História A História de um ninguém - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Visualizações 3
Palavras 560
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Festa
Avisos: Álcool, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


nah........................
boa leitura.

Capítulo 2 - O encontro de um ninguem


Fanfic / Fanfiction A História de um ninguém - Capítulo 2 - O encontro de um ninguem

                                2Cap: O encontro de um ninguém

No dia seguinte me acordei bem cedo,me levantei,tomei banho, e me arrumei desci rápido peguei meus waflles e disse:

-Tchau mãe, tchau pai.

Então coloquei o waflle na boca e fui embora, tinha uma carteira de aprendiz de motorista que ganhei quando fiz 16,então peguei o carro do meu pai e fui para escola, quando meu celular começou a tocar,então atendi, quando atendi ouvi a voz da Sarah:

-Oi Peter.

-Oi Sarah.

-Peter será que você pode vir me buscar?É que acordei um pouco tarde e o ônibus já passou e meus pais já saíram.

-Claro já to chegando ai.

-Obrigada, Peter muito obrigada mesmo.

-Que nada não precisa agradecer já to chegando.

-Ok tchau.

-Tchau.

Chegando na casa dela vi ela,parada na frente de casa  com um vestido azul marinho com bolinhas brancas que realçava sua pele tão branca quanto a neve,ela estava olhando pra os lados me procurando,então parei bem na frente de sua casa e buzinei e ao mesmo tempo chamando-a:

-Sarah, aqui.

Ela me olhou e sorriu, ela veio em minha direção,entrou no carro agradecendo,então eu disse:

-o cinema ainda ta de pé?

-sim claro.

Ela respondeu timidamente, então fomos direto para o colégio hoje tinha ed. Física, eu não sou muito de praticar esportes, mas eu fui mesmo assim, era vôlei eu fui tentar pra ver no que dava então depois de 20 minutos de jogo eu peguei uma bolada no olho,então fui para a enfermaria para a enfermeira olhar meu olho roxo, depois da enfermeira me examinar e dizer que estava tudo bem,voltei para a sala enquanto estava olhando para o professor, alguém joga um bilhete em minhas pernas quando olho em volta para ver quem foi vejo que foi a Sarah, no bilhete estava escrito,”espero que esteja bem,para podermos ir ao cinema mais tarde ok bjs”,então dei um leve sorriso e olhei para o lado confirmando com a cabeça,e ela sorriu de volta,depois de um tempo o sinal da libertação bate vou direto para o carro enquanto converso com a Sarah sobre nosso gostos em comum,entramos no carro e fomos em direção ao cinema,estacionei o carro ali perto e fomos escolher o filme então ela agarrou meu braço com seu dois braços em seguida apontou o filme que queria ver,então fui pagar nossos ingressos, e em seguida nossa pipoca,então entramos na sala de cinema era um filme de terror então teve muitos sustos,e muito suspense, adoro filmes assim tem muita ação e é muito divertido, então depois do filme acabar nós fomos para o telhado do cinema e ficamos olhando as estrelas,então ela disse:

-São lindas não é mesmo?

-Claro, mas não se comparam a você.

Então nos olhamos, e fomos aos aproximando aos poucos, até nos beijarmos, foi um beijo demorado e cheio de sentimentos,até a falta de ar nos separar,então a peguei e coloquei em meu colo e continuamos a nos beijar, então eu sussurrei em seu ouvido:

 -Você quer namorar comigo?

-Claro seu idiota.

E voltamos ao nosso beijo, então depois do nosso beijo a levei até sua a sua casa, e antes dela entrar eu puxei ela e dei um longo beijo de despedida, então ela disse:

-Tchau, até amanhã.

-Tchau, até.

Em seguida entrei no carro sorrindo e saltitando,e fui para casa e assim um ninguém acaba se tornando importante para alguém.

 


Notas Finais


obg po lerem


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...