História A História De Cry Baby - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Melanie Martinez
Personagens Melanie Martinez
Tags A História De Cry Baby, Alternative, Alternativo, Cry Baby, Cry Baby Storybook, Ficção, Indie, Melanie Martinez, Songfic
Exibições 107
Palavras 413
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Fantasia, Ficção, Luta, Musical (Songfic), Poesias, Romance e Novela, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


É, mais uma demora... Espero que gostem!

Capítulo 10 - Milk and Cookies


Fanfic / Fanfiction A História De Cry Baby - Capítulo 10 - Milk and Cookies

Cry Baby acordou em um lugar escuro e com um cheiro nada bom. Achou um interruptor e acendeu a luz. Estava em um porão imundo, mas também havia um fogão, um microondas e uma mesa com leite, ovos, massa e açúcar. Havia um bilhete no microondas escrito pelo Lobo Mau dizendo que era pra Cry Baby preparar LEITE COM BISCOITOS para ele para sempre. A menina começou a chorar, e se lembrou de seus colegas a zoando, e dizendo que chorar não ia adiantar nada. Então, parou de choramingar e começou a pensar em um jeito de sair dali.

Subiu as escadas do porão e tentou abria a porta, porém estava trancada. Desceu e vasculhou os seus bolsos, achou um remédio estranho. Era o remédio que sua mãe usou para apagar sua memória, e estranhamente a mulher que foi malvada ao ponto de apagar a memória da própria filha, deve ter esquecido o remédio no bolso de Cry Baby. Na caixa dizia que era letal, a mãe fez uma mistura com outros ingredientes para mudar o efeito e causar somente amnésia, era um veneno.

Então, o plano que Cry Baby teve começou. A menina decidiu fazer o leite com biscoitos. Contava os passos do processo de um jeito psicótico. Fez a massa com os ovos, colocou açúcar, adicionou gotas de chocolate, pôs quase o frasco inteiro do veneno e colocou no forno. Enquanto isso, colocou o leite no copo e adicionou o resto do veneno, e esquentou o copo no microondas. Depois de ficarem prontos, o Lobo abriu a porta do porão e perguntou se sua janta estava pronta, Cry Baby confirmou.

Estava na hora do passo nove, a morte do Lobo, a expressão de Cry Baby era maligna. Na primeira mordida dos biscoitos, ele começou a passar mal. Estava tonto e estava tentando resistir para não cair no chão. Cry Baby, sem paciência, deu um soco na cara do coitado, para ele cair. O Lobo tentou ligar pro hospital com seu celular, mas a nova vilã da história o arrancou de sua mão. Cry Baby começou a jogar o leite com biscoitos no lobo, e o espancou com uma força sobrenatural, enquanto cantava uma canção de ninar, até que cansou. Mas o que importava, é que a menina estava livre.

"Cinzas às cinzas,

hora de dormir.

Ooh, querido, você me quer agora?

Não consigo mais aguentar,

preciso te pôr na cama.

Cantar uma canção de ninar

em que você morre no final."

 

 


Notas Finais


Espero que tenham gostado! <3
P.S. Não sei como se faz biscoitos. Rs.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...