedo.

Eu- Agora!

???- Pega.

  Ele me entregou o celular e saiu da sala sorrindo. Disquei o número do celular de Luiza e ela não atendeu, liguei de novo e nada. Decidi ligar para o de Mike, na terceira ligação ele atendeu.

Mike- Que é? -perguntou curto e grosso.

Eu- Sou eu Mike.

Mike- RAYSSA?!? Você tá bem? Espera só mais um pouco, já vamos te salv- eu o interrompi.

Eu- Não!

Mike- Não? O que?

Eu- Não venham me ajudar! Eu não quero!

Mike- O QUE?!? VOCÊ ENLOUQUECEU? ELE TE OBRIGOU A FALAR ISSO, NÃO FOI? ESSE DESGRAÇADO!!

Eu- Mike! Para com isso! Você não é assim! Porque o desespero? Eu não sou ninguém importante! É só procurar que você encontra outra pessoa igual a mim! Por favor! ME ESQUEÇA!

  Mike ficou calado por um tempo e escutei ele quebrar alguma coisa do outro lado da linha. Ele suspirou e disse:

Mike- Rayssa, nunca mais repita essas palavras! Você é importante! Você e o pessoal são tudo que eu tenho! Sei que você está fazendo isso para nos proteger, mas não vai adiantar! Nós vamos te salvar!

  Não pude falar nada e ele desligou. Naquele momento uma parte do meu coração se encheu de alegria, esperança e outra parte se encheu de medo, medo de perde-los, medo de morrerem na minha frente, sem eu poder fazer nada.

  O homem logo interrompeu meus pensamentos, e novamente se sentou perto de mim, mas dessa vez ele ficou na minha frente, me encarando com aquele sorriso.

???- Então? Falou com o namoradinho?

Eu- Ele não é meu namorado!

???- Sério? Parece.

Eu- Qual é o seu problema?

???- Todos!

Eu- Você me sequestrou porque quis? Não foi?

???- Sim! Mais ou menos!

Eu- Como assim?

???- Bom, digamos que eu fui pago para isso!

Eu- Por quem?

???- Segredinho! Isso eu não posso falar, princesa!

Eu- Qual seu nome?

???- Luck! Só Luck.

Eu- Por que você respondeu?

Luck- Porque você perguntou!

Eu- Você é um completo idiota!

Luck- É, acho que sou! Bom, só vim dizer que seus amigos chegam em 10 minutos, e vou te levar para o local do show.

  Ele se levantou e saiu me arrastando até uma sala enorme, sem nenhum móvel, com apenas uma janela e uma porta. Ele me colocou sentada novamente e me amarrou.

Luck- Desse jeito nem parece que você foi sequestrada! Vamos dar uma mudada nisso!

Eu- Ahn?

  Luck chegou mais perto e começou a rasgar minha roupa e a me espancar. Depois de um tempo ele saiu da sala e sorriu para mim.

  Quando Luck voltou, ele estava com uma faca na mão… faca?!? A ponta da fala estava quente, ela estava na brasa. Luck chegou mais perto e eu tentava inutilmente me afastar.

Eu- Se afaste de mim! Pare! SE AFASTE!

Luck- Calma! Só vou deixar uma marquinha! Nem vai doer tanto!

  Minha consciência apagou e não vi nem escutei mais nada!

~Mike on~

  Estávamos na rua e paramos para pedir informação. Um velhinha que estava passando nos ajudou.

Velha- Vocês são amigos da garota que chegou à uns dias?

Eu- Sim! A senhora a viu?

Velha- Eu só a vi uma vez, quando chegou nos braços do seu noivo.

Eu/Luiza/Brook- No...noivo?

Velha- Acho que sim, ele chegou dando beijos na garota. Acho que eles eram noivos ou namorados.

Eu- Muito obrigado pela informação! Vamos!

  Continuamos a caminhar, até que Luiza puxou meu braço e me fez parar.

Luiza- Mike, espera!

Eu- O que é?

Brook- Você tá com a cabeça quente! Se acalma um pouco! Senão vai acabar matando alguém.

Eu- Isso!

Luiza- Isso o que ?

Eu- É exatamente isso que eu quero! Matar! Matar aquele desgraçado!

Luiza- Mike, não vai fazer nenhum besteira.

  Puxei meu braço e continuei andando. Nem respondi Luiza, não tava com cabeça agora, estava com raiva e procurava alguém para descontar minha raiva. Aquele cara é um ótimo concorrente.

  Depois de um tempo, chagamos no local e quando fomos abrir a porta… estava travando. Era só o que faltava!

Luiza- Tá… e agora?

Eu- É só resolver do modo antigo! - dei um chute na porta e ela saiu voando!

Brook- Pronto. Abriu!

  Entramos e fomos abrindo as portas que estavam fechadas. Só sobrou uma porta no corredor e eu abri. A cena que vi era digna de um filme de terror. Rayssa estava amarrada em uma cadeira e estava desmaiada, com um corte que atravessava seu seio esquerdo até o lado direito de seu abdômen.

Eu- SEU DESGRAÇADOOO!!! EU VOU TE MATAR!




Continua...


Notas Finais


Espero que tenham gostado do capítulo, comentem o que acharam!!
😍💛


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...