História A história de Atena e Poseidon. - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Percy Jackson & os Olimpianos
Personagens Afrodite, Apollo, Ares, Artemis, Atena, Dionísio, Hades, Hefesto, Hera (Juno), Hermes, Perséfone, Personagens Originais, Poseidon, Zeus
Visualizações 17
Palavras 688
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Famí­lia
Avisos: Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 13 - 13. Hades e Perséfone.


Fanfic / Fanfiction A história de Atena e Poseidon. - Capítulo 13 - 13. Hades e Perséfone.

POV: Perséfone

Hoje é meu aniversário de casamento com Hades. Estou me arrumando. Coloquei um vestido verde claro meio picodado, sem sapatos(Hades gosta quando fico descalça), uma maquiagem bem leve, meus cabelos ruivos cacheados caindos nos meus ombros. Fui até Hades que estava com uma camisa social preta, uma calça jeans clara, um sapato social preto. Abraçei-o por trás. 

-Oi - falou se virando para me encarar.

-Oi - falei. Selei nossos lábios com um singelo beijo curto e sem língua.

-Você está linda - falou me rodando para me olhar melhor. Olhei seus olhos negros, com uma escuridão tão linda. 

-Obrigada - agradeci sorrindo. Nos levou até uma mesa, com duas cadeiras.









--------------------------Quebra de tempo---------------------------------------------------------------------------










-Eu te amo minha rosa - falou Hades acariciando meu rosto. 

-Eu também te amo minha escuridão - falei. Beijei sua bochecha, fazendo se arrepiar. Segurou minha cintura com firmeza.

-Estou com saudades de você minha rosa - falou sorrindo malicioso. Selei nossos lábios com um beijo feroz. Não aguentava mais, eu quero ele, quero tudo dele. Nos teletranportou para o quarto cheio de petolas de rosa negra com rosas vermelhas. Me colocou na cama com ferozidade, rasgou meu vestido - Eu estou com muita saudades sua - falou. Rapidamente se livrou de sua camisa e de sua calaça. Nos troco de posição, mais logo, ele nos troca de novo.  Tirou meu sutiã desesperadamente, como se esperasse por isso a anos. Não demorou muito para se afundar nos meus seios, chupando-os, me fazendo arquicar os costas. Meus seios doíam, mas era tão bom que não conseguia reclama. Foi revesando entre o esquerdo e o direito. Seu "amigo" roçava em minha intimidade. Estava eredo, quase pulando para fora de sua cueca. Ele fazia trilha de beijos, chupões e lambidas, arrepiava com o toque dos seus lábios e língua. Beijou meus seios, minha barriga, até chegar em minha intimidade. Que se encontrava encharcada. Olhou minha calcinha, sorriu brincalhão com um ar malicioso - Já está pronta para mim, minha rosa? - perguntou. Sorri com a sua pergunta. Com o tempo eu perdi a vergonha desse trocadilhos dele. Sempre gostei, só morria de vergonha. AgorA acho divertido e exitante.

-Sempre estou meu amor - falei, dei espaço com as pernas. Colocou seus dedos em meu clitóris. Fazendo movimentos de tesoura e enfiando. Me pareceu meio insatisfeito, colocou sua boca. Chutou fortemente,  me fazendo gemer loucamente por ele. Ainda queria mais, para mostrar isso para ele. Envolvido minhas pernas em seu pescoço. Entedeu, o chupou com mas intensidade e mais vontade. Gemia e arqueava as costas como nunca. Estava prestes a gozar. Parou - Ei.

-A melhor parte ainda estar por vir - falou sorrindo convencido como se estivese certeza disso. Que era verdade absoluta. Tirou sua cueca e entrou sem aviso prévio.

-Vai mais fundo Hades - supliquei. Sorriu malicioso. 

-Emplore para mim Perséfone - pediu sorrindo. 

-Vai mais fundo, eu quero tudo de você em mim - supliquei novamente. Ele foi com mais força. Rosas se esplespalharam pelo cômodo junto com diamantes. Segurava os gemidos altos para o castelo inteiro não ounir. 

-Não prenda os gemidos. Geme para mim - mandou com dominação.

-Ha-Haaa-Hades - gemi gritando. Com certeza alguém escutou. Pouco me importa, é o meu momento e o dele. Já estávamos suados e ofegantes. Me penetrou com força e gozou. Se abaixou e lambeu meu gozou e se deitou do meu lado.

-Eu te amo minha rosa - falou com dificuldade e respirando descompensado.  Sentei no seu membro.

-Eu também te amo minha escuridão - falei. Sentei no seu membro, fazendo os dois gemerem. Arqueou sua cabeça. Sentei com força,  continue. Até sentir meu corpo. Cai em seu peito. Ficou como era antes, os diamantes e flores caíram levemente no chãosem fazer nenhum barulho. Como uma chuva sem barulho(Coutora: Não sei vc mas eu ia adorar uma chuva dessas). Nós cobriu com um lençol negro.

-Eu te amo. Mais que tudo, daria o meu reino por ti. Minha rosa - falou sussurando, beijou meus cabelos. Meus olhos haviam se fechado. Deveria ter acho que havia dormido. Antes de adormecer completamente o ouvido e depois do seu beijo. Um mínimo sorriso, apareceu nos meus lábios.

Autora: Nayara.



Notas Finais


Desculpem pela demora. Mais estava sem criatividade para escrever. Tinha que estudar para uma prova e etc. Então está aí espero que gostei. Bjs até o próximo.😘😘😘😚😚😚


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...