História A história de amor de Jacob Portman e Emma Bloom - Capítulo 27


Escrita por: ~

Postado
Categorias O Orfanato da Srta. Peregrine Para Crianças Peculiares
Visualizações 71
Palavras 451
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Fantasia

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 27 - "Tem certeza? Sim."


 -Aidan! Que bom te ver.- Jacob diz.
-Sim, igualmente- Hugh e Fiona dizem baixo como sempre.
-Você viu a Emma?- Jacob pergunta.
-Ela já deve descer.
Poderia ouvir mais daquela conversa e fingir que não tem nada de errado acontecendo. Mas ainda precisava conversar com eles, eu prometi. Promessas não devem ser quebradas, principalmente promessas desse tipo.
Subi as escadas novamente e me encostei na parede. Sentei no chão e abracei minhas pernas, enterrando o rosto molhado de lágrimas novamente.
-Emma?- escuto a voz de Jacob enquanto ele sobe as escadas.
Continuo quieta.
-Emma...O que está fazendo aqui?- ele fica do meu lado e me abraça, acariciando meu cabelo.- Quer saber? Não interessa… Só importa que estamos aqui e tudo vai ficar bem…
-Não… Não vai ficar tudo bem… 
-O que? Porque?- ele olha preocupado quando levanto meu rosto inchado e vermelho.
-Ela morreu…- falo aos prantos novamente.
Pensava que ele perguntaria porque ou como, mas não. Apenas continuamos sentados no corredor em silêncio.
Quando me dei conta já havia dormido e acordado no meio da tarde na minha cama improvisada.
-Como é que eu cheguei aqui?- falo comigo mesma antes de me virar e ver Jacob olhando pela fresta da janela aberta.
-Bom dia para você também.- ele diz calmo ainda encarando a janela.- Eu te carreguei, você pegou no sono lá no corredor.
-Ah… Obrigada então…- olho para o teto.
-Você vai contar?
Ele não tinha que mencionar nada, acho que nós dois sabíamos o que ele quis dizer.
-Eu acho que hoje vou conseguir.
-Está bem- ele beija minha testa.- Vista-se, temos que descer antes que fiquem preocupados.
Não estava no humor de fazer nada, mas tinha que fazer, precisava disso.
Descemos as escadas e obviamente todos estavam dormindo. Apenas Bronwyn w Aidan estavam no sofá abraçados. Dei dois passos para trás puxando Jacob.
-Estou bem, prometo.- Aidan disse com a testa colada na dela.
-Eu acredito em você.- um silêncio seguido por um beijo longo e estalado.
-Então é assim que as outras pessoas se sentem quando seguram vela?- Jacob falou baixo no meu ouvido e uma risada me escapou.
Aidan e Bronwyn se separaram rapidamente.
-Desculpa interromper.- limpo a garganta passando rapidamente até a cozinha seguida por Jacob.
-Pensei que fosse contar!-Ele diz entrando na cozinha.
-Eu vou... Só não agora.
Minutos se passaram e eu ainda não conseguia contar.
-Emma...Você viu a Sra.Peregrine?- Olive disse quando eu estava subindo as escadas.
-Eu...- uma aglomeração se formou. Todos queriam saber o paradeiro da sua mentora.- Precisamos conversar...Todos venham aqui!- gritei me aproximando do sofá e todos ficaram em volta.
-Tem certeza?- ouvi a voz de Jacob atrás de mim.
-Sim, eu preciso!- respondo para mim mesma.


Notas Finais


RELAXEM, A HISTÓRIA AINDA NÃO ACABOU.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...